FBC anuncia diálogo com Governo de Pernambuco sobre geração de energia eólica e nuclear

(Foto: Ana Volpe/Agência Senado)

O líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), apontou, durante a 11ª edição do Fórum Nordeste 2019, realizada nesta segunda-feira (16), no Arcádia Paço Alfândega, no Bairro do Recife, o início de um diálogo do Governo Federal com o Estado para planejar um grande projeto de geração de energia. Segundo o senador, ele trará toda a equipe do Ministério de Minas e Energia no próximo dia 30 de setembro, para uma reunião com o governador Paulo Câmara (PSB).

“Nós vamos ter a oportunidade de desenvolver um projeto de quase 3 gigawatts. Para se ter uma ideia do que é isso, representa quase três sobradinhos ou metade da produção do sistema Paulo Afonso e vai gerar cerca de 15 mil empregos. Pernambuco precisa se preparar porque as placas solares mais de 80% serão instaladas em território pernambucano. E nós precisamos nos organizar para aqui produzir as placas, todos os equipamentos, componentes e insumos e será, portanto, uma grande oportunidade”, apontou.

LEIA MAIS

Celpe dá desconto de 50% em compra de painel de energia solar para clientes 

(Foto: Igor Bione/Acervo JC Imagem)

A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) vai dar descontos de 50% para a compra de painéis solares por clientes interessados em gerar parte da própria energia que consomem. A medida faz parte do Projeto Bônus Solar, que será lançado na próxima segunda-feira (16) e pretende atender 500 clientes residenciais em Pernambuco até 2020.

LEIA MAIS

Contas de luz permanecem com bandeira vermelha em setembro

(Foto: Ilustração)

As contas de luz terão bandeira tarifária patamar 1 em setembro, mesmo nível vigente em agosto, o que representa um custo adicional de R$ 4 para cada 100 quilowatts-hora consumidos, informou a Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) na última sexta-feira (30).

De acordo coma a Aneel, a bandeira vermelha deve-se à permanência do quadro de estiagem na previsão hidrológica para o mês, com vazões abaixo da média histórica, o que impacta a geração de energia no país, que vem predominantemente de hidrelétricas.

Com isso, é exigido um maior uso do parque de termelétricas, cuja produção é mais cara, o que leva ao acionamento do mecanismo das bandeiras tarifárias. As bandeiras geram cobranças adicionais junto aos consumidores quando saem do verde para o patamar amarelo ou vermelho, o que acontece quando há redução da oferta de energia. A bandeira vermelha voltou a ser aplicada em agosto após dez meses.

Com informações da Folha de Pernambuco

Celpe convoca clientes rurais para recadastramento e garantia de desconto na conta de energia

(Foto: Ilustração)

A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) convoca clientes irrigantes, aquicultores e demais rurais para recadastramento da tarifa subsidiada. Por determinação da Resolução Nº 800, da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), os clientes classificados nessas categorias de consumo precisam revalidar a documentação para não perder os descontos na conta de energia, que variam de 8% a 90%. O percentual de subsídio depende da atividade desenvolvida.

Até dezembro, mais de 54 mil devem apresentar a comprovação exigida pela Aneel. Caso não efetuem o recadastramento, os consumidores atualmente beneficiados perdem o subsídio a partir de janeiro de 2020. Os clientes estão sendo convocados por meio de avisos nas faturas mensais de energia elétrica. No total, aproximadamente 163 mil clientes pernambucanos devem revalidar os dados cadastrais até 2021, conforme o calendário da distribuidora.

LEIA MAIS

Petrolina é destaque no crescimento do mercado de energia solar

O município de Petrolina é destaque nacional em instalação de placas de energia solar. Dados divulgados no início deste ano pela Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR), apontam Petrolina ocupando o 9º lugar no ranking de cidades do Brasil com maior número de instalações fotovoltaicas. Hoje, são cerca de 405 instalações de sistemas, o que compreende a 6,8 MW de potência instalada na cidade.

O crescente mercado de energia solar tem animado empresas que atuam na região. Em entrevista ao Blog Waldiney Passos, o Engenheiro Eletricista Paulo Victor Dantas, sócio da empresa Dantas Engenharia, especializada em sistemas fotovoltaicos, confirmou a demanda. “A gente vem notando o crescimento do mercado, a procura dos consumidores na tentativa de diminuir o custo de energia, principalmente nas residências. No comércio, os proprietários de empresas são mais propensos a aderir por que o impacto do custo de energia elétrica é muito grande”, disse.

As condições climáticas da região é fator determinante para o sucesso do mercado de energia solar, contudo outros aspectos compõem a alta do segmento. “As pessoas estão bem informadas, a divulgação tem ajudado muito. Outro ponto positivo para o setor é a facilidade de financiamento na região. Como Petrolina é uma cidade de porte médio, temos várias agências bancárias oferecendo linhas de crédito que facilitam a adesão ao sistema”, ressalta Paulo Victor.

LEIA MAIS

Pesquisa indica que 87% das pessoas acham conta de luz cara no Brasil

(Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

Um levantamento feito pela Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia (Abraceel) em parceria com o Ibope, mostrou que 79% dos entrevistados gostaria de ter um mercado livre para escolher a sua fornecedora de energia. O percentual é 10% maior do que o obtido na avaliação de 2018. Segundo a Pesquisa de Opinião Pública 2019 sobre o que o brasileiro pensa e quer do setor elétrico, lançada hoje (12) na capital paulista, 68% dos entrevistados trocariam hoje a sua fornecedora de energia.

LEIA MAIS

Leilão de geração de energia renovável vai  elevar o potencial energético do canal da transposição e garantir recursos para o bombeamento das águas

A expectativa é que o leilão seja realizado no fim de 2020 e gere R$ 15 bilhões em investimentos e 12 mil empregos diretos

O líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), destacou, ontem, o leilão de geração de energia renovável no Projeto de Integração do Rio São Francisco anunciado pelo presidente Jair Bolsonaro durante a inauguração da primeira etapa da Usina Solar Flutuante, no Reservatório de Sobradinho, na Bahia. O objetivo é elevar o potencial energético do canal da transposição e garantir recursos para o bombeamento das águas. A expectativa é que o leilão seja realizado no fim de 2020 e gere R$ 15 bilhões em investimentos e 12 mil empregos diretos.

Segundo Fernando Bezerra Coelho, o aproveitamento da superfície de água ao longo da transposição do rio São Francisco vai permitir a geração de energia fotovoltaica em quantidade superior ao que é produzido hoje pela Barragem de Sobradinho.

“Além de apoiar uma fonte alternativa e sustentável, mostrando, portanto, o compromisso do governo federal com a nova matriz energética brasileira, a iniciativa mostra o apreço do presidente Jair Bolsonaro com o desenvolvimento do Nordeste. Vamos evitar gastar mais água na geração de energia e teremos mais água para irrigar o Nordeste”, disse o líder em discurso no plenário do Senado.

Sobradinho

A usina solar flutuante inaugurada pelo presidente Bolsonaro em Sobradinho é o maior projeto de pesquisa e desenvolvimento desta tecnologia instalado em reservatório de hidrelétrica do Brasil, com investimento de R$ 56 milhões.

Contou com o apoio do ex-ministro de Minas e Energia Fernando Filho, hoje deputado federal por Pernambuco, e vai servir de modelo para o uso das placas ao longo dos 477 quilômetros dos canais de transposição, aquedutos e reservatórios do rio São Francisco.

Queda constante de energia incomoda moradores de bairros da zona leste e norte de Petrolina

Falta de energia tem gerado reclamações.

Os moradores do São Joaquim, São Jorge, Santa Luzia, Terra do Sul, José e Maria e Dom Avelar estão incomodados com a constante falta de energia. Segundo denúncia enviada ao nosso blog, estão sendo registradas diversas quedas de energia elétrica.

Ainda de acordo com a denúncia, a Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) foi acionada diversas vezes, mas nenhuma resposta foi dada aos moradores. “Tentei contato com a Celpe 10 vezes, mas não consegui. Por sete vez a ligação caiu, e, quando consegui contato, fiquei no aguardo para falar com uma atendente ouvindo uma gravação”, diz a denúncia.

Nosso blog entrou em contato com a Celpe e aguarda resposta sobre o que deve ser feito para que a situação se normaliza nos bairros.

Bolsonaro inaugura 1ª etapa da usina fotovoltaica instalada no Reservatório de Sobradinho

(Foto: Júlio César/TV Bahia)

A primeira etapa da usina solar flutuante instalada no Reservatório do município de Sobradinho (BA), foi inaugurada na manhã desta segunda-feira (5), O evento contou com a participação do presidente Jair Bolsonaro (PSL), o ministro de Minas e Energia, Bento Costa Lima Silva, o presidente da Eletrobras, Wilson Ferreira Júnior, além do Senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE).

De acordo com a Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf), a plataforma solar flutuante tem uma potência de geração de 1MWp (Mega Watt pico), e até 2020 deverá ter, ao todo, 2,5 MWP. O valor do investimento nas duas plantas solares da plataforma totaliza R$ 56 milhões. Este é o maior projeto de pesquisa e desenvolvimento desse tipo de energia flutuante no país, em reservatório de hidrelétrica.

Em discurso, durante a cerimônia de inauguração, Bolsonaro falou da importância da geração de energia para o crescimento econômico do país.

LEIA MAIS

Após anúncio de bandeira vermelha, Celpe dá dicas para economizar energia

(Foto: Ilustração)

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou na última sexta-feira (26) que a bandeira tarifária para o mês de agosto será Vermelha Patamar 1, com custo de R$ 4,00 a cada 100 kWh (quilowatts-hora) consumidos.

“Agosto é um mês típico da estação seca nas principais bacias hidrográficas do Sistema Interligado Nacional (SIN). A previsão hidrológica para o mês sinaliza vazões abaixo da média histórica e tendência de redução dos níveis dos principais reservatórios. Esse cenário requer o aumento da geração termelétrica, o que influenciou o aumento do preço da energia e dos custos relacionados ao risco hidrológico em patamares condizentes com o da Bandeira Vermelha 1”, diz informe divulgado pela Aneel.

LEIA MAIS

Aneel anuncia bandeira tarifária vermelha para agosto

(Foto: Reprodução)

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou ontem (26), que a bandeira tarifária para o mês de agosto será a vermelha, no patamar 1, onde há uma cobrança extra de R$ 4 para cada 100 quilowatts-hora consumidos. Em julho, a cobrança foi da bandeira tarifária amarela, quando há um acréscimo de para R$ 1,50 a cada 100 kWh consumidos.

De acordo com a agência, a medida foi tomada pela possibilidade de aumento no acionamento das usinas termelétricas, que têm custo de geração de energia mais alto. Também pesou na decisão, a diminuição do volume de chuvas, com a chegada da estação seca.

“Agosto é um mês típico da estação seca nas principais bacias hidrográficas do Sistema Interligado Nacional (SIN). A previsão hidrológica para o mês sinaliza vazões abaixo da média histórica e tendência de redução dos níveis dos principais reservatórios”, disse a Aneel.

LEIA MAIS

Entidades se reúnem para Dia de Campo em áreas degradadas de Casa Nova

(Foto: Ascom)

De olho na energia renovável, a Prefeitura de Casa Nova (BA) promoveu na manhã da última quarta-feira (17) um Dia de Campo, para discutir a recuperação das áreas degradas dos parques eólicos montados na zona rural do município.

Participaram do evento membros da secretaria de Agricultura de Casa Nova, pesquisadores da EMBRAPA produtores, estudantes e moradores das comunidades onde são instaladas as jazidas. “Há a preocupação com o meio ambiente. A energia produzida é limpa, renovável, mas a área ocupada no território de Casa Nova para implantação destes parques sofre alterações de todos os tipos“, disse o prefeito Wilker Torres.

No Dia de Campo foram discutidos conhecimento sobre as principais características dos solos das jazidas, reimplantação de espécies no terreno, além do uso de ferramentas de apoio para caracterização do campo.

Celpe alerta para riscos de acidentes e interrupções de energia provocados por pipas

(Foto: Ilustração)

Mês de férias escolares, em julho já são registrados ventos de maior intensidade. Nesse período, as brincadeiras com pipas são mais comuns. No entanto, a atividade recreativa pode se tornar perigosa, especialmente se ocorrer próxima à rede elétrica. A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) reforça o alerta para os riscos de acidentes e interrupções no fornecimento de energia.

O perigo de empinar pipas próximo de rede elétricas é acentuado pelo uso do cerol aplicado à linha, que se torna um condutor por conter raspas de vidro e pó metálico adicionado à cola. O produto aumenta o risco de choque elétrico. Por ser condutor de energia, o cerol acaba energizando a linha em contato com a rede elétrica. As pipas também, ao se enroscarem nos fios elétricos, podem provocar curto-circuito, ocasionando, inclusive, o rompimento de cabos.

LEIA MAIS

Celpe identifica mais de 65 mil ligações irregulares no primeiro semestre

(Foto: Divulgação)

A intensificação das ações de combate ao furto de energia promovidas pela Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) tem apresentado resultados recordes. Durante o primeiro semestre de 2019, a concessionária realizou cerca de 107 mil inspeções em Pernambuco, identificando 65.706 ligações irregulares. A energia recuperada nessas ações seria capaz de abastecer, por exemplo, a cidade do Cabo de Santo Agostinho durante três meses consecutivos.

Nos primeiros seis meses do ano, a Celpe realizou quase 20 mil inspeções a mais que o mesmo período em 2018, quando 88.182 inspeções foram executadas. Como consequência da intensificação das ações e da modernização do setor de inteligência, a quantidade de ligações clandestinas identificadas foi 73% maior em relação ao primeiro semestre do ano passado.

A Celpe atua de forma preventiva no combate às ligações irregulares e conta com uma equipe de inteligência que trabalha ativamente para identificar e retirar essas ligações. A concessionária reforça, ainda, que a ligação clandestina é crime com pena prevista no Código Penal Brasileiro e ressalta que a população pode realizar denúncias de forma anônima através dos canais de atendimento da empresa.

Férias escolares: Celpe alerta para prevenção de acidentes domésticos envolvendo energia elétrica

(Foto: Ilustração)

A curiosidade das crianças pode levá-las a algumas situações perigosas, principalmente no período de férias escolares, quando elas ficam mais tempo em casa. Para minimizar os riscos com a energia elétrica, a Companhia Energética de Pernambuco (Celpe), empresa da Neoenergia, recomenda atenção redobrada dos pais ou responsáveis para prevenir e evitar acidentes domésticos, e também alerta para alguns cuidados que garantem a segurança dos pequenos e tranquilidade dos adultos.

Mais expostas ao uso da energia elétrica e contato com aparelhos eletroeletrônicos, as crianças não tem como avaliar os riscos na hora de recarregar celulares, tablets e notebooks. Sendo assim, a primeira ação, e a mais básica, é mantê-las longe de tomadas, fios e aparelhos elétricos. No caso de tomadas, devem ser utilizados protetores para que não sejam introduzidos objetos metálicos, caso muito comum devido à curiosidade das crianças. Usar o “T” (benjamim) e extensões de maneira definitiva também é perigoso, além de sobrecarregar as tomadas, pode causar curtos circuitos e incêndios.

Equipamentos eletrônicos como videogames e computadores somente devem ser ligados ou desligados da tomada por um adulto, sempre utilizando o plugue e jamais puxando diretamente o fio. A fiação, inclusive, deve estar em perfeitas condições. Se o cabo apresentar algum desgaste no isolamento, o aparelho não deve ser conectado à tomado, caso contrário pode representar perigo de choque elétrico.

LEIA MAIS
123