Roberto Leal, cantor de “Bate o Pé” morre aos 67 anos

(Foto: Divulgação)

O cantor português Roberto Leal, conhecido pela música “Bate o Pé” morreu em São Paulo na madrugada desse domingo (15), aos 67 anos. A informação foi confirmada pelo Hospital Samaritano, onde Roberto estava internado desde a última terça-feira (10).

Roberto deu entrada na unidade após ter uma reação alérgica a um medicamento que tomou. O cantor vinha há dois anos tratando um câncer. Contudo, as causas da morte não foram divulgadas. Até o momento não há informações sobre o velório e sepultamento do artista.

A assessoria do cantor informou, porém, que, nas últimas horas, ele teve complicações em decorrência de uma insuficiência renal. Roberto Leal morava na capital paulista havia alguns anos. Nascido em Macedo de Cavaleiros, em Portugal, o músico chegou ao Brasil quando tinha 11. Vendeu mais de 17 milhões de discos e gravou mais de 400 músicas em 45 anos de carreira.

Colégio Plenus lamenta morte de aluna e suspende aulas nesta quarta-feira

(Foto: Ilustração)

A direção do Colégio Plenus decidiu suspender as aulas nesta quarta-feira (11) devido ao falecimento da aluna Ana Clarissa. Em nota enviada à nossa redação a Equipe Plenus lamentou o ocorrido e se solidarizou com a família, amigos e colegas da estudante.

Confira a Nota de Pesar:

É com o sentimento de dor e profunda tristeza que o Plenus Colégio e Curso comunica o falecimento, na tarde desta terça-feira (10), da querida aluna Ana Clarissa. Consternados com o pesar que enluta a família, amigos e colegas, estendemos as condolências aos alunos, professores e colaboradores, pedindo ao Nosso Senhor Deus Pai que receba nossa irmã inesquecível   em seu reino de amor, paz e compreensão.

Informamos aos pais e queridos alunos que as aulas da escola, do maternal ao pré-vestibular, estarão suspensas amanhã, dia 11/09/2019.

Atenciosamente,
Equipe Plenus.

Prefeitura de Juazeiro afirma que Ronaldo Lopes marcou história na comunicação do Vale

O Gatão morreu vítima de um infarto fulminante (Foto: Agência CH)

A Prefeitura de Juazeiro (BA) emitiu uma nota lamentando a morte do radialista Ronaldo Lopes. Conhecida voz da cidade baiana, Ronaldo morreu ontem (9), aos 76 anos, vítima de um infarto fulminante. Conhecido como “O Gatão”, será sepultado nessa terça-feira (10).

LEIA TAMBÉM:

Presidente Alex Tanuri emite nota de pesar pelo falecimento de Ronaldo Lopes

Morre radialista Ronaldo Lopes

“Ronaldo vinha atuando com prestação de serviços de locução para o município, além de trabalhos externos. Mas antes disso fez história no rádio juazeirense”, destaca a nota.

De acordo com a Prefeitura, o radialista “marcou história na memória da comunicação”, tendo atuado tanto em Juazeiro, quanto em Petrolina. “O prefeito Paulo Bomfim envia as condolências aos fãs, amigos, colegas de equipe e familiares”, finaliza a nota.

Presidente Alex Tanuri emite nota de pesar pelo falecimento de Ronaldo Lopes

(Foto: Ilustração)

O Presidente da Câmara de Vereadores de Juazeiro, em seu nome, dos vereadores e da Mesa Diretora, emitiu nota de pesar com “votos de profundo pesar” pelo falecimento do radialista e comunicador Ronaldo Lopes.

“Seu falecimento nos entristece, deixa sem a voz marcante os carros de som nas ruas e substitui a animação em que ele era mestre pelo silêncio dolorido da partida”, diz a nota.

A íntegra da nota de pesar:

Nota de Pesar

Recebemos com pesar a notícia do falecimento do radialista, apresentador, comunicador e locutor Ronaldo Panta Lopes, no início da noite desta segunda-feira, 09 de setembro de 2019.

Presença marcante nas manifestações políticas, apresentador de comícios, puxador de carros de som, Ronaldo Lopes, distinguiu-se como um dos melhores, ao lado de Gil Brás e Elias Cruz, dois gigantes na comunicação popular de rua e política.

Mas, não foi apenas nos palanques e palcos políticos da vida que Ronaldo se destacou:  antes fez sucesso na Rádio Juazeiro com o programa “Discofilando”, que foi coqueluche pelas décadas de 70 e 80, arrebanhando fãs em toda a região de alcance da emissora.

Trabalhou na Emissora Rural, Rádio Cidade e Rádio Independência; sua voz era e é uma constante nos carros de som nas ruas de Juazeiro e em diversas cidades vizinhas.

Seu falecimento nos entristece, deixa sem a voz marcante os carros de som nas ruas e substitui a animação em que ele era mestre pelo silêncio dolorido da partida.

Descanse em Paz Ronaldo Lopes. Em nome dos vereadores, da Mesa Diretora da Câmara de Vereadores, dos políticos aqui representados, nossos votos de profundo pesar à família.

Alex Tanuri

Presidente

Morre radialista Ronaldo Lopes

– Ronaldo Lopes ao lado dos radialistas Jean Rego e Paulo César Andrade

Agora à pouco fomos informados pelo comunicador Winston Monteclaro que o radialista Ronaldo Lopes, popularmente conhecido como o “Gatão” que na década de 80 apresentou um dos programas de maior sucesso da história da Rádio Juazeiro, o Discofilando, faleceu no início da noite desta segunda-feira (09), vítima de um infarto fulminante.

Ronaldo Panta Lopes, 76 anos completados no último dia 3, era radialista aposentado e cerimonialista atualmente lotado na Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Juazeiro.

Ronaldo começou no serviço de alto falante e Publicidade de Gil Brás em 1962 e em 1965 foi trabalhar na ZYN 21, RÁDIO JUAZEIRO AM, onde permaneceu até se aposentar nos anos 90.

Segundo relatos de alguns amigos, Ronaldo sofreu o infarto em sua residência na rua 3 do bairro Correia, em Juazeiro. Após várias tentativas de reanimá-lo, ele foi levado para o Hospital Promatre, onde chegou sem os sinais vitais.

Segundo informações da família o velório ocorrerá no SAF e o sepultamento será às 16 horas desta terça-feira, 10 de setembro.

Prefeitura de Juazeiro emite nota de pesar pelo falecimento da Agente Comunitária de Saúde Nilza Santos

(Foto: Ilustração)

Em nota divulgado na tarde de hoje (12), a Prefeitura Municipal de Juazeiro, através da Secretaria da Saúde/SESAU lamentou e manifestou pesar pelo falecimento da Agente Comunitária de Saúde (ACS) Maria Nilsa Silva Santos, ocorrido neste fim de semana, em decorrência de um Acidente Vascular Cerebral (AVC).

Dona Nilsa, como era conhecida, atuava como ACS há pelo menos 28 anos, e atualmente trabalhava na Unidade Básica de Saúde do bairro Palmares. De acordo com a nota, “a servidora municipal era muito querida e respeitada por todos, e se tornou referência na luta por uma saúde melhor e mais eficiente no município.” Nilsa tinha 65 anos, era casada, deixa dois filhos, quatro netos e três bisnetos.

A Secretaria informa que os atendimentos na UBS do bairro Palmares estão suspensos no período da tarde para que a equipe possa ir ao velório e sepultamento da servidora.

Maria de Freitas, mãe de Pedro Caldas, morre em Petrolina aos 78 anos

(Foto: Ilustração)

Maria de Feitas Caldas, de 78 anos, mãe de Pedro Caldas, Presidente da Central Única dos Bairros de Petrolina (CUBAPE), morreu no final da manhã desta quinta-feira (8).

Ainda não se sabe a causa da morte. Segundo informações preliminares, a matriarca sofria de Alzheimer, e faleceu no Hospital Neurocardio, em Petrolina.

LEIA MAIS

Ex-técnico do Caiano morre vítima de infarto fulminante

Claudemir foi técnico do Caiano.

Faleceu nesse domingo (28) Claudemir José da Silva, de 76 anos, ex-técnico do Caiano, tradicional equipe do futebol de Petrolina. O também ex-jogador e empresário sofreu um infarto fulminante.

De acordo com informações, o corpo está sendo velado na Central do Velório, em frente ao cemitério central. O sepultamento acontecerá no cemitério Campo da Paz.

Juazeiro: Neto, da dupla Neto e Mundinho, será sepultado na tarde deste domingo

Neto e Mundinho durante apresentação.

O sepultamento de José Willys Pereira da Silva, de 56 anos, conhecido como Neto, da dupla Neto e Mundinho, acontecerá neste domingo (28) às 16h no cemitério central de Juazeiro (BA). O músico faleceu na noite desse sábado (27), no Hospital Universitário em Petrolina (PE).

O corpo está sendo velado no  SAF em Juazeiro desde as 6h da manhã deste domingo (28). Familiares e amigos prestaram homenagens através de um vídeo. Neto dividiu o palco com Raimundo Nonato, o Mundinho, por mais de 30 anos.

Corpo do ex-vereador Dedé da Simpatia será sepultado na zona rural de Petrolina

(Foto: Ilustração)

Segundo informações obtidas pelo Blog Waldiney Passos, o velório do ex-vereador Dedé da Simpatia, acontecerá na casa dele, localizada no bairro Cohab V, em Petrolina (PE).

LEIA TAMBÉM:

Morre o ex-vereador de Petrolina Dedé da Simpatia

Ainda de acordo com familiares, às 15h, o corpo será levado para o povoado de Simpatia, zona rural de Petrolina, onde será sepultado.

Dedé da Simpatia morreu na manhã deste sábado (27), vítima de um infarto. Segundo informações da família, ele sentiu um mal-estar, quando se dirigia ao interior do município, e morreu a caminho do hospital.

Morre o ex-vereador de Petrolina Dedé da Simpatia

(Foto: Internet)

A política petrolinense está desfalcada. Morreu neste sábado (27), o ex-vereador José Crispiniano Coelho, conhecido popularmente como Dedé da Simpatia.

Segundo informações preliminares, Dedé da Simpatia sentiu um mal-estar, quando se dirigia para a zona rural de Petrolina, onde estaria visitando amigos e correligionários, como era de costume. De acordo com familiares, o mesmo sofreu um infarto e morreu a caminho do hospital.

Dedé foi vereador por diversos mandatos, e sempre lutou pela população do campo, com ações voltadas para o interior do município, especialmente para a região de Simpatia e Cristália.

O corpo de Dedé da Simpatia será velado na casa dele, no bairro Cohab Massangano, em Petrolina. Às 15h o corpo será encaminhado para a localidade de Simpatia, onde ocorrerá o sepultamento.

Atualizado às 10h46

Em nota, PT de Juazeiro lamenta morte de comerciante

“Jailson da Honda” estava no partido desde 2011 (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Jailson da Cunha Barbosa, vítima do homicídio registrado ontem (23), em Juazeiro (BA) era filiado e militante do Partido dos Trabalhadores (PT) na cidade baiana. A sigla emitiu uma nota lamentando a morte do comerciante de 38 anos.

Segundo o PT, Jailson da Honda como era mais conhecido se filiou ao partido em 2011. Casado e pai de três filhos ele esteve por “muitos anos na luta comunitária e na vida partidária, sempre manteve uma postura de respeito, carinho e amizade com as pessoas”.

LEIA TAMBÉM:

Juazeiro registra mais um homicídio no ano

Ele foi morto a tiros no bairro Alto da Aliança na manhã da última terça-feira. Ainda não há informações sobre os criminosos e as motivações. Confira a seguir a nota do PT:

LEIA MAIS

Imprensa de São Raimundo Nonato de luto após morte de Nilton Negreiros

Nilton Negreiros.

A imprensa de São Raimundo Nonato (PI) está de luto pela partida prematura do radialista Nilton Negreiros, que faleceu nessa segunda-feira (15). Um comunicador sertanejo que deixará um vazio muito grande.

Nosso blog presta solidariedade a todos os familiares, amigos à equipe da Rádio Serra da Capivara, onde Nilton trabalhou desde sua fundação com o programa “toca do forró”. Que Deus o receba num bom lugar!

Jornalista Paulo Henrique Amorim morre aos 77 anos

Jornalista trabalhou nos principais veículos do país

Jornalista conhecido pelo bordão “Olá, tudo bem?”, Paulo Henrique Amorim morreu na madrugada dessa quarta-feira (10), aos 77 anos, no Rio de Janeiro. Ele sofreu um infarto fulminante quando estava em casa. A morte foi confirmada pela esposa de Paulo.

Paulo Henrique estava na Record TV desde 2003, mas atuou pelos grandes veículos do país, como a Rede Globo, Bandeirantes e Manchete. Somou passagens por revistas e jornais impressos, além de ter sido correspondente internacional em Nova York.

Era âncora no Domingo Espetacular, da Record, mas estava afastado da função há duas semanas. Amorim deixa uma filha e a mulher, Geórgia Pinheiro. Até o momento não há informações sobre o velório e sepultamento do jornalista.

Prefeito Paulo Bomfim decreta luto oficial de três dias pela morte de João Gilberto

Estátua de João Gilberto instalada na Orla Nova de Juazeiro, às margens do Rio São Francisco. (Foto: Ascom/PMJ)

Diante da morte do gênio juazeirense, João Gilberto, o prefeito Paulo Bomfim decretou três dias de luto oficial. Por meio de um comunicado, a Prefeitura disse que “solidariza-se com familiares, amigos e fãs pela morte daquele que levou o nome de Juazeiro para o mundo com a Bossa Nova”.

LEIA TAMBÉM:

Juazeirense João Gilberto, ícone da Bossa Nova, morre aos 88 anos

“Por sua causa, Juazeiro é conhecida no mundo inteiro. Por seu legado musical e artístico, aqui é a capital mundial da Bossa Nova. Somos todos gratos a ele. Vá em paz, João!”, ressaltou a gestão municipal.

123