Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Gabriel Menezes abre mão de reeleição, alfineta vereadores que não têm profissão e propõe fim do voto a quem tem mandato

Vereador afirma que não será candidato à reeleição em 2020

O vereador Gabriel Menezes está ‘desde a última campanha eleitoral’ propondo uma campanha para que os eleitores, diante de tanta corrupção, não votem mais em quem detêm mandato, pois, segundo o edil, muitos fazem da política profissão e vivem exclusivamente dela.

Sem meias palavras, Gabriel alfinetou até mesmo alguns colegas da Câmara Municipal de Petrolina, afirmando que muitos não têm uma atividade provisional fora da política. “Até mesmo aqui nessa Câmara, quantos não têm uma atividade, por mais simples que seja, lá fora? Eu graças a Deus tenho a dizer que tenho 35 anos que vivo do rádio, que vivo dos meus eventos. Então, isso me choca, não adianta a gente ficar estarrecido, ficar revoltado com essas malas de dinheiro que aparecem, com tanta corrupção, com tantas denúncias e a gente não trocar esses atores ano que vem”, disse.

Ao contrário do que acontece com os cargos executivos, em que os detentores de mandato têm direito apenas a uma reeleição, o vereador questiona por que no legislativo não existe limite de mandatos. “Sempre me chocou bastante o fato de discutirem uma reforma política e ninguém levantar a questão da reeleição. Eu sempre me perguntei por que é que o executivo tem uma reeleição, enquanto os vereadores, deputados e senadores ficam eternamente na política? A política do Brasil virou emprego para muita gente, quantos estão nela, vivendo apenas dela, exclusivamente dela?”

Para reforçar a campanha, “faça você a mudança, não reeleja ninguém”, divulgada nas redes sociais, Gabriel garante que não será mais candidato a vereador. “Eu tomei a decisão de não votar mais em ninguém que esteja no mandato, a gente precisa aproveitar essa chance de renovação, de oxigenação da política brasileira, em todas as esferas e vale para mim, quero dizer sim, eu posso me candidatar a qualquer outro cargo, agora a vereador de Petrolina em 2020, podem anunciar não serei candidato”, afirmou.

Deixe uma resposta