Campanha de vacinação termina na próxima semana, Petrolina conseguiu imunizar apenas 51,5% do público alvo

(Foto: Ascom/PMP)

O prazo para o grupo prioritário da campanha de vacinação contra a gripe se imunizar termina em 12 dias. Petrolina tem como meta atingir 70.003 pessoas, conforme estabeleceu o Governo de Pernambuco, mas até o momento apenas 51,5% já estão imunizados.

A vacina é oferecida gratuitamente à população e pode ser tomada nas unidades de saúde do município. O público alvo da campanha são idosos a partir de 60 anos, crianças de seis meses a cinco anos, trabalhadores da área de saúde, professores da rede pública e privada, mulheres gestantes e puérperas (até 45 dias após o parto) e pessoas privadas de liberdade.

Com a proximidade do fim da campanha, a Secretaria de Saúde de Petrolina pede que a população procure se imunizar. “Lembramos que a campanha da vacinação contra a gripe segue até o dia 1° de junho, portanto, é preciso que as pessoas consideradas do grupo-prioritário se conscientizem da importância da vacinação e procurem os postos para se proteger contra a doença. A vacina e a forma mais eficaz de resguardar a população, reduzindo hospitalizações e complicações da doença”, afirmou a secretária de Saúde em exercício, Marlene Leandro.

A vacina contra gripe imuniza contra três tipos de vírus: H1N1, H3N2 e Influenza B. É importante se proteger, tendo em vista que os casos de gripe no estado estão crescendo, segundo a Secretaria Estadual de Saúde. Adotar hábitos de higiene como lavar as mãos podem ajudar no combate ao vírus.

Secretária de Saúde de Petrolina presta contas a Câmara de Vereadores e afirma que balanço é positivo

Magnilde Albuquerque, Secretária de Saúde de Petrolina. (Foto: Blog Waldiney Passos)

A Secretária de Saúde de Petrolina, Magnilde Albuquerque, esteve nesta terça-feira (15) na Câmara de Vereadores, apresentando o Relatório Detalhado Quadrimestral, do período entre Setembro e Dezembro de 2017. Durante a apresentação, a secretária falou sobre os avanços, atividades desenvolvidas e recursos aplicados na pasta nos últimos quatro meses do ano passado.

A secretária mostrou, através de números e dados, o quanto os serviços e a oferta de saúde à população foram qualificados durante todo o ano de 2017, mesmo com a situação caótica encontrada pela gestão atual durante o início do ano.

Magnilde apresentou os números de cirurgias realizadas pelo município nos últimos meses de 2017, conquistados através de mutirões de saúde e parcerias com hospitais e clínicas privadas; destacou ainda o trabalho que vem sendo ofertado nas unidades de saúde e a redução da fila de espera de consultas.

“Apesar de todas as dificuldades encontradas no início da gestão, como a secretaria dividida em vários locais, mais de 75 mil exames e consultas pendentes, dívidas anteriores que precisaram ser honradas para garantir a continuidade de serviços e a falta de medicamentos nas unidades de saúde, conseguimos avançar e ir organizando a pasta. Neste ano de 2018 temos tido ainda muitos desafios, mas já nos primeiros meses, aumentamos a oferta de serviços”, afirmou Magnilde.

Secretária de Saúde de Petrolina afirma que falta de vacinas nos Postos de Saúde não é culpa do município

Magnilde Albuquerque, Secretária de Saúde de Petrolina. (Foto: Blog Waldiney Passos)

A Secretária de Saúde de Petrolina (PE), Magnilde Albuquerque, esteve na sessão da Câmara de Vereadores, nesta terça-feira (15), para apresentar o relatório de prestação de contas da pasta, referente ao período de setembro a dezembro de 2017, e em entrevista coletiva a imprensa ela falou, dentre outros assuntos, sobre denúncias de falta de vacinas em Postos de Saúde do município.

De acordo com a Secretária, o município não tem gestão sobre a falta de vacinas nas unidades porque as doses são enviadas pelo o Ministério da Saúde e pela Secretária de Saúde do Estado. “Se existe falta de alguma vacina ou se existiu, foi por falta da chegada dessa vacina. A exemplo agora da vacina contra a gripe. Nós estamos em plena campanha de vacina, a gente precisaria receber 70 mil doses e atá agora só recebemos 40 mil. Então, esperamos que o restante das doses chegue até o final da campanha”, explicou Magnilde.

A Secretária também respondeu sobre a denúncia de que estudantes de medicina estariam atendendo nos Postos de Saúde, no lugar dos médicos formados. “Nós não temos médicos estagiários. Nós temos médicos que são residentes. E os médicos em residência já são médicos formados com diploma e estão fazendo residência em saúde da família porque a gente tem um convênio com a universidade. Eles precisam da preceptoria para a residência, não para o atendimento que eles fazem porque eles já são formados”, afirmou Magnilde Albuquerque.

Juazeiro recebe novo lote de vacina Pentavalente, saiba onde imunizar seu filho

Juazeiro recebeu um novo lote de vacinas Pentavalente, encaminhadas pelo Governo do Estado da Bahia e a partir dessa segunda-feira (14), a vacina estará disponível para a comunidade da zona urbana, apenas na Unidade Básica (UB) do bairro Dom Tomás.

A vacina acontece das 8h30 às 11h30 e das 14h30 às 16h30. É necessário apresentar o cartão de vacina e cartão do SUS da criança. Na zona rural a vacinação é das 8h às 12h.

A pentavalente imuniza seu público alvo contar difteria, tétano, coqueluche, meningite por Haemophilus influenzae tipo b e poliomielite.

Prefeitura de Petrolina e Agentes de Endemias chegam a acordo sobre campanha salarial

(Foto: Ascom/PMP)

Representantes da Prefeitura de Petrolina e dos Agentes de Endemias do município chegaram a um acordo sobre as reivindicações da categoria. De acordo com o município, os servidores receberão a bonificação exigida na campanha salarial, além de equipamentos de segurança.

A negociação entre a Secretaria de Saúde e o Sindicato dos Servidores Municipais de Petrolina (SINDESEMP), juntamente com a Associação dos Agentes de Endemias chegou a um consenso e a Prefeitura designará 70% da bonificação reivindicada.

Os servidores também receberão a gratificação por metas e receberão equipamentos de proteção individual (EPIs), para as atividades de campo. Ainda segundo a Prefeitura de Petrolina, os fardamentos também já estão em processo licitatório.

Membros do Conselho Municipal de Saúde visitam Hospital Dom Malan

(Foto: Divulgação)

Representantes do Conselho Municipal de Saúde de Petrolina visitaram o Hospital Dom Malana/IMIP na segunda-feira (7), para averiguar as condições o local. Na semana passada dois óbitos foram registrados na unidade, entre eles de uma grávida de 15 anos.

LEIA TAMBÉM:

Hospital Dom Malan afirma que grávida deu entrada já com suspeita de feto morto

Hospital Dom Malan afirma que grávida morreu em consequência de um choque séptico

A visita foi acompanhada pelo deputado estadual Odacy Amorim (PT), que exerce uma função na Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe). Os membros do Conselho e Odacy se reuniram com a diretora do HDM, onde foram apresentados os problemas na unidade.

LEIA MAIS

SINDSEMP convoca Agentes de Endemias para assembleia nesta quinta-feira (19)

(Foto: Ascom/SINDSEMP)

O Sindicato dos Servidores Municipais de Petrolina (SINDSEMP) realiza nesta quinta-feira (19), às 8h uma Assembleia da Categoria dos Agentes de Combates às Endemias da cidade. O encontro acontecerá na sede do SINDSEMP.

De acordo com o Sindicato, a secretária de Saúde de Petrolina, Magnilde Albuquerque não compareceu às duas assembleias promovidas pelos Agentes de Endemias, não tendo contribuído para a negociação salarial dos servidores.

Segundo o presidente da Associação dos Agentes de Combate às Endemias (AACEP), Charles de Oliveira, a pauta da assembleia de amanhã traz pontos como o incentivo adicional, a gratificação por metas, o calendário de atividades da campanha de reivindicações, a campanha salarial, fardamentos, EPI’S, Materiais de trabalho e melhores condições de trabalho para a categoria.

Secretaria de Saúde de Petrolina atualiza política de análise sobre mortalidade infantil materna

(Foto: Reprodução)

Uma portaria publicada pela Prefeitura de Petrolina no Diário Oficial da última sexta-feira (23) alterou algumas medidas no trabalho de análise de óbitos infantis, fetais, maternos e de mulheres em idade fértil (MIF), na cidade.

Segundo a Assessoria de Comunicação da Secretaria de Saúde, a Portaria nº 01 de 15 de março desse ano atualiza Política do Ministério da Saúde sobre a redução da mortalidade infantil materna.

Com a medida, passam a integrar o Grupo Técnico profissionais da Vigilância Epidemiológica, da Diretoria de Atenção Básica, da Regulação do Município, da Atenção Primária/Saúde da Família, do Programa Mãe Coruja, da Atenção Hospitalar, da VIII Regional da Saúde, Médicos pediatras e obstetras e codificadores da Saúde Básica.

LEIA MAIS

Casa Nova: comunidade do Riacho do Sobrado é contemplada com ambulância

(Foto: ASCOM)

A população do Riacho do Sobrado, zona rural de Casa Nova vão receber nesta terça-feira (20) uma nova ambulância. O equipamento vai melhorar o atendimento à comunidade e será entregue amanhã.

O equipamento foi adquirido através de uma emenda do deputado estadual Bebeto Galvão (PSB), através de reivindicações da gestão municipal e dos vereadores de Casa Nova.

Casa Nova: comunidade do interior recebe serviços de saúde

(Foto: ASCOM/Casa Nova)

O final de semana foi de serviços no interior de Casa Nova. No sábado (10) os moradores de Santana do Sobrado receberam serviços de saúde, como a realização de exames de ultrassonografia de mama, abdominal e tireoide.

Nesse domingo (11) foi a vez do distrito de Bem Bom ser contemplado, com a entrega de laudo, realização de exames e conclusão de atendimentos. Atualmente a população de Casa Nova é de 73 mil habitantes, onde existe uma demanda acumulada na saúde municipal.

A iniciativa da Secretaria de Saúde busca zerar a demanda de exames, levando os serviços até os moradores dos distritos. A gestão do prefeito Wilker Torres espera atender todas as comunidades do interior.

Secretaria de Saúde de Petrolina muda de endereço e suspende atendimentos nesta sexta-feira

A Assessoria de Comunicação da Secretaria de Saúde de Petrolina (PE), enviou nota a redação do blog informando que os antedimentos na instituição foram suspensos nesta sexta-feira (09).

O motivo da interrupção dos serviços para o público, é devido a realização da mudança de endereço da Secretaria.

O atendimento de todos os setores será normalizado na próxima segunda-feira (12), já em novo local. A Secretaria de Saúde passa a funcionar na Avenida Fernando Menezes de Góes, Centro da cidade.

Aero Cruz afirma que Miguel deu “oxigenada” no secretariado

O vereador Aero Cruz avalia como positiva as mudanças no secretariado do prefeito Miguel Coelho. Em entrevista ao programa Revista da Tarde, dessa segunda-feira (5), o edil comentou que as alterações vão dar um “novo gás” a gestão.

“Vejo com muita naturalidade, a gente sabe da preocupação do prefeito Miguel Coelho de estruturar e articular [a gestão]. Alguns precisavam sair, precisavam ser remanejados e com certeza o prefeito Miguel Coelho deu uma oxigenada no Governo, ele deu um choque térmico para que a gente cresça. A gente espera que dê certo, que dê um avanço maior que a população cobra, até porque foram anos a população não via o crescimento”, afirmou o vereador.

LEIA MAIS

Sento Sé: mutirão realiza combate ao mosquito Aedes Aegypti

(Foto: ASCOM)

O ‘Dia D’ de combate ao mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, zika vírus e Chikungunya foi realizado na sexta-feira (2), na cidade de Sento Sé. A ação foi coordenada pela Secretaria de Saúde, que visitou as residências do programa ‘Minha Casa, Minha Vida’.

Durante o mutirão foram recolhidos materiais que servem de criadouro para o mosquito, como pneus, garrafas, tampas e recipientes. As equipes também fizeram o trabalho de conscientização nos bairros Bela Vista, Elias Alves e Santa Terezinha, além das casas populares do programa federal.

Segundo o secretário de Saúde, Luiz Rezende, foram recolhidas cinco caçambas de materiais. “Quero agradecer a todos os parceiros, iremos continuar com essas ações em outros bairros e no interior. O governo está fazendo seu papel e com a ajuda de todos iremos vencer a luta contra esse mosquito que causa tantos prejuízos a nossa população, vamos lá, todos contra o mosquito”, frisou o secretário.

Lagoa Grande tem nova secretária de Saúde

(Foto: ASCOM)

A gestão de Vilmar Cappellaro a frente de Lagoa Grande tem um novo nome no secretariado. Aparecida Diniz assumiu a Secretaria de Saúde, na quinta-feira (1º), com o compromisso de realizar ações preventivas no município.

Aparecida é professora e afirmou que vai implementar novas ações na Saúde de Lagoa Grande. “Vamos evitar que elas adoeçam e ter uma cobertura da saúde cada vez melhor e maior. A saúde preventiva é bem mais barata que a curativa. Agradeço a confiança do prefeito Vilmar Cappellaro por esse convite. Ele sabe do compromisso que tenho com nossa cidade”, disse a secretária.

Durante a posse da nova secretária, Cappellaro destacou o compromisso da gestão para melhorar o atendimento público a população, firmando parcerias com o Estado e com o Governo Federal.

“Nós não medimos esforços para dar as condições necessárias para que as coisas acontecessem. Colocando médicos em todos os PSFs, ortopedistas, ultrassonografia no Hospital Municipal e para o interior, trouxemos Dr. Mair Borba, urologista que tem feito um trabalho excepcional com a saúde do homem, entre muitas ações que estamos desenvolvendo fruto de emendas de deputados como Fernando Filho e Raul Jullggman”, disse Vilmar.

Segunda dose da vacina contra catapora já está disponível em Petrolina; procura ainda é baixa no município

O calendário nacional de imunização sofreu alterações nesse ano e a segunda dose da vacina para imunização da catapora já está disponível na rede pública de Petrolina. A dose é um reforço e deve ser aplicada em crianças de 4 a 6 anos, acima dessa idade não é recomendável a imunização. A primeira dose deve ser aplicada aos 15 meses.

Em Petrolina, a vacina já está disponível em todas as unidades de saúde desde janeiro. Mas até o momento a procura dos pais foi baixa. “Essa faixa etária se encontra em escolas e creches e como a transmissão da doença é bem fácil, os pais devem levar as crianças para tomar a segunda dose” afirmou Alexsandra Santos, coordenadora do Programa Municipal de Imunização da cidade.

Ainda segundo Alexsandra, com o início do período letivo, as mães devem procurar imunizar as crianças. “A vacina é disponibilizada em todas as UBS e AMEs, da segunda a sexta-feira, das 7h às 17h e é importante levar o cartão de vacina” destacou em entrevista ao Super Manhã, na Rádio Jornal.

12345