Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

II Congresso de Artes, Ensino e Pesquisa da Univasf está com inscrições abertas para minicursos e oficinas

(Foto: Internet)

Com o tema “Transformar para Resistir”, o Colegiado de Artes Visuais (Cartes), da Universidade do Vale do São Francisco (Univasf) realiza o II Congresso de Artes, Ensino e Pesquisa (Conartes) e o III Encontro do Observatório da Formação de Professores no Âmbito do Ensino de Artes. A programação acontecerá no Complexo Multieventos, no Campus Juazeiro (BA), entre os dias 3 e 6 de julho, e está com inscrições abertas para minicursos e oficinas. O Congresso é voltado para estudantes, professores e profissionais da arte. Os interessados podem se inscrever até o dia 30 de junho.

Para efetivar a inscrição é necessário enviar um e-mail para o endereço eletrônico congressoconartes@gmail.com, informando o nome completo, instituição vinculada, o minicurso que deseja participar e o comprovante de pagamento. A taxa de inscrição varia entre R$ 50,00 e R$ 100,00, a depender da graduação do congressista. As vagas para participar dos minicursos são limitadas.

Os minicursos e oficinas ofertados são “O audiovisual na escola”, “Intervalo – Fluxos contínuos”, “Estudo sobre Composição Rítmica na Cena Teatral”, “Tecendo teias no processo de criação”, “Oficina de palhaçaria: compartilhando risos”, “Oficina PETECA – Pedagogias do Teatro no Cariri”, “Estratégias para a Educação Musical Inclusiva”, “Apreciação Musical: reflexões e práticas para o currículo de música da escola básica”, “Choros Brasis: Historia, Teoria e Prática do Choro” e “Residência Artística- Coletivo Liquida-Ação/UERJ”.

programação do II Conartes ainda abrange simpósios, mesas redondas, lançamento de livros e apresentações culturais. Para coordenadora do Colegiado de Artes Visuais (Cartes) da Univasf, Janedalva Gondim, a programação desta edição visa fortalecer o campo profissional da arte na região. “A expectativa é fortalecer a rede de professores e profissionais da Arte com o intuito de reivindicar das esperas municipais, estaduais e federais mais políticas educacionais e culturais para as artes”, finaliza Janedalva.

Deixe uma resposta