Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

IDIB divulga nova data das provas do concurso da Guarda Civil Municipal de Petrolina

(Foto: Ascom)

Em aditivo publicado no site do Instituto de Desenvolvimento Institucional Brasileiro (IDIB), responsável pela organização do concurso da Guarda Civil Municipal de Petrolina (PE), foi divulgada a nova data do certame. Agora, as provas serão aplicadas no dia 2 de junho.

LEIA TAMBÉM:

Liminar determina reabertura do concurso da Guarda Civil de Petrolina

O adiamento das provas que seriam aplicadas no próximo domingo (5), se deu em decorrência  da reabertura das inscrições do concurso para candidatos com deficiência, exigida por meio de uma decisão liminar proferida pelo Juiz de Direito em Exercício Cumulativo, Sidney Alves Daniel, que determinou a correção de um item do edital, o qual destina vagas a deficientes.

LEIA MAIS

Enem: estudantes podem confirmar inscrição a partir desta segunda

A partir desta segunda-feira (22), os estudantes que vão fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018 podem acessar os cartões de confirmação da inscrição.

Para consultar o documento, é necessário acessar a página do participante, onde deve ser colocado o CPF e senha ou baixar em seu celular o aplicativo Enem 2018. A primeira etapa do exame será aplicada no domingo, dia 4 de novembro.

O cartão contem os dados do estudante, o endereço do local, a data e hora da aplicação da prova, além das informações sobre a língua estrangeira escolhida e recursos de acessibilidade, se tiverem sido solicitados. Caso tenha problema com as informações do cartão ou dificuldade de acesso ao documento, o estudante pode entrar em contato com o MEC pelo telefone 0800616161 ou pelo link Fale Conosco, no site do Enem.

LEIA MAIS

Provas do concurso para soldado da PM acontecem neste domingo

As provas para o cargo de praça da Polícia Militar de Pernambuco (PMPE), no posto inicial de soldado, acontecem neste domingo (26). São 81.396 concorrentes para 500 vagas de ampla concorrência e 368 candidatos para 25 vagas destinadas a deficientes.

Os portões de acesso aos prédios, onde serão aplicadas as provas, serão abertos às 7h e fechados às 8h. O exame será iniciado às 8h15, terminando às 12h15.

O Exame de Habilidades e Conhecimentos, que será aplicado pela Comissão de Concursos do Instituto de Apoio a Universidade de Pernambuco (Conupe/Iaupe), constará de prova escrita objetiva contendo 60 questões objetivas de múltipla escolha, realizada em turno único com duração de quatro horas e são de caráter eliminatório e classificatório.

O gabarito preliminar das provas será divulgado no site da UPE após a conclusão da aplicação das provas. O resultado final das provas objetivas será divulgado no dia 12 de setembro.

Inscrições no Enem começam segunda-feira (7)

O candidato deve informar endereço de e-mail, telefone fixo ou celular. (Foto: Internet)

As inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) começam às 10h de segunda-feira (7) e vão até o dia 18 de maio. Mesmo os candidatos que pediram isenção da taxa de inscrição no Enem devem se inscrever, na Página do Participante.

O pagamento da taxa de inscrição para quem não conseguiu a isenção, no valor de R$ 82, pode ser feito até o dia 23 de maio, nas agências bancárias, casas lotéricas e agências dos Correios.

LEIA MAIS

Facape nega vazamento de provas em processo seletivo

(Foto: Internet)

A Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina negou, por meio de nota, que provas do Processo Seletivo para a Contratação de Profissionais Temporários para a Secretaria de Educação de Petrolina tenham vazados. Segundo a instituição, “todo o Processo está sendo conduzido de maneira ilibada”.

Confira a nota

Acerca das denúncias de suposto vazamento de provas do Processo Seletivo para a Contratação de Profissionais Temporários para a Secretaria de Educação de Petrolina a Facape, instituição organizadora do certame, vem a público reafirmar, veementemente, a lisura de todo o processo.           

Alegações de que as provas estariam disponíveis no site da Faculdade, desde o dia 22 de janeiro de 2018, são totalmente inverídicas. Ao realizar pesquisas no buscador google, com as palavras chave “elemento coesivo questão facape” o usuário terá como resultado links que serão direcionados para arquivo em PDF da prova para o cargo de Auxiliar Administrativo.

LEIA MAIS

Petrolina: Após erro em aplicação de provas, Facape divulga novas informações sobre Processo Seletivo da Secretaria de Educação

Erro grotesco nas provas, como questões plagiadas do Enem, fez instituição instituir novas provas. (Foto: Internet)

Após o grave erro na aplicação das provas do processo seletivo da secretaria de educação de Petrolina, a Faculdade de Ciência Aplicadas e Sociais de Petrolina (Facape) disponibilizou em sua página internet as retificações no edital 007/2017 com um novo cronograma. Os candidatos serão submetidos a novas provas no dia 28 de janeiro.

LEIA TAMBÉM

Identificação de problemas leva Facape a anular provas do processo seletivo da Secretaria de Educação em Petrolina

Segundo a instituição, as novas informações sobre horário e local de realização das provas estarão disponíveis no cartão de inscrição, que poderá ser retirado pelo candidato no site da Facape a partir do dia 23 de janeiro. As provas serão aplicadas nos prédios da Facape e UPE. O conteúdo programático do Processo permanece inalterado e o concurso oferece vagas para 20 cargos de nível fundamental, médio e superior.

Novas provas

De acordo com a comissão organizadora do Processo Seletivo, as novas provas do certame estão sendo elaboradas por professores da Facape. Ainda segundo a comissão, todos os cuidados estão sendo adotados para que a avaliação seja criteriosa, com questões inéditas e adequadas ao nível de escolaridade do candidato.

Advogado diz que Odebrecht fraudou provas usadas contra Temer

(Foto: Reprodução)

Em depoimento por videoconferência à Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) da JBS nesta quinta-feira (30), o ex-consultor do Grupo Odebrecht, Rodrigo Tacla Duran, disse que documentos apresentados nas acusações que resultaram na segunda denúncia contra o presidente da República, Michel Temer foram fraudados pela Odebrecht.

Duran afirmou que uma perícia feita a pedido dele por profissionais juramentados na Espanha mostra que o sistema Droysus, utilizado pela empreiteira para pagar propina, foi manipulado e que, por isso,  as provas estariam viciadas. O advogado explicou que o sistema foi bloqueado pela Operação Lava Jato em 2016 e que as provas juntadas teriam data de 2017, quando o sistema não estava mais funcionando.

As mesmas provas, segundo ele, também foram apresentadas no inquérito contra o ex-prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes. “Todas as provas que foram obtidas ou utilizadas a partir do Drousys, elas padecem de vício, são nulas pela movimentação, alteração e manipulações externas antes, durante e depois do bloqueio realizado pelas autoridades suíças”, afirmou.

LEIA MAIS

Em Olinda, candidatos do Enem prejudicados por falta de energia em escola poderão refazer as provas

(Foto: Reprodução/WhatsApp)

Por meio de nota divulgada nesta segunda (6), o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) afirmou que os candidatos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) prejudicados pela falta de energia elétrica em escola pública, em Olinda, na tarde do domingo (5), poderão refazer as provas do primeiro dia.

O Inep lamentou o ocorrido e informou que as provas de redação, linguagens, códigos e suas tecnologias e de ciências humanas e suas tecnologias serão reaplicadas para esse grupo em 12 de dezembro. O contato será feito por e-mail, SMS e telefone, com todos os candidatos que fizeram as provas na escola.

Enem: candidatos devem ficar atentos aos horários das provas para evitar atrasos

(Foto: Internet)

Depois da preparação para as provas, o desafio dos candidatos que vão participar do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é se organizar para não chegar atrasado no dia da prova. Todos os portões serão abertos às 12h e fechados impreterivelmente às 13h, conforme o horário de Brasília. As provas começam 30 minutos após o fechamento dos portões. Em Pernambuco os portões serão fechados às 12h (horário local).

A atenção deve ser redobrada em estados que tenham fuso horário diferente, ou que, ao contrário de Brasília, não estejam no Horário Brasileiro de Verão. Os candidatos devem chegar com antecedência, pois em locais grandes ou muito movimentados o tempo para achar a sala onde farão a prova pode ser maior que o esperado.

LEIA MAIS

Pernambuco terá 370 mil fazendo Enem; PM escolta provas

A PMPE informou que os militares ficarão na área externa dos prédios. (Foto: Divulgação/PMPE)

A Polícia Militar de Pernambuco vai fazer a segurança dos candidatos que vão participar do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). As provas serão aplicadas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) em dois domingos (5 e 12) para mais de 371 mil pessoas no Estado.

Segundo o coordenador operacional de segurança, major Roberto Oliveira, a segurança para o Enem é realizada desde o dia 10 – data de chegada das provas no Estado. Na ocasião, os exames foram recebidos sob escolta policial. No último dia 23, os exames foram distribuídos para as unidades dos quarteis da PM e do Exército mais próximas dos locais de aplicação dos 79 municípios.

Nas manhãs dos dias das provas, os exames serão escoltados, novamente, e encaminhados para os locais de provas. A PMPE informou que os militares ficarão na área externa dos prédios e que só vão entrar nos locais de provas se a organização solicitar.

Fonte FolhaPE

Mais de 343 mil candidatos farão o Enem em Pernambuco este ano

(Foto: Internet)

Com um número menor em comparação a 2016, Pernambuco conta com 343.345 candidaturas. No ano anterior, foram registrados 469.739 inscritos. A redução foi registrada em todo Brasil.

O maior motivo para essa redução, segundo o MEC, foram os problemas que os estudantes tiveram para comprovar o direito à isenção. Além disso o Enem não poderá mais ser usado como diploma de conclusão do ensino médio.

As provas do Enem serão realizadas em novembro, em dois domingos, nos dias 5 e 12, respectivamente.

Enem terá prova personalizada e detector de ponto eletrônico para coibir fraudes

O Enem será aplicado nos dias 5 e 12 de novembro para 6,7 milhões de candidatos. (Foto: Internet)

Detectores de metal e de ponto eletrônicos, fiscalização de lanches e provas personalizadas são algumas medidas que serão adotadas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) para garantir a segurança do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano.

Ao todo, serão utilizados 67 mil detectores de metal durante o Enem, um para cada 100 participantes. O número garante a vistoria dos candidatos na entrada e na saída de todos os banheiros das 13.632 coordenações de local de aplicação.

Novidade neste ano, os detectores de aparelhos de ponto eletrônico de ouvido serão usados de forma experimental em alguns locais de prova. O sistema encontra os aparelhos de transmissão pelo sinal de rede móvel de banda larga, por radiofrequência de wi-fi e bluetooth. Outras medidas já consolidadas nas demais edições do exame serão mantidas, como a coleta da impressão digital dos participantes.

Nome na prova

Pela primeira vez, neste ano será usada a prova personalizada, com os cadernos de questões e a folha de respostas identificados com o nome e número de inscrição do participante. Ao receber a prova, o candidato deverá verificar se o caderno de questões e o cartão-resposta têm a mesma quantidade de itens, se o nome dele está correto e se não há defeito gráfico.

Segundo o Inep, a identificação das provas e dos cartões de resposta vai contribuir para inibir possíveis fraudes no exame, além de facilitar a transcrição das respostas. Os cadernos continuam tendo cores diferentes, mas não será mais necessário assinalar a cor do caderno no cartão de resposta.

LEIA MAIS

Candidatos podem consultar local onde farão o Enem a partir dessa sexta

Neste ano, a prova do Enem será realizada em dois domingos. (Foto: Internet)

Os candidatos que vão participar do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) podem consultar o local onde farão as provas a partir de amanhã (20). O acesso ao cartão de confirmação da inscrição será liberado às 10h e estará disponível na Página do Participante e também no aplicativo do Enem, nas plataformas Android e iOS.

Para acessar o Cartão basta fornecer o número do CFP e a senha cadastrada na inscrição. Além do local de prova, o documento também informa o número de inscrição, a data e a hora das provas, a opção de língua estrangeira escolhida e os atendimentos específicos e/ou especializados, caso tenham sido solicitados.

Para aqueles participantes que esqueceram a senha, mas lembram o e-mail cadastrado, será enviada uma nova senha. Já o participante que não se lembra da senha, nem do e-mail, mas se lembra do telefone cadastrado, pode receber a nova senha por SMS.

LEIA MAIS

Provas do TJPE serão realizadas neste domingo

(Foto: Internet)

As provas objetiva de múltipla escolha e discursiva para os cargos de técnico judiciário e oficial de justiça do Tribunal de Justiça de Pernambuco serão realizadas neste domingo (15) em turno distinto do cargo de analista judiciário nas cidades-polo de acordo com a inscrição de cada candidato.

O certame terá validade de dois anos a partir da publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado por igual período. A concorrência é de 1.647 para uma vaga. São ofertadas 109 vagas – 60 são para técnico de nível médio e 49 para analistas de nível superior.

Provas do Enem começarão a ser distribuídas quarta-feira

O Enem 2017 tem 6.731.186 inscritos. (Foto: Internet)

O primeiro carregamento com malotes de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) começará a ser distribuído na próxima quarta-feira (27), segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). O Enem 2017 tem 6.731.186 inscritos, dos quais 371.615 farão as provas em 78 cidades pernambucanas e no arquipélago de Fernando de Noronha.

Na quarta-feira serão anunciadas novas medidas de segurança incluídas na edição deste ano. As duas ações fazem parte da programação do Encontro Nacional para Alinhamento Operacional do exame, realizado em Brasília, para alinhar a operacionalização logística da distribuição das provas e da aplicação da avaliação entre os principais envolvidos.
A ordem de serviço com autorização para a expedição das provas será assinada pelo Ministério da Educação (MEC), Ministério da Defesa e a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT).

Com informações do JC

12