Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Defensoria Pública irá ao Distrito de Maniçoba, em Juazeiro, dia 9 de julho atender moradores

(Foto: Reprodução/ Internet)

No próximo dia 9 de julho os moradores do distrito de Maniçoba, em Juazeiro (BA), terão acesso a orientações jurídicas em diversas áreas, exames gratuitos de DNA para investigação e reconhecimento de paternidade e resolução extrajudicial de conflitos. Tudo de graça. O Projeto é da Defensoria Pública do Estado da Bahia.

A Unidade Móvel da entidade atenderá aos moradores em frente à Escola 2 de Julho, das 8 às 12h e das 13h30 às 16h. A proposta da Unidade Móvel é ampliar o atendimento da Defensoria Pública e fazê-la chegar à população das comarcas que ainda não têm defensor público. Durante todo o dia, os defensores públicos estarão à disposição da população oferecendo diversos serviços.

 “Procuramos garantir os direitos da população através da resolução extrajudicial de casos como alimentos, inventário, divórcio consensual, retificações de registros de nascimento e casamento, regulamentação de visitas e guardas dos filhos, partilha de bens, medidas relacionadas à saúde e regularização de débito de pensões alimentícias”, explica o defensor público que coordena a Unidade Móvel, Marcus Vinícius Lopes de Almeida.

 Além de todos estes serviços, a Defensoria oferece exames de DNA gratuitos, que fazem parte da Ação Cidadã Sou Pai Responsável e são voltados para aqueles filhos que ainda não têm o nome do pai no registro de nascimento.

Entre os documentos básicos que precisam ser apresentados no atendimento estão RG, CPF, comprovante de residência, certidão de nascimento dos filhos (se tiver) e todos os documentos necessários para a resolução da demanda.

 Inaugurada em 2016, a Unidade Móvel de Atendimento leva a Defensoria Pública para mais perto de quem precisa, facilita o acesso à justiça e oferece toda a orientação necessária para que os cidadãos em situação de vulnerabilidade possam ter seus direitos garantidos. Além de alguns bairros de Salvador, a Unidade Móvel percorre, principalmente, o interior do estado e em um ano e meio de atividades já visitou mais de 30 cidades e atendeu a mais de 18 mil pessoas.

Deixe uma resposta