Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Aliança com PT representa importância da retomada dos projetos de Lula, afirma presidente estadual do PSB

(Foto: Reprodução/Facebook)

Durante a semana o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB) se encontrou com a presidente do PT, Gleisi Hoffmann e decidiu apoiar a pré-candidatura de Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência da República. A decisão mostra um alinhamento que pode modificar o cenário eleitoral no estado, já que Marília Arraes deve ser rifada pelos petistas.

Em conversa por telefone com Waldiney Passos no programa Super Manhã, o presidente estadual do PSB, Sileno Guedes afirmou que a decisão de Câmara demonstra a insatisfação da esquerda com o atual Governo Federal e também uma valorização ao trabalho de Lula.

“Essa discussão não se restringe a Pernambuco, essa discussão ela diz respeito ao projeto nacional que o PSB vem conversando desde o ano passado com vários partidos de esquerda, resolveram procurar se entender e construir um projeto que visasse construir a partir dessas eleições, um projeto que tirasse o Brasil da situação que ele se encontra desde a instalação do governo Temer”, disse Guedes.

O PSB se reunirá no próximo dia 5 de agosto, para discutir o projeto nacional. A antecipação de Câmara ao posicionamento do PSB nacional representa, para Sileno, o sentimento de resgatar o projeto de aliança entre governo federal e estado.

“O governador firmou o sentimento do partido em Pernambuco e da maioria dos pernambucanos que reconhece a importância do que foi governo do presidente Lula, então o governador anunciou em nome de tudo que aconteceu aqui em Pernambuco ele votará em um projeto que possa resgatar esse antigo Pernambuco”, destacou o presidente do PSB.

Deixe uma resposta