Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Manchetes dos principais jornais do país

O Globo
Desvinculação de verbas dará alívio aos estados

Folha de São Paulo
Em negociação por Previdência, governo libera R$ 1 bilhão em emendas

O Estado de São Paulo
Projeto que desvincula gastos chega ao Senado em abril

Jornal do Commercio
Mais de dez grupos na disputa pelo aeroporto

Diário de Pernambuco
Leilão do aeroporto pode ser suspenso

Folha de Pernambuco
Aumentam os limites para casa própria

LEIA MAIS

Venda de 46 planos de saúde está proibida a partir desta segunda-feira

(Foto: Internet)

Por decisão da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), está suspensa a partir de hoje (11) a comercialização de 46 planos de saúde. A medida, anunciada pela agência no último dia 1º, é temporária e acompanha os resultados trimestrais do Programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento, que monitora o desempenho do setor.

A mesma avaliação permitiu a retomada, também a partir de hoje, da venda de sete planos de saúde de duas operadoras, que haviam sido suspensos anteriormente.

LEIA MAIS

Manchetes dos principais jornais do país

O Globo
Guedes vai lançar plano B junto com a Previdência

Folha de São Paulo
Em SP, merenda volta a priorizar industrializados

O Estado de São Paulo
Agência cobra de 62 hidroelétricas plano de segurança de barragem

Jornal do Commercio
Semana decisiva para aeroporto de Recife

Diário de Pernambuco
Estados do NE criam consórcio para enfrentar crise

Folha de Pernambuco
BPC: Planalto quer rever proposta para baixa renda

LEIA MAIS

Mega-Sena acumula e prêmio vai a R$ 7 milhões

Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 2.132, realizado na noite do último sábado (9) em Itupeva (SP). As dezenas sorteadas foram: 0518303539 60.

O prêmio acumulou e deve pagar R$ 7 milhões nesta quarta-feira (13). As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país ou pela internet. A aposta mínima custa R$ 3,50.

A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 3,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa.

Caixa aumenta valor de imóveis financiados pelo Minha Casa Minha Vida

(Foto: Ilustração)

As famílias de baixa renda de cidades de até 50 mil habitantes terão acesso a mais financiamentos do Minha Casa Minha Vida (MCMV). O banco aumentou o valor de imóveis financiados para as faixas 2 e 3 do programa habitacional. Paralelamente, a instituição elevou o valor do subsídio para a faixa 2 em cidades de até 20 mil habitantes.

As novas regras foram publicadas ontem(8) em instrução normativa do Ministério do Desenvolvimento Regional. Em nota, a Caixa Econômica Federal informou que as novas condições permitirão ao banco consumir todo o orçamento disponível para este ano no financiamento de moradias para a população de baixa renda.

“Com essas novas condições, a Caixa está com capacidade plena para atender a demanda por moradia no mercado imobiliário e aplicar todo o orçamento disponível para 2019, promovendo o aquecimento da economia, gerando empregos e rendas, além de contribuir para a redução do déficit habitacional do país”, destacou o banco no comunicado.

LEIA MAIS

Mega-Sena pode pagar R$ 3 milhões neste sábado

O concurso 2.132 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 3 milhões para quem acertar as seis dezenas neste sábado (9). O sorteio ocorre às 20h (horário de Brasília) em Itupeva (SP).

As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país ou pela internet. A aposta mínima custa R$ 3,50.

A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Segundo a Caixa Econômica Federal, para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 3,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860.

Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 17.517,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003.

Receita Federal recebe quase 1 milhão de declarações do Imposto de Renda em dois dias

(Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Em dois dias de entrega, o número de declarações do Imposto de Renda Pessoa Física enviadas aproxima-se de 1 milhão. Até as 17h de hoje (8), o Fisco recebeu 976.925 declarações, equivalente a 3,2% do esperado para este ano. O prazo para envio da declaração começou ontem (7) e vai até as 23h59min59s de 30 de abril. A expectativa da Receita Federal é receber 30,5 milhões de declarações.

A declaração pode ser feita de três formas: pelo computador, por celular ou tablet ou por meio do Centro Virtual de Atendimento (e-CAC). Pelo computador, será utilizado o Programa Gerador da Declaração – PGD IRPF2019, disponível no site da Receita Federal.

Também é possível fazer a declaração com o uso de dispositivos móveis, como tablets e smartphones, por meio do aplicativo “Meu Imposto de Renda”. O serviço também está disponível no e-CAC no site da Receita, com o uso de certificado digital, e pode ser feito pelo contribuinte ou seu representante com procuração.

LEIA MAIS

Contribuição sindical passa a ser recolhida por boleto bancário

(Foto: Ilustração/Internet)

A contribuição dos trabalhadores para os sindicatos, que deixou de ser obrigatória desde novembro de 2017 com a entrada em vigor da reforma trabalhista (Lei 13.467), só poderá ser realizada por meio de boleto bancário ou equivalente eletrônico. A Medida Provisória 873, publicada no Diário Oficial da União (DOU) no dia 1º desse mês, também proíbe o desconto, relativo a um dia de trabalho, diretamente na folha de pagamento do empregado. O texto vale imediatamente, mas precisa ser aprovado pelo Congresso em até 120 dias para se tornar lei.

O objetivo da Medida Provisória é esclarecer a natureza facultativa da contribuição sindical e restabelecer o direito dos trabalhadores, que precisam manifestar a vontade de contribuir por meio de autorização prévia, individual e por escrito. A medida também anula regras ou cláusulas normativas que fixam a compulsoriedade ou a obrigatoriedade de recolhimento a empregados ou empregadores, ainda que referendadas por negociação coletiva, assembleia geral ou outro meio previsto no estatuto da entidade

De acordo com a MP, o boleto bancário será encaminhado à residência do empregado ou, na hipótese de impossibilidade de recebimento, à sede da empresa. Caso o trabalhador não tenha autorizado o desconto, fica proibido o envio do boleto.

Manchetes dos principais jornais do país

O Globo
Ex-candidata do PSL reforça denúncia contra ministro

Folha de São Paulo
Atual ou ex cometem 71% de feminicídios e tentativas

O Estado de São Paulo
Democracia depende de militares, diz Bolsonaro

Jornal do Commercio
Procura-se autor das picadas de agulha

Diário de Pernambuco
Mais de 100 vítimas das agulhadas

Folha de Pernambuco
Central recebe denúncias de ataques com agulha

LEIA MAIS

Estudantes têm até hoje para participar da lista de espera do ProUni

A lista de espera vale apenas para os cursos indicados na hora da inscrição. Cada participante pôde escolher até duas opções. 

Hoje (8) é o último dia para participar da lista de espera do Programa Universidade para Todos (ProUni). Aqueles que se inscreveram no programa, mas ainda não garantiram uma bolsa de estudo nas instituições particulares de ensino, podem  manifestar interesse, na página do programa.

Podem participar da lista de espera, apenas para a primeira indicação de curso, aqueles estudantes que não foram selecionados nem na primeira, nem na segunda chamada regular do programa. Aqueles que foram selecionados na segunda opção, mas cuja turma não foi formada, podem também se inscrever apenas para a primeira opção.

Para a segunda indicação de curso podem participar da lista de espera apenas aqueles cuja turma da primeira opção não foi formada, independentemente de terem sido selecionados nas chamadas regulares.

LEIA MAIS

Governo exigirá cadastro de famílias que optem por ensino domiciliar

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, durante entrevista à Empresa Brasil de Comunicação (EBC). (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)

A medida provisória a ser enviada ao Congresso Nacional para regulamentar a educação domiciliar no país vai definir ações de acompanhamento e fiscalização dessa modalidade de ensino. Em entrevista à Empresa Brasil de Comunicação (EBC), a ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, disse que as famílias que optarem pelo ensino domiciliar serão cadastradas, e as crianças vão passar por avaliações periódicas.

A intenção é que esses estudantes também possam ser inseridos em atividades culturais e esportivas, mesmo não frequentando a escola.

“Não vai ser uma coisa solta. As famílias que estão optando pelo ensino domiciliar serão cadastradas, a escola vai saber, o Ministério da Educação vai saber, o Ministério da Família vai saber. Vamos ter a fiscalização, o controle, as crianças serão visitadas e elas passarão por avaliações”, afirmou Damares.

LEIA MAIS

Mega-Sena paga quase R$ 80 milhões a uma única aposta

(Foto: Ilustração)

Na quarta-feira (6) um único bilhete foi o vencedor do sorteio 2131 da Mega-Sena, e o(a) apostador(a) vai embolsar o prêmio de R$ 78.938.208,62. A aposta foi feita em Gravataí, no Rio Grande do Sul.

Segundo a Caixa Econômica Federal, os números sorteados no Caminhão da Sorte, em Itupeva, São Paulo, foram 02 – 03 – 06 – 18 – 20 – 28.

Ainda de acordo com a Caixa, 414 apostas acertaram cinco dezenas e faturaram a Quina, que pagará R$ 9.335,09. A Quadra saiu para 16.733 apostadores, que receberão R$ 329,94. O próximo concurso da Mega-Sena será realizado no sábado, com prêmio estimado em R$ 3 milhões.

Eleitor faltoso já pode regularizar situação para evitar cancelamento do título

(Foto: Internet)

Começou nesta quinta-feira (7) o prazo para quem não votou nem justificou a falta em pelo menos três votações seguidas regularizar sua situação. Para isso, é preciso pagar as multas referentes às ausências, bem como comparecer a um Cartório Eleitoral para apresentar, além do título, um documento com foto e um comprovante de residência.

Para somar as três faltas, são contados também os turnos de votação. Também são contadas as eleições suplementares, convocadas quando o pleito oficial é anulado devido a irregularidades. Segundo informações do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), mais de 2,6 milhões de pessoas podem ter o título cancelado caso não resolvam a situação.

Os nomes dos faltosos começaram a ser divulgados em 20 de fevereiro e podem ser consultados nos cartórios eleitorais de todo o país. O prazo para a regularização vai até 6 de maio.

LEIA MAIS

Manchetes dos principais jornais do país

O Globo
Com Marielle presente, Mangueira é campeã

Folha de São Paulo
Ministro me chamou para ser laranja e desviar dinheiro, diz candidata do PSL

O Estado de São Paulo
Equipe critica e Bolsonaro tenta explicar tuíte no carnaval com conteúdo obsceno

Jornal do Commercio
O vídeo da polêmica

Diário de Pernambuco
CNBB defende foco nos mais pobres

Folha de Pernambuco
Hora de acertar as contas com o Leão

LEIA MAIS

Começa prazo para participar da lista de espera do ProUni

Podem participar da lista de espera para a segunda opção de curso apenas aqueles cuja turma da primeira opção não foi formada.

Começa hoje (7) o prazo para participar da lista de espera do Programa Universidade para Todos (ProUni). Aqueles que se inscreveram no programa, mas ainda não garantiram uma bolsa de estudos nas instituições particulares de ensino, podem  manifestar interesse, na página do programa, até amanhã (8).

A lista de espera vale apenas para os cursos indicados na hora da inscrição. Cada participante pôde escolher até duas opções. A relação dos candidatos participantes da lista de espera estará disponível para consulta pelas instituições no dia 11 de março.

Podem participar da lista de espera, apenas para a primeira opção de curso, aqueles estudantes que não foram selecionados nem na primeira, nem na segunda chamada regular do programa. Aqueles que foram selecionados na segunda opção, mas cuja turma não foi formada, podem também se inscrever apenas para a primeira opção de curso.

LEIA MAIS
12345