Morador do Dom Avelar cobra resposta da Compesa sobre falta d’água no bairro

Os moradores do bairro Dom Avelar, em Petrolina, estão sem água nas torneiras desde a manhã da última segunda-feira (9). Hoje (10), a situação continua igual e um leitor do Blog entrou em contato com a nossa equipe para reclamar do serviço prestado pela Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

“Desde de ontem estamos sem água no bairro Dom Avelar. Liguei para Compesa, mas não sabem do problema“, relatou ao Blog. Em nota, a Compesa afirmou que foi identificado um rompimento em uma tubulação, causado por uma equipe da Prefeitura de Petrolina durante a limpeza de um canal na Avenida da Redenção.

Dessa forma, o abastecimento no Dom Avelar e São Joaquim está interrompido e somente deverá voltar ao normal às 17h dessa terça-feira, de forma gradativa. Confira a seguir a resposta da Compesa:

LEIA MAIS

Leitor chama atenção para vala aberta na Avenida Principal do São Joaquim, em Petrolina

Morador chama atenção para buraco na avenida (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Uma vala aberta na Avenida Principal do bairro São Joaquim, em Petrolina, tem chamado a atenção da comunidade. O buraco tem uma largura considerável e percorre boa extensão da via. Os pedestres que precisam passar no local improvisaram madeiras para poder atravessar.

De acordo com um morador, que preferiu não ser identificado, essa vala está aberta há vários meses e nenhum órgão tomou providências. “Não sei se foi a Compesa, se foi a Prefeitura ou os próprios moradores que fizeram isso. É arriscado alguém cair, muitas crianças passam pelo local e se você não prestar atenção, cai“, relatou à nossa Produção.

LEIA MAIS

Cano estourado e chuva faz lama entrar em casas do São Joaquim, em Petrolina

Em contato com o blog Waldiney Passos, um morador do São Joaquim, em Petrolina (PE), relatou um grave problema na estrutura da rua da sua residência. Sem pavimentação, sempre que chove ou quando um cano da rede água estoura, o que acontece constantemente, a lama escorre pela rua 20 do bairro e chega a entrar dentro das casas.

“Já não bastava o lamaceiro das chuvas que tinha ficado por causa da estrutura da rua. Muita lama muito e esgoto. O grande problema é quando estoura [canos de rede de água] ou quando chove aqui nessa rua. A lama sempre entra na área da gente por causa da estrutura da rua”, diz o leitor.

O morador relatou ainda a situação que encontrou sua casa após o cano da rede de água ter estourado. “Ontem (27) quando cheguei do trabalho me deparei com a pior situação que já teve aqui. A lama já tinha entrado na minha casa e em algumas casas vizinhas. Minha área estava cheia de sujeira da lama. Horrível a situação”.

Ainda de acordo com a reclamação, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) foi acionada e tentou resolver o problema. No entanto, o cano da rede de água estoura constantemente, o que piora a situação deixada pelas chuvas que tem caído na cidade.

Leitor cobra solução para “lagoa de esgoto” no bairro São Joaquim

Lagoa de esgoto tomou conta da rua (Foto: Arquivo Pessoal/Luis Henrique)

Os problemas no bairro São Joaquim parecem não ter fim e novamente o leitor Luis Henrique de Campos procurou a nossa redação para chamar atenção da Prefeitura de Petrolina e Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

Na Rua do Mercúrio, cruzamento com as Ruas 18 e 19 do referido bairro o leitor afirma existir um esgoto estourado há mais de um ano. O resultado é a presença de uma “lagoa de esgoto”, impossibilitando a passagem de veículos e pedestres.

Ele disse já ter procurado os dois órgãos, mas não houve mudanças. “Falam que vão mandar uma equipe pra resolver a situação mais nunca que mandam”, disse. Nós procuramos a Compesa e fomos informados que a companhia não atua no bairro.

Por outro lado, a Prefeitura informou que “a Compesa é a empresa responsável pelo abastecimento de água e tratamento e esgoto do município e por isso a companhia é quem deve tomar providências sobre o problema”.

Homem armado invade residência da ex-companheira em Petrolina

A Polícia Militar de Petrolina prendeu um homem na manhã desse sábado (6) por invadir a residência de sua ex-companheira.Segundo o 5º BPM, o crime aconteceu na Rua 19, do bairro São Joaquim.

O acusado estava armado com um revólver calibre .38, com seis munições, mas tinha porte de arma. Ele teria utilizado uma moto para apoiar e pular o muro da casa.

Ele foi preso e responderá por invasão de domicílio, porte ilegal de arma e violência contra a mulher. A moto foi apreendida na Delegacia de Polícia Civil de Plantão.

Após denúncia do Blog, SEINFRA faz melhorias na iluminação do São Joaquim

Poste recebeu nova lâmpada e problema foi solucionado (Foto: Arquivo Pessoal)

Na quarta-feira (3) o Blog mostrou a reclamação do leitor Luis Henrique sobre o problema na iluminação da Rua 23, que liga o São Joaquim ao bairro Dom Avelar. Um poste estava com a lâmpada queimada e após a situação ser mostrada aqui, a Prefeitura de Petrolina fez o reparo.

Segundo Luis, ontem mesmo a lâmpada no poste V151786 foi trocada pela equipe de iluminação da Secretaria de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos (SEINFRA). No entanto, Luis entrou em contato com a nossa equipe hoje (4), afirmando quem um outro poste está com o mesmo problema.

Nossa produção entrou em contato com a SEINFRA e fomos informados que o leitor deve formalizar sua demanda na Central de Iluminação, através do número: (87) 3862-2993, para a equipe ter o pedido oficializado e executar o reparo.

Leitor chama atenção para falta de iluminação no São Joaquim, Prefeitura responde

(Foto: Arquivo Pessoal)

O leitor Luis Henrique procurou o Blog para chamar atenção da Prefeitura de Petrolina em relação à iluminação pública na Rua 23 que liga o bairro São Joaquim ao Dom Avelar. De acordo com Luis, o trecho fica às escuras durante a noite por um simples problema: lâmpada queimada.

LEIA TAMBÉM:

Moradora cobra iluminação na avenida de acesso ao Park São Gonçalo

A situação tem deixado aos moradores dos bairros apreensivos, “trazendo perigo para os moradores e para quem precisa transitar pelo local“, disse Luis. Ele também afirma que a lâmpada estaria queimada há quatro meses, o que agrava o caso.

Outro lado

Procurada por nossa equipe, a Prefeitura de Petrolina se pronunciou através da Secretaria de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos (SEINFRA). A pasta informou que a demanda apresentada na matéria foi repassada à Diretoria de Iluminação Pública.

Na nota, a SEINFRA reforçou a necessidade dos cidadãos registrarem suas demandas na Central de Iluminação Pública, cuja taxa de resposta aos pedidos é de no máximo 72h. A Central pode ser acionada no telefone: (87) 3862-2993.

Prefeitura de Petrolina reestabelece drenagem da Lagoa do São Joaquim

A medida visa minimizar os transtornos causados pela falta de saneamento básico na região da bacia do bairro Dom Avelar.

A Prefeitura de Petrolina restabeleceu, nesta quinta-feira (6), o serviço de drenagem da Lagoa do São Joaquim, zona norte da cidade. Uma bomba de sucção começou a retirar parte da água e do esgoto acumulados no local.

O trabalho de instalação da bomba começou na quarta-feira (5) e contou com o apoio de uma escavadeira hidráulica para fazer a abertura do espaço onde a tubulação foi colocada para sugar os resíduos. O equipamento tem capacidade de vazão de 200 mil litros/hora.

A ideia é baixar o nível da lagoa para que a escavadeira possa entrar com segurança no espaço a fim de realizar a remoção mecanizada do mato e do lixo que também estão acumulados no local.

Segundo secretário de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos, Fred Machado, o serviço é paliativo. Ainda de acordo com o gestor, a prefeitura espera uma solução definitiva para o problema por parte da Compesa.

“Como a bacia do Dom Avelar ainda não recebeu os investimentos de R$ 38 milhões que estão disponíveis para investimento por parte da Compesa, o prefeito Miguel Coelho foi sensível à reivindicação da população sobre a necessidade de uma intervenção na lagoa. Este mesmo serviço foi realizado no fim do ano passado e agora, antes de começar o período chuvoso, estamos agindo para que possamos melhorar as condições do local e ao mesmo tempo tranquilizar a população que, assim como a prefeitura, espera uma solução definitiva para o problema por parte da Compesa”, destaca Machado.

Policiais do 2° BIEsp efetuam prisão de traficante que plantava maconha em casa no São Joaquim

Na noite dessa segunda-feira (30), por volta das 18h40, policiais do 2º BIEsp efetuaram a prisão de um traficante no bairro São Joaquim, em Petrolina (PE). O acusado plantava maconha em sua casa para comercialização.

A guarnição avistou o suspeito em atitude suspeita e realizaram abordagem pessoal. Após as buscas, os policiais encontraram várias fotos com plantações de maconha. O acusado afirmou que cultivava a droga no quintal da sua residência, mas que já havia colhido o material.

Após autorização do suspeito, o efetivo policial fez buscas na residência do indivíduo, onde foram encontradas 10 trouxas de maconha de diferentes tamanhos e um recipiente de plástico com a droga.

O acusado assumiu que a droga encontrada fazia parte da sua plantação. Após mais buscas, foi encontrada ainda uma pequena planta de maconha no quintal da casa. Além disso, foram apreendidos um relógio, um celular e um canivete cabo de madeira.

O suspeito foi conduzido à delegacia para que fossem tomadas as medidas cabíveis. O mesmo foi algemado segundo súmula vinculante n°11/STF. Vale salientar que o mesmo não sofreu nenhum tipo de agressão física ou psicológica.

Morador cobra solução para vazamento de água limpa no São Joaquim

(Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal)

Um cano estourado na Rua 16 do bairro São Joaquim tem tirado o sossego da comunidade. O leitor Luis Henrique de Campos relatou ao Blog que o problema começou há três dias e a água limpa está escorrendo por toda a rua.

Além do prejuízo, a água limpa está se misturando ao esgoto, caindo na Lagoa do bairro. Segundo Luis, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) já foi alertada sobre a situação.

Em contato com o Blog Waldiney Passos a Compesa afirmou que até esta quarta-feira (18) uma equipe será enviada ao São Joaquim verificar a situação e fazer o reparo no cano.

Confira a seguir as imagens gravadas pelo leitor:

SEINFRA afirma que saneamento do São Joaquim é competência da Compesa

(Foto: Arquivo Pessoal)

A Prefeitura de Petrolina se pronunciou através da Secretaria de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos (SEINFRA) a respeito do saneamento no bairro São Joaquim. Mais cedo o Blog Waldiney Passos publicou uma matéria do leitor Luís Henrique que voltou a cobrar ações das duas partes na região.

LEIA TAMBÉM:

Morador do São Joaquim volta a cobrar conclusão do saneamento, Compesa se manifesta

De acordo com a SEINFRA, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) é a responsável pela concessão do saneamento, abastecimento e tratamento de água na cidade. Dessa forma, a comunidade do São Joaquim deve acionar a companhia para ter os problemas mencionados resolvidos.

Confira a resposta da Prefeitura:

LEIA MAIS

Morador do São Joaquim volta a cobrar conclusão do saneamento, Compesa se manifesta

(Foto: Arquivo Pessoal)

Luís Henrique de Campos é morador do bairro São Joaquim, em Petrolina e entrou novamente em contato com o Blog Waldiney Passos para reivindicar da Prefeitura de Petrolina e da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) o saneamento da comunidade.

No último dia 20 de junho o Blog mostrou a situação. Nessa semana o leitor nos procurou e afirma que tudo continua como antes. Na ocasião, nossa equipe acionou as duas partes e através de nota, foi assegurada a manutenção na rede.

LEIA TAMBÉM:

Petrolina: Leitor reclama de falta de saneamento no bairro São Joaquim

Apesar disso, Luís Henrique afirma que ninguém apareceu no bairro. “A Compesa informou que quando as bocas de lobo estiverem estouradas informasse que eles iriam no local e fazia o desentupimento”, comenta.

LEIA MAIS

Prefeitura afirma que responsabilidade pelo saneamento do São Joaquim é da Compesa

Esgoto toma conta de frente das casas do São Joaquim por falta de saneamento. (Foto: Leitor)

Mais cedo o Blog Waldiney Passos mostrou a denúncia de um morador do bairro São Joaquim. Desde 2007 a comunidade espera por melhorias nesse quesito e a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) havia dito que não opera no local porque o mesmo ainda não é saneado.

Nossa equipe procurou a Prefeitura de Petrolina, que através da Secretaria de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos (SEINFRA) informou que a responsabilidade por operar o saneamento básico na cidade é da Compesa.

LEIA TAMBÉM:

Compesa se posiciona sobre reclamação da falta de saneamento no bairro São Joaquim

Petrolina: Leitor reclama de falta de saneamento no bairro São Joaquim

Os moradores que se sentirem prejudicados devem acionar a companhia a fim de solucionar as demandas. De acordo com a SEINFRA, a questão do saneamento do São Joaquim deverá ser sanado com a conclusão de obras na bacia do Dom Avelar, cuja responsabilidade é da Compesa.

LEIA MAIS

Compesa se posiciona sobre reclamação da falta de saneamento no bairro São Joaquim

Esgoto toma conta de frente das casas do São Joaquim por falta de saneamento. (Foto: Leitor)

O leitor Luís Henrique de Campos, residente do bairro São Joaquim, em Petrolina (PE), entrou em contato com o blog Waldiney Passos para fazer uma reclamação sobre a falta de saneamento na comunidade, especificamente na rua do Mercúrio.

Segundo Luís, entre os anos de 2007 e 2008, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) começou as obras de rede de esgoto nos bairros Dom Avelar, São Joaquim, Santa Luzia e São Jorge, mas só teriam sido instaladas as bocas de lobo e os canos. Com isso, moradores começaram a ligar seus esgotos com a rede instalada, mas como não existem bacias de tratamento, a rede enche e começa a estourar em diversos pontos.

Em nota, a Compesa informou que não atende ao bairro São Joaquim pois o mesmo ainda não foi saneado, mas a partir de uma parceria com a comunidade, por solicitação do líder comunitário do local, a Compesa coloca na previsão de atendimento e executa os serviços de reparos quando é possível. O blog ainda aguarda um posicionamento por parte da prefeitura.

Petrolina: Leitor reclama de falta de saneamento no bairro São Joaquim

Esgoto toma conta de frente das casas do São Joaquim por falta de saneamento. (Foto: Leitor)

O leitor Luís Henrique de Campos, residente do bairro São Joaquim, em Petrolina (PE), entrou em contato com nosso blog para fazer uma reclamação sobre a falta de saneamento na comunidade, especificamente na rua do Mercúrio.

Segundo Luís, entre os anos de 2007 e 2008, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) começou as obras de rede de esgoto nos bairros Dom Avelar, São Joaquim, Santa Luzia e São Jorge.

No entanto, só teriam sido instaladas as bocas de lobo e os canos. Com isso, moradores começaram a ligar seus esgotos com a rede instalada, mas como não existem bacias de tratamento, a rede enche de esgoto e começar a estourar em diversos pontos.

“Toda vez que a gente entra em contato com a Compesa, eles dizem que a responsabilidade é da prefeitura. Quando ligamos para a prefeitura, dizem que vão mandas a Compesa resolver a situação. Entra ano e sai ano e já se passaram nove anos sem resolver nada”, disse Luís.

O blog Waldiney Passos entrou em contato com a prefeitura e com a Compesa para buscar respostas e aguarda retorno.

12