Motivo de polêmica na semana passada, Moção ao BIEsp será apreciada nessa terça-feira

Moção será votada nessa terça-feira (Foto: Divulgação/ SDS)

Na última terça-feira os vereadores de Petrolina aprovaram uma Moção de Solidariedade a Gilmar Santos (PT), que foi algemado e levado à Delegacia de Polícia Civil durante a confusão formada no CÉU das Águas, no bairro Rio Corrente. Naquela ocasião, Elias Jardim (PHS) havia ido de encontro aos edis.

LEIA TAMBÉM:

“Não retiro nenhuma palavra que falei no áudio”, afirma Elias Jardim sobre caso envolvendo Gilmar Santos e 2º BIEsp

Vereadores aprovam Moção de Solidariedade a Gilmar Santos, mas Elias Jardim se abstém

Gilmar Santos critica truculência de policiais; PM rebate e diz que agentes foram agredidos

Na mesma sessão ele apresentou verbalmente um pedido de Moção de Aplausos aos soldados do 2º Batalhão Integrado Especializado (BIEsp), fato que gerou críticas dos membros da Situação, inclusive da Bancada Evangélica.

Passada uma semana, Elias apresenta hoje (3) a Moção ao BIEsp, mas pelo serviço prestado à sociedade petrolinense. Ainda nessa semana o comandante da corporação deverá participar da sessão, para fazer um balanço das ações da Polícia Militar na cidade.

Deixe uma resposta