Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Depois de inaugurar Policlínica Regional em Paulo Afonso, governador da Bahia promete mais investimentos na saúde

Unidade foi inaugurada na sexta e já está funcionando (Foto: Ascom/Sesab)

Inaugurada na sexta-feira (12) com a presença do governador Rui Costa (PT), a Policlínica Regional de Paulo Afonso (BA) começou a funcionar ontem (15). O secretário de Saúde do Estado (Sesab), Ivaldo Júnior acompanhou o primeiro dia de funcionamento.

Na unidade são ofertados exames e consultas em diversas especialidades, como angiologia, cardiologia, endocrinologia, gastrenterologia, neurologia, ortopedia, oftalmologia, otorrinolaringologia, ginecologia/obstetrícia, mastologia e urologia.

LEIA TAMBÉM:

Com presença de Rui Costa, Policlínica de Paulo Afonso será inaugurada hoje

O Governo da Bahia investiu R$ 22 milhões na construção da Policlínica que atenderá não apenas Paulo Afonso, mas também as cidades de Abaré, Chorrochó, Glória, Jeremoabo, Macururé, Pedro Alexandre, Rodelas e Santa Brígida.

LEIA MAIS

Continuidade da chuva dificulta escoamento de água em Coronel João Sá

(Foto: Secom/BA)

Deve continuar chovendo em Coronel João Sá, cidade baiana atingida pelo rompimento de uma barragem na última quinta-feira (11). A previsão do tempo para esse domingo (14) é de chuva até hoje, o que dificulta o escoamento das águas.

LEIA TAMBÉM:

Técnicos atestam rompimento na estrutura de barragem na Bahia

Barragem se rompe em Pedro Alexandre, na Bahia, e afeta cidade vizinha

500 famílias estão desabrigadas desde o rompimento da barragem do Quati, que fica localizada na cidade vizinha. “O problema é o transtorno que causa. A chuva não para. Fica difícil o trabalho dos bombeiros e da Defesa Civil”, afirma o secretário de Defesa Civil, Valdomiro da Conceição Jr.

LEIA MAIS

Técnicos atestam rompimento na estrutura de barragem na Bahia

(Foto: Secom/BA)

O Governo da Bahia confirmou hoje (12) o rompimento da barragem do Quati, localizada na cidade de Pedro Alexandre. Técnicos estiveram no local durante a manhã dessa sexta-feira e constataram uma ruptura na estrutura.

Isso provocou o transbordamento da barragem, com rachadura nas laterais. No entanto, a pressão da água acabou provocando rompimento parcial do equipamento. Uma nova vistoria será realizada durante a tarde para verificar a extensão dos danos.

LEIA TAMBÉM:

Barragem se rompe em Pedro Alexandre, na Bahia, e afeta cidade vizinha

Vizinha a Pedro Alexandre, Coronel João Sá foi a cidade mais afetada. Um dia após o rompimento os moradores de puderam voltar às suas casas. Apesar do susto que os moradores levaram ontem, até o momento não há registro de mortos ou feridos.

A Defesa Civil atua em conjunto com a polícia e bombeiros, levantando informações sobre atingidos e os prejuízos causados com o rompimento. Cerca de 48 bombeiros estão nas duas cidades e outros militares estão de prontidão para seguirem para as cidades atingidas em caso de necessidade. (Com informações de A Tarde e G1).

Com presença de Rui Costa, Policlínica de Paulo Afonso será inaugurada hoje

(Foto: Ascom)

O governador da Bahia, Rui Costa (PT) está em Paulo Afonso nessa sexta-feira (12) para inaugurar a Policlínica Regional de Saúde do município. A solenidade está prevista para começar agora, às 9h. A unidade contará com 69 profissionais, entre médicos, enfermeiros e funcionários administrativos.

A Policlínica atenderá demandas não apenas de Paulo Afonso, mas também de nove municípios vizinhos no Norte baiano. Foram investidos R$ 22 milhões na construção, aquisição de equipamentos da unidade, segundo o Governo da Bahia.

Estima-se que 260 mil moradores dos municípios do consórcio – formado Abaré, Chorrochó, Glória, Jeremoabo, Macururé, Paulo Afonso, Pedro Alexandre, Rodelas e Santa Brígida – serão contemplados com a unidade.

Serão ofertadas consultas médicas em diversas especialidades, como Angiologia, Cardiologia, Endocrinologia, Gastrenterologia, Neurologia, Ortopedia, Oftalmologia, Otorrinolaringologia, Ginecologia/Obstetrícia, Mastologia e Urologia.

Juazeiro: secretaria de Saúde da Bahia afirma que funcionamento do Hospital Regional “encontra-se normal”

(Foto: ASCOM)

Os funcionários terceirizados do Hospital Regional de Juazeiro (BA) cobram o pagamento dos salários em atraso – maio e junho. Ontem (4), inclusive, os médicos chegaram a paralisar as atividades cobrando seus direitos. Nossa produção procurou o Governo da Bahia, que atendeu a nossa demanda nessa sexta-feira (5).

LEIA TAMBÉM:

Sem receber há dois meses, funcionários do Hospital Regional cobram pagamento dos salários

Através de nota a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) alega fazer repasses ao Hospital e inclusive, efetuou um pagamento ontem. “A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia realiza pagamentos regulares e consecutivos a Associação de Proteção à maternidade e infância de Castro Alves (APMICA), entidade responsável pela gestão do Hospital Regional de Juazeiro, inclusive, com um pagamento realizado nesta quinta-feira (4/7), no valor de R$ 3,699 milhões”, diz a nota.

De acordo com a Sesab “o funcionamento da unidade encontra-se normal, sem quaisquer indicativos de paralisação. Acrescentamos ainda que a organização social é a responsável pela gestão dos recursos humanos, medicamentos e material médico-hospitalar”. A Direção do HRJ ainda não se pronunciou.

Prefeitura de Remanso declara situação de emergência

(Foto: Internet)

O período de estiagem vivenciado pelo município de Remanso (BA) levou o prefeito Zé Filho a decretar Situação de Emergência. No Decreto n° 2.545/2019 o gestor justifica que há dois anos a cidade sofre com a falta de chuvas e que a situação se agravou nos últimos meses.

De acordo com a Prefeitura há relatórios comprovando “prejuízos das atividades produtivas do município, principalmente agricultura e pecuária, falta d’água e alimentos para consumo humano, para consumo animal” e paralisação das atividades produtivas.

O Decreto se estende da zona urbana à rural e terá validade de 180 dias. Nele também ficam determinadas ações da Defesa Civil, cujo objetivo é ajudar os moradores de localidades afetadas com a estiagem.

Diário Oficial retifica informação sobre nova função de Isaac Carvalho no Governo da Bahia

O Blog mostrou na quinta-feira (23) a nomeação do ex-prefeito de Juazeiro, Isaac Carvalho para o cargo de Assistente Especial na Secretaria de Infraestrutura (Seinfra) do Governo da Bahia. Contudo, a edição de hoje (24) tornou sem efeito a decisão de ontem.

LEIA TAMBÉM:

Bahia: ex-prefeito de Juazeiro, Isaac Carvalho ocupará cargo na secretaria de Infraestrutura

Através de Decreto Simples assinado pelo governador Rui Costa (PT), tanto a exoneração de Isaac lotado no Gabinete do Governador, quanto a nomeação para a Seinfra foram anuladas. Ou seja, o ex-prefeito continua atuando na função a qual foi lotado em fevereiro desse ano, diretamente no gabinete de Costa.

Nossa produção entrou em contato com a assessoria de comunicação de Isaac em busca de informações sobre o que teria acontecido e se o ex-prefeito chegou a atuar na Seinfra. Até o momento não tivemos resposta.

Bahia: ex-prefeito de Juazeiro, Isaac Carvalho ocupará cargo na secretaria de Infraestrutura

(Foto: Ascom)

O Diário Oficial da Bahia dessa quinta-feira (23) trouxe a mudança na função do ex-prefeito de Juazeiro (BA), Isaac Carvalho. O governador Rui Costa (PT) exonerou Isaac da função de Assistente Especial no Gabinete do Governador.

Agora o ex-prefeito de Juazeiro atuará também como Assistente Especial, mas na secretaria de Infraestrutura da Bahia, cujo comando está nas mãos do PSD, partido que tem se aproximado de Isaac desde sua desfiliação ao PC do B. A função tem o mesmo símbolo – DAS-2A.

Isaac está no governo de Costa desde fevereiro desse ano. O ex-prefeito disputou a eleição de 2018 como deputado federal, mas apesar de ter obtido votação suficiente para exercer o cargo, foi proibido pela Justiça. Desde que anunciou sua desfiliação do PC do B em abril, ele ainda não se filiou a outra sigla partidária.

Vereadores de Juazeiro engrossam cobranças ao Governo da Bahia a respeito de investimentos na saúde pública

Vereadores cobraram mais recursos para a Maternidade, UPA e SOTE de Juazeiro (Foto: Arquivo)

A saúde de Juazeiro foi o principal tema debatido pelos vereadores nessa semana. Eles aproveitaram a passagem do secretário de Saúde da Bahia para cobrar melhorias no Hospital Maternidade e na Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Neguinha da Santa Casa (MDB) criticou a Rede PEBA, que segundo ela “é peba mesmo”. A vereadora se revoltou com uma colocação do secretário Fábio Vilas-Boas, a respeito dos gastos com a maternidade local e o chamou de “frio” por ver o descaso do Governo do Estado e não buscar soluções.

“A gente vê que não tem o mínimo de interesse de resolver as coisas das pessoas que estão lá na ponta, os pacientes. Quando eu vejo o secretário de Saúde do Estado dizer que se resolve os problemas da saúde com R$ 600 mil reais. Cadê a responsabilidade, cadê a humanização? Eu peço que peguem esses R$ 600 mil para ele gerenciar a Maternidade de Juazeiro, com a quantidade de partos que tem na nossa cidade. São pacientes de 55 municípios e se ele tiver condições de gerenciar a maternidade com R$ 600 mil ele é o cara”, ironizou.

LEIA MAIS

Governo da Bahia cortará salários de professores em greve

Professores da UNEB de Juazeiro apoiam movimento grevista (Foto: Arquivo)

Os professores das universidades estaduais da Bahia terão seus salários cortados. A informação foi repassada pelo sirte Bahia Notícias nessa sexta-feira (26) e foi confirmada pela assessoria de comunicação do governador Rui Costa (PT).

Os docentes da Universidade do Estado da Bahia (UNEB), Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS) e Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB) estão em greve há 18 dias, cobrando entre outros pontos, melhor remuneração salarial e mais recursos para as instituições de ensino.

O Governo da Bahia criticou a paralisação – que tem apoio dos discentes e servidores – afirmando que há “tom político” na manifestação deflagrada no começo do mês. Em Juazeiro, alunos dos seis cursos de graduação estão sem aula e se mobilizam em prol dos professores.

Câmara de Vereadores de Paulo Afonso discute renovação de contrato com Embasa

Gestão quer renovar vínculo com Estado (Foto: Reprodução/Google Maps)

O convênio entre a Prefeitura de Paulo Afonso (BA) e a Empresa Baiana de Água e Saneamento (Embasa) está sendo discutido na Câmara Municipal hoje (25), em uma sessão extraordinária. Os edis analisam o projeto de Lei nº 026/2019, encaminhado pelo Poder Executivo.

A intenção do prefeito Luiz de Deus é renovar o vínculo entre município e Estado. “Vejo com grande importância a aprovação desse projeto, tendo em vista a experiência da Embasa com o serviço de água e saneamento. Tem que se observar também os valores cobrados por outras empresas, como por exemplo se vier uma de São Paulo, com certeza terá um valor muito superior ao que é hoje”, destacou o gestor ao defender sua matéria.

Segundo informações da Câmara, o PL aborda pontos como regulação, fiscalização e prestação dos serviços públicos de abastecimento de água e de esgotamento sanitário, bem como para o apoio do Estado para o planejamento dos mesmos serviços. Até o encerramento dessa matéria os vereadores discutiam o projeto e não haviam votado a matéria.

Governo da Bahia decreta Situação de Emergência em Jacobina

Chuva caiu no começo da madrugada e trouxe prejuízos (Foto: Augusto Urgente)

O Diário Oficial do Governo da Bahia de segunda-feira (22) traz o Decreto n° 19.014/2019, no qual homologa Situação de Emergência no município de Jacobina. A decisão leva em conta os “danos decorrentes das inundações que estão a afetar as atividades econômicas e a atingir a população”.

LEIA TAMBÉM:

Governo da Bahia decreta situação de emergência em Filadélfia

Com o Decreto – que atende a um pedido feito pela Prefeitura de Jacobina no dia 5 de abril – o Governo do Estado fica obrigado a prestar apoio ao município para “preservar o bem-estar da população” e adotar medidas necessárias para atingir tal objetivo.

A Situação de Emergência é valida pelo prazo de 60 dias em áreas comprovadamente afetadas no município. No começo do mês o Governo da Bahia já havia decretado emergência em outros municípios, a exemplo de Juazeiro, devido à falta de chuva.

Mutirão de mamografias começa hoje em Paulo Afonso

De hoje (22) até o dia 9 de maio a população de Paulo Afonso (BA) poderá buscar atendimento médico gratuito para diagnosticar o câncer de mama. A ação é promovida em parceria com o Governo do Estado, através do Programa Estadual de Rastreamento do Câncer de Mama.

Mulheres com idade entre 50 e 69 anos devem comparecer ao estande montado no Ginásio de Esportes Luiz Eduardo Magalhães, das 7h às 18h. Os exames serão realizados no caminhão do programa, mas antes é necessário passar pela unidade básica de saúde dos bairros e agendar o atendimento.

Por dia serão realizadas 140 mamografias. A prioridade no atendimento é para as mulheres com a idade mencionada anteriormente e que não fizeram mamografia nos últimos 12 meses ou nunca fizeram o exame.

Governo da Bahia decreta situação de emergência em Filadélfia

Ponte chegou a ser arrastada por causa da chuva (Foto: Prefeitura de Filadélfia)

A forte chuva que atingiu o município de Filadélfia, município localizado a pouco mais de 152 km de Juazeiro, na Bahia, levou o Governo do Estado a decretar Situação de Emergência. O decreto foi publicado no Diário Oficial da Bahia na sexta-feira (12).

O Estado acata o Decreto Municipal nº 046/2019, publicado em 4 de abril, cujo prazo de validade é de 180 dias.  A ação leva em conta “as áreas comprovadamente afetadas do referido Município” e tem caráter retroativo.

No começo do mês entre o dia 1º e 2 a Defesa Civil registrou 250 mm de chuvas. A cidade ficou alagada e uma ponte foi arrastada na zona rural. Um morador morreu ao tentar atravessar um riacho nas proximidades onde a ponte foi arrastada.

Em meio a paralisação de servidores estaduais da Educação, secretaria de Casa Nova destaca conquistas dos funcionários da rede municipal

(Foto: Ascom/PMCN)

Nessa terça-feira (2) os servidores públicos do Estado da Bahia decretaram parada por perdas salariais dos últimos seis anos. Apesar da situação também afetar Casa Nova, a secretária Municipal de Educação, Rosicler Lustoza destacou que a Prefeitura tem cumprido com suas obrigações.

Diferentemente do Governo do Estado, o município tem recompensado os servidores. “Todos os reajustes foram acima da inflação, obedecendo aos índices nacionais, no caso dos trabalhadores em educação. Em Casa Nova não há motivos salariais para paradas ou manifestações. Obedecemos aos índices, regularizamos salários atrasados da gestão anterior e estamos buscando melhorias em todos os setores”, disse.

Ela lembrou que a rede municipal teve aulas normalmente nessa terça e que, apesar das dificuldades enfrentadas, a gestão busca evitar problemas que possam afetar as crianças. “Estamos construindo mudanças efetivas que já estão sendo percebidas pelos nossos professores“, finalizou.

123