Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Bolsonaro pode ser liberado para ações de campanha na próxima semana

O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, fala à imprensa após gravação de campanha, no bairro Jardim Botânico, Rio de Janeiro. (Fernando Frazão/Agência Brasil)

O candidato do PSL à Presidência da República neste segundo turno, Jair Bolsonaro, deverá ser liberado para todas as atividades de campanha pela equipe médica na próxima semana. No dia 18, ele será submetido a novos exames. Por enquanto, permanece com restrição para atividades físicas e só deve sair de casa por curtos períodos.

O cirurgião Antônio Luiz Macedo – queoperou o candidato em São Paulo em 12 de setembro – e o cardiologista Leandro Echenique confirmaram a informação, depois de examiná-lo hoje na casa dele, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro. Ambos integram a equipe médica que cuidou de Bolsonaro no Hospital Albert Einstein.

LEIA MAIS

Secretária de Saúde de Petrolina afirma que falta de vacinas nos Postos de Saúde não é culpa do município

Magnilde Albuquerque, Secretária de Saúde de Petrolina. (Foto: Blog Waldiney Passos)

A Secretária de Saúde de Petrolina (PE), Magnilde Albuquerque, esteve na sessão da Câmara de Vereadores, nesta terça-feira (15), para apresentar o relatório de prestação de contas da pasta, referente ao período de setembro a dezembro de 2017, e em entrevista coletiva a imprensa ela falou, dentre outros assuntos, sobre denúncias de falta de vacinas em Postos de Saúde do município.

De acordo com a Secretária, o município não tem gestão sobre a falta de vacinas nas unidades porque as doses são enviadas pelo o Ministério da Saúde e pela Secretária de Saúde do Estado. “Se existe falta de alguma vacina ou se existiu, foi por falta da chegada dessa vacina. A exemplo agora da vacina contra a gripe. Nós estamos em plena campanha de vacina, a gente precisaria receber 70 mil doses e atá agora só recebemos 40 mil. Então, esperamos que o restante das doses chegue até o final da campanha”, explicou Magnilde.

A Secretária também respondeu sobre a denúncia de que estudantes de medicina estariam atendendo nos Postos de Saúde, no lugar dos médicos formados. “Nós não temos médicos estagiários. Nós temos médicos que são residentes. E os médicos em residência já são médicos formados com diploma e estão fazendo residência em saúde da família porque a gente tem um convênio com a universidade. Eles precisam da preceptoria para a residência, não para o atendimento que eles fazem porque eles já são formados”, afirmou Magnilde Albuquerque.

Atraso de salários, falta de medicamentos e insumos prejudicam atendimento do Hospital Regional em Ouricuri

O hospital tem sido prejudicado por falta de medicamentos, luvas e equipamentos para determinadas cirurgias. (Foto: Internet)

Os médicos que atuam no Hospital Regional Fernando Bezerra (HRFB) em Ouricuri, no Sertão do Araripe, denunciam o atraso de salários desde dezembro do ano passado, bem como a falta de medicamentos, equipamentos e insumos, que estão prejudicando o trabalho dos profissionais de saúde e a assistência à população. O hospital é regional, administrado pela Santa Casa de Misericórdia, referência para toda área da IX Gerência Regional de Saúde, e engloba os municípios de Ouricuri, Araripina, Bodocó, Exu, Granito, Ipubi, Moreilândia, Parnamirim, Santa Cruz, Santa Filomena e Trindade.

De acordo com o diretor do Simepe, Alexandre Arrais, da Regional de Ouricuri, a crise econômica que atinge os governos estaduais e municipais acaba trazendo problemas para os setores da educação, saúde e segurança. Os médicos não estão imunes, o que resulta em aflição para a categoria e funcionários do HRFB.

“O atraso salarial reflete diretamente nas condições de trabalho, alimentação e de atendimento dos pacientes. Além disso, os equipamentos sucateados, sem manutenção necessária repercutem negativamente dentro da instituição. Vários itens do ambiente de trabalho ficam comprometidos.”, salientou. As condições de trabalho precárias acarretaram na suspensão das cirurgias eletivas e aumentaram a fila de espera. “A situação é desconfortável para todos nós médicos. De 10 leitos na UTI, três foram desativados”, assinalou.

Faltam medicamentos, luvas, equipamentos para determinadas cirurgias. Na semana passada, por exemplo, houve a possibilidade da não abertura do bloco cirúrgico, porque não havia máscaras. Que foram compradas em regime emergencial pela gestão do hospital. Os fornecedores reclamam que estão sem receber os recursos financeiros, que tem refletido na entrega dos produtos e insumos.

Por sua vez, a Santa Casa, alegou que os atrasos salariais são em decorrência da falta de repasse de recursos do Governo do Estado e frisou que outras unidades terceirizadas em outras cidades, mesmo com atrasos de pagamentos estão funcionando normalmente.

“Não estamos aqui para apontar culpados e sim para pedir que haja soluções, para fazer da comunidade parceira da região do Araripe. De nossa parte, mesmo com atraso salarial, não existe movimento de paralisação. Apenas lamentamos que, muitas vezes precisamos  atender, resolver o problema, porém,  não dispomos de equipamentos e melhores condições. Nossa  profissão se equilibra entre o pouco e o nada tem”, completou.

Com salários atrasados, médicos do Hospital Regional de Juazeiro ameaçam greve

(Foto: Internet)

Os médicos do Hospital Regional de Juazeiro podem paralisar as atividades novamente. De acordo com informações, os profissionais da saúde ainda não receberam os salários de dezembro do ano passado. Em 2017 foram três paralisações nos meses de janeiro, outubro e dezembro.

Com 74 médicos, a unidade hospitalar é responsável por realizar cerca de 200 consultas diárias nas áreas de ortopedia e cirurgias clínicas. Uma paralisação logo no início do ano deve atrapalhar o calendários de consultas e cirurgias dos pacientes.

Médicos da AME Policlínica de Petrolina vão realizar consultas durante a noite

(Foto: Ilustração)

Devido à grande quantidade de pessoas em busca de consultas médicas, a partir da próxima segunda-feira (08), a Prefeitura de Petrolina vai oferecer serviço de atendimento médico noturno na AME Policlínica.

O atendimento vai funcionar das 07h às 21h. A medida tem como objetivo aumentar a oferta de consultas à população, inclusive com especialistas.

Anteriormente, quatro Unidades Básicas de Saúde disponibilizavam o serviço estendido até às 21h, porém, muitas pessoas ainda não conseguiam ser atendidas. Agora, todas as consultas noturnas serão feitas somente na AME Policlínica.

 “Decidimos concentrar os atendimentos na AME Policlínica, que é central, e assim concedermos acesso a todos os cidadãos que necessitarem ser atendidos a partir das 18h”, explica a diretora de Atenção Especializada, Ana Célia.

Em janeiro, as consultas acontecerão de segunda a quinta-feira e serão disponibilizadas as seguintes especialidades: Pediatria, Ginecologia e Reumatologia.

A partir de fevereiro, o serviço será ofertado de segunda a sexta-feira.

A AME Policlínica está situada à Avenida Tancredo Neves, n°12, Centro (próximo à Câmara de Vereadores de Petrolina).

Médicos cearenses gravam nova versão da música de fim de ano da Globo, destacando “horror” na Saúde

Uma tradição que não pode faltar na programação de fim de ano da Rede Globo, ganhou uma nova roupagem através de iniciativa do Sindicato dos Médicos do Ceará que, assim como a emissora de TV, convocou um time de estrelas, só que da Medicina, para gravar uma versão inédita da música “Um Novo Tempo”, com o tema “Velhos Problemas”.

O vídeo, divulgado na última sexta-feira (22), mais que uma mensagem à sociedade e aos gestores públicos, por destacar o “horror” na Saúde, também é uma homenagem ao médico José Otho Leal Nogueira que, “após 54 anos de exercício da Medicina, continua sendo referência e inspiração para toda a categoria”.

Assista o vídeo:

Em Juazeiro, médicos participam de assembleia do Sindimed e UBS ficam sem atendimento

(Foto: Arquivo)

A Secretaria de Saúde de Juazeiro informou nesta terça-feira (28) que devido a uma reunião do Sindicato dos Médicos do Estado da Bahia (Sindimed) o atendimento nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) será alterado nesta quarta-feira (29).

A reunião está prevista para acontecer às 9h, dessa forma, as UBS em que os profissionais participarem da reunião, podem ficar sem atendimento médico durante a manhã.

Os serviços de urgência e emergência, como SAMU, UPA 24h, Maternidade e Hospital da Criança, continuam funcionando normalmente.

Hospital Dom Malan/IMIP de Petrolina recebe novos médicos

(Foto: Internet)

Visando atender à demanda de 150%, a qual o hospital é constantemente submetido, a direção do Dom Malan/IMIP de Petrolina busca sempre contratar novos médicos e profissionais de saúde. Somente este ano, já foram admitidos nas áreas de ginecologia/ obstetrícia e pediatria 18 médicos. Os mais novos recém-contratados chegaram agora em novembro e juntos formam uma equipe de 194 profissionais, incluindo os plantonistas e prestadores de serviço.

Todo esse esforço tem como objetivo prestar uma assistência à saúde humanizada e de qualidade à população dos 55 municípios da Rede PEBA, mesmo diante de todas as dificuldades enfrentadas pelo Sistema Único de Saúde no país.

“Os serviços públicos vivem superlotados e essa realidade no Dom Malan não é diferente. Mas, temos uma equipe coesa, dedicada e que busca fazer a diferença. Isso inclui os novatos, que inclusive procuram o HDM pelas boas referências do ensino, pesquisa e assistência”, considera o superintendente Etiel Lins.

Para Sérgio Fernandes Cabral, por exemplo, a oportunidade de trabalhar no Dom Malan soma-se à possibilidade de mudança de vida. “Venho do Recife em busca de uma melhor qualidade de vida para a minha família. Lá a gente trabalha muito, não tem tempo para os filhos e vive um dia a dia muito corrido. Quando soube da oportunidade no HDM não pensei duas vezes, até porque ressoa no estado o bom trabalho desenvolvido pelo hospital e todo mundo em Recife conhece o padrão de excelência do IMIP”, ressalta o médico.

LEIA MAIS

Prefeitura do Recife lança concurso para Residência em Saúde

A Prefeitura do Recife lançou edital para o processo seletivo dos programas de Residência em Saúde do Recife. As inscrições podem ser feitas até este domingo (12) pelo site www.upenet.com.br, onde também constam os editais.

Ao todo são 93 vagas para os programas de Residência do Recife, dentre elas os programas: Residência em Enfermagem em Atendimento Pré-Hospitalar, Residência de Medicina de Família e Comunidade, Residência Médica em Psiquiatria, Residência em Enfermagem Obstétrica, Residência em Odontologia em Saúde Coletiva, Residência Multiprofissional em Vigilância em Saúde, Residência Multiprofissional na Rede de Atenção Psicossocial, Residência Multiprofissional em Saúde coletiva e Residência Multiprofissional em Saúde da Família.

O processo tem como objetivo formar profissionais e qualificar trabalhadores do Sistema único de Saúde (SUS) para o fortalecimento das redes de atenção à saúde e gestão descentralizada.

Médicos do Hospital Regional de Juazeiro devem realizar paralisação por melhorias

O Sindicato dos Médicos do Estado da Bahia (Sindimed) enviou um comunicado à secretária de Saúde de Juazeiro (BA), Fabíola Ribeiro, informando que os médicos do Hospital Regional da cidade decidiram “paralisar suas atividades, atendendo apenas os casos vermelho e amarelo”.

De acordo com o documento, a paralisação acontecerá “72h depois da notificação” – que foi enviada no dia 24 deste mês. Ainda segundo o sindicato, a decisão visa “alcançar condições dignas de trabalho, tanto do ponto de vista técnico quanto no aspecto ético”.

Além disso, o Sindimed solicitou que a demanda dos atendimentos seja redirecionada, a partir da paralisação, para outros serviços de urgência e emergência do município, tanto públicos como privados.

Petrolina: inscrições para Processo Seletivo de Residência Médica do HDM estão abertas

(Foto: Arquivo)

Os interessados em participar do Processo Seletivo de Residência Médica do Hospital Dom Malan/IMIP, em Petrolina (PE), já podem realizar suas inscrições. As vagas são para o ano de 2018.

No total, estão sendo disponibilizadas 15 vagas. Dez para Pediatria, quatro para residência em Obstetrícia/Ginecologia e uma para Ultrassonografia em Ginecologia e Obstetrícia. As inscrições seguem até o dia 12 de novembro e podem ser realizadas através do site da UPE.

A Secretaria de Saúde de Pernambuco é responsável pela seleção, que conta com duas fases: Uma prova escrita, realizada em dezembro e análise curricular. Os estudantes de medicina com conclusão de curso até 31 de janeiro de 2018 podem participar do certame.

Médicos de Petrolina avaliam movimento em Assembleia Geral nesta quinta

(Foto: Ilustração)

O movimento de valorização do trabalho médico da rede municipal de Petrolina (PE) vai ter um novo capítulo nesta quinta-feira (17), com a realização da Assembleia Geral, a partir das 10h, na sede do Instituto de Gestão Previdenciária de Petrolina (IGEPREV), Avenida José de Sá Maniçoba, 200, área central da cidade (nas imediações do Hospital Universitário).

Os médicos vão discutir uma pauta de avaliação do movimento da categoria, além das condições de trabalho, reforma nas estruturas das unidades de saúde e recomposição de salários defasados.

Por falta de respostas da gestão municipal de Petrolina, a categoria deliberou por uma paralisação de 72 horas, dos serviços da Estratégia de Saúde da Família, AMEs, além dos centros de especialidades, nos dias 25, 26 e 27 de julho, conforme foi deliberado em assembleia.

LEIA MAIS

Secretaria de Saúde contrata 12 médicos em caráter emergencial em Juazeiro

Os médicos aprovados pelo Processo Seletivo, foram convocados, mas muitas vagas não foram preenchidas. (Foto: Divulgação)

A Secretaria de Saúde de Juazeiro iniciou um processo de contratação emergencial de 12 médicos. Na manhã desta segunda-feira (14), oito profissionais foram contratados para as equipes que compõem as Unidades Básicas de Saúde do município.

Os contratos temporários têm a programação inicial de 90 dias. Os médicos contratados irão atender nas unidades do Alagadiço, Novo Encontro, Tabuleiro, CSU, Vila Jacaré, Parque Residencial, Santo Antônio, Residencial São Francisco (população atendida na UBS do Dom José Rodrigues), Residencial Brisas da Serra, Residencial Juazeiro I e II, Palmares e CAJ.

De acordo com o assessor técnico da Secretaria de Saúde, Álvaro Pacheco, o contrato emergencial é necessário, visto que todos os médicos aprovados pelo Processo Seletivo, que foi realizado hão menos de um ano, foram convocados, mas muitas vagas não foram preenchidas.

“Esse é um serviço essencial e a população não pode ficar desassistida. Em breve, lançaremos o edital de um novo processo seletivo, para o preenchimento efetivo dessas vagas”, destaca.

Médicos encerram paralisação de advertência em Petrolina

O Sindicato dos Médicos de Pernambuco (Simepe) divulgou, através de fanpage, uma nota oficial encerrando a paralisação que durou três dias em Petrolina. O comunicado foi divulgado nesta sexta-feira (28) e informou sobre o avanço nas negociações.

Segundo a nota, a paralisação seria para pressionar a gestão municipal, em busca de melhorias para a saúde do município, que está em situação precária verificada durante vistoria feita pelo o Semepe.

Veja a nota:

Médicos doam sangue no segundo dia de paralisação em Petrolina

(Foto: Divulgação/Simepe)

A paralisação dos médicos do município continua, nesta quarta-feira (26) o grupo participou da campanha “Doando Sangue pela Saúde”, no Hemope de Petrolina. A greve teve início na terça-feira (25).

Durante a campanha de doação de sangue, 50 médicos participaram da iniciativa doando e realizando cadastro para doação de medula óssea. A expectativa do grupo é que ao longo do dia, outros 30 profissionais participem da campanha.

123