Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Campeonato Baiano de Futebol: melhorias nos estádios da capital e interior vão garantir conforto para jogadores e torcidas

Durante as obras de melhorias, o Estádio Waldomiro Borges, em Jequié, ganhou um novo gramado. (Foto: ASCOM)

No próximo dia 19, a bola começa a rolar pela Série A do Campeonato Baiano de Futebol 2019. Além do Bahia e Vitória, outras oito equipes do interior vão participar do torneio, entre elas a Desportiva Juazeirense, considerada a terceira do futebol da Bahia. O lançamento oficial da competição aconteceu na noite da última quarta-feira (9), em coquetel realizado na sede da Rede Bahia, contando com a participação do diretor geral da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), Elias Dourado, do diretor de Espaços Esportivos da Sudesb, Marcos Andrade, de dirigentes da Federação Baiana de Futebol (FBF) e esportistas, além de profissionais de comunicação.

A TV Bahia irá transmitir os jogos para os 417 municípios baianos. Seis emissoras filiadas da rede irão atuar no campeonato.  Esta é a nona edição da parceria Rede Bahia e Federação Baiana de Futebol (FBF), organizadora da segunda competição mais antiga do país. As novidades deste ano será a presença do árbitro assistente de vídeo (VAR) nas partidas da final e poderá contar com jogos às 10h.

O presidente da FBF, Ednaldo Rodrigues, elogiou a partição da Sudesb nos últimos anos, tendo contribuído na requalificação de estádios municipais que recebem jogos do Baianão. Um dos exemplos é a do estádio Waldomiro Borges, de Jequié.  Para que a praça esportiva esteja em condições de receber as partidas da Associação Desportiva Jequié (ADJ), a Sudesb, em parceria com a prefeitura local, realizou reformas estruturais no equipamento, que ganhou um novo gramado.

Intervenções importantes em outros equipamentos esportivos também foram feitas pela Sudesb, autarquia da Secretaria do Trabalho, Emprego e Esporte (Setre), que investiu, nos últimos anos, mais de R$ 2 milhões. Adauto Moraes, em Juazeiro, José Rocha, em Jacobina, Eliel Martins, de Riachão do Jacuípe, Dois de Julho, em Guanambi, Mário Pessoa, em Ilhéus  são equipamentos recuperados pela autarquia.

Com características multiuso, Pituaçu, que é administrado pela Sudesb,  renovou seu gramado, quando recebeu uma manutenção especializada, compreendendo várias fases, que vai desde a aplicação de defensivos e adubos, passando por uma poda radical além da descompactação da grama, adubagem e aeração do solo até o top dressing, que consiste na aplicação de areia para o nivelamento do gramado.

Com essa manutenção especializada, o equipamento esportivo prepara-se para receber, além das partidas do campeonato baiano, jogos do Brasileiro e também treinos oficiais da Copa América 2019, que após 30 anos retorna ao solo brasileiro. Também jogos das copas Metropolitana e 2 de Julho sub 15 acontecem neste estádio.

Deixe uma resposta