Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Operação resgata mais de 50 animais silvestres em Petrolândia

Maior parte dos animais era de aves (Foto: Divulgação)

Uma operação conjunta entre a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH) terminou com o resgate de vários animais silvestres. 56 pássaros, nove jabutis e um macaco sagui foram encontrados pelas equipes em Petrolândia, Sertão de Pernambuco na segunda-feira (15).

A ação recebeu o nome de Fiscalização Preventiva Integrada (FPI). Os animais foram encontrados em uma residência do município e o proprietário foi autuado por mantê-los confinados, sem a devida autorização do órgão ambiental.

Eles foram recolhidos e receberão os cuidados necessários, para posteriormente serem reintegrados à natureza. Mais de 20 órgãos públicos e entidades não-governamentais ajudaram na operação, são eles: Ministério Público Federal (MPF), Ministério Público de Pernambuco (MPPE), Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF).

LEIA MAIS

Onça-pintada é resgatada em caverna na região de Sento Sé e recebe cuidados no Cemafauna da Univasf

(Foto: Arquivo/Instituto Pró-Carnívoros)

Em maio deste ano, o Centro de Conservação e Manejo de Fauna da Caatinga (Cemafauna), da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), abrigou uma hóspede inusitada. Batizada com o nome de Luísa, a onça-pintada (Panther aonca) foi encontrada no dia 2 do referido mês em condições críticas de saúde, presa em uma caverna nas imediações do Parque do Boqueirão da Onça, região de Sento Sé (BA).

A história do resgate da onça Luísa foi relatada pela bióloga Cláudia Campos, na sessão de julho do projeto First Friday, do Cemafauna, realizada no dia 5 deste mês, no auditório do Museu de Fauna da Caatinga, no CCA. A palestrante detalhou todo o processo de salvamento do animal. A ação de resgate contou com a participação do Programa Amigos da Onça, do Instituto Pró-Carnívoros; do Cemafauna; do 72º Batalhão de Infantaria Motorizado, de Petrolina; e do 9º Grupamento de Bombeiros Militar de Juazeiro (BA).

De acordo com Cláudia, a onça havia sido presa numa caverna por moradores de uma comunidade, após o animal ter raptado uma ovelha de um fazendeiro. Quando recebeu as informações de uma moradora local sobre a onça, Cláudia, que atua como pesquisadora no Parque Nacional do Boqueirão da Onça estava em trabalho de campo nas proximidades da reserva. Como estava sozinha e não sabia ao certo da gravidade do problema, a bióloga precisou reunir uma equipe de profissionais de Petrolina e Juazeiro para fazer o resgate, que foi realizado nos primeiros dias do mês de maio. Participaram da ação, além da bióloga Cláudia, dois veterinários do Cemafauna, Fabrício Lima e Fábio Walker; e um biólogo do Batalhão, Josenilton Rodrigues.

LEIA MAIS

Moradores do Residencial Novo Tempo reclamam de cachorros soltos e cobram providências do poder público

(Foto: Roberto de Jesus)

Em contato com o Blog Waldiney Passos, moradores do bairro Residencial Novo Tempo, relataram o drama vivido pela comunidade com o número crescente de animais soltos nas ruas da localidade. Os transtornos provocados por esses animais são inúmeros.

“Esses cachorros estão querendo atacar as pessoas, à noite fazem barulho, as pessoas estão se incomodando por que não conseguem dormir, os animais ainda rasgam o lixo do bairro. A gente já entrou em contato com o Centro de Zoonose, e eles não tomaram nenhuma providência”, disse Roberto de Jesus, vice-presidente da Associação Comunitária do Residencial Novo Tempo.

LEIA MAIS

Gabriel Menezes solicita intensificação nas campanhas de castração animal em Petrolina

(Foto: Blog Waldiney Passos)

O vereador Gabriel Menezes (PSL) solicitou – por meio de indicação apresentada nesta quinta-feira (6) – à prefeitura municipal para que interceda junto ao Centro de Zoonoses (CCZ) com o objetivo de intensificar as campanhas de castração em Petrolina.

Segundo o parlamentar, “é preocupante a quantidade de cães e gatos nas ruas de Petrolina, seja na área urbana, irrigada ou Zona Rural”. Além de controlar a reprodução desordenada dos animais, a ação, segundo Gabriel, diminuiria “os riscos à saúde humana, bem como a quantidade de acidentes de trânsito envolvendo esses animais, frequentemente atropelados”.

Procurada pelo Blog Waldiney Passos, a Secretaria de Saúde de Petrolina, informou que o serviço de castração continua sendo feito normalmente pelo Centro de Controle de Zoonoses (CCZ). Ainda de acordo com a pasta, além dos animais que vivem nas ruas, o serviço também é disponibilizado para os animais criados em casa, porém o dono do animal precisa comprovar baixa renda. O atendimento segue uma agenda, quando não há atividade externa, são feitas as castrações. Para ter acesso ao serviço, basta comparecer ao CCZ e verificar a disponibilidade do agendamento.

Câmara de Juazeiro vai realizar audiência para discutir políticas públicas sobre animais

Audiência acontece nesta terça.

A de Vereadores de Juazeiro aprovou o requerimento do Vereador Aníbal Araújo (PTC) que prevê a realização de audiência destinada a discutir políticas públicas voltadas para a melhoria das condições de vida dos animais. O evento acontece nesta terça-feira (04) a partir das 18h no Plenário da Casa Legislativa.

“Animais eram considerados vetores de doenças até o final do século passado. Isso está mudando lentamente. Até hoje as ações de proteção são confundidas com programas de controle populacional, o que não é verdade. Já tratamos de outros aspectos como adoção, abrigos, abandono e maus tratos. Há toda uma agenda de políticas a serem discutidas e Juazeiro carece desta iniciativa”, disse.

Foram convidadas todas as organizações não governamentais (ONGs) que tratam do cuidado com animais, o Poder Executivo Municipal, a Delegada Rosineide Medrado para falar das Leis vigentes destinadas à proteção animal, representantes do Corpo de Bombeiros e a Secretária de Saúde de Juazeiro com os responsáveis pela execução das políticas sanitárias destinadas aos animais na cidade.

“Há um problema que podemos resolver de imediato. A questão da coleta de sangue e a realização de exames e testes para doenças nos animais. Hoje entre a coleta, envio e resultado se leva de 50 a 60 dias. Uma enormidade de tempo em se tratando da saúde dos animais e das pessoas. Existem teste rápidos, imediatos, que podem nos dar o resultado na hora. Essa é uma mudança necessária”, afirmou.

Prefeitura amplia serviços e facilita cuidado com animais na zona rural de Petrolina

(Foto: Ascom)

Levando serviços de vacinação antirrábica e orientações clínicas à população, o projeto ‘CCZ Móvel’, da Prefeitura de Petrolina atenderá duas comunidades da zona rural, neste mês de junho. Desta vez, as localidades de Tapera e Assentamento Água Viva I receberão os serviços do Centro de Controle de Zoonoses.

Na tapera, a equipe de veterinários estará na próxima segunda-feira (10), das 8h às 12h. Já no Assentamento Água Viva I, a atividade contará com o apoio dos profissionais do IF Sertão e acontecerá no dia 27 de junho, também no período da manhã. Durante as ações, será realizado um trabalho de conscientização e informações educativas sobre zoonoses.

A vacina antirrábica é a única forma de prevenção contra a raiva animal. A transmissão da raiva para humanos ocorre principalmente através de mordedura e pode ser transmitida também pela arranhadura ou lambedura de animais infectados. Cães e gatos, a partir dos três meses de idade já podem receber a vacina.

Projeto da prefeitura de Petrolina já capacitou 1.300 crianças sobre cuidado animal 

(Foto: Ascom)

Em um ano, o projeto voltado para educação em saúde, posse responsável e bem estar animal, ‘Aprendizes do CCZ’, ação pioneira da Prefeitura de Petrolina (PE), já capacitou cerca de 1.300 crianças no município. Em parceria com a Secretaria de Educação, o projeto recebe estudantes das redes pública e privada para conhecer o trabalho realizado pelo Centro de Controle de Zoonoses.

De acordo com a coordenadora do Centro de Controle de Zoonoses, Graziella Correia, o projeto vem dando bons resultados. “Nós acreditamos que a educação, principalmente da base, é o melhor caminho. Petrolina hoje possui um número muito grande de animais abandonados e isso é um sério problema de saúde pública. Nós temos certeza que, as crianças que já participaram do projeto serão adultos mais responsáveis com os animais. Além disso, elas levam o conhecimento e as orientações para dentro de casa”, frisou.

O projeto promove palestras com as temáticas das zoonoses e da posse responsável de animais, além da abordagem sobre maus tratos e abandonos, com visitas monitoradas ao canil e gatil. A próxima edição do ‘Aprendizes do CCZ’ já acontece no próximo dia 24, na Escola Municipal Prof.ª Anete Rolim.

Cavalos soltos provocam estragos e tiram sossego de moradores do bairro Pedra Linda

(Foto: Reprodução/WhatsApp)

Criar animais soltos na zona urbana, infelizmente, é uma prática ainda muito comum em Petrolina (PE) e região. No bairro Pedra Linda, por exemplo, moradores estão indignados com a criação de cavalos na comunidade. Eles contam que um morador, dá banho e alimenta os cavalos, na calçada da própria residência. Como vivem soltos, os animais provocam uma série de problemas para a população.

“Ele solta os animais na rua, os mesmos reviram os lixeiros. É um inferno!  Ele tá precisando mesmo é pagar uma multa, pois a vigilância sanitária já veio umas duas vezes ano passado e falou que é proibido criar animais na rua prejudicando a saúde da comunidade, ele tira quando a vigilância vem, mas com uma semana começa tudo novamente”, disse um morador, que preferiu não se identificar.

LEIA MAIS

Polícia Militar apreende arma e pássaros silvestre durante operação em Cabrobó

Material apreendido com o suspeito.

Nesse final de semana, durante a Operação Saturação em combate aos Crimes Violentos Letais Intencionais e contra o Patrimônio, a Polícia Militar prendeu um indivíduo em Cabrobó por posse ilegal de arma de fogo e criação ilegal de animais silvestres.

Os policiais encontraram com Cícero Fernandes de Vasconcelos 22 pássaros da fauna brasileira, 22 gaiolas, uma espingarda cal. 12, com numeração Suprimida e cano serrado e quatro cartuchos cal .12.

O acusado foi autuado em flagrante delito pela prática de crime ambiental e posse ilegal de arma de fogo de uso restrito. O suspeito foi encaminhado para cadeia pública de Cabrobó.

Preocupada com incidência de Peste Suína Clássica, ADAB realiza palestra em Casa Nova 

(Foto: Ilustração)

No dia 10 de maio, será realizada uma palestra sobre a situação de Alerta Sanitário para a Peste Suína Clássica (PSC) nos municípios de divisa com os Estados de Pernambuco e Piauí, às 9h, na sede da Colônia dos Pescadores de Casa Nova (BA).

A palestra é promovida pela Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (ADAB), que vem acompanhando com preocupação a incidência da PSC que ameaça o municípios da região, já que os mesmo faze fronteira com Pernambuco e Piauí.

O Secretário de Agricultura de Casa Nova, Pedrinho da Vanda, reforçar o convite aos produtores e esclarece que a PSC não tem risco de contaminação para humanos. “Queremos todos lá. Casa Nova é zona livre da PSC, porém Pernambuco e Piauí, ainda são consideradas zonas de risco. Temos limites com estes estados, temos barreiras montadas na divisa, mas de nada adianta se o nosso produtor não se conscientizar e se mobilizar.”

LEIA MAIS

CCZ emite nota sobre resgate de cavalo no Dom Avelar e rebate acusações

(Foto: Ascom)

Uma denúncia dando conta de que o Centro de Controle de Zoonoses de Petrolina (PE) teria se negado a recolher um animal ferido no bairro Dom Avelar, circula nas redes sociais desde o início da tarde desta terça-feira (23).

Segundo a postagem, um cavalo foi atingido por uma bala perdida durante um tiroteio no Dom Avelar, ocorrido na noite de ontem (22), e após o ferimento estaria agonizando. O relato acusa o CCZ de negligência, já que de acordo com o post, o órgão se negou a resgatar o animal, informando que o procedimento só seria feito mediante o pagamento de uma taxa.

LEIA MAIS

Fórum sobre prevenção de maus tratos contra animais acontece nesta terça-feira em Petrolina

(Foto: Reprodução/Internet)

Pouca gente sabe, mas o mês de abril é dedicado à prevenção de maus tratos contra animais. A campanha denominada ‘Abril Laranja’ foi criada pela Sociedade Americana para a Prevenção da Crueldade contra os Animais (ASPCA). Em adesão à luta, a Prefeitura de Petrolina (PE), através do Centro de Controle de Zoonoses, irá promover o “1º Fórum Municipal de Políticas Públicas de Bem Estar Animal”. O evento acontecerá nesta terça-feira (23), no auditório do SEST- SENAT, a partir das 18h, é gratuito, aberto ao público em geral e contará com a participação de diversas instituições do município.

De acordo com a coordenadora do Centro de Controle de Zoonoses, Graziella Vasconcelos, a intenção é que as mais variadas organizações possam aderir e fortalecer a causa. “Isto porque, infelizmente, a prática de maus tratos ainda é uma forte realidade no mundo todo. Durante o encontro vamos discutir e mobilizar a comunidade sobre diretrizes e políticas públicas, enfatizando questões como guarda responsável, maus tratos, fiscalização e aplicação de penalidades, além de bioética” destacou.

LEIA MAIS

Abril Laranja: Fórum da Prefeitura de Petrolina discutirá políticas públicas de bem estar animal

(Foto: Alexandre Justino/ Arquivo Ascom)

Pouca gente sabe, mas o mês de abril é dedicado à prevenção de maus tratos contra animais. A campanha denominada ‘Abril Laranja’ foi criada pela Sociedade Americana para a Prevenção da Crueldade contra os Animais (ASPCA). Em adesão à luta, a Prefeitura de Petrolina, através do Centro de Controle de Zoonoses, irá promover o “1º Fórum Municipal de Políticas Públicas de Bem Estar Animal”. O evento acontecerá no próximo dia 23 de abril no auditório do SEST- SENAT, a partir das 18h, e contará com a participação de diversas instituições do município. Podem participar estudantes, profissionais e especialistas da área veterinária, além da população interessada.

De acordo com a coordenadora do Centro de Controle de Zoonoses, Graziella Vasconcelos, a intenção é que as mais variadas organizações possam aderir e fortalecer a causa. “Isto porque, infelizmente, a prática de maus tratos ainda é uma forte realidade no mundo todo. Durante o encontro vamos discutir e mobilizar a comunidade sobre diretrizes e políticas públicas, enfatizando questões como guarda responsável, maus tratos, controle reprodutivo, fiscalização e aplicação de penalidades, além de bioética”destacou.

LEIA MAIS

Peste suína: Adagro vai intensificar fiscalizações em Pernambuco

(Foto: Reprodução/TV TEM)

Após a confirmação do primeiro caso de peste suína clássica no Piauí, a Agência de Defesa Agropecuária de Pernambuco (Adagro) deve intensificar a fiscalização nas propriedades que possuem suínos em Afrânio (PE). A cidade pernambucana faz fronteira com o estado do Piauí e possui 768 propriedades com suínos. Em Pernambuco, são mais de 730 mil suínos cadastrados.

São 5.871 suínos criados nas propriedades de Afrânio, 5% a 10% desses animais estão situados na fronteira com o estado do Piauí. O caso de peste suína foi diagnosticado no município de Lagoa do Piauí, a 42 km de Teresina. A doença foi confirmada em uma propriedade que tinha 13 animais, destes, sete morreram e os demais apresentavam sintomas da doença.

De acordo com o diretor de Defesa e Inspeção Animal da Adragro em Pernambuco, Fernando Góes de Miranda, a previsão é que a fiscalização em Afrânio comece na próxima segunda-feira (15). “A Adragro de Petrolina vai entrar em um modo de planejamento de atividades, aumentando as visitas às propriedades de Afrânio para ver se existe mortalidade de animais e investigar essas mortes, se houverem”, explicou.

LEIA MAIS

SEMAURB realiza fiscalização para coibir criação indevida de animais na zona urbana de Juazeiro

(Foto: Ascom)

Na última terça-feira (2), duas equipes da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano realizaram fiscalização para coibir criação de animais na zona urbana de Juazeiro (BA), após receberem denúncias. As fiscalizações aconteceram na comunidade de Rodeadouro e Bairro Antônio Guilhermino.

Nas localidades citadas, as esquipes encontraram criação indevida de porcos. “Demos o prazo de 15 dias para retirada dos animais dos locais. Aproveitamos para lembrar que animais como suínos, caprinos e ovinos não devem ser criados no perímetro urbano”, ressalta Hudson.

LEIA MAIS
123