Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Professores de Juazeiro realizam manifestação contra a municipalização de escolas estaduais

Professores decidiram por manifestação após assembleia na APLB.

Após a tentativa do governo do estado da Bahia de municipalizar quatro escolas de Juazeiro (BA), profissionais da educação e professores da rede municipal de ensino devem realizar, nesta terça-feira (5), um ato público, às 8h, em protesto à ação do governador Rui Costa.

De acordo com a proposta do estado, as quatro escolas, que estão em funcionamento e fazendo matrículas, devem ser entregues ao município que deverá assumir os alunos do ensino fundamental 2. Porém, os alunos do ensino médio e da EJA, já matriculados nessas unidades, e os professores deverão ser relocados para outras escolas que pertencem à rede estadual.

Segundo o presidente do Sindicato dos professores de Juazeiro, Gilmar Nery, a decisão do governo estadual é irresponsável, principalmente pelo fato de não discutir a municipalização das escolas.

“Os trabalhadores ficam se perguntando para onde irão, como serão acomodados caso essa municipalização aconteça. Então é o momento de darmos as mãos e irmos as ruas tornar pública essa atitude e pedir o apoio da comunidade para que a municipalização dessas escolas não aconteça”, disse Gilmar.

LEIA MAIS

Piso salarial do magistério tem aumento de R$ 102,39 em 2019

Professor da rede pública com 40 horas semanais de trabalho deve ganhar no mínimo R$ 2.557,74 em 2019 (Foto: Agência Brasil)

A partir deste mês, professores de escolas públicas com carga horária de 40 horas semanais de trabalho vão receber no mínimo R$ 2.557,74. Esse é o valor do piso salarial do magistério, que foi reajustado em 4,17%, conforme determinação do artigo 5º da Lei nº 11.738, de 16 de julho de 2008.

O piso vale para quem leciona na educação básica e tem formação de nível médio. Até dezembro de 2018, o piso do magistério era R$ 2.455,35. O aumento, portanto, é de R$ 102,39.

LEIA MAIS

GRE Petrolina convoca professores nomeados em seleção do Estado

(Foto: Blog Waldiney Passos)

A Gerência Regional de Educação (GRE) publicou um ofício nessa sexta-feira (28) convocando professores aprovados em processo seletivo realizado pelo Governo do Estado em 2016. A lista está disponível no Ato nº4265/2018, disponível no Diário Oficial do Estado de hoje.

102 professores nomeados exercerão funções no Sertão do Médio São Francisco, contemplando as cidades de Afrânio, Dormentes, Petrolina, Lagoa Grande e Cabrobó, nas disciplinas de Língua Portuguesa, Matemática, Biologia, Brailista e Instrutor de Libras.

Mais informações podem ser obtidas juntamente à GRE-Petrolina, através dos números: (87) 3866 6337 / 6338. A sede da Gerência fica localizada na Avenida Monsenhor Ângelo Sampaio, Vila Eduardo.

Oportunidade: Prefeitura de Petrolina seleciona professores para escolas de tempo integral

Ao total, estão sendo disponibilizadas 44 vagas, e as inscrições devem ser feitas de 19 a 26 de dezembro de 2018.

Para atender a demanda de implantação do Programa Municipal de Educação Integral (ProMEI), a Secretaria de Educação  de Petrolina (SEDU), divulgou edital para seleção de professores. Já em 2019, duas novas escolas funcionarão em tempo integral.

O Edital estabelece normas relativas à realização de processo interno, que tem por finalidade selecionar, dentre os efetivos, a equipe de professores que vai atuar, especificamente, nas escolas Anézio Leão, na Vila Eduardo, na nova escola Monsenhor Bernadino, na Vila Eulália, e na São Domingos Sávio, no bairro Gercino Coelho, as primeiras do novo programa.  

LEIA MAIS

Senac recebe currículos para banco de talentos em Petrolina

Vagas são para professores que tenham interesse em lecionar na Faculdade Senac.

O Senac está recebendo currículos para formação de banco de talentos para professores que tenham interesse em lecionar na Faculdade Senac, que chegará a Petrolina em fevereiro do próximo ano.

O objetivo é captar professores para os cursos superiores de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos e de Tecnologia em Gastronomia. Podem enviar currículos profissionais com graduação em Administração ou áreas afins e graduação em Gastronomia.

Os interessados deverão enviar currículo lattes para o e-mail rhsenac@pe.senac.br, informando, no título do e-mail, o curso, até o dia o dia 16 de dezembro de 2018.

LEIA MAIS

Facape divulga resultado de seleção para professores

(Foto: Internet)

A Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais (Facape) divulgou na sexta-feira (30) a lista final dos aprovados no processo seletivo simplificado destinada a preencher vaga de docentes. Os professores ministrarão aulas nos cursos de especialização em Processo Civil ofertado na própria instituição.

De acordo com a faculdade, os candidatos aprovados serão convocados via telefone ou endereço eletrônico cadastrado no momento a inscrição e devem apresentar os documentos solicitados no edital, para comprovação das informações e títulos.

As vagas ofertadas foram divididas para professores com pós-graduação, mestrado e doutorado. O resultado final está disponível no site da Facape.

UFPE abre sindicância para apurar ameaças a professores e alunos

(Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem)

Nesta quarta-feira (07), a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) determinou a abertura de sindicância interna para apurar ameaças e insultos a professores e alunos do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFCH). A instituição de ensino também comunicará o caso ao Ministério Público Federal (MPF) e Polícia Federal (PF).

Em nota informando a abertura da sindicância, a UFPE repudiou veemente as ameaças e insultos feito spor meios de panfletos e redes sociais, e destacou que “não admite, sob qualquer hipótese, que a violência ameace as liberdades de cátedra e individuais”

Nos últimos dias, professores e alunos do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFCH) da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) foram xingados e ameaçados por meio de panfletos e mensagens na internet. No caso mais recente, que começou a repercutir ontem (06) nas redes sociais, uma lista intitulada “Doutrinadores e alunos que serão banidos do CFCH-UFPE, em 2019” intimida nominalmente cerca de 20 pessoas. Anunciando, no final: “vocês serão banidos! Escórias! O mito vem aí”, em uma relação ao futuro governo do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL).

Com informações do Jornal do Commercio

MP e MPF recomendam às universidades de Pernambuco que impeçam qualquer forma de assédio a professores

(Foto: Blog Waldiney Passos)

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e o Ministério Público Federal (MPF) expediram recomendações às universidades do estado para quem impeçam quaisquer atitudes consideradas assédio moral aos docentes. O posicionamento dos órgãos veio após a repercussão de um pedido da deputada eleita Ana Caroline Campagnolo (PSL-SC) incitando alunos a filmarem seus “professores doutrinadores” dentro de aula.

A recomendação dos ministérios públicos afirma que a tentativa de criar obstáculo à abordagem, análise, discussão ou debate sobre quaisquer concepções filosóficas, políticas, religiosas ou mesmo ideológicas configuram conduta ilícita, viola a Constituição Federal e as Leis de Diretrizes e Bases da Educação Nacional.

Na recomendação, tanto MPPE e MPF incluem alunos, pais de alunos ou familiares como possíveis assediadores morais dos professores. Foram alvo da orientação dos ministérios públicos as universidades Federal de Pernambuco (UFPE), Rural de Pernambuco (UFRPE), Universidade de Pernambuco (UPE), Instituto Federal (IFPE) e secretarias.

“É preciso ressaltar que as recomendações expedidas consistem em uma atuação preventiva do Ministério Público, visando à abstenção das instituições em atuarem ou sancionarem arbitrariamente os professores com fundamento que represente violação aos princípios constitucionais e demais normas que regem a educação nacional”, afirmou a procuradora da República, Carolina de Gusmão Furtado.

Com informações da Folha de Pernambuco

Prefeitura de Petrolina oferece oficina para professores interessados em mestrado da UPE

(Foto: ASCOM)

A Secretaria de Educação de Petrolina (PE), em parceria com o Fórum Municipal de Educação, promove nesta sexta-feira (26), uma oficina sobre elaboração de projeto de pesquisa. A oficina vai acontecer a partir das 13h30 nas salas dos conselhos, localizada no primeiro piso do Centro de Convenções.

O objetivo da atividade é orientar os professores da Rede municipal na construção da proposta acadêmica voltada à seleção do Mestrado em Formação de Professores e Práticas Interdisciplinares, na modalidade profissional da Universidade de Pernambuco (UPE). O processo seletivo destina, graças a uma parceria com a prefeitura, 11 vagas exclusivas para docentes efetivos da Rede.

Durante a oficina serão abordados os passos essenciais para elaboração de um projeto científico dentro dos padrões exigidos pelo Programa de Pós-Graduação.

Mestrado 

LEIA MAIS

Inscrições para concurso da Prefeitura de Petrolina começam amanhã (3)

(Foto: Internet)

A partir desta quarta-feira (3) professores poderão se inscrever no concurso público da Prefeitura de Petrolina. São oferecidas 455 vagas distribuídas entre a sede e o interior. A inscrição no certame organizado pela IAUPE segue até 4 de novembro, exclusivamente via internet.

LEIA TAMBÉM:

Edital publicado: inscrições para concurso público da educação em Petrolina começam no dia 3 de outubro

Conforme o Blog Waldiney Passos havia antecipado, a inscrição custa R$ 80,00 para todos os cargos. As provas serão aplicadas no dia seis de janeiro de 2019. Quem tem direito a isenção pode solicitá-lo, também na internet.

As vagas são distribuídas para professores de educação infantil; professor de anos inicias da educação fundamental e dos anos finais, nas disciplinas de matemática, língua portuguesa, história, geografia, inglês, ciências e educação física, para atuação na sede e no interior.

Mestrado em Educação da UPE tem vagas exclusivas para professores da Rede municipal de Petrolina

A duração mínima do curso é de doze meses e máxima de 24 meses. (Foto: ASCOM)

A Prefeitura de Petrolina, através da Secretária de Educação (Sedu), em parceria com  Universidade de Pernambuco (UPE), garantiu aos professores efetivos que atuam na Rede municipal a oportunidade de concorrer a vagas exclusivas no curso de Mestrado em Formação de Professores e Práticas Interdisciplinares (PPGFPPI), na modalidade profissional.

As inscrições para o preenchimento de 36 vagas, sendo 11 para os professores municipais, estão abertas até o dia 1º de novembro. A ação é fruto do incentivo da gestão em oferecer formação e qualificação continuada aos profissionais de educação que  atuam nas unidades escolares do município.

O objetivo do programe é promover a formação de professores dos diferentes níveis de ensino que compreendam a interdisciplinaridade como um desafio prático na pesquisa e nos processos pedagógicos. Com área de concentração na Educação, o programa conta com duas linhas de pesquisa: Políticas Educacionais, Formação Docente e Práxis Pedagógica e Práticas Interdisciplinares, Educação e Diversidade.

Os interessados devem realizar as inscrições presenciais na secretaria do mestrado, localizada  no Bloco D,  campus de Petrolina. A seleção consiste em quatro etapas com a análise do pré-projeto, prova escrita, arguição oral e analise do currículo lates. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (87) 3866-6480 ou no edital disponível no site da UPE.

Uauá: reajuste salarial de professores é sancionado pela Prefeitura Municipal

(Foto: Ascom)

Os professores da rede municipal de ensino de Uauá (BA) receberam o reajuste de 6,81% após o prefeito Lindomar Dantas sancionar a Lei Municipal nº 595/2018 que altera o valor do piso, na quinta-feira (26). Dessa forma, o valor será acrescido já na folha de pagamento de julho.

A assinatura da lei contou com a presença do coordenador da APLB/Uauá, Francisco Prolepses e do Sindicato dos Servidores Municipais de Uauá (SINDSIMU), Milton Rodrigues, que representaram a categoria. Segundo o Poder Executivo, a sanção é mais um passo na valorização dos profissionais.

Isso porque no início do ano a Prefeitura autorizou a mudança de nível para 70 professores, com acréscimos variando entre 40% e 55%.

Professores da rede municipal de educação de Juazeiro vão receber gratificações desviadas entre 2006 e 2008

(Foto: ASCOM)

Um acordo firmado nesta segunda-feira (9), entre a APLB-Sindicato e a prefeitura de Juazeiro, vai possibilitar que os professores da rede municipal de ensino recebam gratificações que foram desviadas entre 2006 e março de 2008. Durante esse período, professores que trabalhavam 40h recebiam suas gratificações baseadas em 20h, sendo que estas verbas exclusivas para a educação foram desviadas para outros fins.

Com o acordo celebrado, estes profissionais terão os recursos devolvidos em 14 parcelas, com a primeira ser paga já no fim deste mês de julho. Além de representantes da APLB e do prefeito Paulo Bomfim, também participaram da reunião o procurador geral do município Eduardo Fernandes, o Chefe de Gabinete Vilmar Ferreira, o secretário de Governo Clériston Andrade, e a secretária da Educação Lucinete Alves.

LEIA MAIS

Uauá: reajuste salarial dos professores será discutido na Câmara de Vereadores

(Foto: Reprodução/Internet)

Os professores da rede municipal de Uauá, a 125 km de Juazeiro poderão ter um reajuste salarial de 6,81% a partir desse mês. Na sessão do dia 26 de junho o Projeto de Lei do Executivo deu entrada na Câmara de Vereadores e deverá ser votado, após longas discussões com a categoria.

Desde fevereiro a Prefeitura e o sindicato negocia o reajuste que será feito em cima do piso. Segundo o Poder Executivo, a proposta segue a Lei Federal do Piso Nacional do Magistério. O prefeito Lindomar Dantas (PCdoB) afirmou que, mesmo com a dificuldade financeira vivida pelo Brasil, a bonificação só foi possível por meio do diálogo.

“Apesar das dificuldades, com responsabilidade e transparência, conseguimos manter um importante diálogo junto a categoria dos educadores para buscarmos as melhores soluções para que todos os direitos possam ser reconhecidos”, disse o gestor.

Ainda não há previsão de quando o Projeto de Lei será apreciado na Câmara de Vereadores, já que o Legislativo está em recesso no mês de julho.

Prefeitura de Petrolina seleciona professores para atuar em Programa de Melhoria da Aprendizagem

(Foto: ASCOM)

A Prefeitura de Petrolina abriu processo seletivo interno para composição de Equipe de Professores Formadores para atuar no Programa Municipal de Melhoria da Aprendizagem (PROMAP). O Programa, que será implementado por meio do Instituto Qualidade no Ensino (IQE), sob coordenação da Secretaria de Educação (SEDU), está selecionando os formadores para trabalhar com alunos dos 3º ao 9º anos através de formações e plantões pedagógicos.

Ao todo, 20 vagas estão disponíveis. Para concorrer, os candidatos interessados devem ser efetivos da Rede e possuir formação plena em Língua Portuguesa, Matemática ou Pedagogia, além de comprovar ter experiência mínima de três anos como professor regente e estar com estágio probatório cumprido.

LEIA MAIS
123