Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Sport perde para o Salgueiro na estreia do Pernambucano

Salgueiro futebol

Pode paracer paradoxal, mas o Sport estreou com derrota no Campeonato Pernambucano muito mais porque foi deficiente no ataque do que na defesa. É óbvio que o gol da vitória do Salgueiro por 1×0, neste domingo (31), no Cornélio de Barros, saiu por um erro de marcação no miolo da zaga, mas os visitantes tiveram a bola mais tempo em seus pés só que sem conseguir mandá-la com qualidade para o ataque.

Com os reforços, de última hora, do chileno Mark González e do lateral-direito Maicon da Silva, o técnico do Sport, Paulo Roberto Falcão, acionou os dois de imediato, com Maicon fazendo o atacante pelo lado direito. Mas a solução para os rubro-negros estava mais na estratégia de jogo do que na individualidade. Um gramado irregular e a marcação forte do Carcará fizeram o time da Capital apelar para a bola longa. Quando ela chegava, era sempre em dificuldade e, por isso, os rubro-negros não conseguiam o passe final.

Do outro lado, o Salgueiro trocou bolas com um pouco mais de frequência, principalmente aproveitando algumas saídas erradas de Serginho. E dessa foi forma chegou mais perto do gol de Danilo Fernandes. Tanto que aos 12 minutos Tamandaré cruzou da direita. Matheus Ferraz e Anderson Lessa passaram batidos e a bola encontrou Cássio livre de marcação. Ele teve apenas o trabalho de empurrar para o gol.

O prejuízo não mudou a postura do Sport. E o que poderia ser confundido com afobação era apenas limitação a uma forma de jogar. Maicon da Silva tentou ser mais produtivo deslocando-se da direita para o meio, atitude que González não repetiu. Rithely avançou para aumentar a superioridade numérica no campo ofensivo, mas o passe final continuou falhando. Berger ainda daria um susto aos 40 minutos ao receber um lançamento de Daniel e chutar à direita.

Na volta para o segundo tempo os dois times mostraram menos intensidade, mas os erros do Sport se repetiram. Algo diferente só aconteceu aos 12 minutos quando Mark González saiu da esquerda para o meio e, numa tabela com Túlio de Melo, sofreu falta perto da área. Ele ainda conseguiu finalizar, à direita. Foi bom? Sim. Talevz um caminho que os rubro-negros pudessem encontrar para tentar o empate. Mas depois disso, a jogada não se repetiu, embora Mark tenha realmente se posicionado mais no meio. Na jogada, ensaiada, Túlio chutou rasteiro e a bola desviou em Everton Felipe

A partir dos 15 minutos, os dois técnicos começaram as mudanças. Falcão tentou mais posse de bola no setor ofensivo ao colocar Wallace no lugar de Samuel Xavier. Ele jogou ao lado de Túlio de Melo, enquanto Maicon foi para a lateral direita. Depois, o prata da casa Fábio foi para o lugar de Everton Felipe e Luiz Antônio entrou no posto de Serginho. A posse de bola do time visitante aumentou mas o lado direito ficou órfão de um ponta.

González voltou para a esquerda e só criou algo aos 34 num belo cruzamento para Túlio de Melo cabecear e Luciano fazer grande defesa. O Carcará, já sem Adernson Lessa, Rafael Berger e Cássio, seu tripé, limitou-se apenas a se defender e mandar chutões para o campo do Sport. Nos acréscimos, o goleiro Luciano manteve-se em campo – até porque não poderia mais ser substituído – com uma luxação no punho esquerdo. Mesmo com o goleiro machucado os rubro-negros não arriscaram chutes de média e longa distância.

Ficha do jogo:

Salgueiro: Luciano; Tamandaré, Ranieri, Rogério e Daniel; Moreilândia, Rodolfo e Cássio (Lucas Piauí); Anderson Lessa (Toty), Berger (Jaíldo) e Lucas Piauí. Técnico: Sérgio China.

Sport: Danilo Fernandes; Samuel Xavier (Wallace), Matheus Ferraz, Durval e Renê; Rithely, Serginho (Luiz Antônio) e Everton Felipe (Fábio); Maicon da Silva, Túlio de Melo e Mark González e Túlio de Melo. Técnico: Paulo Roberto Falcão.

Pernambucano 2016. Local: Cornélio de Barros, em Salgueiro. Árbitro: Gilberto Castro Júnior. Assistentes: Clóvis Amaral e Elan Vieira. Gols: Cássio, aos 12 do primeiro tempo. Cartões amarelos: Renê, Cássio e Rogério.

Com informações do NE10

Correios abrem edital para oferecer serviço de telefonia celular

celular direção

Os Correios abriram concorrência para empresas interessadas no projeto de exploração do serviço de telefonia móvel por meio de rede virtual. A estatal escolherá uma operadora de celular como seu representante. A empresa selecionada oferecerá o serviço com chip da marca Correios.

Após a abertura das propostas, que devem ser apresentadas até o dia 17 de março, todas as empresas poderão fazer novos lances. Os Correios avaliarão as propostas considerando o somatório do maior valor de remuneração dos chips pré-pagos e do maior percentual de comissão pela venda de recargas realizadas. O valor mínimo previsto para a operação pretendida é de R$ 282 milhões, para um período de cinco anos.

Nessa operação, os Correios usarão a infraestrutura de telecomunicações da operadora selecionada. Para concorrer, a operadora deve estar presente em pelo menos 50% dos municípios brasileiros.

Zelador diz que Lula não aparece mais no triplex

marisa leticia lula

O zelador do condomínio Solaris, no Guarujá, litoral sul de São Paulo, José Afonso Pinheiro, de 46 anos, ao jornal O Estado de S.Paulo que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não aparece no prédio desde que se tornou pública a informação de que ele e sua mulher, Marisa Letícia, são cotistas de um tríplex com vista para o mar.

Pinheiro foi uma das figuras ouvidas pelo Ministério Público de São Paulo, que investiga suspeitas de que o ex-presidente seria o proprietário do imóvel. O tríplex foi o alvo central da 22.ª fase da Operação Lava Jato, deflagrada na quarta-feira passada e batizada de Triplo X.

A nova etapa da força-tarefa da Lava Jato investiga supostas irregularidades envolvendo, além de todos os apartamento do condomínio Solaris, a empreiteira OAS e a extinta Cooperativa Habitacional dos Bancários de São Paulo (Bancoop).

‘Falatório’

“Lula vinha aqui com frequência. Vinha com a dona Marisa. Mas parou de vir quando começou esse falatório sobre o apartamento dele”, disse o zelador, que trabalha no condomínio desde 2013. À Promotoria paulista, o funcionário disse que era orientado por um empregado da empreiteira OAS a não dizer que o imóvel pertencia ao ex-presidente Lula, mas, sim, à construtora.

O zelador afirmou ainda que as idas de Lula ao Solaris eram discretas e que o contato do ex-presidente com os funcionários do condomínio era feito por meio da ex-primeira-dama.

Quadros

O comerciante Fernando Fernandes, de 50 anos, afirmou que o irmão, que é dono de um apartamento na mesma torre onde fica o tríplex, disse que a mulher de Lula chegou carregando quadros para o apartamento em meados de 2014. “Ela apareceu com quadros aqui. E fizeram como sempre: seguranças cercavam o elevador e ninguém via nada.”

Fernandes também comentou sobre a quantidade de pessoas que começaram a tratar o condomínio como uma espécie de ponto turístico do Guarujá. A reportagem esteve no endereço do condomínio Solaris por cerca de três horas – durante esse período, várias pessoas fotografaram o prédio. “A gente se sente constrangido”, afirmou Fernandes.

“Vou tirar foto para esculhambar o Lula na internet”, afirmou Angélica Rodrigues Salmeron, de 38 anos, que passeava com a mãe pelo calçadão da praia. “É um acinte dizer que pagou R$ 47 mil em um apartamento em frente para o mar.”

Três banhistas também tiraram foto antes de ir à praia e manifestaram indignação. “A gente fica indignada com a ostentação. Lula não dizia que não tinha comprado nada? Que era o mais honesto?”, questionou Regina Sales, de 56 anos, antes de ir para a praia. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Permita-se sentir

amor

Hoje, uma frase ecoou pela minha cabeça o dia inteiro. Sabe aquele tipo de música chiclete que gruda na gente e não quer sair por nada nesse mundo? Então. Foi assim desde que li “permita-se sentir”. Aquilo me sacudiu por dentro. Foi como se alguém estivesse apontando o dedo na minha cara e me obrigando a abrir as cortinas para deixar o sol entrar aqui dentro do peito.

Uma frase tão curta, tão simples, mas de um significado tão grande… Se permitir sentir. E foi aí que eu me vi como uma jaula de sentimentos bons. Me enxerguei como alguém que estava mantendo em cárcere privado o bem-quer. Que tinha sequestrado o amor e só queria como resgate a garantia de que não fosse doer. De novo.

A vida estraga a gente. Ou melhor, as situações que experimentamos. Vamos amadurecendo, ou pior, criamos medo de viver por receio da próxima decepção. Da próxima desilusão. É que a dor de um coração partido não é física, não é aparente, vai além de tudo isso. É um corte de navalha na alma. Que apesar de não sangrar vermelho, tem cor do sabor amargo de lágrima. E só quem sente é capaz de perceber. De notar. De fazer sarar.

E eu fiz. Custou muito, mas hoje já me sinto inteiro novamente. Carrego comigo algumas cicatrizes que soam como um troféu de guerra. Que servem para mostrar para mim mesmo que eu já estive num campo de batalha, duelei contra gigantes, mas saí vitorioso. Venci um amor. Mas não estava preparado para o golpe de misericórdia – me apaixonei por você.

Engraçado, uma frase tão curta, tão simples, mas de um significado tão grande, que grudou em mim e me fez perceber que – amores impossíveis nascem na gente para provar que ainda é possível amar alguém. E eu sorri pensando nisso. Quando, em toda a minha história, achei que fosse sorrir depois de chegar à conclusão de que havia me apaixonado de novo por alguém?

Mas você não é “qualquer alguém”. É um sentimento platônico que eu quis cultivar. Que eu quis ver florescer sem sequer perceber. Sem notar que aquilo crescia em mim com uma força absurda. Que seguia na contramão das chances de ter seus beijos, suas mãos nas minhas, seus olhos fechados encostando em minha pele. Me fazendo arrepiar… É. Eu sei que não vai dar. Que é viagem da minha cabeça.

Um louco, recém-apaixonado, que te envia tarde da noite uma mensagem, se declara, mas se auto-responde com um sonoro não. Eu sei que você vai rir. É o mínimo que pode fazer a essa altura do campeonato. Mas, se me permitir te dizer mais algumas coisas, quero te fazer um último pedido: Eu sei que a hora não é boa. Sei também que o nosso encontro não era para agora. Mas… me deixa sentir. Não me obriga a matar isso que carrego dentro de mim. Ainda que não seja recíproco, me permite reaprender a sentir.

Eu sei que não vai dar. Que não existem chances reais de sermos um casal. Mas jurei tanto para Deus e para mim mesmo que nunca mais amaria alguém, que quero agora ir até o fim. Passar por todas as etapas, ciclos, sair fechando todas as portas. Quero que dessa vez esse amor passe sem doer, para varrer todos os traumas que outras paixões me deixaram.

Sei que parece piada, mas quero te usar como remédio para a minha alma rasgada. Sei que é possível vencer mais essa batalha. Esperar a hora certa de uma outra chegada, para que juntos, eu e essa outra pessoa, possamos celebrar o reencontro de um amor que já tinha hora marcada.

Se não for pedir demais, se não tem a intenção de me guardar perto dos sentimentos bons que você também carrega por aí, não me oferece nada. Nem compaixão. Eu só preciso ir até o fim para provar para mim mesmo que sou capaz. No mais, queria que você ficasse sabendo. Para que isso ficasse ainda mais claro para mim mesmo. Estou apaixonado. É impossível. Mas é a minha chance de reaprender a sentir. Ainda que sem ti.

Matheus Rocha – Blog EOH

Dilma vai promover campanha na TV e nas escolas para combater o Aedes aegypti

DILMA FLORESTA

Após dar início a uma campanha de mobilizações contra o mosquito Aedes aegypti, que transmite os vírus da dengue, chikungunya e Zika, a presidenta Dilma Rousseff fará um apelo nas próximas semanas a diferentes atores da sociedade civil no combate ao inseto. O objetivo é sensibilizar lideranças para que se envolvam no que a presidenta tem chamado de “guerra” para eliminar todos os focos do mosquito.

O governo está preocupado com o aumento do número de casos de microcefalia, malformação no cérebro de recém-nascidos, e que tem relação com o vírus Zika. Na última quarta-feira (27), foram confirmados o nascimento de 270 crianças com microcefalia no país, e a existência de mais de 3.400 casos suspeitos. Na última semana, teve ínicio um calendário de limpeza de órgãos públicos, que terão periodicamente o Dia da Faxina, para eliminar criadouros do mosquito. Além disso, 220 mil militares vão visitar casas e orientar moradores em 356 cidades no próximo dia 13.

O Palácio do Planalto acredita que a principal estratégia é conscientizar a população, e que se as pessoas não colaborarem, o trabalho do governo vai ficar ainda mais difícil. Apesar de a presidenta ter dito, nessa sexta-feira (29), que “não pode faltar dinheiro” e que “não haverá contingenciamento” de recursos para o combate “que é uma questão de saúde pública”, a avaliação interna é de que as verbas para a publicidade não são suficientes para passar a mensagem de combate ao mosquito, já que tem alcance limitado.

LEIA MAIS

Salgueiro enfrenta Sport dentro de casa na estréia do Pernambucano neste domingo

Sérgio China, técnico do Salgueiro (Foto: Emerson Rocha)

O Salgueiro enfrenta o Sport neste domingo (31), às 16h, no estádio Cornélio de Barros, no calor do Sertão, pela primeira rodada do Hexagonal do Título. O Carcará foi o algoz do Leão nas semifinais do Estadual do ano passado.

E para esse reencontro, o Sport não terá em campo o reforço mais caro de sua história. É que a diretoria não conseguiu regularizar a tempo o atacante colombiano Reinaldo Lenis (ex-Argentinos Juniors), que custou cerca de R$ 3,2 milhões ao clube. Pelo mesmo problema, o técnico Paulo Roberto Falcão também não poderá contar com o zagueiro colombiano Henríquez e o atacante Johnathan – ambos iniciariam o confronto no banco de reservas. Em compensação, o meia chileno Mark González e o lateral-direito Maicon (atuará improvisado como ponteiro) tiveram seus nomes publicados no BID e vão para a partida.

Nos últimos três treinos no Recife, Falcão proibiu a entrada da imprensa e fez mistério quanto ao time que pretende mandar a campo. Testava formação alternativas, sem os atletas que aguardavam regularização. “Não é fácil substituir quem vai ficar de fora, mas quem entra tem condições de desempenhar bem a função”, afirmou o comandante leonino.

Sem Lenis, Falcão deve optar por Maicon aberto na direita. O setor ofensivo terá González na esquerda, com Túlio de Melo centralizado na área. O meio-campo será formado por Rithely, Serginho e Everton Felipe. Já o sistema defensivo é exatamente o mesmo da temporada passada, com Danilo Fernandes, Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Durval e Renê.

Mais do que os desfalques ou o calor do Sertão Pernambucano, Falcão mostrou preocupação com o estado do gramado do estádio Cornélio de Barros. “Temos que ver como está o campo lá em Salgueiro. O gramado influencia, porque às vezes não permite que uma equipe coloque em prática o seu jogo. Sei que vamos enfrentar campos muito ruins e isso é uma coisa que eu critico muito”, disse Falcão, que fez elogios ao Carcará. “O que eu conheço do Salgueiro é que é o time que tirou o Sport da final do ano passado. Isso é a maior credencial. É um time que precisa ser respeitado por sua qualidade”, completou.

Fonte: JC

Postado por Jean Brito

Assentamentos e territórios baianos são mapeados para implantação de agroindústrias 

agricultura-familiar_2-448x300

Oitos profissionais da assessoria técnica do Incra estão mapeando a aptidão produtiva e técnica de assentamentos baianos para implantação de 171 agroindústrias.

A equipe faz parte de uma força-tarefa que, desde o dia 18 de janeiro, realiza visitas a 60 assentamentos. A ação terminou nesta sexta-feira (29) e será retomada, de 15 a 29 de fevereiro, para analisar mais áreas de reforma agrária.

A iniciativa é da extensão rural prestada ao Incra por meio da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), do governo do estado. Já as agroindústrias integram um convênio firmado entre o Incra e o governo do estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), com execução da CAR.

Em três anos, o investimento do Incra será de R$ 50 milhões e do governo baiano de R$ 10 milhões. A estimativa é que as unidades atendam 16 mil agricultores familiares e assentados.

Para o mês de fevereiro, o planejamento vai atender assentamentos situados nos territórios de Costa do Descobrimento, Extremo Sul, Oeste, Bacia do Rio Corrente, Piemonte do Itapicuru, Velho Chico, Irecê, Sisal, Semi Árido Nordeste II e Sertão São Francisco.

Fonte: Ascom/Incra/BA

Postado por: Jean Brito

150 cursos de qualificação profissional serão oferecidos em Petrolina a partir desta segunda

Cursos profissionalizantes Pe
A partir desta segunda-feira (02) a cidade de Petrolina (PE) ofertará cursos de qualificação profissional nas seguintes áreas: Confecção de Boneca Negra, Peças em Madeira, Peças íntimas, Festas Infantis, Confecção de Peças em Couro e Fabricação de Ovos de Páscoa.

De acordo com informações das Secretarias de Cidadania e Executiva de Juventude e Qualificação Profissional, serão ofertadas 150 vagas. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas nas comunidades que ministrarão os cursos.

Para fazer a inscrição que começam nesta segunda-feira, 2, os interessados devem ter em mãos os seguintes documentos: Originais e cópias dos documentos pessoais (RG e CPF), comprovante de residência e duas fotos 3×4.

Confira a baixo os locais de inscrições para cada curso bem como o número de vagas:

Boneca Negra, local – Ilha do Massangano, Vagas: 25 vagas
Peças em Madeira, local, Cras do João de Deus: 20 vagas
Confecção de Peças íntimas, local, Cras do Rio Corrente: 15 vagas
Festas Infantis, local, Cras do N-7-25 vagas
Confecção de Peças em Couro, local, Central de Cursos na Secretaria Executiva de Juventude e Qualificação: 15 vagas;
Fabricação de Ovos de Páscoa, local: Escola de Alimentos na Cohab Massangano: 50 vagas.

Com informações da Sedest

Postado por Jean Brito

Estudantes selecionados no ProUni têm até segunda-feira para fazer matrícula

Prouni

Os candidatos selecionados para uma bolsa do Programa Universidade para Todos (Prouni) têm até a próxima segunda-feira (1º) efetuar a matrícula na instituição de ensino. É responsabilidade do estudante verificar nas unidades de educação superior os horários e o local onde deve comparecer para a comprovação das informações prestadas no momento da inscrição.

O resultado da primeira chamada do ProUni pode ser acessado na página do programa, na Central de Atendimento, pelo telefone 0800-616161, e nas instituições de ensino participantes.

A segunda chamada será divulgada no dia 12 de fevereiro, e a comprovação das informações dos pré-selecionados nesta etapa deverá ser feita até 18 de fevereiro. Quem não for pré-selecionado em nenhuma das duas chamadas poderá entrar na lista de espera, exclusivamente para o curso correspondente à primeira opção. O interesse em participar da lista de espera deve ser manifestado pelo candidato entre 26 a 29 de fevereiro de 2016, na página do ProUni.

Nesta edição, o programa ofertou 203.602 bolsas de estudos em 30.931 cursos de instituições particulares de educação superior. O número de inscritos foi recorde: foram registrados 1.599.808 candidatos e 3.108.422 inscrições — cada estudante pode fazer, em ordem de preferência, até duas opções de instituição, curso e turno dentre as bolsas disponíveis.

Por meio do programa, estudantes concorrem a bolsas de estudos parciais e integrais em instituições particulares de educação superior, com base na nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Com informações da Agência Brasil.

Militares na guerra contra o Aedes Aegypti em Afrânio-PE

militares-do-exercito-reforcam-acao

Em guerra contra o mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika vírus e chikungunya, o Governo Federal colocou o Exército em campo para combatê-lo em todo o país. No Sertão pernambucano, o município de Afrânio é o primeiro que está recebendo os militares. Uma de 18 soldado do 72° BIMtz chegou ao município para realizar a “Operação Águas Limpas”.

O Exército visitou as casas durante toda a semana, orientando a população sobre as medidas necessárias para eliminar os focos do mosquito. A tropa está Afrânio desde segunda-feira (25) e visitou mil residências até o momento.

Os militares do 72° BIMtz, sediado em Petrolina, receberam capacitação e desde dezembro de 2015 estavam realizando atividades de orientação da população. Os militares também atuam com a identificação e eliminação dos focos do mosquito.

Sport reencontra Salgueiro depois de eliminação precoce em 2015

2015_sport_x_salgueiro_semifinal_560_4No ano passado, o Sport entrou na disputa do Campeonato Pernambucano buscando o bicampeonato. O Salgueiro queria ser o primeiro time do interior a ficar com a taça. Os dois se cruzaram na semifinal e apesar de ter um orçamento bem menor, coube ao Carcará ficar com a vaga na final. A eliminação abriu um período de crise na Ilha do Retiro e a paz só voltou ao local com a boa campanha na Série A do Campeonato Brasileiro. Sete meses depois, quis o destino que os dois se reencontrassem na estreia do Campeonato Pernambucano deste ano. E com objetivos parecidos.

O Carcará, que não foi campeão no ano passado – perdeu a final para o Santa Cruz – segue com a ideia de levar o troféu para o interior pela primeira vez. O Sport, por sua vez, busca retomar o caminho dos títulos e para isso resolveu investir mais do que no início do ano passado, quando fez poucas contratações para o primeiro semestre.

Apesar da lembrança recente de eliminação para o Salgueiro, o tema “revanche” foi descartado durante toda a semana na Ilha do Retiro. Com um time bastante modificado, os jogadores preferiram exaltar o novo ano e esperam reescrever a história com a conquista. Esta será a primeira vez do técnico Paulo Roberto Falcão e de vários jogadores, como os gringos Reinaldo Lenis e Mark González, no Campeonato Pernambucano.

Sem ver o time desde a eliminação na Série C do Brasileiro, em outubro, o torcedor do Salgueiro vai poder matar a saudade da equipe neste domingo, justamente contra um rival que traz excelentes recordações para o Carcará. Se em 2015 o tricolor salgueirenses garantiu a vaga na inédita final do Pernambucano contra o Sport, agora os comandados de Sérgio China querem passar pelo Leão da Ilha para largar bem no estadual.

Educação: Escolas e familiares questionam lei da inclusão plena

Martelo da justiça - lei

A lei da inclusão plena que entrou em vigor, no último dia dois de janeiro, tem gerado discussão entre pais, escolas e especialistas. A nova norma determina que todas as instituições públicas e particulares do país sejam obrigadas a oferecer educação para crianças e adultos com qualquer tipo de necessidade especial sem que para isso sejam cobrados valores adicionais para as famílias.

Para a Confederação Nacional dos Estabelecimentos de Ensino, a Confenen, entidade que representa as escolas particulares, a nova lei não leva em consideração os valores que as escolas, tanto da rede particular como da rede pública, vão ter de gastar para comprar equipamentos, contratar e capacitar profissionais, entre outros.

De acordo com Samuel Lara, presidente da Câmara de Educação Básica da Confenen, em alguns casos, as escolas particulares podem assumir a responsabilidade pelo ensino de alunos com deficiência. No entanto, segundo ele, para determinados tipos de necessidades é indispensável que o estudante com necessidades especiais esteja em uma escola especial. “A exigência de profissionais especializados em diversas áreas, como fonoaudiólogos, nutricionistas, psicólogos, psicopedagogos e outras que serão exigidas para determinadas dificuldades, deveríamos ter, sim, escolas especializadas. Em algumas situações, poderia ser uma escola que daria complementaridade aquilo que o aluno faz na escola particular. Mas, para determinados tipos, o aluno teria que estar exclusivamente em uma instituição de educação especial”, avalia.

Uma ação direta de inconstitucionalidade da Lei da Inclusão Plena, movida a pedido das escolas particulares será analisada ainda neste semestre pelo Supremo Tribunal Federal. A ação, que tramita no STF com pedido de urgência, foi entregue pela Confenen em agosto. O texto afirma que de acordo com o artigo 8 da Constituição, a garantia de uma educação de qualidade aos estudantes com necessidades especiais é de exclusiva responsabilidade do Estado.

A Barbie virou mulher

barbie

Esqueça Marilyn Monroe, Audrey Hepburn e Angelina Jolie. O corpo feminino mais analisado, comparado e envolto em polêmicas em todo o mundo tem sido o da Barbie, desde que a boneca fabricada pela empresa americana Mattel foi lançada em 1959. A forma longilínea, o busto grande, a pele clara, o cabelo bem loiro e a cintura impossivelmente fina serviu como símbolo a ser combatido de uma imposição de figura às mulheres, seja por grupos feministas, contra o preconceito racial, de combate à bulimia e por críticos da cultura de massa.

Bastou, no entanto, uma queda de vendas de 20%, entre 2012 e 2014, para a Mattel promover a maior renovação da linha de produtos de sua boneca, que tem três unidades vendidas a cada segundo no mundo. Na quinta-feira 28, a empresa apresentou uma série de modelos, com medidas, cores de pele e cabelos dos mais diferentes. A maior inovação foi a introdução das Barbies em três formas, batizadas de petite, tall (alta) e curvy (curvilínea). A empresa passou meses apenas para definir os nomes dos tamanhos em diversas línguas, de forma que não causassem ofensas. A tendência tem mudado o mercado de brinquedo.

Na quinta-feira 28, a dinamarquesa Lego apresentou o seu primeiro boneco cadeirante. Se modelos Barbie com cores de peles diferentes já tinham sido lançados pela Mattel nas últimas décadas, agora, além disso, há 24 novos estilos de cabelo, que incluem o enrolado, o ruivo e até o azul. Tudo para não perder um negócio que garante à Mattel vendas anuais de US$ 1 bilhão em 150 países. Em comunicado, a empresa informou que o objetivo é oferecer às crianças “um leque de escolhas que reflete melhor o mundo atual visto por elas”. Na população americana, o tamanho médio da vestimenta das mulheres aumentou do número oito, em 1985, para o 14, atualmente.

Com isso, o mercado plus size de roupas femininas atingiu US$ 17 bilhões de vendas anuais. Dessa forma, a Mattel precisa convencer as mães atuais a considerarem a Barbie um brinquedo adequado para as suas filhas. É um público cada vez mais difícil de conquistar, em especial, as mães da geração milênio, que têm entre seus modelos de feminilidade mulheres mais cheinhas, como Christina Hendricks, Beyoncé e Lena Dunham. “A mãe milênio ainda é parte pequena da nossa base de consumo”, disse à imprensa americana a executiva Evelyn Mazzocco, responsável pela marca Barbie. “Mas reconhecemos que ela é o futuro.”

Fonte: IstoÉ Dinheiro

saiba quais itens são proibidos nas listas escolares

material-escolar-18880

No começo de ano os gastos são grandes, e um dos dos gastos que temos nesta época do ano é com a lista de material escolar. Por isso alguns pais estão se adiantado e já comprando a os materiais escolares do próximo ano. Independente de quando você for comprar o material do seu filho fique atenta aos produtos que as escolas particulares são proibidas de pedirem.

O que pode e o que não pode

TAXA: É abusiva a cobrança de taxa de material escolar sem a apresentação da lista

lista: Pais ou responsáveis pelos alunos têm o direito de conhecer a lista de material antes de assinar o contrato com a escola

ano anterior: É possível solicitar a lista de material do anterior para ter uma base do que é solicitado. É a única forma de os pais evitarem surpresas desagradáveis

MARCA: A escola não pode exigir que os pais comprem itens de uma determinada marca, papelaria ou dentro da instituição

USO COLETIVO: A lista não pode incluir materiais de uso coletivo, como de higiene e limpeza, nem taxas para suprir despesas com água e luz, por exemplo

Na relação estão: álcool, algodão, argila, balde de praia, balões, bastão de cola quente, bolas de sopro, brinquedos, caneta hidrográfica permanente, caneta para lousa, canudinho, carimbo, cartolina, cola em geral, copos descartáveis, cordão, creme dental, pen drives, E.V.A, elastex, envelopes, esponja para pratos, estêncil a álcool e óleo, fantoche, feltro, fita dupla face, durex, fita para impressora, fitas decorativas, fitilhos, flanela, garrafa para água, além de gibis, giz branco e coloridos.

Chuva de granizo foi registrada em 5 cidades de Pernambuco

granizo pernambuco

As fortes chuvas que atingiram o estado na sexta-feira (29), também elevaram os registros de queda de granizo no interior de Pernambuco em apenas dois meses. Foram registrados precipitação das pedras de gelo nos municípios de Pedra, Pesqueira, Garanhuns e João Alfredo, no Agreste, e em Arcoverde, no Sertão.

dessa maneira, sobe para sete o número de municípios atingidos pelo fenômeno. Segundo a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), não há possibilidade de prever a ocorrência desse tipo de precipitação, mas chuvas fortes devem atingir o Sertão nas próximas 24 horas.

A Apac esclarece que a precipitação de granizo é relativamente rara, mas que ocorre entre três ou quatro vezes por ano. A formação do gelo se dá quando as nuvens sobem bastante na atmosfera – e quanto maior a altitude, menor a temperatura -, o que provoca o congelamento dos vapores de água em grandes blocos. Estas pedras, ao cair, vão ganhando velocidade e perdendo massa, normalmente chegando ao solo em tamanho bem reduzido, mas capaz de provocar danos à saúde e às plantações.

Com informações de Diário de PE