Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Número de mulheres mortas por arma de fogo dentro de casa é três vezes maior que a de homens, aponta estudo

Autor do crime utiliza arma para intimidar parceira, afirma especialista (Imagem ilustrativa)

Um levantamento realizado pelo jornal Estado de São Paulo concluiu que o número de mulheres mortas por arma de fogo dentro das residências é três vezes maior do que a de homens. Os dados foram obtidos através do sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM), do Ministério da Saúde, disponíveis no portal Datasus.

Dos 46.881 homens mortos por armas de fogo em 2017, último dado disponível no sistema, 10,6% morreram dentro de casa. Já no caso das 2.796 mulheres esse número cresce para 25%. A principal causa para esse crescimento, segundo os dados do Governo Federal, é a violência contra a mulher.

O autor desses crimes tem um perfil já conhecido: possuem algum vínculo com a vítima, sendo principalmente marido, namorado, pai, tio, vizinho ou alguém da convivência familiar da mulher.

Diretor executivo do Instituto Sou da Paz, Ivan Marques destaca que a análise de boletins de ocorrência de violência contra a mulher mostra um ponto importante. O uso de armas de fogo no ambiente doméstico se faz pelo parceiro e agressor com o intuito de intimidar a vítima. “Nesses casos, a mulher fica com mais medo e acaba se submetendo a um relacionamento violento”, conclui.

Com informações do JC Online

Governo Federal vai priorizar conclusão da obra no Eixo Norte da Transposição

(Foto: Reprodução/Ministério da Integração Nacional)

O Ministério do Desenvolvimento Regional prevê investimentos de R$ 25 bilhões em 114 obras para ampliar o abastecimento de água no país. Entre os projetos em execução está a obra do Eixo Norte da Transposição do São Francisco.

A meta é concluir os serviços no eixo ainda nesse semestre. O Eixo Leste foi entregue em março de 2017 e abastece cerca de 1 milhão de habitantes em 35 cidades da Paraíba e de Pernambuco. As ações do Governo Federal integram um plano elaborado pela Agência Nacional de Águas (ANA), cujo lançamento deve acontecer em abril.

Estão sendo mapeadas infraestruturas como barragens, sistemas adutores, canais e eixos de integração, consideradas necessárias à oferta de água para abastecimento humano e o uso em atividades produtivas. O governo vai priorizar a conclusão dos empreendimentos já em andamento.

Com informações da Folha de Pernambuco

Mais Médicos: vagas do Norte e Nordeste têm maior índice de desistências

Norte e Nordeste concentram a maior parte das vagas com desistências no programa federal Mais Médicos. Dos 842 postos antes ocupados por profissionais cubanos e agora sem inscritos nos editais do Governo Federal, 85% estão no Norte e 51% no Nordeste.

Amazonas e Pará são os estados mais prejudicados com a falta de médicos e os dados do Ministério da Saúde mostram ainda que, um em cada quatro postos sem inscritos está em distrito sanitário indígena. Elas estão espalhadas no Acre, Amapá, Amazonas, Bahia, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins.

Por outro lado, nenhuma vaga no Sudeste ficou sem interessado. Já na região Sul, somente 62 vagas no Rio Grande do Sul não tiveram inscritos. Nos locais sem médicos o atendimento está sendo prejudicado, a exemplo de Paragominas, no Pará.

O município tem o maior número de vagas sem inscritos: 240 no total. Segundo o coordenador da Atenção Primária de Saúde do município, Roberto Gomes, a saída dos cubanos do Brasil representa uma perda a ser corrigida apenas quando os novos profissionais ocuparem as vagas. “Contamos que os médicos venham e fiquem no município. Eles fazem parte do nosso planejamento da atenção básica e a população conta com isso”, disse,

Com informações de A Tarde

Julho Amarelo: lei institui campanha de combate a hepatites virais

(Foto: Reprodução/Internet)

Foi sancionada nessa sexta-feira (11) pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL), no Diário Oficial da União, a lei que institui o Julho Amarelo, mês dedicado ao combate das hepatites virais. A campanha tem caráter nacional e deverá ser realizada nos 26 estados e no Distrito Federal.

A hepatite viral é um problema global, transmitida por um vírus ou uso de remédio, álcool e drogas, provocando inflamação no fígado. Por ser uma doença silenciosa o Ministério da Saúde faz o alerta aos brasileiros, que devem ficar atentos aos sintomas.

Cansaço, febre, mal-estar, tontura, enjoo, vômitos, dor abdominal, pele e olhos amarelados, urina escura e fezes claras são alguns dos indícios de que o fígado não vai bem e requer atenção médica. As hepatites mais comuns no Brasil são A, B e C.

“Elas correm o risco de as doenças evoluírem (tornarem-se crônicas) e causarem danos mais graves ao fígado, como cirrose e câncer. Por isso, é importante ir ao médico regularmente e fazer os exames de rotina que detectam a hepatite”, destaca o ministério.

Com informações de A Tarde

Incra esclarece memorando sobre reforma agrária e afirma que documento foi “medida administrativa de cautela”

Blog entrou em contato com coordenação da unidade em Petrolina (Foto: Reprodução/Internet)

Depois de repercutir negativamente na imprensa nacional o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) revogou os memorandos circulares emitidos pelo próprio órgão do último dia 3, os quais determinavam a paralisação do programa de aquisição de terras para reforma agrária no país.

Na quarta-feira (9) nossa produção entrou em contato com a Superintendência Regional do Incra no Médio São Francisco (SR-29), em Petrolina pedindo informações sobre a situação da reforma agrária na região e recebemos uma nota esclarecendo o memorando.

LEIA TAMBÉM:

Incra decide revogar decisão de paralisar a reforma agrária no País

Segundo a nota, em nenhum momento o órgão “determinou a paralisação ou recebeu orientação para suspender ações” sobre a reforma agrária. O que houve, de acordo com o Incra foi uma “interpretação equivocada” dos órgãos de imprensa.

A nota assinada pelo presidente substituto do Incra, Francisco José Nascimento, ressalta ainda que a reforma agrária é uma política assegurada na Constituição Federal. No entanto, a SR-29 não retornou nossos questionamentos sobre o andamento dos processos de reforma agrária em Petrolina e região.

Leia a seguir a nota do Incra nacional:

LEIA MAIS

Prefeitura de Casa Nova faz alerta para suposto golpe no programa Brasil Sorridente

(Foto: Reprodução/Site da prefeitura de Casa Nova)

As notícias que estão circulando nas redes sociais a respeito do cadastro no programa Brasil Sorridente, em Casa Nova (BA) são falsas. De acordo com a Prefeitura, o Ministério da Saúde emitiu um comunicado oficial alertando a comunidade sobre um suposto golpe que estaria sendo aplicado na internet.

Mensagens estariam pedindo para a população efetuar um cadastro no programa, para assim ser atendido pelo município. No entanto, segundo a secretária de Saúde, Maria de Lourdes Silva Santos, o serviço prestado pela pasta em Casa Nova é gratuito e não exige cadastro.

Em Casa Nova o Programa atende desde o inicio da gestão, sem necessidade de cadastro e por determinação do Prefeito Wilker Torres, temos levado o trailer de odontologia às mais diversas localidades do município. Não há cobrança, não há cadastro. Oferecemos este serviço de forma gratuita e universal“, disse em nota.

LEIA MAIS

Beneficiários do BPC têm até 31 de dezembro para fazer registro no CadÚnico

Termina no dia 31 de dezembro o prazo para registro no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), obrigatório para idosos acima de 65 anos de idade e pessoas com deficiência que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC).

Os beneficiários que não renovarem seu registro poderão ter o pagamento suspenso até regularização. O BPC equivale a um salário mínimo e é concedido a quem tem renda familiar de até R$ 238,50. Para se inscrever, os beneficiários devem procurar os Centros de Referência de Assistência Social (Cras) ou a Secretaria de Assistência Social do município onde residem.

É necessário apresentar CPF, RG e um comprovante de residência. A inscrição também pode ser feita pelo responsável familiar, contanto que leve os documentos de todas as pessoas que moram com o beneficiário. Quem perder o prazo poderá reativar seu cadastro apenas no ano seguinte, de acordo com o calendário a ser divulgado pelo Governo Federal.

Além do valor em dinheiro viabilizado pelo BPC, outra vantagem trazida pelo CadÚnico é a possibilidade de adesão a outros programas sociais, como a Tarifa Social de Energia Elétrica e o Minha Casa, Minha Vida.

Com informações da Agência Brasil

Convênio entre município e Governo Federal garante recursos para melhorias na estrada do Projeto Maria Tereza

Prefeito fala sobre recursos obtidos (Foto: Blog Waldiney Passos)

A passagem do ministro da Integração Nacional por Petrolina na segunda-feira (3) foi marcada não apenas pela inauguração do Bloco Administrativo da Codevasf, mas também pela assinatura de convênios entre o município e o Governo Federal.

De acordo com o prefeito Miguel Coelho, o recurso obtido juntamente a federação será investido na melhoria das feiras livres e recapeamento de estradas na zona rural. O Projeto Maria Tereza (KM-25) receberá um novo asfalto e para o gestor, o Governo Federal faz o que o Estadual não cumpriu.

LEIA TAMBÉM:

Fernando Bezerra convida Bolsonaro para conhecer Petrolina: “é a capital da irrigação do Nordeste brasileiro”

Solenidade na Codevasf marca inauguração de Bloco Administrativo Osvaldo Coelho

“Tivemos a Prefeitura com o Distrito [Irrigado] Nilo Coelho fazer uma operação tapa-buraco para tentar amenizar, mas a gente sabia que não ia resolver em definitivo e contamos com a sua responsabilidade e hoje quero compartilhar com meus amigos do Maria Tereza que nós estamos recebendo R$ 2,5 milhões para poder refazer a estrada de acesso do Burrinho até a gente poder chegar no núcleo irrigado”, afirmou Miguel.

LEIA MAIS

Ministério do Trabalho será extinto, confirma Onyx Lorenzoni

(Foto: Arquivo)

Onyx Lorenzoni (DEM) confirmou nessa segunda-feira (3) a extinção do Ministério do Trabalho.  De acordo com o futuro chefe da Casa Civil, a pasta será dividida entre Economia, Cidadania e Justiça. O deputado federal também confirmou 22 ministérios no governo do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL).

“O atual Ministério do Trabalho como é conhecido ficará uma parte no ministério do doutor [Sergio] Moro, outra parte com Osmar Terra e outra parte com o Paulo Guedes, lá no ministério da Economia, para poder tanto a parte do trabalhador e do empresário dentro do mesmo organograma”, afirmou.

Presidente eleito havia negado extinção

A extinção vem mesmo após Bolsonaro ter negado a mudança, em novembro. “O Ministério do Trabalho vai continuar com status de ministério, não vai ser secretaria. Vai ser Ministério ‘Disso, Disso e do Trabalho’, como [cita como exemplo] Ministério da Indústria e Comércio”, afirmou o presidente eleito em 13 de novembro.

LEIA MAIS

Solenidade na Codevasf marca inauguração de Bloco Administrativo Osvaldo Coelho

Solenidade marcou inauguração de Bloco Administrativo, entrega do Pontal entre outros serviços (Foto: Blog Waldiney Passos)

Depois de adiar sua visita a Petrolina, prevista para acontecer na última sexta-feira (30), o ministro da Integração Nacional, Antônio de Pádua cumpriu uma extensa agenda de compromissos na cidade nessa manhã (3). Acompanhado do senador Fernando Bezerra Coelho (MDB), do deputado estadual eleito Antônio Coelho (DEM) e do prefeito Miguel Coelho, Pádua inaugurou o Bloco Administrativo da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) que levará o nome do deputado federal Osvaldo Coelho.

Além da inauguração, Pádua aproveitou sua passagem para inaugurar a automação do sistema de operação do Projeto de Irrigação Senador Nilo Coelho (PNC)/Núcleo C1, anunciar o lançamento de editais e autorizações para investimentos nos sistemas de abastecimento de água e de esgotamento sanitário de sete municípios, assinar a autorização para a construção do prédio anexo na sede da Codevasf, a licitação para o abatedouro frigorífico de Dormentes, assinar convênios para a abertura de poços artesianos, reforma e revitalização das feiras da Cohab Massangano e da Areia Branca e pavimentação de vias no Projeto de Irrigação Maria Tereza/Petrolina.

Abatedouro de caprinos e ovinos em Dormentes

Outro item presente na pauta era a entrega dos títulos de posse dos 299 colonos e 19 empresas no Projeto Pontal. Superintendente da Codevasf em Petrolina, Aurivalter Cordeiro foi o primeiro a discursar na solenidade e celebrou a implantação do abatedouro em Dormentes. “Hoje o senhor está fechando com chave de ouro a implantação de um abatedouro no município de Dormentes que terá toda a documentação exigida pelo ministério”, disse.

LEIA MAIS

Miguel Coelho celebra portaria do Governo Federal que autoriza mudança de função a UPAs não utilizadas

Petrolina já tem UPA e UPAE funcionando e novo prédio servirá para Casa de Parto (Foto: Internet)

Durante a visita sua visita à Petrolina nessa quinta-feira (22), o ministro da Saúde Gilberto Occhi conheceu o canteiro de obras da Casa de Parto, onde antes funcionaria uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Essa mudança de função poderá ser repetida em outros municípios do país após o Governo Federal publicar uma portaria oficializando a medida, assinada por Occhi.

LEIA TAMBÉM:

Ministro da Saúde visita Petrolina, anuncia serviços e habilitação do Hospital Dom Tomás

Estima-se que 145 UPAs estão prontas no Brasil, porém sem funcionar. Somente em Pernambuco são nove unidades, uma delas aqui na cidade e na sua fala durante a solenidade no Hospital Dom Tomás, Miguel Coelho agradeceu ao ministro Occhi por autorizar a mudança de função das UPAs.

LEIA MAIS

No primeiro dia de inscrições site do Mais Médicos fica fora do ar; número de acessos causou instabilidade

As inscrições para o programa Mais Médicos tiveram início nessa quarta-feira (21) e já no primeiro dia o site ficou fora do ar. O motivo, segundo o Ministério da Saúde, foi a quantidade de acessos. Somente na primeira hora foram contabilizados mais de dois mil registros de profissionais.

O edital publicado pelo Governo Federal prevê o preenchimento de 8.517 vagas desocupadas por médicos cubanos, divididas em 2.824 municípios brasileiros. As inscrições seguem até o dia 25 de novembro, exclusivamente via internet.

A previsão é que os médicos iniciem seus trabalhos em 3 de dezembro. De acordo com o ministro da Saúde, Gilberto Occhi, caso as vagas não sejam preenchidas na totalidade elas serão oferecidas por meio de um novo edital a ser lançado no próximo dia 27. “Estamos disponibilizando um sistema que o médico poderá acessar, fazer seu cadastro e escolher o estado e cidade que quer atuar”, disse.

Sobre a instabilidade no site do programa o Ministério da Saúde divulgou a seguinte nota:

LEIA MAIS

Seleção para preencher vaga de cubanos no Mais Médicos acontecerá ainda em novembro

(Foto: Ismael Francisco)

Com a volta dos médicos cubanos o Ministério da Saúde do Brasil informou na manhã de hoje (16) que a nova seleção para contratar profissionais brasileiros no programa Mais Médicos está prevista para acontecer ainda em novembro.

O governo cubano anunciou sua saída do programa na quarta-feira (14) e atribuiu a decisão de sair do programa após “declarações ameaçadoras e depreciativas” do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL). De acordo com o Ministério da Saúde, a formulação do edital para substituição dos profissionais será finalizada ainda hoje.

“O Ministério da Saúde realizará reunião com a Opas (Organização Pan-Americana de Saúde) para a definição da saída dos médicos cubanos e entrada dos profissionais brasileiros que serão selecionados por edital. Será finalizada a proposta de edital para selecionar profissionais para as 8.332 vagas que serão deixadas pelos médicos cubanos”, afirma em nota.

De acordo com a Confederação Nacional dos Municípios (CNM), a saída de cubanos do Mais Médicos afetará 28 milhões de pessoas. “A seleção de profissionais brasileiros em primeira chamada do edital será realizada ainda no mês de novembro e o comparecimento aos municípios, imediatamente após a seleção”, completou o Ministério da Saúde.

Com informações do Correio Braziliense

Após reunião, Moro aceita ser ministro no governo de Bolsonaro

(Foto: Folhapress/Reprodução)

O juiz federal responsável pela Operação Lava-Jato, Sérgio Moro aceitou ser ministro no governo do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL). Moro e Bolsonaro se reuniram nessa manhã (1º) e o juiz confirmou que assumirá o Ministério da Justiça.

Moro chegou à casa de Bolsonaro no Rio de Janeiro (RJ) por volta de 9h. Depois do encontro, o juiz federal publicou uma nota anunciando seu ingresso no Governo Federal. “A perspectiva de implementar uma forte agenda anticorrupção e anticrime organizado, com respeito a Constituição, a lei e aos direitos, levaram-me a tomar esta decisão”, escreveu o juiz.

Leia a seguir a nota de Moro sobre sua decisão:

LEIA MAIS

Governo desiste de mudança e horário de verão terá início no dia do Enem

(Foto: Internet)

Depois de adiar o início do horário de verão, o Governo Federal mudou de ideia e agora a mudança nos relógios acontecerá no domingo do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), marcado para 4 de novembro. A decisão foi anunciada nessa terça-feira (16).

No começo do mês, o Governo chegou a anunciar que adiou o início do horário de verão para o dia 18 de novembro por causa de um pedido feito pelo Ministério da Educação (MEC) para não prejudicar os candidatos do Enem.

Segundo o Palácio do Planalto, a mudança para o dia 4/11 se fez necessária, porque os ministérios de Minas e Energia e Transportes atestaram inviabilidade no adiamento no início do horário de verão.

123