Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Caixa estuda crédito imobiliário com taxa pré-fixada, diz presidente do banco

(Foto: AFP)

O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, disse nesta sexta-feira (23) que o banco estuda a oferta de financiamentos imobiliários com juros pré-fixados, sem correção inflacionários. A ideia é lançar o novo produto até o final do mandato do presidente Jair Bolsonaro.

De acordo com Guimarães, o anúncio de uma linha de crédito corrigida pelo IPCA, feito na última quarta (21), foi o primeiro passo nesse sentido, já que o produto pode incentivar a criação de um mercado de securitização de dívida imobiliária no país.

Entre o anúncio e as 13h de sexta (23), disse o executivo, mais de 600 mil pessoas já consultaram a Caixa sobre as novas condições de crédito imobiliário, que reduzem entre 30% e 50% o valor das parcelas iniciais mas repassam ao tomador do empréstimo o risco de alta na inflação.

“Da mesma maneira que a gente está oferecendo financiamento a TR [taxa referencial] e IPCA, o objetivo, se couber na matemática da Caixa, é até o final do governo oferecer uma taxa sem correção nenhuma”, disse o presidente da Caixa, em almoço na Associação Comercial do Rio de Janeiro.

LEIA MAIS

Caminhoneiros poderão renegociar dívidas com a Caixa Econômica a partir da próxima semana

(Foto: Internet)

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) e o presidente da Caixa Econômica Federal (CEF), Pedro Guimarães, anunciaram a possibilidade dos caminhoneiros renegociarem suas dívidas com o banco. Dívidas de cartão de crédito e outras despesas, como financiamento imobiliário, vão poder ser renegociadas. As negociações começam na próxima segunda-feira (19).

LEIA MAIS

Bolsonaro liga para presidente da Caixa explicar declaração sobre empréstimos ao Nordeste

(Foto: Internet)

Nessa sexta-feira (02), o presidente da República, Jair Bolsonaro, contestou reportagens sobre o baixo número de empréstimos a Estados e municípios do Nordeste através da Caixa Econômica Federal (CEF). Para Bolsonaro, as prefeituras da região são as mais inadimplentes do País. “Houve um equívoco nessa informação. As prefeituras do Nordeste são as mais inadimplentes e a Caixa precisa de garantias para poder emprestar”, disse.

Questionado sobre a reportagem, o chefe do Executivo Nacional ligou para o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, e colocou no viva-voz para que os jornalistas que o aguardavam na saída do Palácio da Alvorada pudessem ouvir a explicação. Guimarães respondeu que “não existe nenhuma indicação para não favorecer uma região ou outra”.

LEIA MAIS

Ao lado do presidente do Senado, chefe da Caixa anuncia Superintendência Regional em Petrolina

Solenidade contou com participação de Davi Alcolumbre na manhã de hoje (Foto: Blog Waldiney Passos)

O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães anunciou na manhã dessa quinta-feira (20), em Petrolina a nova Superintendência do banco na cidade. A solenidade realizada na Fundação Nilo Coelho – que na segunda recebeu o ministro da Educação – também contou com a presença do presidente do Senado Federal, Davi Alcolumbre (DEM).

Alcolumbre desembarcou em Petrolina na tarde de ontem (19), para conhecer o São João, numa comitiva formada pelo senador e líder do Governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (DEM), o senador Marcos Rogério (RO) e o deputado federal Fernando Filho (DEM).

Superintendência em Petrolina será polo no Sertão

Anfitrião, o prefeito Miguel Coelho saudou a presença do “amigo e presidente do Senado”, bem como de Pedro, que em sua terceira visita “faz um anúncio que há muito tempo Petrolina aguardava”. “Petrolina tem que ter o seu polo, sua referência, não apenas para atender os interesses da Prefeitura que são muitos. A distância e a burocracia muitas vezes gera empecilho”, comemorou o gestor.

LEIA MAIS

Presidente do Senado cumpre agenda oficial nessa quinta-feira, em Petrolina

Alcolumbre (dir.) cumpre agenda oficial nessa quinta-feira (Foto: Ascom)

Depois de receber o ministro da Educação na segunda-feira (17), Petrolina agora tem como visitante o presidente do Senado Federal, Davi Alcolumbre (DEM). Ele desembarcou na cidade na tarde de ontem (19) e nessa quinta-feira (20) cumpre agenda oficial ao lado do presidente da Caixa Econômica Federal, às 9h.

Turismo

Na quarta-feira Alcolumbre visitou o Museu de Petrolina, a Igreja Catedral, além de conhecer a culinária típica do Sertão. “O Brasil precisa conhecer esse modelo de desenvolvimento voltado para a produção, a gente precisa levar para o Brasil esse sentimento de que o país dá certo“, destacou o presidente.

LEIA MAIS

Miguel Coelho confirma vinda de ministro da Defesa e presidente do Senado

Prefeito divulgou agenda da próxima semana, que envolve política e São João (Foto: ASCOM)

O prefeito Miguel Coelho confirmou a visita de mais um representante do Governo Federal a Petrolina. Nesta sexta-feira (14) o ministro da Defesa, Fernando Azevedo desembarcará, acompanhado de Gustavo Canuto, titular da pasta de Desenvolvimento Regional.

LEIA TAMBÉM:

Ministro da Educação visitará Petrolina na próxima semana

“Sexta-feira vamos receber os ministros da Defesa e do Desenvolvimento Regional aqui na cidade. A gente espera que eles possam vir com mais notícias importantes, novas parcerias e mais investimentos para a nossa cidade“, informou durante participação no programa Super Manhã, com Waldiney Passos, nesta quarta-feira (12).

LEIA MAIS

Caixa Econômica anuncia medidas para o crédito imobiliário e novas alternativas para renegociação de contratos habitacionais

(Foto: Internet)

A Caixa Econômica Federal anunciou na última quarta-feira (5), a redução de até 1,25 ponto percentual nas taxas de juros para operações pelo Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE), e divulgou também novas alternativas para renegociação de contratos habitacionais para pessoa física. O foco são as dívidas em atraso.

A taxa mínima para imóveis residenciais enquadrados no Sistema Financeiro de Habitação (SFH) e Sistema Financeiro Imobiliário (SFI) será de 8,5% a.a. e a máxima de 9,75% a.a. As novas taxas já começam a valer na próxima segunda-feira, 10 de junho.

LEIA MAIS

Projeto sobre saneamento básico entra em votação na Câmara de Petrolina

(Foto: Arquivo Pessoal)

Conforme o Blog mostrou mais cedo, a Câmara de Vereadores de Petrolina está discutindo nesse momento o projeto de Lei nº 007/2019, do Poder Executivo. A matéria prevê autorização do prefeito Miguel Coelho a acrescentar no projeto de empréstimo do FINISA, para que em vez da pavimentação seja destinado uma parte de recurso ao saneamento básico.

LEIA TAMBÉM:

Projeto do Executivo sobre saneamento básico pode entrar em pauta na Câmara de Petrolina

Além do saneamento, o PL prevê também o serviço de drenagem na Bacia do Dom Avelar. O item não estava oficialmente na pauta, mas havia um adendo para sua possibilidade de discussão, iniciada pouco antes do meio dia, após a votação dos projetos do Legislativo.

Mais mudanças na pauta

O PL nº 049/2019, de Gaturiano Cigano acerca da disposição de atendimento prioritário a autistas nos estabelecimentos públicos e privados foi retirado de pauta, já que Gaturiano não estava presente na sessão. Em seu lugar deu entrada um projeto que pode beneficiar os pacientes de fibromialgia de Petrolina, com a instituição do Dia Municipal da Fibromialgia, proposto por José Batista da Gama (PSB), através do PL nº 083/2019.

A matéria foi aprovada por 20 votos a zero, assim como o PLs nº 137/2019 – Regulamenta as feiras de produtos orgânicos de Petrolina – autoria de Maria Elena de Alencar (PRTB) – e PL n° 045/2019 – Denominação sobre a denominação da UBS do Vale do Grande Rio – UBS Maria José de Farias Pereira – autoria de Gilmar Santos (PT).

 

Prefeitura de Petrolina negocia liberação de R$ 17,6 milhões para pavimentação

(Foto: ASCOM)

Durante agenda em Brasília na última quinta (31), o prefeito Miguel Coelho se reuniu com o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães. O encontro cujo foco principal girou em torno de novos investimentos em infraestrutura para Petrolina foi acompanhado também pelo senador Fernando Bezerra (MDB-PE) e o deputado federal Fernando Filho (DEM).

Na ocasião o prefeito sertanejo consultou o presidente da Caixa sobre a liberação de recursos no montante de R$ 17,6 milhões do fundo do programa Avançar  Cidades. O investimento será destinado para pavimentação e recapeamento de corredores de grande tráfego de ônibus.

LEIA MAIS

Sexto lote do Abono Salarial começa a ser pago hoje (13)

(Foto: Ilustração)

Trabalhadores nascidos em dezembro que estejam cadastrados no Programa de Integração Social (PIS) recebem a partir dessa quinta-feira (13) o pagamento do sexto lote do Abono Salarial 2018-2019, referente ao exercício de 2017.

De acordo com o Ministério do Trabalho mais de R$ 1,3 bilhão serão pagos a aproximadamente 1,7 milhão de trabalhadores. Correntistas da Caixa Econômica Federal já tiveram o valor depositado na terça-feira (11).

São contemplados com o Abono Salarial PIS quem trabalhou formalmente por pelo menos 30 dias naquele ano, com remuneração mensal média de até dois salários mínimos e que tiveram seus dados informados corretamente pelo empregador à Relação Anual de Informações Sociais (Rais).

O valor do benefício é proporcional ao tempo trabalhado formalmente em 2017. Em 2019 o benefício será concedido aos trabalhadores nascidos de janeiro a junho. O prazo final de recebimento para todos os trabalhadores favorecidos pelo programa é 28 de junho de 2019.

Com informações da Agência Brasil

Caixa suspende Minha Casa Minha Vida para faixa intermediária

(Foto: Ilustração)

A Caixa Econômica Federal anunciou na terça-feira (13) que suspendeu, por falta de recursos, a contratação de novas unidades habitacionais do programa “Minha Casa Minha Vida” para a faixa 1,5, voltada para famílias com renda mensal máxima de até R$ 2,6 mil.

De acordo com o banco, o orçamento para esta linha de crédito imobiliário foi “utilizado em sua totalidade” e as contratações do programa para esta faixa serão retomadas no início de 2019.

LEIA MAIS

Atendimento na Caixa Econômica Federal volta a ser alvo de crítica dos petrolinenses

Filas, falta de envelope, problemas no sistema. O Blog já mostrou em diversas reportagens os problemas enfrentados pela comunidade petrolinense ao utilizar o serviço da Caixa Econômica Federal. O relato mais recente é do leitor Luís Henrique de Campos, que na tarde de terça-feira (4) presenciou o que ele chama de “falta de respeito com os clientes”.

Luís chegou à Agência do River Shopping às 8h45 para pegar a fila que somente começou a ser distribuída às 10h. Ele afirma ter conseguido sair da agência apenas às 12h33. O leitor sofre de escoliose, problema na coluna, mas precisou aguardar seu atendimento na fila comum.

“O que me deixa mais indignado é que alguns funcionários trabalham numa lentidão que parece que eles estão fora de si. Mesas desocupadas, sem funcionários no período entre 10:20 a 10:55 e quando dá a hora de almoço, eles tem que ir a metade almoçar e fica poucos funcionários. É triste”, disse a nossa equipe.

Nossa produção tentou contato com a gerência da Caixa Econômica do River Shopping, entretanto não teve êxito. O espaço do Blog fica aberto a qualquer esclarecimento aos comentários feito pelo leitor nessa matéria.

Ninguém acerta as seis dezenas da Mega-Sena e prêmio acumula em R$ 6 milhões

(Foto: Arquivo)

A Caixa Econômica Federal realizou neste sábado (28) o concurso 2.063 da Mega-Sena. Os números sorteados foram: 06 – 10 – 19 – 24 – 25 – 29.

Ninguém acertou as seis dezenas, e o prêmio acumulado para o próximo sorteio está estimado em R$ 6 milhões.
A Quina teve 94 apostas ganhadoras, e cada vencedor receberá R$ 16.561,93. Outras 5.511 pessoas acertaram a Quadra, com prêmio de R$ 403,56 para cada.

As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país. A aposta mínima custa R$ 3,50.

Probabilidades

A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 3,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa.

Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 17.517,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003, ainda segundo a Caixa.

Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 3 milhões neste sábado

O sorteio 2.063 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 3 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio está previsto para ocorrer às 20h (horário de Brasília) deste sábado (28) na cidade de Pouso Redondo (SC).

As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país. A aposta mínima custa R$ 3,50.

A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 3,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa.

Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 17.517,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003, ainda segundo a Caixa.

Atendimento na Casa Bolsa de Petrolina segue suspenso por tempo indeterminado

(Foto: Divulgação)

O problema no sistema da Caixa Econômica Federal que afetou o atendimento na Casa Bolsa de Petrolina na semana passada continua sem solução. Dessa forma, a suspensão anunciada pela diretora de Assistência Social, Gláucia Andrade segue por tempo indeterminado.

LEIA TAMBÉM:

Atualização no sistema da Caixa Econômica provoca suspensão no atendimento da Casa Bolsa em Petrolina

Beneficiários dos programas federais devem aguardar a normalização do atendimento para procurarem a unidade. A unidade disponibiliza o número (87) 3863-6871 para eventuais dúvidas. Na semana passada muitos cidadãos relataram problemas no atendimento, ocasionado pela atualização do sistema da Caixa.

O Ministério do Desenvolvimento Social prorrogou o prazo de atualização cadastral do programa Bolsa Família para 18 de agosto, evitando cancelamento dos benefícios.

123