Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Rodízio de abastecimento de água em Lagoa Grande irrita moradores 

Há alguns meses o Blog Waldiney Passos vem mostrando os problemas no abastecimento de água em Lagoa Grande, cidade vizinha a Petrolina. A situação relatada por moradores do bairro Vasco se repete a cada semana: água nos torneiras é raridade para a população.

Isso acontece por causa do rodízio implantado pela Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa). Na última resposta dada pela Compesa ao Blog, fomos informados que os moradores do Vasco ficam quatro dias sem água e que o problema seria solucionado na segunda quinzena do mês passado.

LEIA TAMBÉM:

Moradores de Lagoa Grande voltam a cobrar Compesa sobre abastecimento no bairro do Vasco

Entretanto, de acordo com moradores do bairro citado, nada mudou. “A Compesa disse que ia ter melhoria abastecimento de água só tem água quatro dias com água e quatro dias sem água mais a conta dos trinta dias do mês agente está pagando”, informou um leitor.

Nossa produção buscou contato com a Compesa desde a última sexta-feira (8), porém até o momento não teve resposta. Reiteramos que o espaço do Blog permanece aberto aos devidos esclarecimentos.

Faltará água em Juazeiro nesta sexta-feira

Alguns bairros de Juazeiro (BA) ficarão sem água nesta sexta-feira (8), em decorrência de uma manutenção realizada pelo Serviço de Água e Saneamento Ambiental (SAAE). De acordo com o município o fornecimento será interrompido das 9h às 14h para troca de conexões dos painéis elétricos das bombas.

Ficarão sem água os bairros Tabuleiro, Novo Encontro, Park e Condomínio Centenário, Condomínio Caminho das Árvores, Park Residencial, Distrito Industrial, Alto da Aliança, João XXIII, Dom Thomaz, Mais Viver Village, Castelo Branco, Tancredo Neves, Jardim São Paulo, João Paulo II, Itaberaba, Antonio Guilhermino, Sol Nascente, Shopping e os residenciais Praia do Rodeadouro, Morada do Salitre e Brisa da Serra.

Segundo o SAAE “caso o serviço seja concluído antes do prazo estabelecido o abastecimento volta à normalidade”. Para evitar problemas é recomendável aos moradores que armazenem água em casa.

Agricultores e agricultoras familiares do Salitre discutem crise hídrica no INEMA

(Foto: Ascom Agnaldo Meira)

Na última segunda-feira (28) foi realizada, na sede do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (INEMA) em Juazeiro (BA), uma reunião com agricultores e agricultoras familiares da região do Salitre, para discutir a gestão eficiente da água do Rio Salitre, que percorre o trecho de Juazeiro e Campo Formoso (BA). O encontro contou com a presença do vereador Agnaldo Meira (PCdoB), autoridades das duas cidades, e representantes sindicais e do Comitê da Bacia do Rio Salitre.

A reunião tratou da redução do plantio nas áreas próximas ao rio, construção irregular de barramentos e o uso de bombas de alta potência, sem licença, que tem causado a falta de água nas comunidades, prejudicando os salitreiros, que vivem da agricultura familiar.

Para Agnaldo Meira, as discussões são importantes, por possibilitar o debate e reflexão, a respeito da gestão eficiente da água do rio Salitre. “Precisamos continuar discutindo, fiscalizando, para que todos os salitreiros possam ter acesso a água, tanto para o consumo humano, quanto para a agricultura familiar”, pontuou o parlamentar.

LEIA MAIS

Ventania provocou danos em rede elétrica de ETA e deixou bairros sem água, segundo Compesa

Depois da matéria publicada pelo Blog na manhã de hoje (29) a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) informou que a falta d’água no bairro Park Jatobá se deu em consequência da falta de energia registrada após as chuvas de ontem (28).

Em nota, a Compesa informou que a rede elétrica que atende a Estação de Tratamento de Água (ETA) sofreu danos causados pela ventania, deixando os moradores sem água durante a tarde e noite de segunda-feira. Segundo a companhia, a Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) foi acionada e ainda na madrugada dessa terça-feira o abastecimento de água foi retomado na Zona Leste.

LEIA TAMBÉM:

Moradores do Jatobá cobram respostas sobre fornecimento de água

A nota ressalta ainda que o abastecimento está sendo normalizado de forma gradativa, mas não informa se a situação será totalmente resolvida ainda hoje. Leia a seguir a íntegra da nota:

LEIA MAIS

Primeiro poço tubular com sistema movido a energia solar de Juazeiro é instalado em Itamotinga

(Foto: Divulgação/Ascom)

Dentro do Programa “Toda Sexta tem Obra”, o Serviço de Água e Saneamento Ambiental – SAAE/Juazeiro instalou nessa sexta-feira (25) o primeiro sistema de abastecimento de água através de poço tubular, utilizando placas de energia solar na zona rural do município. Os moradores da Fazenda Catingueira, Distrito de Itamotinga  receberam com alegria o sistema que vai fornecer água que será utilizada em algumas tarefas domésticas e para matar a sede de um rebanho com mais de 400 animais.

O diretor do SAAE Joaquim Neto lembrou que o maior limitador para o homem do campo se manter em sua terra produzindo, é a escassez de água. “Quando instalamos um poço deste no interior do município, estamos permitindo que o homem do campo tenha melhores condições de vida. Com este sistema estamos inaugurando um novo tempo, pois é o primeiro poço a utilizar placas de energia solar, uma energia renovável, limpa e sem nenhuma agressão ao meio ambiente que deverá se estender a outras localidades do interior”,  informou Joaquim.

LEIA MAIS

Compesa notifica proprietário de hotel em Petrolina pelo crime de furto de água

O dono do estabelecimento foi notificado e será multado pelo crime. (Foto: Divulgação/Compesa)

Após estudar o histórico do consumo mensal de um hotel localizado no bairro Vila Eduardo, Zona Leste de Petrolina (PE) e compará-lo com o perfil do estabelecimento, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) conseguiu comprovar, no local, o que apontava os dados no sistema: o estabelecimento estava furtando água.

De acordo com informações da Compesa, uma equipe foi enviada ao local e constatou que o medidor do imóvel não contabilizava o consumo real da água. “O hotel pagava fatura mínima e passamos a avaliar a anormalidade do consumo até que ficou comprovada a irregularidade por meio de uma ligação clandestina ”, explicou o gerente de Unidade de Negócios, João Raphael de Queiroz.

LEIA MAIS

Prefeitura e moradores unem forças para construção de adutora de água no Mudubim

(Foto: Ascom)

A falta de água é uma das maiores queixas na comunidade do Mudubim, a 60 km do centro de Petrolina (PE). Para solucionar o problema, a Prefeitura e os próprios moradores da região fizeram um mutirão para construir uma adutora com 8 km de extensão para levar água a dezenas de casas da localidade. A ação tem também o apoio da Codevasf que liberou parte dos recursos para as obras.

Para a construção da adutora, um grupo de moradores monitorados por técnicos da prefeitura está instalando tubulações que vão permitir a captação de água no ramal principal da Adutora do Caititu. O trabalho tem também suporte de máquinas para cavar o trajeto onde os tubos estão sendo implantados.

LEIA MAIS

CBHSF entrega essa semana obra que garantirá água para tribo indígena em Itacuruba

(Foto: Juciana Cavalcante/Ascom CBHSF)

“Um projeto que dignifica a vida[…]” é assim que a cacique da Tribo Pankará, Lucélia Cabral, definiu a obra do Sistema de Abastecimento de Água concluída na comunidade indígena, localizada na Aldeia Serrote dos Campos em Itacuruba, interior de Pernambuco.

Nesta quinta-feira (24), o Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF), responsável por financiar integralmente a obra que está garantindo o abastecimento de água potável para o povo Pankará em Itacuruba, vai entregar aos 418 índios o Sistema de Abastecimento de Água (SAA). A solenidade de entrega acontecerá às 9 horas, na Aldeia Serrote dos Campos, Estrada do Coité, S/N, zona rural do município.

Com um investimento de aproximadamente R$ 3,8 milhões, a obra financiada integralmente pelo CBHSF com recursos oriundos da Cobrança pelo Uso da Água, conta com ligações domiciliares, redes de distribuição, adutora, elevatória, linhas de recalque e estação de tratamento, sistema de irrigação com conjunto de estruturas e equipamentos para captação, adução, armazenamento, distribuição e aplicação de água em culturas.

LEIA MAIS

Zona Rural de Uauá receberá mais 47 Pontos de Abastecimento de água potável

A Prefeitura de Uauá (BA) conquistou junto ao Governo do Estado da Bahia, através da Defesa Civil, um convênio de mais de R$ 80 mil para implantar 47 Pontos de Abastecimento (PA’s) de água potável em comunidades rurais do município.

A ação beneficiará 39 localidades da zona rural com a distribuição de mais de 2 milhões de litros de água potável. O prefeito Lindomar Dantas comemorou a operação e destacou o compromisso da gestão com o desenvolvimento de ações que fortalecem a vida no campo.

LEIA MAIS

Compesa prevê falta d’água na Cohab Massangano neste domingo

(Foto: Ilustração)

Em nota divulgada na manhã deste sábado (19), a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) informou que o abastecimento de água no bairro Cohab Massangano será interrompido neste domingo (20), em decorrência da continuidade de um reparo na rede de água de 250mm, na rua 32 da localidade, iniciado na semana passada.

Ainda segundo a Compesa, o reparo está sendo realizado para acabar com um vazamento que está caindo na rede de esgoto, e por isso não está aflorando, o que explica os problemas  constantes de extravasamentos de esgoto na área. “Esse vazamento só foi detectado com o auxílio de um equipamento de geofonagem, utilizado durante as madrugadas da última semana”, explica a Compesa.

Segundo a Companhia, a previsão para finalizar o reparo é até às 17h do domingo (20), e o abastecimento deve ser restabelecido ao logo das horas seguintes.

Compesa encontra nova ligação clandestina de água, dessa vez na Orla de Petrolina

A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) descobriu, na tarde desta quarta-feira (16), mais um caso de furto de água em Petrolina (PE). A fraude acontecia em uma residência de grande porte, na Orla 1 da cidade.

O imóvel, com uma área de quase 400 metros quadrados, possui piscina e jardins, e estava registrando uma média de consumo mensal de apenas 18 metros cúbicos.

O furto era feito por meio de uma ligação de bypass, que consiste em uma tubulação montada para a passagem de água, sem a contabilização real do consumo, burlando o registro da Compesa.

A companhia ainda não estimou o volume de água desviado e o período de duração aproximado da fraude. A casa foi construída há pelo menos dez anos, de acordo com moradores da área. O proprietário foi notificado e pagará multa após os cálculos do consumo de água desviada.

LEIA MAIS

Compesa conclui reparo em adutora, mas abastecimento será normalizado de forma gradativa

O Blog recebeu algumas queixas nessa terça-feira (15) a respeito da falta d’água em alguns bairros de Petrolina, a exemplo da Cohab VI. A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) informou em nota que o problema é reflexo do reparo na Adutora de Água Bruta, responsável por abastecer as Estações de Tratamento (ETA) 1 e 2.

LEIA TAMBÉM:

Reparo em adutora será feito nesta segunda, informa Compesa

No final de semana a Adutora sofreu um rompimento e o fornecimento de água foi afetado na cidade. Segundo a Compesa o reparo foi concluído e a normalização das pressões vem forma gradativa.

A normalização é gradativa para evitar novos estouramentos. Alguns bairros já estão com abastecimento normal e a previsão de normalizar o abastecimento em toda a cidade é até 48 horas”, informa a nota.

Reparo em adutora será feito nesta segunda, informa Compesa

O problema ocasionado na Adutora de Água Bruta, responsável por abastecer as Estações de Tratamento de Água (ETA) 1 e 2, em Petrolina somente será solucionado nesta segunda-feira (14). Em nota, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) informou que, para realizar o conserto, será necessário novamente interromper o abastecimento na cidade.

LEIA TAMBÉM:

Petrolina: Incidente provoca rompimento de tubulação e grande parte da cidade ficará sem água

No sábado (12) boa parte de Petrolina ficou sem água, em decorrência de um rompimento na tubulação da Adutora. Segundo a Compesa, o abastecimento nos bairros afetados já foi restabelecido. Confira a seguir a nota da Compesa:

LEIA MAIS

Petrolina: Incidente provoca rompimento de tubulação e grande parte da cidade ficará sem água

Por meio de nota, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), informou que um incidente ocorrido neste sábado (12) provocou o rompimento da tubulação da adutora  de água bruta que atende as ETAS  1 e 2, comprometendo grande parte do abastecimento da cidade.

Ainda segundo a Companhia, operadores estão em campo trabalhando para fazer o reparo no menor espaço de tempo possível. De acordo com a Compesa “a previsão é que o serviço de reparo entre pela madrugada e o restabelecimento do abastecimento só deve ocorrer amanhã [13].”

Bairros que ficarão sem água: Loteamento Recife, Vila Marcela, Vila Eulália, parte do José e Maria, Mandacaru, Terras do Sul, Santa Luzia, São Jorge, Vila Débora, Loteamento Padre Cícero, Dom Avelar, São Joaquim, Monsenhor Bernardino, Loteamento Santa Bárbara, Vivendas I e II, Buona Vita, Centro, Jardim Amazonas, Alto do Cocar, Pedro Raimundo, Quati, Jardim São Paulo, Bela Vista, Vila Eduardo, Vila dos Ingás,

LEIA MAIS

Moradores de Lagoa Grande voltam a cobrar Compesa sobre abastecimento no bairro do Vasco

A situação no abastecimento no bairro do Vasco, em Lagoa Grande continua tirando o sossego dos moradores. O Blog Waldiney Passos mostrou a situação no começo da semana, quando um leitor entrou em contato e citou os problemas no rodízio implementado pela Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

Segundo Jailson Oliveira, morador do Vasco, o bairro é o mais prejudicado. “Só tem dois dias água na semana, mas ouvi falar que tem bairro que todo dia tem água, só falta uma vez na semana. Por que o bairro do Vasco está sendo mais prejudicado?”, questionou.

LEIA TAMBÉM:

Moradores de Lagoa Grande reclamam de rodízio de abastecimento de água feito pela Compesa

Procurada pela nossa produção a Compesa esclareceu que o sistema de rodízio no Vasco prevê quatro dias sem água. A companhia ressaltou ainda que a situação deve ser normalizada apenas na segunda quinzena.

“É sistema de rodízio. São dois dias com água e quatro dias sem, para melhorar o Vasco a gente vai fazer uma interligação a partir do dia 14 para abastecer pelo reservatório da agrovila”, afirmou a Compesa.

123