Retrospectiva 2015: carnaval sem expressão em Petrolina

Carnaval 2015

Foto ilustrativa

Há quem afirme que o ano só começa no Brasil depois do carnaval, dado ao valor que a festa de momo representa para cultura e economia de algumas cidades do país.

“Em Petrolina, não tem carnaval! Na capital do sertão a festa carnavalesca não se dá o devido valor”, afirmam os apaixonados pela folia.

2015 foi mais um ano em que a festa foi tímida, não foram contratadas grandes atrações, não atraiu os foliões às ruas só deixando frustrações nas expectativas dos que passam o ano esperando o carnaval.

Houve ainda a polêmica da Frevuca que não foi contrata em 2015 para animar os foliões da cidade.

Deixe uma resposta