Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Missa de um ano da morte de Dr. Geraldo Coelho acontece neste sábado

O “Trator do Sertão” como era conhecido Dr. Geraldo Coelho.

No próximo sábado (24), será realizada uma missa em homenagem ao ex-prefeito de Petrolina (PE) Dr. Geraldo de Souza Coelho, na igreja Matriz, às 9h. Posteriormente, será inaugurado o Memorial Geraldo de Souza Coelho no primeiro andar do prédio da Fundação Nilo Coelho.

“A Direção e todos os que fazem a Fundação Nilo Coelho realizaram o convite a parentes e amigos para as solenidades que vão marcar a passagem de UM ANO DE SAUDADE de nosso eterno Patrono – Dr. Geraldo de Souza Coelho, dia 24 de agosto de 2019”.

LEIA MAIS

Prefeitos de Cabrobó e Santa Maria da Boa Vista lembram legado de Geraldo Coelho

O “Trator do Sertão” como era conhecido Dr. Geraldo Coelho.

A morte do ex-deputado estadual Geraldo Coelho provocou uma onda de manifestações de políticos da região, que se inspiraram na sua história. Os prefeitos de Cabrobó, Marcílio Cavalcanti (MDB) e de Santa Maria da Boa Vista, Humberto Mendes (PTB) se manifestaram através de notas.

Cavalcanti disse homens como doutor Geraldo não morrem jamais. Através de suas redes sociais, o prefeito disse que o ex-deputado viverá no coração de todos. Confira a nota:

“Me solidarizo, junto com nossa Cabrobó, à família do deputado Geraldo Coelho, falecido nesse sábado, 25. Homens públicos como o conhecido ‘Trator do Sertão’, não morrem jamais. Mesmo longe de mandatos políticos, o deputado sempre esteve atuando e tendo o prestígio que construiu ao longo de suas trajetória, a exemplo da foto deste post, quando participou de ato oficial com o governador Paulo Câmara em Petrolina.

LEIA MAIS

Câmara de Vereadores de Juazeiro e Codevasf emitem nota de pesar por morte de Dr. Geraldo Coelho

O “Trator do Sertão” como era conhecido Dr. Geraldo Coelho.

A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) e a Câmara de Vereadores de Juazeiro (BA) lamentaram a morte do ex-prefeito de Petrolina, Dr. Geraldo Coelho. O “Trator do Sertão” como era conhecido faleceu na noite dessa sexta-feira (24).

Para Alex Tanuri, presidente da Casa Legislativa de Juazeiro, Geraldo foi um dos principais artífices do desenvolvimento de Petrolina. “Juazeiro e Petrolina mudaram suas matrizes de desenvolvimento pelas mãos, força e orientação de poucos homens e, a História há de registrar que, talvez, o mais importante deles tenha sido Geraldo Coelho”.

Confira as notas

Codevasf

A Terceira Superintendência Regional da Codevasf, na pessoa de seu superintendente, Aurivalter Cordeiro, lamenta profundamente a morte de Dr. Geraldo Coelho, grande expoente político de Petrolina.

Com sua atitude visionária, Geraldo Coelho fez de Petrolina um dos poucos municípios do interior do nordeste a possuir aeroporto, por onde, hoje, nossas frutas são exportadas para a América do Norte e Europa.

LEIA MAIS

Guilherme Coelho, FBC e Paulo Bomfim lamentam morte de Dr. Geraldo Coelho

Guilherme Coelho e Fernando Bezerra Coelho na presença de Dr. Geraldo.

Após a morte do ex-deputado Geraldo Coelho, aos 92 anos, na noite dessa sexta-feira (24), vários políticos pernambucanos prestaram homenagem ao “Trator do Sertão”. O ex-prefeito de Petrolina estava internado desde o último sábado (18), no Hospital Dom Tomás, por causa de um desconforto respiratório causado por uma pneumonia.

O senador Fernando Bezerra Coelho, o deputado Guilherme Coelho e o prefeito de Juazeiro (BA), Paulo Bomfim, emitiram notas de pesar lamentando a morte de Dr. Geraldo.

Confira as notas

Fernando Bezerra Coelho

“Na vida, todos temos referências. Geraldo Coelho, seguramente, é uma das mais importantes. Sua força de luta, vontade de realizar e uma disposição gigante para mudar a vida de sua gente eram qualidades muito peculiares de Geraldo.

Inquieto e inconformado, Geraldo Coelho sempre queria mais. Faltava sempre uma iluminação, um poço, uma estrada, uma benfeitoria para alguma comunidade. “Tem gente precisando”, repetia ele.

Geraldo fará uma falta enorme; mas, seu legado e exemplo continuarão como espelho para as próximas gerações.”

Guilherme Coelho

“Todo o Sertão recebe com muita tristeza a notícia de falecimento de Geraldo Coelho. Tio Geraldo, junto com outros nomes da família, representam uma geração de homens públicos como pouco se vê nos dias atuais.

LEIA MAIS

Facape emite nota de pesar pela morte de Geraldo Coelho

Geraldo Coelho deixa imenso legado para Petrolina e região.

Responsável pela implantação da Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina (Facape), Dr. Geraldo Coelho foi lembrado pela instituição, que emitiu uma nota de pesar pela morte do “Trator do Sertão” e decretou luto de três dias.

Confira a nota

É com grande pesar que a comunidade da Facape vem prestar suas condolências à família do Dr. Geraldo Coelho, pela sua inestimável perda.

A Facape foi um sonho deste homem que anteviu o futuro e trabalhou com afinco pelo desenvolvimento de Petrolina e da região. Seus incansáveis esforços resultaram numa faculdade que há 42 anos promove a educação e a formação profissional do povo a quem Dr Geraldo dedicou sua vida. Que Deus o acolha em sua morada e console a família neste momento de grande dor.

Em tempo, a Facape guardará luto de 3 dias pela partida de Dr. Geraldo.”

Antônio Coelho, Fernando Filho e Odacy Amorim lamentam morte de Geraldo Coelho

O “Trator do Sertão” com seu sorriso largo característico.

A morte de Dr. Geraldo Coelho comoveu a comunidade política de Petrolina (PE) e região. Fernando Filho e Odacy Amorim, deputados federal e estadual, respectivamente, e Antônio Coelho, candidato a deputado estadual, lamentaram a morte do “Trator do Sertão”.

Antônio falou sobre a história de Dr. Geraldo e decidiu suspender sua campanha até a próxima segunda-feira (27). Fernando Filho lembrou da campanha em 2016, quando teve a oportunidade de andar ao lado de Geraldo. Para o parlamentar, “Sua perda é um prejuízo enorme e uma dor imensa para todos da família e de todo o sertão”.

Odacy Amorim também lamentou a morte do “Trator do Sertão” e afirmou que “Geraldo fez muito pelo nosso estado e pelos mais necessitados”.

Confira as notas de pesar

Antônio Coelho

Pernambuco perdeu um dos seus grandes homens e Petrolina fica órfã de um verdadeiro pai para nossa cidade. Dr. Geraldo Coelho foi um expressivo líder e referência não apenas de nossa família, mas de uma geração de homens públicos que ajudaram a transformar o Sertão do São Francisco numa terra de oportunidades. 

LEIA MAIS

Gonzaga afirma que Petrolina e Pernambuco perdem um “símbolo da política”

Gonzaga Patriota lamentou a morte de Dr. Geraldo.

O deputado federal Gonzaga Patriota lamentou a morte do ex-deputado Geraldo Coelho, que faleceu na noite dessa sexta-feira (24) em Petrolina (PE). Por meio de nota, o parlamentar lembrou do trabalho de Dr. Geraldo e sua contribuição para o desenvolvimento da capital do Sertão do São Francisco.

Confira a nota

Foi com profundo pesar que recebi a notícia da morte de Dr. Geraldo Coelho. Petrolina e Pernambuco perdem um símbolo da política, um homem que dedicou boa parte da sua vida para contribuir com o desenvolvimento da Capital do Sertão do São Francisco. Forte defensor da educação e da irrigação, ajudou a transformar a região e cumpriu com dignidade e sabedoria todos os cargos que ocupou.

LEIA TAMBÉM

Geraldo Coelho, o “Trator do Sertão”, morre em Petrolina

Miguel lamenta morte de Geraldo Coelho e decreta luto de três dias em Petrolina

Dr. Geraldo escreveu seu nome na nossa história. Neste momento de tristeza, me uno em oração aos seus familiares e tantos amigos e expresso as minhas mais sinceras condolências.

Deputado federal Gonzaga Patriota

Em respeito a Dr. Geraldo Coelho, o deputado Gonzaga Patriota cancelou sua agenda política.”

Miguel lamenta morte de Geraldo Coelho e decreta luto de três dias em Petrolina

Miguel cumprimenta Geraldo Coelho.

O prefeito Miguel Coelho decretou três dias de luto em Petrolina pelo falecimento do ex-deputado estadual Geraldo Coelho. Conhecido como “Trator do Sertão”, o ex-prefeito faleceu por volta das 23h desta sexta-feira (24), na sua terra natal, Petrolina. Sobrinho-neto de Geraldo, Miguel emitiu nota de pesar lamentando a perda do ex-prefeito petrolinense.

Confira a íntegra da nota

Petrolina hoje acorda com o sentimento de dor e perda apertando nossos corações com a partida de tio Geraldo. Mas não devemos apenas nos entristecer, temos que nos alegrar por Petrolina ter tido a sorte de ter um filho tão comprometido e apaixonado pela nossa terra e nossa gente.

LEIA TAMBÉM

Geraldo Coelho, o “Trator do Sertão”, morre em Petrolina

Geraldo deixa uma história de luta, conquistas, vitórias e muitos avanços. A sua vida nos inspira a sempre acreditar que, sim, é possível fazer mais e melhor pelo nosso Sertão.

O céu ganha um trator de trabalho, um homem obstinado para as causas justas, e que lá de cima ele possa ser mais uma estrela a guiar o futuro da nossa terra.

Descanse em paz, tio Geraldo.

Miguel Coelho – prefeito de Petrolina

Geraldo Coelho, o “Trator do Sertão”, morre em Petrolina

Geraldo Coelho deixa imenso legado para Petrolina e região.

Faleceu aos 92 anos na noite dessa sexta-feira (24), um dos maiores líderes políticos de Petrolina (PE). Geraldo Coelho, também conhecido como “Trator do Sertão”, estava internado no Hospital Dom Thomáz há alguns dias, quando deu entrada na unidade devido a uma pneumonia.

O velório acontecerá neste sábado (25), a partir das 8h, na Câmara Municipal de Petrolina, onde deve ficar até às 15h. Depois, será realizada uma missa de Corpo Presente na Catedral, às 15h30. O sepultamento será no Cemitério Campo das Flores, às 17h.

História

Filho de Clementino de Souza Coelho e Josepha de Souza Coelho, Geraldo nasceu em 5 de abril de 1926, em Petrolina. Casado com Maria de Lourdes Soares de Souza Coelho e pai de sete filhos, o “Trator do Sertão” foi vereador por dois mandatos, entre os anos de 1963 e 1973, sendo presidente da Câmara Municipal de 1963 a 1971.

Em 1973, tornou-se prefeito de Petrolina. Foi responsável pela construção da Avenida da Integração, implantação do Aeroporto Internacional na cidade e da FACAPE. Em 1987, Geraldo exerceu seu primeiro mandato com deputado estadual, no qual atuou até 2011, somando seis mandatos como parlamentar.