Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Após negociação com o Governo de Pernambuco, índios Truká desocupam prédio da GRE

Gerência Regional de Educação de Petrolina
(Foto: Amanda Franco/ G1)

Na última quarta-feira (07), de forma pacífica, um grupo de 150 índios Truká ocupou o prédio da Gerência Regional de Educação (GRE) de Petrolina (PE), para cobrar um posicionamento do Governo de Pernambuco sobre o atraso do pagamento do transporte escolar indígena. Além da GRE de Petrolina, foram ocupadas as GREs de Floresta (PE), Salgueiro (PE) e Arcoverde (PE).

Na sexta-feira (09), os indígenas se reuniram com representantes do Governo do Estado para chegarem a um acordo. Segundo a coordenação do movimento, após uma longa discussão, o Governo do Estado se comprometeu em pagar a oitava parcela do transporte escolar no próximo dia 23 de novembro, a nona e décima parcelas devem ser pagas no dia 21 de dezembro.

LEIA TAMBÉM:

Índios Trukás ocupam GRE e denunciam débito do Governo do Estado referente ao transporte escolar

Ocupação dos Trukás continua, reuniões de negociação estão marcadas para essa manhã

Sobre a pauta dos terceirizados, ficou acordado entre as partes, que o Governo de Pernambuco vai apresentar um calendário para a regularização do pagamento dos salários, vale-transporte e vale-alimentação.

LEIA MAIS

Ocupação dos Trukás continua, reuniões de negociação estão marcadas para essa manhã

Trukás vieram de Cabrobó cobrar demandas (Foto: Blog Waldiney Passos)

O grupo de 150 índios Trukás permanece no prédio da Gerência Regional de Educação (GRE) de Petrolina, aguardando um posicionamento do Governo de Pernambuco a respeito do pagamento em atraso do transporte escolar indígena.

A manifestação teve início na quarta-feira (7) de forma pacífica. Ontem o Blog mostrou a situação e conversou com as lideranças do movimento. A principal reivindicação é o pagamento das parcelas em atraso e que, segundo os índios, a Secretaria Estadual de Educação afirmou não ter verba para acertas as contas.

LEIA TAMBÉM:

Índios Trukás ocupam GRE e denunciam débito do Governo do Estado referente ao transporte escolar

Nossa equipe entrou em contato com a GRE de Petrolina e fomos informados que reuniões estão agendadas para essa sexta-feira (9), na tentativa de negociar a pauta dos Trukás. Além de Petrolina, há ocupações de indígenas nos prédios da GRE de Arcoverde, Salgueiro e Floresta.

Desde ontem o Blog tenta contato com a Secretaria Estadual de Educação, mas até o momento não tivemos retorno sobre os nossos questionamentos. Reiteramos que o espaço permanece aberto ao Governo do Estado para tais esclarecimentos.

Índios Trukás ocupam GRE e denunciam débito do Governo do Estado referente ao transporte escolar

O prédio da Gerência Regional de Educação (GRE) Petrolina amanheceu ocupado na manhã dessa quinta-feira (8) por 150 índios da tribo Truká. O grupo organizou a manifestação para cobrar do Governo de Pernambuco o pagamento de débitos referentes ao transporte escolar indígena.

De acordo com Pretinha Truká, liderança indígena que conversou com a nossa equipe, a ocupação também está acontecendo em outras três GRES do Estado: Arcoverde, Floresta e Salgueiro, com a mesma pauta de Petrolina.

“O ponto prioritário dessa ocupação é a questão do pagamento da oitava parcela dos transporte escolar indígena. Nós fizemos uma pactuação com o governo do Estado há uns anos onde o Governo ia dividir as parcelas em 10 anuais, isso eles não têm cumprido e isso gera um prejuízo enorme”, explicou.

LEIA MAIS

Estudantes da Escola Antônio Padilha apresentam demandas a GRE de Petrolina

Um movimento organizado pelos alunos da Escola Estadual Antônio Padilha, no bairro José e Maria, em Petrolina conseguiu colocar frente a frente, estudantes e representantes da Gerência Regional de Educação (GRE), na manhã dessa quinta-feira (9).

Segundo apuração do Blog, os estudantes vinham negociando o encontro com a GRE há algumas semanas, tendo inclusive ameaçado fazer uma paralisação até que a Gerência resolvesse escutar as reivindicações dos alunos.

Na Audiência Pública os estudantes trataram de pontos como a infraestrutura da quadra de esportes, no prédio da unidade, salários atrasados de funcionários terceirizados, falta de lanche, internet e instrumentos musicais. Todas as demandas foram registradas em ata e será protocolado na sede da GRE.

O ato foi organizado pelo grêmio estudantil, União dos Estudantes Secundaristas de Petrolina (UESP) e União dos Estudantes de Pernambuco (UEP), que enviaram seus representantes para o encontro.

Indígenas estão reunidos na sede da Educação, em Recife, informa Secretaria Estadual

(Foto: Reprodução)

Um grupo de indígenas está ocupando a sede da Gerência Regional de Educação (GRE) de Petrolina, desde a manhã dessa segunda-feira (2). A manifestação é feita em todas as Gerências do estado, com a finalidade de apresentar demandas do grupo à Secretaria de Educação de Pernambuco. Mais cedo nossa equipe solicitou informações à pasta, que nos informou através de uma nota o andamento das negociações.

LEIA TAMBÉM:

Sede da GRE em Petrolina é ocupada por indígenas e atendimento ao público está suspenso desde a manhã

De acordo com a Superintendência de Educação de Pernambuco, os índios estão reunidos nesse momento na Secretaria, discutindo seus pedidos e a partir desse encontro, darão encaminhamento às ocupações nas GREs do estado. Além de Petrolina, a GRE de Floresta também está ocupada desde cedo.

Confira a nota da Secretaria de Educação de Pernambuco:

LEIA MAIS

Petrolina: Sindicato dos Vigilantes de Pernambuco realiza manifestação por salários atrasados

(Foto: Internet)

Vigilantes da empresa Mandacaru que prestam serviço à secretária Estadual de Educação estarão às 10h desta quinta-feira (11) em frente à Gerência Regional de Educação (GRE) de Petrolina para realizar uma manifestação.

O Sindicato dos Vigilantes de Pernambuco, que representa mais de 53 municípios o sertão do estado, reivindicará quatro meses de salários atrasados, e cinco meses de vale-alimentação. Segundo o diretor jurídico do sindicato, cerca de 58 homens participarão do manifesto.

Gerência Regional de Educação lança campanha para diminuir o analfabetismo

A gerência regional de Educação do Sertão do Médio São Francisco com sede em Petrolina (PE), lançou esta semana a Campanha Indique um Aluno e Ganhe um Brinde.

A ideia é diminuir a quantidade de pessoas analfabetas em todo o estado de Pernambuco. Combater o analfabetismo é meta aprovada pelo Plano Plurianual de Alfabetização do Programa Brasil Alfabetizado/Programa Paulo Freire.

Segundo pesquisa divulgada neste mês de dezembro pelo o IBGE, O Nordeste ainda figura como a região com o maior número de analfabetos do Brasil, e Pernambuco ocupa a oitava pior colocação no ranking.

Daí surgiu a necessidade de realizar a Campanha Indique um aluno não alfabetizado e não cadastrado no Sistema Brasil Alfabetizado que seja jovem, adulto ou idoso.

A campanha teve início no dia 26 deste mês de dezembro e segue até o dia 19 de janeiro. Terá como premiação uma camisa alusiva à campanha feita após a aprovação do indicado no Sistema Brasil Alfabetizado.

Outras informações, entrar em contato através do telefone (87) 3866-6359.

Gerente da GRE divulga carta aos estudantes de Petrolina

Trecho da carta aos estudantes (Foto: Divulgação)

Para celebrar o Dia do Estudante, comemorado nesta sexta-feira (11), a Gerente da GRE Sertão do Médio São Francisco Anete Ferraz de Lima Freire, emitiu uma carta direcionada aos estudantes de Petrolina.

Veja a carta:

“Querido estudante,
Querida estudante, 

Estava me lembrando do tempo de escola em que gostava de escrever carta e ficava muito alegre quando recebia resposta. Escrevia cartas para parabenizar, para contar e saber as novidades, para desejar felicidade e saúde, e pra dizer que estava morrendo de saudade. Escrevia cartas de namoradinha apaixonada e quando recebia resposta, não cabia em mim de alegria. Enfim escrevia cartas. Muitas cartas que até hoje guardo no meu álbum de recordação.

LEIA MAIS

Estão abertas as inscrições para Coordenadores Regionais da Secretaria de Educação

secretaria de educação

A Secretaria de Educação do Estado (SEE) abre a partir de segunda- feira (09), processo seletivo para preenchimento de 16  vagas de coordenadores regionais para atuação nas ações do Pacto Nacional para Alfabetização na Idade Certa -PNAIC. Cada Gerência Regional de Educação -GRE indicará cinco nomes, sendo escolhido apenas 01.

O processo seletivo será dividido em duas etapas, sendo a primeira de análise da experiência profissional e de títulos, e a segunda com a realização de entrevista que terão caráter classificatório e eliminatório e serão realizadas pela Comissão de Avaliação, que analisará toda a documentação comprobatória e as informações prestadas no ato do encaminhamento, com pontuação de 0 a 100 pontos. Participarão da entrevista, ou seja, a segunda etapa, os candidatos que por ordem de classificação ocuparem as três primeiras posições na primeira etapa. A entrevista também contará com pontuação de 0 a 100 pontos.

O candidato que obter a primeira colocação em cada GRE terá até 03 (três) dias úteis para se apresentar na SEE, além de cumprir a jornada integral de trabalho no desenvolvimento das atividades do Programa.

As inscrições seguem até o dia 11 de maio, que serão realizadas na Superintendência de Desenvolvimento de Pessoas, 3º andar do bloco A da SEE, situada na Avenida Afonso Olindense, 1513, Várzea, Recife/PE.

Moradores dos Residenciais Vivendas I e II podem efetuar cadastro matrículas até o dia 4 de março

Estudantes rede estadual de ensino 1

Moradores dos Residenciais Vivendas um e dois em Petrolina (PE) devem ficar atentos ao prazo de matrículas na rede estadual de ensino. De acordo com a Gerência Regional de Educação (GRE/Sertão), o cadastro de alunos do 6º ao 9º Ano, Ensino Médio e Educação de Jovens e Adultos, acontecerá na Escola Municipal Marechal Mascarenhas de Moraes no período de 01 a 04 de março das 8h30 às 17 h.

A informação enviada ao Blog é da Gerente Regional de Educação (GRE/Sertão do Médio São Francisco), professora, Anete Ferraz de Lima.