Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Séria A2: Decisão será adversário do Petrolina na semifinal, primeiro jogo acontece neste domingo (14)

(Foto: Agência CH)

Depois de empatar em 0x0 com a Cabense e se garantir na semifinal, o foco do Petrolina é no domingo (14) quando fará o primeiro jogo contra o Decisão. A partida será realizada no Estádio Paulo de Souza Coelho, às 16h e já tem arbitragem definida.

Em sorteio realizado na tarde de ontem (11), ficou definido que Luiz Cláudio Sobral será o árbitro do jogo, auxiliado por Marcelino Castro de Nazare e Francisco Chaves Bezerra Junior. O quarto árbitro é Hugo Soares Dias Figueirêdo.

O Decisão chegou à final depois de vencer a equipe de Vera Cruz durante a semana, já que havia empatado o primeiro jogo, caminho semelhante ao da Fera Sertaneja, que venceu o primeiro jogo e empatou o segundo.

O 1º de Maio que foi julgado ontem ainda não sabe de disputará as quartas de final, tendo em vista que a Federação Pernambucana de Futebol adiou as partidas com o Íbis.

Petrolina recebe Cabense em busca de uma vaga na semifinal do Campeonato Pernambucano da Série A2

(Foto: Blog Waldiney Passos)

Dono da melhor campanha na primeira fase do Campeonato Pernambucano da Série A2, o Petrolina enfrentará a Cabense na tarde dessa quarta-feira (10), às 16h no Estádio Paulo de Souza Coelho com um objetivo: confirmar sua vaga na semifinal.

A Fera Sertaneja venceu a equipe de Cabo de Santo Agostinho por 1×0, com gol de Douglas no jogo de dia e tem a vantagem no placar na volta. Comandada por Pedro Manta, a equipe ainda não perdeu na competição, somando 6 vitórias (duas por WO) e um empate.

Outro representante da cidade, o 1º de Maio será julgado pelo Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) e a depender da decisão, pode ficar de fora do mata-mata. A equipe deveria ter jogado com o Íbis na semana passada, mas ficou no banco dos réus.

TJD julgará novo processo contra 1º de Maio 

(Foto: Agência CH)

A situação do 1º de Maio no Campeonato Pernambucano da Série A2 se complicou nessa semana. Depois de ser julgado na quinta-feira (4) e isentado de uma denúncia por suposto descumprimento no regulamento da competição, o Azulino voltará ao banco dos réus nesta quinta (11).

Segundo o Boletim nº 052/2018, publicado na segunda-feira (8), contra a equipe petrolinense constam dois processos. O primeiro deles envolve o nome do volante Weslley, expulso na partida contra o Serrano no dia 15 de setembro.

LEIA TAMBÉM:

TJD é favorável ao 1º de Maio que aguarda marcação de partida contra Íbis na Série A2

Weslley foi enquadrado no Artigo 250 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) que trata da prática de “ato desleal ou hostil durante a partida, prova ou equivalente”. Já o segundo item corresponde ao Artigo 214 é contra a diretoria do Azulino, por “incluir na equipe, ou fazer constar da súmula ou documento equivalente, atleta em situação irregular para participar de partida, prova ou equivalente”.

Enquanto estiver no banco dos réus, o 1º de Maio não disputará as quartas de final da Série A2. Na semana passada a equipe deveria ter feito seu primeiro jogo contra o Íbis. Enquanto isso, amanhã (10) o Petrolina recebe a Cabense para o jogo decisivo do mata-mata.

Sem rodada no final de semana, Série A2 volta com jogos decisivos na quarta-feira (10)

A bola não rolou no final de semana em decorrência das eleições em todo país, mas o Campeonato Pernambucano da Série A2 volta nesta quarta-feira (10) com jogos decisivos nas quartas de final. Depois de vencer a Cabense por 1×0 na semana passada, o Petrolina joga diante de sua torcida buscando carimbar a vaga.

A Fera Sertaneja tem a vantagem do placar e o fator torcida pode fazer a diferença no jogo dessa semana. A Federação Pernambucana de Futebol ainda não definiu o horário do jogo, nem a arbitragem. Outra equipe da cidade com vaga no mata-mata é o 1º de Maio.

O Azulino não jogou na quinta-feira (4), mas depois de o Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) rejeitar uma denúncia do Serrano, o time do Atrás da Banca poderá disputar as quartas de final contra o Íbis. O jogo ainda não foi remarcado, mas a primeira partida acontece em casa.

TJD é favorável ao 1º de Maio que aguarda marcação de partida contra Íbis na Série A2

(Foto: Agência CH)

Classificado para as quartas de final da Série A2 do Campeonato Pernambucano o 1º de Maio foi julgado pelo Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) na quinta-feira (4) e poderá disputar o mata-mata, depois de receber decisões favoráveis no julgamento dessa semana.

O Azulino foi julgado em dois processos, o primeiro pelo atraso na partida contra o Petrolina na abertura da competição. No entendimento do TJD, o 1º de Maio teve atraso de apenas 14 minutos e não 34 como foi denunciado e deverá pagar multa de R$ 1.400,00.

O segundo item era o mais preocupante, já que se tratava de uma denúncia feita pelo Serrano a respeito de uma irregularidade no Azulino. O Jumento de Aço acusou a equipe petrolinense de ferir o Regulamento da competição ao contratar seis atletas interestaduais, quando são permitidos apenas cinco.

No entanto, a denúncia foi considerada improcedente. Agora o 1º de Maio aguarda a Federação Pernambucana de Futebol (FPF) agendar a partida contra o Íbis, adiada devido ao julgamento.

Petrolina sai na frente nas quartas de final da Série A2 do Pernambucano

(Foto: Blog Waldiney Passos)

O Petrolina começou as quartas de final do Campeonato Pernambucano da Série A2 com o pé direito. Jogando fora de casa na noite de quinta-feira (4), a Fera Sertaneja volta pra casa com vantagem para o jogo de volta contra a Cabense.

Douglas anotou o único gol da partida, após cobrança de escanteio no primeiro tempo. A Fera segurou a pressão dos donos da casa e viu Fernando defender um pênalti da Cabense. Com o resultado, o Petrolina terá a vantagem para a decisão, agendada para quarta-feira (10), no Estádio Paulo de Souza Coelho.

Outra equipe de Petrolina que está no mata-mata é o 1º de Maio, mas o time não foi a campo ontem, quando o Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) julgou dois processos contra o Azulino. O resultado oficial ainda não foi divulgado, mas conforme fontes ligadas ao clube, foram favoráveis ao representante do Atrás da Banca.

Série A2: Federação Pernambucana adia partida entre 1º de Maio e Íbis para julgamento de processos contra Azulino

(Foto: Agência CH)

Mesmo classificado para as quartas de final do Campeonato Pernambucano da Série A2, o 1º de Maio não entrará em campo nesta quinta-feira (4) para enfrentar o Íbis no estádio Paulo de Souza Coelho, em Petrolina (PE). Isso porque a Federação Pernambucana de Futebol (FPF) atendeu a um pedido o Tribunal de Justiça Desportivo (TJD) de adiar o duelo.

O motivo do adiamento é a necessidade do TJD julgar o Azulino pelo atraso no início da partida entre 1º de Maio e Petrolina na abertura da competição. Na ocasião o mando de campo era da Fera Sertaneja e o time do Atrás da Banca tinha o uniforme na mesma cor do mandante.

Para providenciar o uniforme reserva, o 1º de Maio atrasou o início do jogo e segundo o Artigo 206 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), a equipe é passível de multa que varia entre R$ 100,00 e R$ 1.000,00 por minuto de atraso.

LEIA MAIS

Petrolina vence 1º de Maio e termina com melhor campanha na fase de grupos da Série A2 do Pernambucano

(Foto: Agência CH)

O clássico petrolinense entre 1º de Maio e Petrolina, realizado no domingo (30), terminou com vitória da Fera Sertaneja que confirmou a liderança do Grupo A e a melhor campanha na fase de grupos do Campeonato Pernambucano da Série A2.

A vitória da Fera foi pelo placar mínimo, com gol de Eduardo no retorno do intervalo, após vacilo da defesa azulina. Com o resultado, o Petrolina soma 16 pontos e enfrenta a Cabense, segundo do Grupo D. Já o 1º de Maio que teve 10 e foi segundo na chave da Fera Sertaneja, recebe o Íbis nesta quinta-feira (4), no Paulo de Souza Coelho.

Dessa forma, o Azulino define a vaga nas quartas de final longe de sua torcida, enquanto que o Petrolina joga a primeira partida fora e a volta no Paulo Coelho.

Clássico entre 1º de Maio e Petrolina define liderança do Grupo A da Série A2

Azulino perdeu na estreia da competição, justamente para o Petrolina (Foto: Agência CH)

1º de Maio e Petrolina decidem neste domingo (30) quem terminará na liderança do Grupo A do Campeonato Pernambucano da Série A2. A partida marcada para 16h encerra a fase de grupos e apesar da classificação garantida ao mata-mata, as duas equipes não devem poupar atletas.

LEIA TAMBÉM:

Pernambucano: Serrano acusa 1º de Maio de descumprir regulamento da Série A2, clube petrolinense nega

Amanhã o mando de campo é do Azulino, hoje segundo colocado da chave com 10 pontos. A Fera tem a melhor campanha da competição, somando 13 pontos. O jogo acontece no Estádio Paulo de Souza Coelho, com arbitragem de José Woshington da Silva, auxiliado por Fernando Antônio da Silva Junior e Victor Matheus de Lavôr Paes Barreto.

Os integrantes do Grupo A enfrentarão os representantes do Grupo D, hoje com Íbis e Cabense classificados, já que o Sport não avança de fase.

Pernambucano: Serrano acusa 1º de Maio de descumprir regulamento da Série A2, clube petrolinense nega

Serrano e 1º de Maio estão no meio de uma polêmica no Campeonato Pernambucano da Série A2. A equipe de Serra Talhada acusa o Azulino de não cumprir com o regulamento da competição, afirmando que o representante petrolinense excedeu o número de transferências interestaduais permitidas.

De acordo com o presidente do Serrano, André Maio, a equipe acionou o Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) alegando uma sexta contratação interestadual do Azulino, sendo que pelo Artigo 4ª do regulamento são permitidas apenas cinco.

“A gente está aguardando que o TJD cumpra a lei, tendo em vista que o 1º de Maio fez seis transferências interestaduais e só pode cinco. A gente foi prejudicado porque a gente mais dois atletas aqui que eram de transferências e a gente não colocou pra obedecer o regulamento”, disse o presidente.

LEIA MAIS

Séria A2: Petrolina busca classificação para mata-mata do Pernambucano

(Foto: Agência CH)

O time do Petrolina pode se garantir na próxima fase do Campeonato Pernambucano da Série A2 com uma vitória nesse domingo (23), quando enfrenta o Serrano às 16h no Estádio Municipal Paulo de Souza Coelho. A partida é válida pela 5ª rodada da competição.

Pedro Manta e seus comandados reencontram a torcida depois de duas semanas sem jogar e uma vitória simples garante a Fera Sertaneja no mata-mata. Uma derrota do Serrano automaticamente beneficia o 1º de Maio, outro integrante do Grupo A, que também se garante na próxima fase. Isso porque se o Serrano perder, não poderá alcançar o Azulino.

Para vencer e garantir a vaga antecipada, Manta ganha o reforço do atacante Eduardo. O atleta já estava treinado com o grupo, mas foi liberado para atuar somente na quinta-feira (20).

Federação altera horário do jogo entre Petrolina x Serrano

Partida acontece em casa, neste final de semana (Foto: Blog Waldiney Passos)

O próximo desafio do Petrolina no Campeonato Pernambucano da Série A2 acontece neste domingo (23), contra o Serrano. E após uma solicitação da Fera Sertaneja, a partida começará às 16h, uma hora depois do previsto inicialmente.

A Federação Pernambucana de Futebol (FPF) confirmou na terça-feira (18) a mudança do horário, tendo em vista o forte sol às 15h. O jogo entre Petrolina e Serrano é válido pela 5ª rodada e uma vitória da Fera Sertaneja elimina os visitantes, que poderão somar somente 8 pontos.

O 1º de Maio também está no Grupo A e assiste de camarote o jogo, já que folga pela desistência do Sete de Setembro da competição.

Mesmo com um jogador a mais, 1º de Maio só empata com o Serrano

Azulino sofreu para somar um ponto e segue vivo na competição (Foto: Agência CH)

O 1º de Maio jogou diante de sua torcida na tarde do sábado (15), no Estádio Paulo de Souza Coelho, em partida válida pela 4ª rodada do Campeonato Pernambucano – Série A2 e poderia ter saído na frente do marcador se Saci não tivesse perdido um pênalti aos 10 minutos da etapa inicial. O Azulino ainda ficou em vantagem numéricam quando Mathaus fez falta em Saci e foi expulso.

Mas o castigo para o time mandante veio através do gol de Thulio aos 43 da primeira etapa. Precisando reverter o placar, o Azulino tentou pressionar no segundo tempo e pecava pela falta de objetividade no ataque. Foi então que os defensores Rayanderson e Henrique apareceram. Depois de uma bola disputada na pequena área, Henrique meteu o pé e igualou a partida, já nos minutos finais.

Com o resultado, o Azulino chega a 10 pontos – já contabilizando os 3 por WO contra o Sete de Setembro na próxima rodada – e se iguala ao Petrolina. Na próxima rodada o Petrolina recebe o mesmo Serrano, no domingo (23), às 15h. Uma vitória da Fera matematicamente elimina o time de Serra Talhada.

1º de maio joga em casa neste sábado, pela 4ª rodada da Série A2 do Campeonato Pernambucano

(Foto: Internet)

A partida do 1º de maio contra o Serrano, válida pela 4ª rodada da Série A2 do Campeonato Pernambucano deveria ser realizada no domingo (16), ás 15h, mas foi antecipada a pedido da direção do Azulino.

O pedido foi feito e acatado pela Federação Pernambucana de Futebol (FPF), na terça-feira (11). O jogo entre o Azulino e a Fera Sertaneja, acontece neste sábado (15), às 16h no Estádio Paulo de Souza Coelho, em Petrolina (PE)

Na semana passada o 1º de Maio venceu com gol nos acréscimos e busca se manter na cola do Petrolina, líder do Grupo A. O Serrano, ganhou folga na competição e soma mais três pontos por WO.

O jogo será apitado por Michelangelo, árbitro da partida, auxiliado por Dhiego Cavalcanti e Rony Albert. Luciano Castro foi o escolhido como quarto árbitro.

1º de Maio tem partida antecipada na Série A2 do Pernambucano

(Foto: Agência CH)

O jogo entre 1º de Maio e Serrano, válido pela 4ª rodada do Campeonato Pernambucano da Série A2 foi antecipado para este sábado (15), às 16h no Estádio Paulo de Souza Coelho. Inicialmente a partida deveria ser realizada no domingo (16), às 15h.

A alteração foi feita a pedido da direção do Azulino e acatada pela Federação Pernambucana de Futebol (FPF), na terça-feira (11). Na semana passada o 1º de Maio venceu com gol nos acréscimos e busca se manter na cola do Petrolina, líder do Grupo A.

Michelangelo Júnior será o árbitro da partida, auxiliado por Dhiego Cavalcanti e Rony Albert. Luciano Castro foi o escolhido como quarto árbitro. A Fera Sertaneja, por outro lado, ganhou folga na competição e soma mais três pontos por WO.

123