Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

SEDUC realiza formação sobre os direitos das pessoas surdas em Juazeiro

(Foto: ASCOM)

A Secretaria de Educação e Juventude (SEDUC) realizou, nessa quarta-feira (12), a formação de professores através do tema ‘Os Direitos das Pessoas Surdas’, com a participação da professora surda de Libras da UFRB, Verena Gila Fontes e o professor mestre de Salvador Alex Sandrelanio, formador da Pós-Graduação em Libras. O evento aconteceu no auditório da SEDUC e reuniu professores de Atendimento Educacional Especializado (AEE) da Rede Municipal de Ensino de Juazeiro, professores de Petrolina, Sobradinho, alunos surdos e o público em geral.

De acordo com o professor Alex, o principal foco do encontro foi debater os direitos da pessoa surda de aprender sua própria língua, que é a Libras. “Precisamos resguardar o direito dos surdos de ter um intérprete de Libras, a inclusão da Líbras como disciplina curricular, um instrutor de surdos dentro das unidades escolares, além de pensar em uma escola que seja referência para a educação de surdos. Eu como filho de Juazeiro fico feliz em observar que os  professores de AEE  estão interessados pela temática, percebo que o município pode avançar cada vez mais na escolarização da pessoa surda”, avaliou o professor, que atua em uma instituição especifica de educação de surdos – a AESOS, e atende mais de 160 alunos surdos em Salvador. Já a professora Verena trouxe uma discursão relacionada à Língua Portuguesa como L2 para surdos.

A psicopedagoga da Seduc, Júcia Rodrigues, disse que o evento foi muito esclarecedor e produtivo. “Nós que trabalhamos nessa área precisamos estar sempre nos atualizando, e nada melhor do que receber orientações de profissionais que trabalham diretamente com pessoas surdas, conhecem os desafios, as necessidades e a realidade desse público. A Rede Municipal tem avançado muito na Educação Inclusiva e reconhece que precisa atender cada vez melhor os alunos surdos”, pontuou.

“Foi uma formação muito especial para os professores de AEE e todos que participaram. Nós só temos que parabenizar e agradecer aos intérpretes, a professora Maria José pela intermediação, a professora Verena e ao professor Alex pelos ensinamentos. A Secretaria de Educação e Juventude está empenhada para melhorar cada vez mais o atendimento dos alunos surdos da Rede Municipal de Juazeiro”, afirmou a gerente do Núcleo de Atendimento Psicossocial – NAPSI da SEDUC, Luzinete Helena.

Deixe uma resposta