Sem água há três dias, moradores do Serrote do Urubu cobram providências da Compesa

(Foto: Ilustração)

Há três dias, moradores do Serrote do Urubu, em Petrolina (PE), estão sem água. Diante dos transtornos provocados pelo desabastecimento, a população local cobra providências da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

“Aqui no Serrote do Urubu moramos na beira d’água e já tem três dias sem água. Cadê a Compesa q não vem fiscalizar esses bombeiros q não estão regularizando e mandando água para as casas? Será q estão trabalhando em outro lugar? Roças vizinhas desviando água da comunidade deixando nós a mercê de água na beira do rio?”, questiona um morador da referida localidade.

LEIA MAIS

Moradores do bairro José e Maria denunciam falta d’água que já dura dois dias

Nesta sexta-feira (11), moradores  do bairro José e Maria, em Petrolina (PE), entraram em contato com o Blog Waldiney Passos para denunciar a falta d’água que já dura dois dias, na referida localidade.

De acordo com a população, o desabastecimento ocorre desde ontem (10). Diante dos transtornos, os moradores cobram providências da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

O Blog Waldiney Passos entrou em contato com a Compesa para saber o que motivou a falta de água, bem como quando o abastecimento será normalizado. Até o momento não obtivemos resposta da da Companhia.

Desabastecimento no povoado de Pau Ferro pode ter sido provocado por desvios de água, diz nota da Compesa

(Foto: Ilustração)

O Blog Waldiney Passos publicou, na última segunda-feira (7), uma matéria sobre a falta de água no povoado de Pau Ferro, zona rural de Petrolina (PE). Segundo os moradores da referida localidade, há mais de 14 dias a população vem sofrendo com os transtornos provocados pelo desabastecimento.

Em nota enviada ao Blog, nesta quarta-feira (9), a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) afirmou que a falta d’água pode ter sido provocada por desvios de água. Fiscalizações estão sendo feitas, e de acordo com a Compesa, o abastecimento já está sendo normalizado. Confira a íntegra da nota:

“A Compesa informa que continua trabalhando na fiscalização ao longo da Adutora Maria Coelho a fim de identificar possíveis desvios no sistema de abastecimento, que afetam diretamente a distribuição de água na localidade de Pau Ferro. A equipe segue monitorando a vazão do sistema, que teve aumento, e garantiu melhorias na distribuição da parte baixa da comunidade, onde a água já começou a chegar e segue realizando testes para normalizar o abastecimento também na parte alta. O calendário de abastecimento também passou por uma reestruturação para que as comunidades abastecidas pela Adutora, consigam receber água dentro do período previsto pelo cronograma.”

Moradores do povoado de Pau Ferro denunciam falta de água e cobram providências da Compesa

Moradores do povoado de Pau Ferro, zona rural de Petrolina (PE), estão sem água há 14 dias. A população local denuncia o desabastecimento e cobra providências da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

“Alunos não estão indo à escola devido por conta da falta de água. Idosos passando por situação complicada. A única caixa de água que o distrito tem está desativada há mais de três anos, e a mesma corre risco de desabar em cima da escola ou residência devido ferrugem”, disse um morador.

O Blog Waldiney Passos entrou em contato com a Compesa, para saber o que provocou a falta de água, bem como a previsão para a normalização do abastecimento. Até o momento a Companhia não se pronunciou sobre a denúncia.

Petrolina: moradores do bairro São José sofrem com falta d’água desde quinta-feira

Desde a última quinta-feira (26), os moradores do bairro São José, zona leste de Petrolina (PE), estão sem água. Sofrendo com o desabastecimento, eles denunciam o problema e cobram providências da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

“A Compesa tem que informar aos moradores da falta de água. Estamos sem água desde quinta, novamente sem água hoje, e nada da Compesa nos avisar”, diz uma moradora.

O Blog Waldiney Passos entrou em contato com a Compesa, para saber quando o abastecimento será normalizado, mas até o momento a Companhia não se pronunciou sobre a falta de água no bairro São José.

Moradores do bairro Vasco da Gama reclamam de falta d’água e questionam esquema de rodízio realizado pela Compesa

As reclamações de falta d’água no bairro Vasco da Gama, em Lagoa Grande (PE), são constantes. O Blog Waldiney Passos recebe diariamente demandas dos moradores que estão insatisfeito com o esquema de rodízio de abastecimento realizado pela Compesa, na localidade.

Na última semana, um morador do bairro Vasco da Gama entrou em contato com nossa equipe, para mais uma vez, denunciar o desabastecimento. ” Todo final de semana falta água”, disse o denunciante.

LEIA MAIS

Cano estourado provoca falta de água no bairro José e Maria, em Petrolina

(Foto: Reprodução/WhatsApp)

Moradores do bairro José e Maria, zona norte de Petrolina (PE), estão sofrendo desde ontem (11) com a falta de água. De acordo com informações da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), o desabastecimento foi provocado pelo estouramento de um cano, nas proximidades da Rua São Francisco do referido bairro.

Em nota enviada ao Blog Waldiney Passos, a Compesa afirmou que as equipes já estão no local para realizar o concerto da tubulação, com previsão de término para o fim do dia de hoje (12). O abastecimento deve ser normalizado gradativamente.

“As equipes da Companhia trabalham desde cedo no conserto da tubulação com previsão de conclusão para o final do dia de hoje, segunda-feira, 12. Assim que finalizado o reparo, o sistema de abastecimento do bairro, voltará ao normal de forma gradativa”, diz a nota.

SAAE explica falta de água, em Juazeiro, e diz que o abastecimento será normalizado

(Foto: Ilustração)

No início da tarde desta quarta-feira (12), publicamos uma matéria sobre a falta de água nos bairros Tabuleiro e Novo Encontro, em Juazeiro (BA). Os moradores dos bairros entraram em contato com o nosso blog e denunciaram a falta de água que assolava as comunidades há mais de três dias.

Sobre a falta de água, o Serviço de Água e Saneamento Ambiental de Juazeiro (SAAE), responsável pelo abastecimento da cidade, informou que o motor da bomba que abastece os bairros citados quebrou e por isso, o abastecimento foi prejudicado.

O SAAE explicou que só na tarde desta quarta-feira, conseguiu a peça que vai resolver o problema, e adiantou que as equipes de engenharia elétrica já estão fazendo o reparo, e que o serviço será normalizado ainda hoje.

Moradores de Juazeiro reclamam de falta d’água

(Foto: Ilustração)

Sem água há quatro dias, moradores do bairro Tabuleiro, em Juazeiro (BA), não sabem mais a quem recorrer. Alguns já compraram água mineral para beber e cozinhar, e outros estão pegando água na casa de vizinhos que têm reservatório.

“É muito preocupante, precisamos de água o mais rápido possível, não estamos conseguindo nem fazer as atividades de casa, nós temos uma idoso e criança em casa, nós estamos nos deslocando para outros bairros para conseguir água. O SAAE precisa dá uma reposta para os moradores. Nós estamos sem esperança, sem saber quando vai voltar o abastecimento de água”, afirma Jéssica Raiane, moradora do bairro Tabuleiro.

Para os moradores, a situação é insustentável. “Já é o segundo dia que eu compro água pra beber, desde domingo nós estamos sem água, e o SAAE nem nos avisou. É uma falta de respeito”, disse um morador que não quis se identificar.

LEIA TAMBÉM

Câmara de Vereadores de Juazeiro aprova crédito especial de quase R$ 300 mil para SAAE

Em algumas residências a água está chegando aos poucos, mas na maioria das casas a situação é precária. Pelas ruas do bairro, várias pessoas são vistas com baldes na cabeça em busca de água.

Bairro Novo Encontro

No bairro Novo encontro, em Juazeiro, a situação não é diferente. Segundo Richard William, morador do bairro, desde a última segunda-feira (10) não tem água nas casas. “Não fomos avisados, estamos passando por dificuldades. Tentamos ligar para o SAAE, mas a ligação não completa. Nós queremos uma resposta”, disse.

SAAE informa falta de água no centro de Juazeiro

(Foto: Ilustração)

O Serviço de Água e Saneamento Ambiental – SAAE/Juazeiro (BA), comunica que o centro da cidade ficará sem o abastecimento de água até o meio dia dessa quarta feira (17).

A paralisação da bomba que abastece o centro é necessário para a troca de uma luva na rede principal da Rua Góes Calmon (Apolo) que está provocando vazamento de água naquela área.

Tão logo o serviço seja concluído o abastecimento voltará à normalidade.

Área central de Juazeiro está sem água nesta segunda-feira

(Foto: arquivo)

Casas residenciais e comerciais do centro de Juazeiro (BA), estão sem água nesta segunda-feira (15).

Segundo o Serviço de Água e Saneamento Ambiental (SAAE), o motivo da interrupção no fornecimento, foi à queima de um transformador na Estação de Tratamento de Água (ETA) no Bairro Santo Antônio.

Para fazer a substituição do equipamento danificado, o SAAE/Juazeiro precisou desligar a bomba número 4, que abastece o centro da cidade. As equipes já iniciaram os trabalhos no local e a previsão é de que até o meio dia o serviço seja concluído.

Enquanto moradores de Petrolina sofrem com a falta de água, jacaré passeia na rua em busca de vazamento

(Foto: whatsapp)

Moradores do Loteamento Rio Jordão, ao lado do bairro Idalino Bezerra, em Petrolina (PE), enviaram mensagem ao blog afirmando que estão há 4 dias sem uma gota de água nas torneiras. Situação difícil para quem não tem de onde buscar o líquido para os afares de casa e a higiene pessoal.

Enquanto isso, na noite deste sábado (6), um jacaré passeava tranquilo pela a avenida da Integração na mesma cidade. Segundo moradores, o animal estava indo em direção a um vazamento de água limpa, em frente ao parque de diversão Mundo da Lua.

Acuado com a presença de populares o Jacaré acabou se escondendo na área de um residência. Não temos informações se ele foi capturado pelo o Corpo de Bombeiros.

Falta d’água no bairro Terras do Sul dificulta vida de moradores

Moradora pega água gotejando em torneira de obra. (Foto: WhatsApp)

Há mais de 15 dias sem água, a vida dos moradores do bairro Terras do Sul, em Petrolina (PE) tem sido cada vez mais difícil. Sem poder cozinhar, lavar roupas e tomar banho a população local tem reclamado da situação junto à Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), mas nenhuma resposta é dada.

“Eu como moradora e os demais não estamos mais suportando a falta de água no bairro. Tem dias que ligamos as torneiras e não sai água. Quando chega é por volta das 3h ou 4h30. Minha caixa d’água secou e não enche mais”, reclamou Mirian, moradora do bairro.

De acordo com informações, os moradores precisam ir em outros bairros próximos para conseguir acesso à água. Nosso blog entrou em contato com a Compesa e aguarda resposta sobre o caso.

Leitora denuncia falta de água no bairro João de Deus

Indignada com o descaso da Compesa em Petrolina, uma leitora deste Blog enviou uma mensagem a nossa redação reclamando a falta de água no bairro João de Deus, nas proximidades da antiga Amacoco. Segundo ela, desde a última sexta-feira (22), está faltando água e a Compesa não informou que haveria manutenções ou algo do tipo.

“A água que chega é na torneirinha baixa e de madrugada e as seis da manhã já vai embora, quem mora em apartamento não tem torneira baixa tem que está incomodando vizinhos nesses horários, é um absurdo e a conta sempre chega em dias.  Por favor denunciem para que possam tomar uma providência”, apela.

Com a palavra a direção da Compesa em Petrolina.

Acidente atinge tubulação de rede de distribuição de Petrolina e deixa 40% da cidade sem água

Uma equipe de manutenção da companhia esteve no local e previsão é que o abastecimento será retomado para as áreas afetadas, gradativamente/Foto: Imagem ilustrativa

A falta de água em vários bairros de Petrolina na tarde de ontem (17) foi justificada pela Compesa devido a um acidente ocorrido em uma das principais redes de distribuição de água do município que afetou o abastecimento em 40% da cidade.

De acordo com a empresa, durante a realização de um serviço particular para fazer um aterramento na calçada de um imóvel localizado na Avenida da Integração, no bairro Areia Branca, uma tubulação de 400 mm da rede foi perfurada por uma haste. Para consertar o vazamento, de grande porte, a Compesa precisou suspender o fornecimento de água para 43 localidades de Petrolina.

Localidades afetadas pelo acidente na rede de distribuição:

Vila Eduardo, Vila dos Ingás, Loteamento Nossa Senhora Rainha dos Anjos, Vitivinícola, Alto Cheiroso, São José, Henrique Leite, Fernando Idalino, Novo Horizonte, Rio Jordão, Jatobá, Carneiros, Cidade Universitária, Cond. Água Viva, Cond. Portal das Águas, Vila das Imbiras, Vila Mocó, Parte do Gercino Coelho, Km 2, Lot Arco-íris, Vila Eulália, Areia Branca, Dom Malan, Caminho do Sol, Maria Auxiliadora, Parte do José e Maria, Mandacaru, Terras do Sul, Santa Luzia, São Jorge, Parte do José e Maria, Vila Carolina, Dom Avelar, São Joaquim, Jardim Maravilha, Ouro Preto, Alto Grande, Antonio Cassimiro, Vale do Grande Rio, Pedra Linda, Vale Dourado, Vila Esperança, Condomínios Mais Viver.

Uma equipe de manutenção da companhia esteve no local e previsão é que o abastecimento será retomado para as áreas afetadas, gradativamente.

123