Casa Nova: Escola Municipal Sólon Xavier adota sistema CPM 

(Foto: ASCOM)

A Escola Municipal Sólon Xavier, em Casa Nova (BA) adotou o sistema Colégio da Polícia Militar (CPM). A assinatura do convênio da prefeitura com a Polícia Militar da Bahia para a implantação do novo sistema, foi celebra na última quinta-feira (5).

“Defendo a educação como o único caminho para a prosperidade e o desenvolvimento. Por isso estou fazendo tudo o que posso para contribuir e aumentar o conhecimento de nossos jovens”, disse entusiasmado, o prefeito Wilker Torres.

Inicialmente, o convênio beneficiará 600 alunos da Escola Sólon Xavier, mas segundo a gestão municipal, existe a  possibilidade do sistema ser ampliado para mais unidades escolares do município.

LEIA MAIS

Paulo Câmara lança nova modalidade do Programa Ganhe o Mundo que vai contemplar estudantes de escolas técnicas

(Foto: Hélia Scheppa/SEI)

Em cerimônia realizada na manhã desta segunda-feira (9), no Palácio do Campo das Princesas, o governador Paulo Câmara lançou a nova modalidade do Programa Ganhe o Mundo Técnico, que agora contemplará jovens matriculados nas escolas técnicas do Estado. O governador anunciou ainda a Inglaterra como novo país destino. A primeira edição do PGM Técnico vai embarcar 15 estudantes de 14 Gerências Regionais de Educação espalhadas por todo o Estado.

“É importante ter condições de avançar nesse programa, que é tão exitoso e já contemplou mais de 7.500 estudantes em Pernambuco. É um novo módulo técnico que se envolve dentro do Programa Ganhe o Mundo e em um novo país. Isso vai levar os nossos alunos a estudar e ter experiências em escolas conhecidas e renomadas”, afirmou Paulo Câmara, reforçando a importância dessa vivência para a formação dos jovens, bem como a expectativa de ampliar o número de vagas futuramente.

LEIA MAIS

Matrículas na rede municipal de ensino de Petrolina para 2020 começam nesta segunda

Para quem perder o prazo do cadastro escolar, a partir de 17 de janeiro de 2020, será possível fazer a matrícula diretamente nas unidades de ensino.

As matrículas para o ano letivo de 2020 da Rede Municipal de Ensino de Petrolina (PE) começam nesta segunda-feira (09) e seguem até o dia 20 deste mês. Pais e responsáveis pelos alunos novatos que desejam ingressar em uma unidade de Ensino Fundamental (1º ao 9º ano) devem realizar um cadastro clicando aqui.

Esse cadastro escolar é voltado para estudantes que estão fora da sala de aula ou que nunca estiveram matriculados na rede Municipal de Petrolina, em nenhuma modalidade de ensino. Através do programa “Busca Ativa”, a gestão vai iniciar o levantamento dos alunos novatos a fim de assegurar todas as vagas necessárias no ano letivo de 2020.

Este ano, a Prefeitura de Petrolina ampliou o número de novas salas de aula em unidades na sede e do interior do município. Até o momento, 19 novas salas já foram construídas em 9 unidades. Além da entrega de novos prédios escolares, a exemplo da Escola Municipal Ariano Suassuna e do CMEI Damásio dos Santos, em Porto de Palha.

LEIA MAIS

Escolas, creches e unidades de saúde são prejudicas por falta d’água, segundo prefeitura

(Foto: Ilustração)

O caos que se instalou em Petrolina nos últimos dias, devido à falta de água recorrente em vários pontos da cidade, tem prejudicado, além das residências, a oferta de serviços públicos municipais. Ainda nesta terça-feira (03), nosso blog tem registrado reclamações contra a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

De acordo com a prefeitura, a Unidade de Saúde da Família (USF) Roza Maria Ribeiro, no bairro Gercino Coelho, teve que suspender as atividades na tarde desta terça-feira por conta do problema que persiste desde a última semana.

Pela manhã, os serviços foram realizados, mas a falta d’água impede a continuidade dos atendimentos no período da tarde. Segundo os funcionários, não tem água para limpar o prédio, nos bebedouros e nos banheiros.

LEIA MAIS

Petrolina terá nova escola estadual da rede integral em 2020

Já em 2020, a escola passa a fazer parte da rede integral de ensino.

A partir de janeiro de 2020, a Escola Estadual Antônio Padilha, localizada no José e Maria, zona norte de Petrolina, passará a fazer parte da rede integral de ensino. As matrículas podem ser feitas regularmente no site da Secretaria Estadual de Educação até o dia 27 de dezembro.

O anúncio foi feito pelo governador Paulo Câmara na manhã desta terça-feira (03), no Palácio do Campo das Princesas, em Recife. Ao todo, serão implantadas 25 novas unidades de ensino em tempo integral no estado.

LEIA MAIS

Segundo ministro da Educação, Carteirinha estudantil digital gratuita será lançada nesta segunda

Ministro da Educação anunciou data de lançamento das novas carteirinhas digitais.

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, anunciou nesta sexta-feira (22) que as novas carteirinhas estudantis digitais, gratuitas, serão lançadas na próxima segunda-feira (25). Batizada de ID Estudantil, a iniciativa foi criada por meio de uma MP (Medida Provisória) publicada pelo governo de Jair Bolsonaro (sem partido) no início de setembro.

Atualmente, as entidades estudantis como a UNE (União Nacional dos Estudantes), a Ubes (União Nacional dos Estudantes Secundaristas) e a ANPG (Associação Nacional de PósGraduandos) são as responsáveis pela expedição do documento, que custa cerca de R$ 35.

LEIA MAIS

MEC anuncia 54 escolas selecionadas para o programa cívico-militar

Primeiro dia de aulas no CED 01 da Estrutural, uma das escolas públicas do DF onde foi implementado o modelo cívico-militar.

O Ministério da Educação anunciou nesta quinta-feira (21) a localização das 54 escolas públicas selecionadas para o Programa Nacional das Escolas Cívico-Militares em 2020. Destas, 38 são escolas estaduais e 16 municipais, localizadas em 23 estados e no Distrito Federal.

De acordo com a pasta, cerca de 1.000 militares, tanto da reserva como da ativa, vão participar do projeto-piloto, atuando na gestão educacional das instituições. Segundo o ministro da Educação, Abraham Weintraub, a escolha das escolas levou em conta a localidade, a partir de “uma equação com variáveis com base em critério absolutamente técnico”.

LEIA MAIS

Inep anuncia cancelamento de uma questão do Enem

Candidatos devem estar atentos à questão anulada. (Foto: Reprodução)

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) informou nesta terça-feira (19) a anulação de uma questão da prova de Ciências Humanas e suas Tecnologias do Enem 2019. O Inep identificou que a questão anulada fez parte do Caderno de Questões Braile e Ledor da edição do Enem de 2018.

O chamado “caderno Ledor” é preparado para os aplicadores que atuam como ledores para os participantes que, por algum motivo, solicitam auxílio para a leitura da prova como recurso de acessibilidade. A questão anulada consta no Caderno Azul como número 90; no Caderno Amarelo como 78; no Caderno Branco como 66; e no Caderno Rosa como 72.

LEIA MAIS

Câmara aprova projeto que cria cargos de professor intérprete e instrutor de LIBRAS, em Petrolina

Projeto segue para sanção do prefeito Miguel Coelho (Foto: Jean Brito/Ascom CMP)

Um dos 10 projetos aprovados na sessão ordinária de quinta-feira (14) na Câmara de Vereadores de Petrolina foi o de número 17/2019, cuja autoria é do Poder Executivo. Nele ficam criados os cargos de Professor Intérprete, Instrutor da Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS) e Professor Brailista.

A matéria foi aprovada por 16 votos a zero e seguirá para sanção do prefeito Miguel Coelho (MDB). Membro do movimento de intérpretes de Petrolina, Maria Soares celebrou a aprovação da matéria. “Temos que comemorar, é a primeira vez que a gente tem a nossa profissão dentro do quadro de cargos [do município] e contempla também as pessoas cegas, é algo positivo. É a primeira vez que vamos entrar como cargo reconhecido“, disse ao Blog Waldiney Passos.

Contudo, a categoria vê algumas ressalvas no projeto que precisam ser reajustados. “A gente tem o direito de atuar, tem o concurso e vamos poder ocupar essas vagas. Porém, temos problemas em alguns pontos. Em um dos artigos diz que o intérprete deverá fazer atendimento em contra-turno, quando a lei fala em 100 horas e ainda fazer contra-turno, temos que fazer o regime de 8h diárias”, explicou.

Estudantes da rede municipal de ensino discutem sobre a ‘Cultura de Paz’ em Juazeiro

(Foto: Ascom)

Estudantes, pais, professores e gestores das escolas municipais Santa Inês, Maria de Lourdes e José Pereira participaram, na última sexta-feira (8) da Roda de Conversa do projeto ‘Valores Humanos e Cultura de Paz’, na Escola de Formação de Professores – EFEJ, em Juazeiro (BA). O projeto está sendo desenvolvido pela Diocese de Juazeiro, a Secretaria de Educação e Juventude – SEDUC, em parceria com outras instituições.

A mãe Raquel Silva contou que aconteceram muitas mudanças positivas do filho no comportamento, no relacionamento familiar e também no desempenho escolar, desde que o projeto passou a ser desenvolvido na escola onde o filho estuda. “Gostei muito que este projeto conseguiu realizar na vida do meu filho e da nossa família. Hoje temos uma relação mais amorosa dentro de casa, e ele está mais tranquilo, carinhoso e estudioso. Quero parabenizar a Diocese e a SEDUC por este trabalho”, ressaltou.

De acordo com a superintendente pedagógica da Secretaria de Educação e Juventude, Cristine Hermenegildo o objetivo dessa atividade foi avaliar as ações que estão sendo desenvolvidas há três meses nas escolas da rede municipal da sede e interior do município. “Foi um momento muito importante, onde tivemos a oportunidade de ouvir depoimentos dos alunos, pais, professores, gestores sobre as mudanças que aconteceram no ambiente escolar, nas relações familiares, nas comunidades depois de várias ações desenvolvidas para promover a paz. Estamos muito satisfeitos com os resultados do projeto”, afirmou.

LEIA MAIS

Prefeitura de Petrolina destrava recurso de R$ 1 milhão e investe em educação infantil

Prefeitura já adquiriu vários equipamentos para melhoria em escolas infantis da cidade. (Foto: Alexandre Justino)

A prefeitura de Petrolina conseguiu destravar recursos financeiros no valor de R$ 1 milhão nessa quarta-feira (06), através de processo licitatório. A verba, que estava travada desde 2012, já está sendo utilizada para aquisição de utensílios e equipamentos destinados às cozinhas das unidades de ensino da primeira infância da cidade.

Ao todo, já foram distribuídos 40 freezers, 24 fogões, 90 purificadores de água, 10 centrífugas, 30 processadores de alimentos, liquidificadores e mais de 20 tipos de utensílios de uso diário. A ação é coordenada pela Secretaria de Educação, Cultura e Esportes através da Diretoria de Alimentação Escolar. A previsão é de que, até o final do ano, todas as unidades do Nova Semente, CMEIs e pré-escolas serão beneficiadas com alguns dos objetos.

Para que possamos garantir a qualidade e harmonia no momento das refeições nas unidades de educação infantil, faz-se necessário não somente uma alimentação equilibrada e saudável. Equipar as unidades com utensílios e equipamentos é de suma importância, pois com os materiais adequados garantimos a qualidade no armazenamento dos gêneros alimentícios, bem como o preparo correto”, disse a diretora de Alimentação Escolar, Geórgia Mourão.

Desistência de alunos leva a corte no Bolsa Família de famílias em Casa Nova

(Foto: Internet)

As desistências dos alunos de famílias de baixa renda, atendidas pelos programas sociais do governo federal, preocupa o prefeito de Casa Nova, Wilker Torres, que determinou à secretaria de Desenvolvimento Social, Maria Regina, que realizasse reuniões com os diferentes órgãos e setores da administração municipal que possam contribuir para manter e até ampliar o programa Bolsa Família no município.

Segundo Wilker, o principal motivo de descredenciamento das famílias na cidade é a desistência de alunos. O programa tem passado por uma fiscalização cada vez mais intensa e minuciosa pelo governo federal.

LEIA MAIS

A cinco dias do Enem, 1,2 milhão de inscritos não sabem local da prova

Ao todo, foram impressas 10,3 milhões de provas. (Foto: Internet)

A menos de uma semana para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), cerca de 1,2 milhão de participantes ainda não sabem onde farão a prova, de acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Esses estudantes ainda não acessaram o Cartão de Confirmação da Inscrição, que está disponível na Página do Participante e no aplicativo do Enem, que pode ser baixado nas plataformas Apple Store e Google Play.

LEIA MAIS

Projeto desenvolvido pela prefeitura ensina comunidade da zona rural de Petrolina a fazer adubo com restos de plantas e alimentos

(Foto: Jonas Santos)

O cuidado com o meio ambiente tem sido prioridade das crianças da escola Olavo Bilac, da comunidade de Atalho, na zona rural de Petrolina, com a implementação do projeto ‘Eu Sou Meio Ambiente’, promovido pela prefeitura. A última oficina levou à comunidade e aos pequenos um processo importante e pouco conhecido: a compostagem doméstica.

Depois de intervenções, os alunos puderam plantar árvores, ter contato com a fauna da região, debater questões sobre o bioma Caatinga e o espaço escolar, e desta vez de aprender um novo método para redução de resíduos orgânicos gerados no dia-a-dia; a compostagem. O processo consiste em utilizar restos de alimentos, como cascas de frutas, verduras, borra de café, por exemplo, e transformá-los em adubo para hortas.

O projeto acontece através da Agência Municipal do Meio Ambiente (AMMA), e para o diretor de projetos, Victor Flores, educar a comunidade com esses métodos de maneira didática é algo essencial. “Se a gente quer ver mudança, é necessário começar a incentivar nossas crianças desde cedo a terem cuidado com o nosso ecossistema. É um trabalho que começa na construção de uma consciência sustentável, mas que precisa ser acompanhada de ensinamentos práticos”, ressalta.

Políticas públicas voltadas à educação no semiárido são discutidas em Petrolina

(Foto: Alexandre Justino)

A Prefeitura de Petrolina em parceria com a Fundação Joaquim Nabuco e a Rede de Educação do Semiárido Brasileiro (RESAB) deram início, na última quinta-feira (24), ao II Encontro Semiárido e Educação: convergências, impasses e possibilidade. O evento, realizado no Hotel Nobile Suítes, em Petrolina, tem o objetivo de contribuir para a formação de políticas públicas e direcionamentos para o desenvolvimento de uma educação voltada para o semiárido. Mais de 300 representantes de cinco estados do país participam do evento e deixam suas contribuições para o encontro.

Participaram da mesa de abertura o presidente da Fundação Joaquim Nabuco, Antônio Campos; a vice-prefeita de Petrolina, Luska Portela; a representante do Ministério da Educação (MEC), Vanessa Matos; o diretor de Pesquisas Sociais, Carlos Osório; a Coordenadora do Centro de Estudos em Dinâmicas Sociais, Edilene Pinto e o Secretário Executivo da Rede de Educação do Semiárido (Resab), Edmerson Reis.

LEIA MAIS
123