Dupla troca tiros com PM, mas é presa na zona rural de Orocó

Garupa disparou contra PM durante abordagem (Foto: Polícia Militar/Divulgação)

Dois homens foram presos na noite do último domingo (1°) no Projeto Brígida, zona rural de Orocó (PE). De acordo com a 2ª CIPM, uma equipe foi acionada por moradores os quais relataram que uma pessoa estaria armada na Agrovila 7.

Os policiais montaram uma campana e no momento em que iniciariam a abordagem, Luiz Felipe da Silva e Anderson Gonçalves dos Santos tentaram fugir. A dupla estava em uma motocicleta Honda Fan e Luiz – que estava na garupa – sacou uma arma, em seguida efetuando disparos contra os PMs.

Os agentes revidaram e durante a troca de tiros, a dupla caiu da motocicleta. A arma utilizada por Luiz era uma .32, apreendida na ação. Os PMs ainda encontraram com a dupla 36 gramas de maconha. Segundo a 2ª CIPM, os detidos apresentavam sinais de embriaguez.

Orocó: dupla é presa após assalto na BR-428, celular roubado ajudou PM a rastrear criminosos

Além dos produtos roubados, PM encontrou drogas com criminosos (Foto: Polícia Militar/Divulgação)

Dois homens foram presos na manhã de quinta-feira (6), suspeitos de praticar diversos assaltos na BR-428, no Sertão de Pernambuco. Segundo a 2ª CIPM, Gerson Lima dos Santos e Igor Iran Nascimento praticaram uma investida criminosa contra uma van próximo a entrada do Projeto Brígida, zona rural de Orocó, armados e ameaçando os passageiros.

De imediato a Polícia Militar se deslocou ao local da ocorrência e com o auxílio do GPS de um aparelho celular foi possível localizar a dupla. Eles estavam em uma casa abandonada na zona rural da cidade e confessaram aos policiais que cometeram o assalto.

Com eles a polícia encontrou uma pequena quantia de maconha, além de uma espingarda calibre .32, munição, dinheiro e celulares levados no assalto. Eles foram detidos e autuados em flagrante pelos crimes de roubo, porte ilegal de arma de fogo e posse de entorpecente.

Polícia Militar apreende quase 1 quilo de maconha na BR 428, próximo ao Projeto Brígida (PE)

(Foto: Polícia Militar)

Policiais Militares que integram a Operação Saturação da Polícia Militar de Pernambuco, que combate crimes violentos letais e o tráfico de drogas em cidades do sertão pernambucano, apreenderam 950 gramas de maconha pronta para o consumo nesta terça-feira (1º).

A apreensão aconteceu durante rondas na BR 428, próximo à entrada do Projeto Brígida, entre as cidades de Orocó e Cabrobó. Os policiais avistaram um homem conduzindo uma moto CG 125, cor vermelha, com uma bolsa nas costas.

Quando a viatura se aproximou e os policiais ordenaram que parasse, o suspeito empreendeu fuga entrando na estrada que dá acesso ao Assentamento Bom Jesus e jogou a bolsa na estrada. Os militares fizeram buscas na região, mas não conseguiram prender o acusado. O material apreendido foi encaminhado à Delegacia da Polícia Civil de Cabrobó.

Acusado de praticar duplo homicídio em Salgueiro se entrega a polícia

(Foto: Blog Waldiney Passos)

Um homem de 29 anos acusado de assassinar duas pessoas na cidade de Salgueiro na madrugada deste domingo (18), se entregou a polícia no fim da tarde de ontem (18).

Durante operação de combate a crimes violentos no município de Orocó (PE), policiais militares foram informados por familiares do acusado, que o mesmo estava escondido no Projeto Brígida e queria se entregar à polícia.

Chegando ao local, os policiais efetuaram a prisão e encaminharam o mesmo a delegacia da Polícia Civil de Salgueiro. Segundo a PM, no momento da prisão, o acusado apresentava várias lesões no corpo provenientes da briga que teve com as vítimas do duplo homicídio.

Homem é assassinado dentro de casa em Orocó

A vítima. (Foto: Redes Sociais)

No início da noite desta sexta-feira (23), foi registrado um homicídio no município de Orocó(PE), a 140 km de Petrolina.

Um homem identificado por Pelezinho estava na casa onde morava, na agrovila 02, do Projeto de Irrigação Brígida, quando dois homens chegaram em uma moto.

Pelezinho correu para o banheiro, mas foi alvejado por vários disparos de arma de fogo e não resistiu. A polícia ainda não sabe quem foram os autores do crime e nem que teria motivado o assassinato.