Garoto desaparecido em Petrolina pode estar com pai que sofre de problemas mentais

Família apela por informações sobre o paradeiro do menino. (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Edivanilson Laranjeira Dias, de 12 anos, está desaparecido desde a última terça-feira (7). O garoto, mora no Residencial Nova Petrolina com a mãe, que está desesperada à procura do filho. Em entrevista ao Blog Waldiney Passos, Ana Paula contou o sofrimento que está passando.

Segundo Ana Paula, na terça-feira (7), às 12h30, o menino saiu de casa, entrou no ônibus escolar, como de costume, e foi para a Escola Municipal Nossa Senhora Rainha dos Anjos, onde estuda, na Cohab Massangano. Ela conta que pouco antes das 17h30, horário de saída, houve um apagão na escola e os alunos foram liberados.

Todas essas informações foram repassadas por familiares de Edivanilson Laranjeira Rodrigues de Lima, pai do garoto, suspeito de ter encontrado o filho na escola e desaparecido com ele, desde então. Os pais do menino estão separados há cinco anos. Segundo Ana Paula, o ex-companheiro sofre de problemas mentais, o que deixa a família ainda mais aflita.

“Tudo indica que que o pai do meu filho, meu ex-companheiro, está tendo surtos, pegou ele na escola e fugiu com ele. Qualquer informação, se alguém viu meu filho, entre em contato comigo, vocês estarão ajudando uma mãe desesperada”, disse Ana Paula.

Sobre o desaparecimento do garoto, a mãe já registrou um Boletim de Ocorrência na Delegacia de Polícia Civil, no bairro Ouro Preto. Informações sobre o paradeiro de Edivanilson podem ser passadas para a família do garoto, através do número: (87) 98807-9303.

Deixe uma resposta