Lucinha Mota nega politicagem em sua luta e confirma pré-candidatura a vereadora

Lucinha criticou a Câmara por receber o advogado de Alisson. (Foto: Jean Britto)

A mãe da garota Beatriz, Lucinha Mota, esteve na manhã dessa terça-feira (08) na Câmara de Vereadores de Petrolina para protestar contra a presença, na tribuna da Casa, do advogado Wank Medrado, que defende o suspeito de apagar as imagens das câmeras de segurança do Colégio Maria Auxiliadora Henrique.

Questionada sobre o posicionamento de alguns vereadores da Casa Legislativa afirmando que a luta de Lucinha teria se tornado política, já que ela se candidatou a Deputada Estadual nas últimas eleições, a mãe de Beatriz disse ter apelado para a política por não ter representatividade dentro do município e confirmou que vai se candidatar ao cargo de vereadora nas próximas eleições.

“Eles sabem que eu nunca me manifestei politicamente. Coloquei meu nome nas eleições ano passado porque não tinha representatividade dentro do município. Não tenho relações políticas com ninguém, não tenho rabo preso com ninguém. Coloquei meu nome e vou colocar de novo porque tem alguém que tem coragem para vir aqui denunciar essas omissões do nosso município”, afirmou.

Lucinha ainda criticou a Casa Legislativa por receber o advogado de Alisson. “Por que a Câmara de Vereadores de Petrolina está cometendo essa imoralidade com a sociedade? Isso é uma falta de respeito com a imagem de Beatriz. Essa imoralidade é com dinheiro público”, disse.

Deixe uma resposta