Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Moradores e comerciantes pedem mais segurança no bairro Vila Eduardo

(Foto: Reprodução/Google Maps)

Uma onda de assaltos a estabelecimentos comerciais no bairro Vila Eduardo, em Petrolina, tem assustado a comunidade. Nossa redação recebeu alguns relatos de moradores que narraram o medo de sair à noite ou voltar para casa depois do trabalho.

A maior queixa da comunidade é que o Batalhão da Polícia Militar fica localizado no bairro e quase não existe policiamento ostensivo no período noturno. “Semana roubaram a pizzaria aonde trabalho e ontem assaltaram uma hamburgueria. A onda de violência tem aumentado e o policiamento é pouco”, desabafou uma moradora que preferiu não se identificar.

Ainda segundo os comunitários a situação piora depois das 22h quando os criminosos começam a usar drogas, invadem residências e mesmo assim não há presença da PM no local. “É uma zona considerada centro devido o tanto de comércio, nós moradores estamos assustados e com medo de voltar do trabalho para casa”, comenta.

Outro lado

Nossa produção entrou em contato com a Assessoria de Comunicação da Polícia Militar de Pernambuco, questionando a respeito das ações de segurança no bairro Vila Eduardo. Até o encerramento dessa matéria não tivemos retorno, reiteramos que o Blog continua aberto aos esclarecimentos.

PM de pernambuco emite nota sobre falta de policiamento na zona rural de Petrolina

(Imagem: Internet)

Nesta terça-feira (04) o Blog Waldiney Passos publicou uma matéria sobre a falta de policiamento nos povoados de Uruás e Caititu, localizados na zona rural de Petrolina (PE). A denúncia partiu de um morador que preferiu não se identificar.

Aflito o morador relatou a insegurança das localidades, segundo ele causada pelo fechamento dos postos policiais. Em nota a Polícia Militar de Pernambuco explicou que os postos policiais são, na verdade, pontos de apoio utilizados pelo patrulhamento motorizado.

Sobre o fechamento, a PM esclarece que os postos “foram substituídos por outros, por motivos estratégicos conforme análise do 5º Batalhão, responsável pela segurança na região.”

“Diariamente, são lançados no local, equipes da Patrulha Rural que realizam rondas e abordagens. O comandante da unidade foi cientificado da demanda e reforçará as rondas no local, ” conclui em nota.

Secretaria de Defesa Social limita horário de policiamento nas festas de São João em Pernambuco até meia noite

Portaria foi divulgada no Diário Oficial na última sexta (27)

A Secretaria de Defesa Social (SDS) de Pernambuco definiu o prazo até o dia 11 de maio para empresas e órgãos públicos interessados em promover eventos durante o período junino fazer a solicitação formal do reforço de segurança e vistorias estruturais. Segundo as diretrizes que vão nortear o planejamento das ações de segurança para as festas de São João em Pernambuco, o policiamento nos eventos obedecerá a um horário limite.

De acordo com a portaria, é possível ter acesso às informações que precisam constar nos documentos de solicitação enviados à SDS, como o local do evento e sua modalidade; a estimativa de público; o horário de início e término das festividades; a quantidade de estruturas físicas montadas na área; e a qualificação do realizador da festa.

“Analisando as informações repassadas e os riscos envolvidos, vamos fazer todos os esforços necessários para distribuir a gama de serviços disponibilizados pela SDS, a exemplo do reforço de efetivo da PM e do Corpo de Bombeiros, assim como unidades extras das policias Civil e Científica”, explicou o secretário executivo de Defesa Social, Humberto Freire.

Horário Limitado

A portaria ainda traz uma série de normas para a realização das festividades de São João no Estado, cujo período foi dividido em Pré-São João, de 1º a 21 de junho; São João, de 22 a 24 de junho; e Pós-São João, de 25 de junho a 1º de julho. As orientações incluem limite de horário para as festas.

Às sextas-feiras, aos sábados e no dia de São João (24 de junho), permitem-se eventos das 10h às 02h. Para os demais dias da semana e domingos, das 10h à 0h. Importante ressaltar que poderão ser autorizados eventos iniciados até duas horas antes ou com término duas horas após o estabelecido, mediante requerimento fundamentado à SDS.

“Essa normatização é fruto de um intenso debate para que, utilizando a mesma metodologia de planejamento e execução operacional de grandes eventos já realizados no Estado, nós possamos, novamente, fazer uma festa segura e pacífica para todos os pernambucanos e turistas”, completou Freire.

Camarotes

Para vistoria do Corpo de Bombeiros em trios elétricos, palcos, camarotes, tablados e afins, a portaria define que as estruturas estejam aptas para a vistoria até 48h antes da realização do evento. Esse prazo é fundamental para que os procedimentos de segurança sejam avaliados até 24h antes da utilização das estruturas.

Vereadores pedem policiamento em bairros de Petrolina

(Foto: Waldiney Filho)

Durante a sessão ordinária desta terça-feira (24), que começa às 9h, na Câmara Municipal de Petrolina, alguns vereadores devem apresentar indicações e requerimentos para que a Polícia Militar execute rondas ostensivas e preventivas em alguns bairros da cidade e em frente a instituições de ensino superior.

Os parlamentares pedem mais segurança na Orla I, nos horários da tarde e da noite, no bairro Terras do Sul, no Gercino Coelho e nas intermediações das Instituições de Ensino FTC e UNINASSAU. Além disso, o vereador Cícero Freire solicita a instalação de câmeras de monitoramento nas praças, avenidas e enfrente as escolas da cidade.

As indicações e requerimentos são levadas aos demais vereadores. Após a apresentação dos pedidos, os parlamentares votam pela sua aprovação ou rejeição.

Após governo conseguir empréstimo, polícias de Pernambuco deve receber 700 novas motos

Segundo o governador, as motocicletas serão disponibilizadas para a Polícia Militar. (Foto: Internet)

O governador Paulo Câmara conseguiu um empréstimo de R$ 25 milhões do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para aquisição de 700 motos para as forças policiais de Pernambuco, além de equipamentos de proteção individual (EPIs). O chefe do Executivo Estadual esteve reunido com a diretora de  Gestão Pública do BNDES, Marilene Ramos, para discutir os estudos de novos empréstimos para o estado.

“Pernambuco é o primeiro Estado da Federação a apresentar proposta de financiamento para a área de Segurança Pública, atendendo a proposta do Governo Federal”, afirmou Paulo. De acordo com o governador, os técnicos do BNDES conhecem o Programa Pacto Pela Vida e sabem  do trabalho integrado e de inteligência na área de segurança desenvolvido pelo Governo de Pernambuco.

Segundo o governador, as motocicletas serão disponibilizadas para a Polícia Militar nos batalhões e unidades especializadas da corporação em todo o Estado. “O policiamento ostensivo e preventivo, sobre duas rodas, é mais ágil e facilita o deslocamento em áreas de difícil acesso e locais congestionados. O incremento dessa frota auxiliará especialmente no combate aos crimes contra o patrimônio, que já vêm registrando redução desde o segundo semestre do ano passado”, afirmou.

Adutora

De acordo com o governador Paulo Câmara, outra proposta de Pernambuco que deve receber o aval do BNDES é a liberação de R$ 50 milhões para as obras da Adutora do Agreste, fundamental para levar a água da Transposição do Rio São Francisco à região pernambucana com maior déficit hídrico do Estado. Esse pedido de Pernambuco deve ser aprovado nas próximas semanas.

Falta de segurança amedronta comunidade do N-4, segundo líder comunitário

Moradores ficam trancados em suas casas com medo de assaltos.

A falta de segurança no Projeto Senador Nilo Coelho, N-4, em Petrolina (PE) tem se tornado um grande problema para a comunidade. De acordo com o presidente da associação de moradores e produtores do N-4, Edvaldo Landim, o terror tem tomado de conta da localidade, que clama por mais segurança. Ainda segundo Edvaldo, foi realizada uma reunião com o comandante da Polícia Militar, mas as notícias não foram boas.

“O projeto é praticamente esquecido pela segurança pública. Vivemos em uma situação delicada, com nossos moradores vivendo em uma situação de terror, visto que a segurança é mínima. Há dois meses, estivemos com o comandante da Polícia Militar para levar um documento da comunidade pedindo socorro, mas, segundo o comandante, não havia efetivo suficiente, já que para toda a área rural de Petrolina só contava com cinco viaturas para realizar as rondas e uma delas teria sido perdido”, disse.

Segundo o líder comunitário, o N-4 conta com mais de 10 mil habitantes e mais de 4 mil eleitores. Como o projeto fica um pouco distante da cidade, os criminosos que vêm se aventurar em Petrolina ficam nos projetos.

Para amenizar a sensação de insegurança, foi criado um grupo de WhatsApp para os moradores ficarem interligados e avisarem sobre atitudes suspeitas. Além disso, está sendo ventilada a possibilidade de criação de uma vigilância noturna, como na cidade. “Criamos um grupo de whatsapp para os moradores ficarem interligados e avisarem uns aos outros sobre atitudes suspeitas para todos ficarem atentos e de alguma forma tentar se resguardar, trancando as portas, chamando os filhos. A polícia não tem condições de dar segurança e sem boa vontade é pior ainda”, disse Edvaldo.

Reunião com prefeito

Segundo o presidente da associação de moradores e produtores do N-4, o presidente da Central Única de Bairros de Petrolina (CUBAPE(, Pedro Caldas, está organizando uma reunião para que uma comissão de moradores sentem com o o prefeito Miguel Coelho e apresentem as reivindicações de segurança da comunidade.

Petrolina está entre os 33 municípios que receberão reforço na Operação Papai Noel

O reforço conta com 3.812 policiais militares que vão trabalhar em jornadas extras. (Foto: Ilustração)

Petrolina está entre os centros comerciais, de 33 municípios pernambucanos, que vão receber reforço no policiamento ostensivo a partir de hoje (8) o dia 25. Petrolina e Salgueiro, estão entre as cidades reforçadas.

A Operação Papai Noel, como denominada, foi anunciada na quinta-feira (7), em coletiva à imprensa na Secretaria de Defesa Social (SDS). O maior reforço conta com 3.812 policiais militares que vão trabalhar em jornadas extras para garantir mais segurança a clientes e comerciantes durante as compras de Natal.

No Sertão, o policiamento será fortalecido nos municípios de Arcoverde (3º BPM), Petrolina (5º BPM), Ouricuri e Salgueiro (8º BPM), Serra Talhada (14º BPM) e Afogados da Ingazeira (23º BPM), assim como Santa Maria da Boa Vista (7ª CIPM).

Com informações do JC

Moradores do povoado Ponta da Serra pedem reforço no policiamento

Criminalidade tem aumentado no povoado. (Foto: Internet)

A população do povoado de Ponta da Serra, Zona Rural de Petrolina (PE), tem pedido a atenção das autoridades públicas municipais para a estrada que dá acesso à comunidade. Segundo os moradores, muitos assaltos estão acontecendo no local.

Devido à falta de segurança, o vereador Edilsão do Trânsito (PRTB) requereu ao comandante do 5º BPM/PE, o tenente coronel André Rodrigues, na Câmara Municipal da cidade, a intensificação do policiamento no povoado para combater a criminalidade.

“Segundo os moradores do povoado, ultimamente estão sendo registrado muitos assaltos na estrada que dá acesso ao povoado”, afirmou Edilsão.

Juazeiro: Paulo Bomfim solicita do Comando Geral da PM mais policiamento na sede e nos distritos

(Foto: ASCOM)

O prefeito Paulo Bomfim se reuniu nesta terça-feira, 25, com o Comandante Geral da PM da Bahia, Coronel Anselmo Brandão, no Quartel do Comando Geral, no bairro dos Aflitos, em Salvador, quando colocou em pauta a ampliação do policiamento na sede e nos distritos de Juazeiro. O assessor de Planejamento e Parcerias Estratégicas, Isaac Carvalho, participou do encontro.

Na oportunidade, Paulo Bomfim  reiterou a parceria com a PM na segurança pública do município. “Agradecemos ao Coronel Anselmo Brandão pela sensibilidade em oferecer paz e tranqüilidade aos cidadãos baianos através do policiamento ostensivo e de inteligência. Juazeiro é uma cidade estratégica, com distritos de grande porte e alta densidade populacional. Precisamos garantir a segurança da população e inibir a ação dos criminosos. E juntos vamos conseguir”, declarou Paulo Bomfim.

Durante a reunião, O Coronel Anselmo anunciou ao prefeito que no dia 11 de agosto vai entregar uma viatura para patrulhar no Distrito de Itamotinga, mas assegurou que os outros distritos já estão inseridos no planejamento estratégico. O prefeito também sugeriu a criação uma “Ronda Rural” e que irá debater com o Coronel Anselmo Bispo, Comandante do Policiamento Regional Norte.

Plano de segurança para Carnaval de Juazeiro é apresentado

A segurança contará com o 9º GBM, que irá atender todo o circuito do carnaval com Grupos de Bombeiros e um Posto de Comando. (Foto: ASCOM)

O Comando de Policiamento da Região Norte (CPRN) apresentou, nesta terça-feir a(7), o Plano de Segurança do carnaval de Juazeiro (BA). O Comandante Coronel Alfredo Nascimento ressaltou a importância do trabalho realizado pelas forças de segurança durante o carnaval.

“Nosso lema é cuidar das pessoas. Vamos unir todas as forças de segurança para ter um carnaval tranquilo, de paz. Um carnaval do qual possamos nos orgulhar”, salientou Cel. Nascimento.

A segurança contará com o 9º GBM, que irá atender todo o circuito do carnaval com Grupos de Bombeiros e um Posto de Comando. Além disso, o plano de segurança contará com 1.800 policiais, 26 postos elevados de observação, nove postos de abordagem, quatro postos de comando setorial, três zonas de controle de acesso, um posto de reunião de tropa e um Centro Integrado de Comando e Controle.

(Foto: ASCOM)

Novidade

Uma novidade apresentada para este ano é a instalação de um Centro Integrado de Comando e Controle – ferramenta consultiva e deliberativa de gestão estratégica. “As demandas que forem surgindo serão resolvidas imediatamente, ou no máximo, no dia seguinte, nas reuniões de avaliação”, afirmou o Major Mauro. 

LEIA MAIS

1.500 aprovados no concurso da Polícia Militar de Pernambuco iniciam este mês no curso de formação

(Foto: Renata Monteiro/JC Online)

Nesta quarta-feira (04), durante uma coletiva com imprensa o Comandante da Polícia Militar de Pernambuco, Coronel D’Albuquerque, anunciou que 1.500 aprovados no concurso da Polícia Militar irão iniciar, no dia 16, o curso de formação da categoria.

Com a graduação no curso de formação da Polícia Militar, a expectativa é de que esses novos profissionais possam atuar nas ruas a partir de agosto. Ainda de acordo com o coronel D’Albuquerque, outras 1.500 pessoas estão entre os aprovados do concurso, e poderão ser convocados depois. Ele ainda garantiu que, até janeiro de 2018, 1.600 novas viaturas estarão nas ruas.

Com informações do JC

Veículos com placas de final 1, 2, 3 e 4 podem rodar até quinta com documento de 2015

CRLV 2015

Quem ainda não estiver em dias, pode pagar multa de R$ 191,54 e acumular 7 pontos na carteira./ Foto: arquivo

Os donos de veículos com placa de final 1,2,3 e 4 de Pernambuco, podem rodar até esta quinta-feira (30) com o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV), que é  o documento de porte obrigatório.  Já o prazo-limite das terminações 5,6 e 7 é 29 de julho e quem anda com veículos de placas terminadas em 8,9 e 0 é 30 de agosto.

Quem ainda não estiver em dias, deve ficar atento, pois pode sofrer penalidade de pagamento de multa no valor de R$ 191,54 (conforme previsto no artigo 230, Inciso V do CTB ). Além do condutor acumulará sete pontos na carteira.

MPPE pede reforço policial para Sertânia

pm policia

Com crescimento nos casos de violência, moradores do município de Sertânia, no Sertão de Pernambuco, vivem amedrontados. E a falta de policiamento tem contribuído para que as pessoas tenham receio até de atravessar a rua durante o dia. Após denúncias, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) encaminhou recomendações à Secretaria de Defesa Social para reforçar a segurança, entre elas a criação e uma força-tarefa  composta por delegado, escrivão e agentes de polícia para atuar exclusivamente na conclusão dos inquéritos policiais em aberto referentes a crimes dolosos contra a vida, contra o patrimônio, contra a dignidade sexual e por tráfico de drogas. A SDS tem 30 dias para atender à recomendação.

De acordo com o promotor de Justiça Júlio César Elihimas, a população de Sertânia vem fazendo constantes reclamações sobre a grande quantidade de furtos e assaltos, bem como o recorrente transporte de carga roubada pela cidade. Porém, as polícias Civil e Militar não dispõem de recursos adequados para desempenhar suas funções.

No caso da Polícia Civil, o delegado que atua em Sertânia está acumulando outros dois municípios. “Há grande quantidade de inquéritos com prazo legal expirado e requisições do Ministério Público que não foram atendidas”, afirmou. O MPPE recomendou ao secretário de Defesa Social, Alessandro Carvalho, e ao chefe da Polícia Civil, Antônio Barros, que providenciem, em até 30 dias, o aumento do efetivo de policiais na delegacia e que a unidade conte sempre com um mínimo de dois agentes, para que não feche em horário de almoço, jantar ou em caso de saída para atender a ocorrências. A delegacia também terá que funcionar 24 horas.

LEIA MAIS