Secretária de Saúde de Petrolina presta contas a Câmara de Vereadores e afirma que balanço é positivo

Magnilde Albuquerque, Secretária de Saúde de Petrolina. (Foto: Blog Waldiney Passos)

A Secretária de Saúde de Petrolina, Magnilde Albuquerque, esteve nesta terça-feira (15) na Câmara de Vereadores, apresentando o Relatório Detalhado Quadrimestral, do período entre Setembro e Dezembro de 2017. Durante a apresentação, a secretária falou sobre os avanços, atividades desenvolvidas e recursos aplicados na pasta nos últimos quatro meses do ano passado.

A secretária mostrou, através de números e dados, o quanto os serviços e a oferta de saúde à população foram qualificados durante todo o ano de 2017, mesmo com a situação caótica encontrada pela gestão atual durante o início do ano.

Magnilde apresentou os números de cirurgias realizadas pelo município nos últimos meses de 2017, conquistados através de mutirões de saúde e parcerias com hospitais e clínicas privadas; destacou ainda o trabalho que vem sendo ofertado nas unidades de saúde e a redução da fila de espera de consultas.

“Apesar de todas as dificuldades encontradas no início da gestão, como a secretaria dividida em vários locais, mais de 75 mil exames e consultas pendentes, dívidas anteriores que precisaram ser honradas para garantir a continuidade de serviços e a falta de medicamentos nas unidades de saúde, conseguimos avançar e ir organizando a pasta. Neste ano de 2018 temos tido ainda muitos desafios, mas já nos primeiros meses, aumentamos a oferta de serviços”, afirmou Magnilde.

Secretária de Saúde de Petrolina afirma que falta de vacinas nos Postos de Saúde não é culpa do município

Magnilde Albuquerque, Secretária de Saúde de Petrolina. (Foto: Blog Waldiney Passos)

A Secretária de Saúde de Petrolina (PE), Magnilde Albuquerque, esteve na sessão da Câmara de Vereadores, nesta terça-feira (15), para apresentar o relatório de prestação de contas da pasta, referente ao período de setembro a dezembro de 2017, e em entrevista coletiva a imprensa ela falou, dentre outros assuntos, sobre denúncias de falta de vacinas em Postos de Saúde do município.

De acordo com a Secretária, o município não tem gestão sobre a falta de vacinas nas unidades porque as doses são enviadas pelo o Ministério da Saúde e pela Secretária de Saúde do Estado. “Se existe falta de alguma vacina ou se existiu, foi por falta da chegada dessa vacina. A exemplo agora da vacina contra a gripe. Nós estamos em plena campanha de vacina, a gente precisaria receber 70 mil doses e atá agora só recebemos 40 mil. Então, esperamos que o restante das doses chegue até o final da campanha”, explicou Magnilde.

A Secretária também respondeu sobre a denúncia de que estudantes de medicina estariam atendendo nos Postos de Saúde, no lugar dos médicos formados. “Nós não temos médicos estagiários. Nós temos médicos que são residentes. E os médicos em residência já são médicos formados com diploma e estão fazendo residência em saúde da família porque a gente tem um convênio com a universidade. Eles precisam da preceptoria para a residência, não para o atendimento que eles fazem porque eles já são formados”, afirmou Magnilde Albuquerque.

SINDSEMP convoca Agentes de Endemias para assembleia nesta quinta-feira (19)

(Foto: Ascom/SINDSEMP)

O Sindicato dos Servidores Municipais de Petrolina (SINDSEMP) realiza nesta quinta-feira (19), às 8h uma Assembleia da Categoria dos Agentes de Combates às Endemias da cidade. O encontro acontecerá na sede do SINDSEMP.

De acordo com o Sindicato, a secretária de Saúde de Petrolina, Magnilde Albuquerque não compareceu às duas assembleias promovidas pelos Agentes de Endemias, não tendo contribuído para a negociação salarial dos servidores.

Segundo o presidente da Associação dos Agentes de Combate às Endemias (AACEP), Charles de Oliveira, a pauta da assembleia de amanhã traz pontos como o incentivo adicional, a gratificação por metas, o calendário de atividades da campanha de reivindicações, a campanha salarial, fardamentos, EPI’S, Materiais de trabalho e melhores condições de trabalho para a categoria.

Secretária de Saúde de Petrolina quer o Ministério nas reuniões da rede PEBA

(Foto: ASCOM)

O pedido foi feito durante o 67º Encontro de Secretários Municipais de Saúde do Estado de Pernambuco e o X Congresso de Secretarias Municipais de Saúde, que acontece até esta sexta-feira (13), em Afogados da Ingazeira (PE).

Participando do encontro, que tem por objetivo buscar melhorias para a área da saúde, a secretária da pasta em Petrolina (PE), Magnilde Albuquerque, aproveitou a presença do diretor do Departamento de Articulação Interfederativa, Rodrigo Lacerda, para reforçar a importância da presença do Ministério da Saúde nas reuniões da rede PEBA, que acontecem a cada dois meses.

“A rede PEBA atende aos estados de Pernambuco e Bahia, e já foram identificados diversos entraves, que dificultam o funcionamento do acordo. Por isso, é indispensável, em nossas reuniões, a presença do órgão federal de saúde para buscarmos alternativas e resolução dos problemas hoje apresentados”, destacou.

A secretária ainda aproveitou para falar sobre as dívidas do Estado com os municípios, com o presidente do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems), Mauro Junqueira.

HDM nega que Magnilde Albuquerque assumirá Coordenação de Enfermagem

(Foto: Blog Waldiney Passos)

O Hospital Dom Malan/IMIP se pronunciou na tarde dessa quinta-feira (22), a respeito da situação da secretária de Saúde de Petrolina, Magnilde Albuquerque.

Por meio de uma nota de esclarecimento enviada ao Blog, a assessoria do HDM informou que Magnilde não assumirá o cargo de Coordenadora de Enfermagem da instituição. Ainda segundo a nota, a substituta de Fátima Michelle, atual Coordenadora de Enfermagem, já foi designada para cargo.

LEIA MAIS

Magnilde Albuquerque continua na Saúde, mas deve assumir coordenação no HDM

(Foto: Blog Waldiney Passos)

A quarta-feira (21) foi marcada pelas especulações sobre a saída de Magnilde Albuquerque, da secretária de Saúde de Petrolina. No entanto, após apuração do Blog, as informações mais recentes indicam que Magnilde continua à frente da pasta.

De acordo com as informações repassadas a nossa equipe, Magnilde ficará a frente da Saúde, pelo menos até o final deste mês. Em março Magnilde retornaria ao Hospital Dom Malan, para assumir a vaga de Fátima Michele, coordenadora que está grávida e vai tirar licença maternidade.

Nossa equipe entrou em contato com a assessoria de comunicação da secretaria de Saúde para confirmar as informações, porém não tivemos retorno. A Prefeitura ainda não se posicionou oficialmente sobre o caso.

Secretária comemora melhorias na rede municipal de saúde em Petrolina

(Foto: Blog Waldiney Passos)

Na manhã de hoje (29) a secretária de Saúde, Magnilde Albuquerque apresentou um diagnóstico da sua gestão, na rede municipal saúde de Petrolina. Os números apresentados revelam o antes e depois.

Em junho, a secretária esteve na Câmara de Vereadores e apresentou um relatório do 1º quadrimestre de 2017, onde revelou as condições em que a rede estava quando tomou posse. Na apresentação de hoje, ela comemorou as melhorias alcançadas.

Entre os pontos citados está a reforma de 36 unidades de saúde (UBS/AMEs), redução nas filas de agendamento de consultas, redução no número de mortes no trânsito, retomada das cirurgias eletivas, diminuição do índice de mortalidade infantil e redução dos casos de dengue.

Inicialmente os problemas apresentados estavam no sucateamento de veículos, farmácias com estoque comprometido, unidades de saúde com problemas estruturais, setor de endemias sem manutenção, além de outros problemas estruturais.

“Quando chegamos na secretaria e nos deparamos com todos estes problemas, a gente realmente teve que sentar com a equipe e resolver por onde começar. Como na saúde tudo é urgente e entendemos que foi criada uma expectativa muito grade com a gestão de Miguel. Todo mundo querendo que tudo fosse resolvido de forma imediata. Nós não temos uma varinha de condão, então estabelecemos as prioridades. Matamos um leão por dia, para poder apresentar algum resultado para a população”, explicou Magnilde.

Os números apresentados revelam que entre janeiro e julho, 390.022 atendimentos foram realizados nas Unidades de Saúde da Família.  Este número inclui 21.876 consultas odontológicas.

“Eu tenho certeza que o resultado é uma grande vitória, a partir de agora que resolvemos as coisas mais urgentes podemos planejar, antes nem tínhamos tempo para isso”, concluiu a secretária.

Secretárias Maria Elena ( Cultura, Esporte e Turismo) e Magnilde Alves (Saúde) participam da sessão da Câmara nesta terça

Secretárias estarão presentes na sessão desta terça. (Foto: Blog Waldiney Passos)

A sessão ordinária da Câmara Municipal de Petrolina desta terça-feira (16) deve ser extensa devido as participações das secretárias Maria Elena ( Cultura, Esporte e Turismo) e Magnilde Alves (Saúde).

Maria Elena atende requerimento de autoria do vereador Gilmar Santos (PT), para falar sobre o plano de trabalho da secretaria de Cultura, Esporte e Turismo e oportunizar aos trabalhadores da cultura, bem como a sociedade em geral, espaço de diálogo sobre política municipal de cultura.

Já a secretária de Saúde Magnilde Alves Cavalcante de Albuquerque, vai apresentar o Relatório Detalhado Quadrimestral (RDQ) referente ao 2º quadrimestre do ano de 2017.

Na oportunidade os vereadores irão questionar sobre os avanços na área da saúde nos primeiros 9 meses da nova gestão.