Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Classificadas as 12 canções finalistas do 21° Festival Edésio Santos da Canção

12 canções são classificadas para a final do Festival Edésio Santos da Canção que acontece neste sábado (01) em Juazeiro. (Foto: ASCOM)

Na noite de sexta-feira (30), foram classificadas as 12 canções concorrentes à final do 21° Festival Edésio Santos da Canção. O evento em homenagem aos 60 anos da Bossa Nova, é realizado pela Prefeitura Municipal de Juazeiro (BA), através da Secretaria de Cultura, e contou com a participação e interação do público.

O profissional de tráfego aéreo Valdir Gondim, se diz amante da Música Popular Brasileira (MPB) e ficou empolgado com as apresentações musicais da segunda noite do Festival. “Primeiro fiquei encantado com a qualidade da Banda Base, depois gostei demais das músicas e como elas empolgaram o público. Acho que se tem uma coisa que merece continuação e investimento é esse festival. O município está de parabéns”, ressaltou Valdir.

LEIA MAIS

Petrolinense de 8 anos participa do Programa da Eliana; exibição da apresentação vai ao ar neste domingo (02)

O petrolinense Pedro Lucas Marins, de apenas 8 anos de idade, conhecido popularmente como “Peluca Marins”, participou do Programa da Eliana na emissora SBT, onde cantou ao lado do seu ídolo Mano Walter. Peluca foi descoberto pela produção do programa através de seus vídeos publicados em redes sociais. Antes de gravar nos estúdios do SBT, a equipe do programa esteve em Petrolina (PE) para gravar com o cantor mirim durante os dias 27 e 28 de outubro.

O nome artístico se dá pela junção dos dois primeiros nomes do garoto. Segundo Mayara Marins, mãe de Peluca, o gosto pela música começou logo nos primeiros anos de vida. “A história da música na vida dele é desde pequenininho, ninguém da família é músico, mas ele sempre teve esse dom”, conta Mayara.

LEIA MAIS

Festival Edésio Santos começa nesta quinta-feira (29) em Juazeiro; saiba mais sobre o homem que dá nome ao evento

Edésio Santos nasceu na cidade de Afrânio, Pernambuco, em 1931, mas foi em Juazeiro que viveu durante toda sua vida. (Foto: Divulgação/ASCOM)

O Festival Edésio Santos da Canção (FESC) está em sua 21° edição, mas nem todo juazeirense conhece a história do homem que dá nome ao evento: Edésio Raimundo dos Santos. Negro, ajudante de pedreiro, engraxate, relojoeiro, funcionário público, cantor e compositor. Amigo e companheiro de João Gilberto, que mesmo não tendo sido reconhecido nacional e internacionalmente, tem grande influência musical na cidade de Juazeiro.

Edésio Santos nasceu na cidade de Afrânio, Pernambuco, em 1931, mas foi em Juazeiro que viveu durante toda sua vida. Amava a música. Participou de grupos musicais como o Sambossa na década de 1960, acompanhou artistas consagrados que se apresentaram em Juazeiro e região e comandou o primeiro trio elétrico no  carnaval da cidade, apenas com músicas instrumentais, sem cantores. A amizade com João Gilberto fez muita gente crer que Edésio teria ‘ensinado’ João a tocar violão no ritmo do que depois se consolidou como bossa nova.

“Conheci Edésio nos anos de 1960. Ele era relojoeiro e consertou um relógio meu. Sempre falava que nunca ensinou nada a João. Contava que se reunia no Cais com Pedrito, Seu Galo e João Gilberto já chegava sempre com uma coisa nova. ‘Quem ensinou alguma coisa a João Gilberto?’, era o que dizia Edésio. Tocaram juntos, foram amigos. Um negro e pobre, o outro branco e rico. A música os uniu”, concluiu o amigo e músico em comum Maurício Dias, atual superintendente de Cultura e Turismo. 

LEIA MAIS

Luiz Caldas é atração confirmada no Festival Edésio Santos em Juazeiro

Além de Luiz Caldas, Império Afro, Camilla Yasmine e Deijane Dieh também irão se apresentar no FESC. (Foto: Divulgação/ASCOM)

O Festival Edésio Santos da Canção (FESC) começa na próxima quinta-feira (29), no Centro de Cultura João Gilberto em Juazeiro (BA) às 20h, e o cantor baiano Luiz Caldas fará o show de encerramento, numa homenagem aos 60 anos da Bossa Nova. Império Afro, Camilla Yasmine e Deijane Dieh também irão se apresentar no FESC.

Vinte e quatro canções concorrem ao prêmio total de R$33 mil. Na quinta-feira (29) 12 canções são apresentadas; na sexta-feira (30) mais 12 músicas serão interpretadas. “Dessas 24, doze serão classificadas pelos jurados e irão se apresentar no sábado”, explica o Superintendente de Cultura Maurício Dias. 

LEIA MAIS

Ordem de apresentação das canções no Festival Edésio Santos é definida, através de sorteio realizado pela SECULTE

(Foto: ASCOM)

Na manhã desta quarta-feira (21), a organização da 21ª edição do Festival Edésio Santos da Canção realizou, na Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes (SECULTE) o sorteio para definir a ordem de apresentação das canções no Festival. Embora todos os classificados tenham sido convocados, o sorteio aconteceu na presença de dois participantes. O FESC acontece entre os dias 29 de novembro a 01 de dezembro, no Centro de Cultura João Gilberto em Juazeiro (BA), a partir das 20h.

Segundo informações do Gerente de Cultura Ramon Raniere, o sorteio de apresentação aconteceu com transparência e esse ano foi antecipado. “Nós sempre realizamos esse sorteio na semana que o festival é realizado, mas antecipamos para que os concorrentes tenham tempo de organizar suas torcidas, mobilizar seus familiares e amigos. Infelizmente muitos não compareceram, mas foi importante a presença dos que participaram, para evidenciar a transparência do processo. A ordem de apresentação foi definida e tudo indica que teremos um grande festival.”, disse.

Para a jornalista e uma das concorrentes do FESC, Joyce Guirra, o sorteio foi feito com muita tranquilidade. “Fiquei na 11° posição, no primeiro dia de apresentações. Já participo do Festival Edésio Santos há alguns anos e essa será a segunda vez que defenderei uma canção de minha autoria. Estou muito ansiosa, porque o festival para mim é uma celebração da boa música, valorização dos artistas e troca de experiências.”, afirma Joyce.

“A transparência do sorteio foi muito boa. Eu serei o 4ª a me apresentar na segunda noite e gostei disso. Estou cheio de expectativa para o Festival, sempre fico. O que vai ser julgado é uma questão secundária, mas sempre acreditamos que nossa música vai chegar ao topo. Gosto muito de participar do Festival, independente do resultado. Gosto do clima, da interação com os colegas participantes. Sempre que puder, vou me inscrever e participar”, ressaltou o concorrente João Energia.

Ordem de apresentação:

LEIA MAIS

Prefeitura de Petrolina oferece curso de música para celebrar 108 anos da Philarmônica 21 Setembro

(Foto: ASCOM)

Em comemoração aos 108 anos da Philarmônia 21 de Setembro, a Prefeitura de Petrolina irá promover um ciclo de capacitações voltadas para regentes e músicos da região. O ‘Master Class de Regência e Trombone’ está com inscrições abertas até a próxima quarta-feira (22).

A capacitação é voltada  para profissionais ou estudantes que atuem em bandas de músicas, marciais, fanfarras e trombonistas independentes. Os interessados devem realizar a inscrição na Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes (SECULTE), localizada no primeiro andar do Centro de Convenções Senador Nilo Coelho ou preencher o formulário online.

O curso tem ênfase em prática de conjunto e técnicas de ensaio e irá trazer para a região o renomado mestre em música da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e regente da Banda Sinfônica ‘José Siqueira’ da UFPB, Sandoval Moreno de Oliveira.

LEIA MAIS

Dia Mundial do Rock’ será celebrado na Concha Acústica em Petrolina

Oficialmente no Brasil, 13 de julho é reconhecido como o Dia Mundial do Rock. Mas em Petrolina, a celebração dos roqueiros será neste sábado, dia 21.

A Concha Acústica, vai ser ponto de encontro dos fãs de heavy metal, do hardcore, da old school, do rock e também da música alternativa. A partir das 16h, o espaço irá receber a 10ª edição do ‘Dia Mundial do Rock’ com a participação de cinco bandas.

A tarde começa com som alternativo de SubVerso, em seguida Cidades Aparte; Irados; Maggica e finalizando o evento Crematorium. A festa é aberta ao público e deve seguir até às 21h.

A data celebra anualmente o rock e foi escolhida em homenagem ao Live Aid, megaevento que aconteceu nesse dia em 1985. A celebração é uma referência a um desejo expressado por Phil Collins, participante do evento, que gostaria que aquele fosse considerado o “dia mundial do rock”.

O ‘Dia Mundial do Rock’ é de organização do grupo Black Star, com apoio da Prefeitura de Petrolina, através da Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes (SECULTE).

Juazeiro: credenciamento ao Programa Vapor do Sol encerra na próxima sexta-feira (13)

(Foto: Divulgação)

Na próxima sexta-feira (13), a Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes de Juazeiro encerra o processo de inscrições para o credenciamento do Programa Vapor do Sol é  Bossa Nova.

Os gêneros musicais que podem participar do edital de credenciamento são: Música Popular Brasileira, Jazz, Samba, Choro e Bossa Nova.

As inscrições são gratuitas e devem ser feitas das 08h às 12h e das 14h às 17h, na sede da Secretaria que fica na Praça da Bandeira, 20, Centro, Juazeiro), com apresentação de formulário contido no edital disponível no site da prefeitura (www6.juazeiro.ba.gov.br).

P1 Rappers lança novo trabalho ao lado de amigos

(Foto: Divulgação)

Com mais de cinco anos de carreira o grupo juazeirense P1 Rappers lança na noite dessa sexta-feira (6) seu mais novo trabalho. (Des)feito nós mostra a maturidade de Euri Mania e DJ Werson, que usam das letras para militar e fazer a voz da periferia ser cada vez mais ouvida.

O trabalho é formado por sete canções autorais e apesar de nesse novo formato o grupo ser restrito a dois componentes, a dupla não está sozinha. Artistas como Peu Bandeira, Andrezza Santos e Cintia Savoli contribuem para esse CD.

Produzido e gravado em Juazeiro, (Des)feito nós será lançado às 21h no Bosque Coletivo, evento que acontece em Juazeiro. Além do P1 Rappers o evento contará com shows de 3 da Matina, Andrezza Santos e convidados. Quem ainda não conferiu, basta acessar a página do grupo na internet e escutar o trabalho.

‘Amor Falso’ é eleita música do São João de Petrolina 2018

(Foto: Jonas Santos)

Depois de várias polêmicas com a contratação do cantor Aldair Playboy para o São João de Petrolina, a canção eleita pelo público para ser a música do São João de Petrolina 2018 foi a batida característica de “Amor falso”, dos cantores Wesley Safadão e Aldair Playboy.

Bastava tocar a música que o público ia ao delírio e cantava em coro o hit sucesso do São João de Petrolina. Além da percepção de quem acompanhou de perto todo ciclo junino, o sucesso da canção foi atestado através de votação online nas mídias sociais da Prefeitura de Petrolina. A pesquisa reuniu quase 50 mil votos em 10 músicas selecionadas.

Com mais de mil votos à frente da segunda colocada, ‘Amor falso’ se destacou no repertório junino com 8.322 votos. Logo em seguida, outra música que fez a plateia sofrer junto:  ‘Largado às traças’, de Zé Neto & Cristiano, levou 7.199 votos, ficando à frente de outra música do ícone do forró, ‘Romance com Safadeza’, também de Safadão com participação de Anitta.

LEIA MAIS

Com repertório variado e surpreendente Philarmônica 21 de Setembro encerrou a primeira temporada do Projeto Parque Sonoro

(Foto: ASCOM)

A Philarmônica 21 de Setembro surpreendeu o público na última apresentação da temporada do projeto ‘Parque Sonoro’, no Parque Josepha Coelho, em Petrolina. Neste domingo (29), a plateia apreciou um concerto que passeou entre gêneros musicais com canções que foram desde os Beatles, até o forró atração do São João dos Bairros da cidade, Mastruz com Leite.

Para o secretário executivo de Cultura, Cássio Lucena, a apresentação da Philarmônica 21 de Setembro, fechou o ciclo de concertos com maestria. “O Parque Sonoro vem intensificar a necessidade do diálogo entre o erudito e o popular. Juntar clássicos dobrados com baião, Beatles, Lulu Santos e Mastruz com Leite, no mesmo caldeirão de reportório, é fortalecer essa possibilidade do fazer artístico”, explica

O ‘Parque Sonoro’ é coordenado pela Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes (SECULTE). O projeto volta com nova temporada no segundo semestre deste ano.

Philarmônica 21 de Setembro finaliza temporada do Projeto Parque Sonoro neste domingo no Parque Josepha Coelho, em Petrolina

(Foto: ASCOM)

O projeto ‘Parque Sonoro’ chega à última edição desta temporada, neste domingo (29). A partir das 10h, um concerto com músicas populares e regionais irá tomar conta do Parque Josepha Coelho, em Petrolina (29). A sinfônica convidada é a tradicional Philarmônica 21 de Setembro.

Para o secretário de Cultura, Turismo e Esportes, Emicio Junior, o ‘Parque Sonoro’ tem levado durante o mês de abril, a boa música a população. “O projeto já levou cerca de 500 pessoas para prestigiar as sinfônicas da região, todos os domingos, com concertos temáticos e repertório eclético. Enceramos esta temporada com prata da casa, a nossa Philarmônica 21 de Setembro preparou uma apresentação cheia de surpresas”, anuncia o gestor.

O Parque Sonoro é coordenado pela Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes (SECULTE).

Juazeiro: Projeto Cultura na Praça leva poesia, dança e música para o Alto da Aliança nesta sexta-feira

Na sua quarta edição, o Projeto Cultura na Praça chega nesta sexta-feira (27) ao bairro Alto da Aliança, em Juazeiro (BA). A partir das 19h haverá shows gratuitos de poesia, dança e música.

A as atrações de hoje são A Barca Poética, a dança de Janaína Oliúsa, a dupla Gyan e Gyovana, Norte Ba Crew e Andreza Santos. O projeto Cultura na Praça é realizado pela Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes de Juazeiro.

O evento já foi realizado nos bairros Jardim Vitória, Vila da Penha e Tabuleiro. “Nós temos recebido a ajuda da comunidade, eles mobilizam os moradores e alguns grupos que se apresentaram fazem parte das localidades. Temos conseguido alcançar nossa proposta, que é levar cultura e promover a interação com a comunidade”, afirma o Superintendente de Eventos da SECULTE, Naldinho da Silva.

Concerto gratuito do Projeto Parque Sonoro animou o público petrolinense neste domingo

(Foto: ASCOM)

O projeto Parque Sonoro levou a Camerata 21 de Setembro ao Parque Josepha Coelho, neste domingo (22). A sinfônica tocou da música clássica, passando pelo samba e até pelo rock e fez a alegria de pessoas de todas as idades que foram prestigiar.

Com caráter didático, a plateia ainda pode interagir com os músicos e conhecer um pouco de cada instrumento após a apresentação. Nesta edição, a Camerata 21 de Setembro teve como regente o maestro Maicon Novaes.

O projeto é uma realização da Prefeitura de Petrolina (PE), através da Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes (Seculte).

No próximo domingo (29), o Parque Sonoro se despede desta temporada com a apresentação da Philarmônica 21 de Setembro, às 10h, no Parque Josepha Coelho.

Concerto reverencia músicos sertanejos no parque Josepha Coelho

(Foto: ASCOM)

Neste domingo (15), o parque Josepha Coelho, em Petrolina, recebeu a orquestra Novos Talentos, da Fundação Nilo Coelho. Com um concerto que homenageou o sertanejo, o repertório trouxe sucessos como Asa Branca, de Luiz Gonzaga e Lamento Sertanejo, de Dominguinhos.

O evento faz parte do projeto Parque Sonoro da Prefeitura de Petrolina através da Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes (Seculte).

O projeto continua no próximo domingo (22), com a Camerata 21 de Setembro e encerra a temporada no 29 de abril. As apresentações ocorrem sempre às 10h, no parque Josepha Coelho e são de graça.

12345