Bandidos fortemente armados explodem agência do Bradesco em Chorrochó

(Foto: Reprodução/WhatsApp)

Na noite desta sexta-feira (11), bandidos fortemente armados explodiram a agência do Banco Bradesco, na cidade de Chorrochó, região norte da Bahia. Segundo informações preliminares, a ação criminosa  durou cerca de 20 minutos. Populares foram feitos reféns para dificultar o trabalho da Polícia, e em seguida foram liberados.

Para ter acesso ao cofre da agência, o grupo usou dinamites. Com as explosões, a estrutura do prédio ficou totalmente danificada e cortes de energia foram registrados na localidade. Não há informações sobre feridos, nem sobre a quantia levada.

Após a ação, o grupo fugiu em uma caminhonete por uma estrada vicinal, tomado destino ignorado. Em março do ano passado essa mesma agência foi alvo de bandidos. A Polícia Civil investiga o caso.

Leitora reclama de longa espera em filas da Caixa Econômica Federal de Petrolina

Somente uma pessoa atendendo em agência da Caixa do River Shopping.

Uma leitora entrou em contato com nosso blog nesta sexta-feira (16) para reclamar das longas filas na agência da Caixa Econômica Federal no River Shopping, em Petrolina (PE). De acordo com a reclamação, demora, inclusive, para pegar a ficha de atendimento.

“Venho expressar minha indignação pela Caixa Econômica Federal, mais precisamente do Shopping de Petrolina. A demora enorme, só para pegar uma senha a fila é quilométrica e dentro da agência o atendimento “normalmente” é com apenas dois funcionários e no horário de almoço fica apenas um atendendo”, disse.

LEIA MAIS

Greve de funcionários que abastecem caixas 24h não deve prejudicar usuários de Petrolina

Caixas 24h agilizam serviços rápidos como saques.

A greve dos funcionários que abastecem caixas 24h anunciada nessa terça-feira (30) pelo Sindicato dos Trabalhadores Vigilantes e Empregados de Empresas de Transporte de Valores e Escolta Armada do Estado de Pernambuco (SNDFORT-PE) não deve surtir efeitos em Petrolina (PE).

Em contato com o sindicato, nosso blog foi informado que somente os funcionários que prestam serviço à empresa TBForte devem parar. Um dos empregados da transportadora de valores disse que a empresa não presta serviço em Petrolina.

Outras empresas que abastecem a cidade devem continuar com seus serviços normalmente, não prejudicando os usuários dos caixas 24h, que podem ser encontrados em vários pontos do município como Makro, rodoviária e Bompreço.

Ainda segundo o sindicato, a paralisação é motivada pelo descumprimento da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) e a demissão do delegado de base no Estado, que não teve nome informado.

Polícia Civil de Petrolina prende suspeito de homicídio e assalto a banco e carro-forte

Na manhã desta quinta-feira (21), Policiais Civis da 25ª Delegacia de Homicídios e da 214ª, vinculadas à Diretoria Integrada do Interior 2 (DINTER 2) GCOI, cumpriram mandados de busca e de prisão em decorrência de investigações realizadas pela 25ª Delegacia de Homicídios de Petrolina (PE) sob a coordenação dos Delegados Magno Neves e Gabriel Bahia Sapucaia.

As investigações iniciaram através da morte de Djailson Freire Rodrigues, vítima de homicídio no dia 11 de janeiro deste ano. O crime aconteceu na Cohab Massangano, nas proximidades do galinhodromo, em Petrolina.

As investigações apontaram Valterlins da Silva Lopes, conhecido como “Coroa”, como sendo um dos autores do crime. Os policiais estão em diligências para localizar o outro autor da morte de Djailson. Além desse crime, o acusado é suspeito de envolvimento em assaltos a carro-forte e bancos no sertão de Pernambuco.

Valterlins foi detido em sua residência, localizada no bairro do João de Deus, quando do cumprimento de sua prisão, não oferecendo resistência. O suspeito foi apresentado à delegacia de homicídios para os procedimentos cabíveis devendo, em seguida, ser levado para a Penitenciária Dr. Edvaldo Gomes.

Gerente de agência bancária é feito refém em tentativa de assalto a banco, em Paulo Afonso (BA)

(Foto: Chico sabe tudo)

Na noite de ontem (04), o gerente de uma agência bancária da cidade de Paulo Afonso (BA), juntamente com a família, foi abordado quando chegava em casa, por assaltantes que queriam roubar a agência onde ele trabalhava.

Durante a abordagem, o gerente e a família foram feitos reféns. Os assaltantes  exigiram que, no dia seguinte, o cofre da agência fosse aberto em troca da libertação dos parentes do gerente. A quadrilha amarrou a família do gerente e afirmou que, caso ele não entregasse o montante, todos iriam morrer.

Na manhã desta quarta-feira (05), O funcionário do banco se dirigiu à agência, com alguns objetos amarrados ao corpo, que, segundo os suspeitos, se tratavam de explosivos. Ele contou aos policiais que ameaçaram detonar as bombas se o dinheiro não fosse entregue.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP), enquanto o gerente estava na agência para realizar o saque da quantia exigida pelos assaltantes, uma denúncia do crime foi recebida pelos policiais. Os suspeitos perceberam a chegada da polícia e fugiram.

Na ação, não houve feridos e nada foi roubado. Toda a família foi encaminhada à delegacia e o funcionário permaneceu no banco com agentes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), por causa da suspeita de explosivos.  Os supostos artefatos explosivos, colocados no gerente, serão analisados por equipes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope).

Pernambuco: primeiro semestre apresenta redução em roubos a banco

Segundo o Sindicato, o Sertão e Agreste de Pernambuco são as regiões que mais têm carros-fortes assaltados. (Foto: Ilustração)

Apesar das constantes investidas criminosas a bancos em Pernambuco, o quantitativo ainda está abaixo do que foi registrado em 2017. Esses foram os dados do Sindicato dos Bancários, divulgado nesta segunda-feira (2). As estatísticas mostram que os assaltos entre janeiro e junho deste ano chegam a marca de 93 ocorrências, quatro a menos que no ano passado. Por outro lado, o mês de julho já começou com um roubo em uma agência bancária no Estado.

Assaltos a carro-forte

No mesmo passe estão os assaltos aos carros-fortes. Em nota, o Sindiforte-PE relatou que já foram registrados 8 ocorrências de investidas criminosas nos seis primeiros meses do ano. No mesmo período em 2017, aconteceram 9, e em todo o ano foram somados 20 investidas.

Prevenção ao crime

Alarmes, fumaças e câmeras de segurança ainda não são o suciente para impedir a ação rápida das quadrilhas. Para tentar promover a segurança nas unidades de serviço bancário, o Governo do Estado divulgou recentemente, no último dia 20 de junho, a Lei 16.338, que obriga a instalação de dispositivos que retardem ou impeçam a introdução e acionamento de explosivos em caixas eletrônicos.

LEIA MAIS

Assaltante morto em confronto com policiais no sertão do estado era especialista em explosões

Material apreendido pela polícia após confronto com os criminosos.

Um dos quatro assaltantes mortos pela Polícia durante confronto nessa quinta-feira (12) em Ibimirim, no Sertão do Estado, era procurado por outras oito investidas a banco somente em Pernambuco.

Risomar da Conceição, 38 anos, conhecido como Gambá, era ‘explosivista’ de várias quadrilhas e atuava em vários estados. Além dele, os outros homens mortos no tiroteio entre policiais e bandidos tinham mandados de prisão em aberto por investidas a instituições bancárias.

As investigações que levaram a Polícia Militar até o encontro da quadrilha duraram cerca de um ano e foram feitas em parceria com os estados de Alagoas e Bahia. Ainda segundo a corporação, o alvo dos bandidos seria o Banco do Brasil de Ibimirim, que já foi atacado outra vez.

Com os suspeitos, foram encontrados uma espingarda calibre 12 e munição, um rifle com 44 munições, duas pistolas ponto quarenta, três espoletas com cordel detonante, além de uma caminhonete roubada, 50 gramas de maconha, celulares e relógios, e mais de dois mil reais em dinheiro.

Investigações seguem

As investigações continuam, pois as informações apontam que um carro modelo Fox estaria na cidade para dar cobertura ao assalto, e ao ver o tiroteio, fugiu.

Acusados de assalto a banco são mortos em confronto com a polícia no Sertão Pernambucano

Material apreendido pela polícia após confronto com os criminosos.

Na madrugada desta quinta-feira (12), quatro homens suspeitos de assaltar bancos foram mortas em confronto com a Polícia Militar (PM) em Ibimirim, que fica a 400 km de Petrolina, ambas no Sertão Pernambucano.

De acordo com a PM, agentes do Batalhão Especializado de Policiamento do Interior (Bepi) começaram a perseguir os criminosos por volta das 3h em Inajá, também no Sertão. Segundo a Polícia Civil, os suspeitos estavam a caminho de Tacaratu para assaltar uma agência bancária.

Troca de tiros

O confronto entre os criminosos e os policiais começou após o veículo dos suspeitos colidir com uma residência em Ibimirim. Eles resistiram à ação policial e começaram a efetuar vários disparos contra os policias, que reagiram. Nenhum policial ficou ferido. Os quatro acusados foram atingidos e morreram no local. Com o grupo, foram apreendidos explosivos, pistolas e espingardas calibre 12.

Ainda segundo a Polícia Civil, havia outro veículo sendo perseguido, mas conseguiu fugir. De acordo com outras informações coletadas pela polícia, haveria um terceiro carro dando cobertura em Tacaratu.

Criminosos explodem agência do Bradesco em Chorrochó e disparam contra viatura da PM

A agência do Bradesco em Chorrochó, norte da Bahia, foi alva e criminosos na madrugada desta quinta-feira (1º). Os bandidos agiram por volta das 1h30, quando explodiram os caixas eletrônicos do banco.

Durante a fuga, os assaltantes realizaram vários disparos de arma de fogo contra uma viatura da Polícia Militar, quebrando as janelas do veículo e furando os pneus. Não se sabe quanto foi levado pelo bando.

Os criminosos fugiram pela BR-116. A polícia está em diligência para capturar os assaltantes.

Bandidos explodem agência do Bradesco em Mirandiba

(Foto: WhatApp)

Na noite dessa segunda-feira (8), por volta das 23h, criminosos explodiram a agência do banco Bradesco em Mirandiba, Sertão Pernambucano.

Segundo informações, aproximadamente 12 homens fortemente armados fizeram parte da ação. Eles estavam em dois veículos, uma caminhonete branca e um carro preto.

Os suspeitos colocaram explosivos na agência e detonaram os aparatos. Após a ação, os criminosos fugiram. Algumas informações afirmam que não havia dinheiro nos caixas estourados.

PM prende assaltante de banco e carros-fortes em Salgueiro

Willilligagnon Dias da Silva, conhecido como Lila de Zé Magrelo, 43 anos, foi preso nesta segunda-feira (18) em Salgueiro. Ele é acusado de participar de um assalto a agência do Banco do Brasil da cidade, em 2016.

A prisão aconteceu através de um mandado de prisão expedido pela Comarca do município de Conceição, na Paraíba. Lila de Zé Magrelo é conhecido por praticar assaltos a bancos e carros-fortes em vários estados. Willilligagnon Dias da Silva foi levado para o presídio de Salgueiro.

Polícia Federal investiga explosão da agência dos Correios em Flores

(Foto: Reprodução)

A Polícia Federal está investigando a explosão à agência dos Correios de Flores, que aconteceu durante a madrugada de domingo (3). Pelo menos quatro assaltantes participaram da investida criminosa.

Por volta das 3 h, quatro homens fortemente armados com fuzis e usando máscaras arrombaram a porta da frente da agência com uma barra de ferro e colocaram um artefato explosivo no cofre da agência, causando uma explosão de grande proporção. A quadrilha fugiu do local levando uma quantia não divulgada em dinheiro.

A Polícia Militar foi acionada, realizou algumas incursões, mas ninguém foi preso até o momento. A Polícia Federal deslocou equipes para o local para realizar as primeiras investigações e perícias. Testemunhas foram ouvidas para subsidiar as investigações em andamento e um inquérito policial será instaurado.

As investigações ficarão a cargo da Delegacia da Polícia Federal em Salgueiro para identificar, localizar e prender todos os integrantes da quadrilha. Imagens de circuito interno serão analisadas para identificar e localizar os bandidos. Qualquer informação que possa levar a captura e identificação de toda a quadrilha pode ser feita através do disk-denúncia pelo número 3421 9595.

Com informações do Diário de Pernambuco

Bandidos cortam energia da cidade e explodem banco em Afrânio

 

Uma agência do Bradesco foi estourada na madrugada desta sexta-feira (1º), em Afrânio, no Sertão de Pernambuco. O crime aconteceu por volta da 1h da manhã, na Avenida Francisco Rodrigues, no centro do município. De acordo com informações do 5º Batalhão de Polícia Militar, homens em dois veículos, um do modelo Palio e outro do modelo Hilux, realizaram a ação criminosa.

Informações

Os bandidos cortaram a energia da cidade para efetuarem o assalto. Eles usaram muitos explosivos na agência, que ficou completamente destruída. Os policiais que foram ao local e o batalhão não conseguiam se comunicar por conta da internet, que também foi cortada pelos bandidos. Ainda não há informações sobre quantos homens participaram do crime nem quanto dinheiro foi roubado. Os criminosos conseguiram fugir.

Com informações do NE10.

MPPE vai à Justiça contra fechamento de agência do Banco do Brasil em Orocó

Após assaltos, a agência da cidade não foi reaberta. (Foto: Ilustração)

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) pediu à Justiça de Orocó, no Sertão do São Francisco, que impeça o fechamento em definitivo da agência do Banco do Brasil no município. A solicitação foi feita pela promotora de Justiça Rosane Cavalcanti por meio de ação civil pública com pedido de liminar.

 A iniciativa do MPPE é a terceira feita nos últimos meses, em meio a uma orientação proposta pelo Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Defesa do Consumidor (Caop Defesa do Consumidor) aos promotores das cidades em que as agências do banco que ainda não foram reabertas, depois de serem atacadas por bandidos.

Ataque a agência bancário do Banco do Brasil, em Orocó (Foto: divulgação PMPE)

A agência do BB em Orocó foi alvo de dois assaltos nos últimos três anos. O mais recente, em 9 de novembro de 2016, deixou o estabelecimento destruído, por conta da explosão causada pelos assaltantes. E não reabriu desde então.

“Idosos e toda a população mais vulnerável se dirigem a cidades mais próximas para sacar seus benefícios, pensões e salários, gerando custo e risco a toda população”, diz a promotora no documento, impetrado na última segunda-feira 13 de novembro.

Segundo Rosane Cavalcanti, o Banco do Brasil exigiu uma série de medidas de segurança, que foram cumpridas pelas autoridades. Mas, no último dia 20, os moradores receberam a notícia de que a agência seria fechada em definitivo.

LEIA MAIS

Polícia desarticula operação de quadrilha de criminosos que roubariam R$ 1 bilhão de banco

A suspeita é que alguns dos bandidos participaram do assalto milionário ao Banco Central de Fortaleza, em 2005. (Foto: Internet)

Criminosos construíram um túnel para levar R$ 1 bilhão do cofre mais importante do Banco do Brasil. Nos últimos dois meses, pelo menos 16 bandidos montaram uma mega operação em uma casa da Zona Sul da capital paulista.

Os vizinhos contam que chegaram a conversar com os bandidos e sequer imaginavam o que se passava do lado de dentro. “Eu simplesmente passava para lá e para cá, pegava o cachorrinho para dar uma volta, mas jamais suspeitaria que fosse isso aí”, conta o morador Antônio Alves.

“Ele saia bastante, saia de madrugada. A gente achava estranho, mas segundo ele, trabalhava com transporte. Quando chamavam ele tinha que ir, independente do horário”, completa outro morador Leandro Sigolin.

Da casa, o túnel vai direto para o cofre, mas os bandidos aproveitaram uma galeria de água para percorrer um trecho. Dentro, geladeira com muita comida e água. Os colchões, as roupas e os equipamentos especiais revelam que o grupo passava muito tempo na casa.

Os bandidos transformaram um cômodo da casa em um depósito onde guardavam tudo o que era usado na escavação. Segundo a polícia, eles investiram R$ 4 milhões e só usavam material de primeira. Botas, tornozeleira, joelheiras, luvas e até cilindro de oxigênio, tudo era usado pela quadrilha para escavar o túnel.

LEIA MAIS
123