Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Humberto Costa manda recado a Cristina Costa sobre possível aliança com Miguel: “É melhor que ela mude de ideia”

Senador refutou ideia de se aliar a bolsonaristas (Foto: Blog Waldiney Passos)

A eleição municipal de 2020 já movimenta o xadrez da política em Petrolina. E na visão do senador Humberto Costa (PT), uma das principais lideranças em Pernambuco, não há chances de a sigla desenhar alianças com bolsonaristas.

LEIA TAMBÉM:

Candidato a prefeito por três vezes, Gonzaga Patriota declara seu apoio a Lucas Ramos

Marília Arraes defende nome de Cristina Costa como candidata a prefeita de Petrolina

Ele concedeu uma entrevista ao programa Super Manhã com Waldiney Passos nessa quinta-feira (27) e foi curto e grosso: “Nós não vamos permitir em qualquer lugar do Brasil [alianças] do PT com bolsonaristas“, disse na Rádio Jornal Petrolina.

LEIA MAIS

Senador afirma que Rio São Francisco está praticamente morto

Rio São Francisco está em perigo, segundo senador.

Durante debate na Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo (CDR), quando foram colocados em pauta os temas da segurança hídrica e a gestão da água, o senador Otto Alencar (PSD-BA) afirmou que o Rio São Francisco está praticamente morto e pediu a decretação de estado de emergência por parte do governo federal para revitalização do Velho Chico.

“Para se agir imediatamente estado de emergência. Primeiro fazer o desassoreamento e depois o trabalho mais longo que é de replantio das matas ciliares da beira do rio, que foram desmatadas de forma criminosa”, sugeriu o parlamentar.

O senador citou ainda que o Rio São Francisco está morrendo devido à falta de afluentes em Minas Gerais, onde o rio nasce, e afirmou que a situação é grave, já que a bacia do São Francisco dá mostras de estar comprometida.

Fernando Bezerra Colho lamenta prisão de Temer

(Foto: Arquivo)

O senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), líder do governo no Senado Federal, lamentou, por meio de nota, a prisão do ex-presidente da República Michel Temer, que foi preso na manhã desta quinta-feira (21) pela Força Tarefa da Operação Lava Jato.

Fernando afirmou que confia nas instituições e que espera o esclarecimento dos fatos. “Com tristeza, recebemos a notícia da prisão preventiva do ex-presidente da República Michel Temer. Neste momento, reiteramos a nossa confiança nas instituições e esperamos que os fatos investigados sejam esclarecidos”, disse.

Com aval da bancada Fernando Bezerra topa ser líder de Bolsonaro

O senador pernambucano Fernando Bezerra Coelho (MDB) confirmou que está cotado para assumir a liderança do governo Bolsonaro no Senado

O senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) está sendo convidado por integrantes próximos da presidência da República para ser o líder do governo Jair Bolsonaro no Senado. As negociações estariam bastante avançadas e na próxima segunda-feira ele terá uma reunião com o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni.

Nos bastidores do governo, Fernando é visto como bom articulador e com capacidade de liderar a base aliada do governo em votações importantes que estão por vir, como, por exemplo, a Reforma da Previdência e o Pacote Anticriminalidade, apresentado pelo ministro da Justiça, Sérgio Moro, no início da semana.

O movimento pró-FBC se trata, ainda, de uma tentativa do governo de aproximação com a bancada do MDB, a maior do Senado, com 13 parlamentares.

O senador petrolinense disse que topa ser líder do governo Jair Bolsonaro na Casa, se o convite for formalizado. “Se houver convite, a gente vai aceitar sim”, afirmou FBC, ressaltando ter o aval da bancada para assumir o posto.

Se confirmado no posto, Fernando ganha a posição de principal interlocutor do estado com o governo federal, o que poderá trazer desdobramentos fortes em 2020 e 2022.

Senador Fernando Bezerra quer assinatura da duplicação de trecho da BR 428 até o final do ano

Durante a inauguração da primeira etapa da duplicação da Avenida Sete de Setembro na última sexta-feira (26), o senador Fernando Bezerra Coelho foi o primeiro a pleitear junto ao ministro dos Transportes Valter Casimiro a duplicação de quatro quilômetros da BR 428, saída para o Recife, no trecho que se estende da rotatória do antigo Trevo até o Posto Umburuçu.

A reivindicação foi reforçada pelo deputado Fernando Filho e por Miguel Coelho. O prefeito chegou a brincar afirmando que seu pai o teria antecipado no pedido.

Fernando Bezerra lembrou que ainda faltam mais de 60 dias do governo Temer e que neste período muita coisa pode ser feita.

Por fim, o ministro Valter Casimiro garantiu que voltará em breve à Petrolina para assinar a Ordem de Serviço para realização dessa obra tão sonhada também pelos petrolinenses.

Veja vídeo da fala de FBC

Após desmembramento de inquérito, FBC deve ser investigado pela primeira instância da Justiça Federal de Alagoas

O ministro do STF achou mais conveniente enviar a investigação para o Estado de Alagoas. (Foto: ASCOM)

O inquérito que investiga supostas irregularidades cometidas pelo Senador Fernando Bezerra Coelho (FBC) foi desmembrado pelo ministro Marco Aurélio, do Supremo Tribunal Federal (STF), sendo enviado para a primeira instância da Justiça Federal em Alagoas, conforme apurou o blog do Jamildo.

Anteriormente, houve um pedido do Ministério Público Federal para que o processo fosse enviado à primeira instância, já que, na época dos fatos investigados, FBC ainda não era senador.

Segundo despacho do relator do STF, a investigação diz respeito aos senadores FBC, Renan Calheiros e o governador de Alagoas, Renan Calheiros Filho.

“No caso, depreende-se que o quadro alusivo ao senador Fernando Bezerra Coelho, consistente em supostas solicitações e recebimentos de vantagens indevidas, relacionadas à obra Canal do Sertão Alagoano, a título de contribuição à campanha eleitoral de 2014, vincula-se ao cargo de Ministro da Integração Nacional à época ocupado, não havendo relação com o mandato hoje exercido”, disse o ministro Marco Aurélio, em sua decisão.

“Determino o desmembramento dos autos do inquérito em relação a Fernando Bezerra Coelho, declinando da competência, ante a conexão com o procedimento investigatório 52/2016, para a Justiça Federal de primeiro grau da Seção Judiciária de Alagoas”, decidiu o ministro do STF, ao final do despacho. A decisão do relator, ministro Marco Aurélio, foi assinada em 10 de setembro e já está publicada no Diário Oficial.

Convenção confirma Guilherme Coelho como 1º suplente de Bruno Araújo; leia a nota do ex-prefeito de Petrolina

Durante a convenção que confirmou Armando Monteiro Neto (PTB) como candidato ao Governo de Pernambuco, o nome do ex-prefeito de Petrolina, Guilherme Coelho (PSDB) foi colocado como o de primeiro suplente de Bruno Araújo (PSDB).

LEIA TAMBÉM:

Armando Monteiro é oficializado como candidato ao Governo de Pernambuco

Bruno é candidato ao Senado Federal pela frente Pernambuco Quer Mudar, ao lado de Mendonça Filho (DEM). Guilherme já foi deputado federal e chegou a ser cotado para ocupar o cargo de vice-governador.

O grupo de oposição ao governo de Paulo Câmara (PSB) é formado por 12 partidos: PTB, DEM, PSDB, PRB, Podemos, PSC, PPS, PSDC, PV, PSL, PHS e PRTB, os últimos quatro integram a chapa proporcional “Avança Pernambuco”.

Guilherme se manifesta através de nota, confira:

LEIA MAIS

Exclusiva: escolha do PT sobre nome que disputará governo do estado deve acontecer em maio, de acordo com senador Humberto Costa

Senador (esq.) revelou que PT pode ter candidatura própria ou se aliar a PSB (Foto: Ascom)

A escolha do Partido dos Trabalhadores para o nome que disputará as eleições de outubro para o governo de Pernambuco não deve ser definida por ora. Foi o que afirmou o senador Humberto Costa em entrevista exclusiva ao Blog.

Hoje três nomes disputam a preferência dos membros petistas: o deputado estadual Odacy Amorim, a vereadora do Recife, Marília Arraes e o militante dos movimentos sociais José de Oliveira, entretanto, a martelo somente deverá ser batido em maio.

“Hoje a decisão do partido tem é de ter uma candidatura própria, nós temos três nomes disputando: Odacy, Marília e José de Oliveira, militante do movimento social e ainda há uma discussão a ser feita antes disso, se o PT vai sair com uma candidatura própria ou se o PT vai fazer uma aliança, no caso com o PSB“, explica o senador.

LEIA TAMBÉM:

Em Petrolina, senador Humberto Costa reafirma que PT continua trabalhando na candidatura de Lula

Humberto Costa acredita que Lula pode participar das eleições de outubro

Pesquisa interna

Segundo Humberto Costa, o PT contratou uma pesquisa para analisar o cenário eleitoral e depois dessas informações será decidido o futuro ou não de uma aliança com os socialistas. O próximo passo para o diretório avançar na escolha dos nomes para a eleição a governo de Pernambuco em 2018 é uma reunião no dia 5 de maio.

LEIA MAIS

Ministros e senador chegam a Petrolina para garantia de R$ 100 milhões a Projeto Pontal

Os recursos vão permitir a implementação da primeira etapa do Projeto Pontal. (Foto: Internet)

Petrolina (PE) deve receber, nesta quinta-feira (30), o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho (PMDB-PA). Acompanhado pelo senador Fernando Bezerra Coelho (PMDB), Barbalho chega à cidade, às 9h, para garantir investimentos de R$ 100 milhões ao Projeto Pontal de Irrigação dentro do Programa Avançar do governo federal. O ministro de Minas e Energia, Fernando Filho, e o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, também integrarão a comitiva.

Os recursos vão permitir a implementação da primeira etapa do Projeto Pontal, com cerca de 300 lotes para colonos e 20 lotes empresariais, abrangendo uma área superior a três mil hectares irrigados na região de Petrolina. “Resultando em empregos para 10 mil pessoas”, antecipou o vice-líder do governo no Senado, na Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI).

“A fruticultura irrigada precisa e deve ser apoiada. É investindo e apostando também na irrigação que estamos virando a página do desemprego e da crise econômica e gerando oportunidades, renda e riqueza para o Brasil”, acrescentou Fernando Bezerra.

Empregos

Ainda na CI do Senado, nesta terça-feira (28), o vice-líder também citou reportagem do jornal Valor Econômico desta semana que destacou Petrolina como o município de Pernambuco que mais gera empregos, com carteira assinada, no estado.

“Minha cidade aparece, ainda, entre as cinco de todo o país que mais criaram postos de trabalho entre janeiro e outubro deste ano, com cinco mil vagas, e a fruticultura é a principal motivadora destes empregos e da retomada do crescimento na região”, ressaltou Bezerra Coelho.

Programa Avançar

Lançado no último dia 9 pelo presidente Michel Temer – em cerimônia no Palácio do Planalto, com a presença do senador Fernando Bezerra Coelho – o Programa Avançar conta com investimentos da ordem de R$ 130 bilhões destinados a mais de 7,4 mil projetos em todas as regiões do país, neste e no próximo ano. Deste total, mais de R$ 19 bi serão aplicados em cerca de 3,2 mil ações na Região Nordeste.

“Recursos que chegam em um momento muito positivo de recuperação da economia e dos empregos”, destaca o senador. Só para o estado de Pernambuco, o governo garantiu mais de R$ 3 bilhões no âmbito do Avançar, sendo R$ 400 milhões para as obras da Adutora do Agreste e R$ 100 milhões para o Projeto Pontal.

O Avançar prevê desde a construção de creches e rodovias até a ampliação do Minha Casa Minha Vida e o restabelecimento de ações do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) que foram paralisadas no governo anterior.

CCJ pode votar na quarta-feira legalização de jogos de azar

A legalização dos jogos de azar e a reabertura dos cassinos no Brasil estão em análise na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), que tem reunião marcada para a quarta-feira (22), a partir das 10h. O PLS 186/2014, do senador Ciro Nogueira (PP-PI), autoriza a exploração de jogos on-line ou presenciais em todo o território nacional.

A proposta original foi alterada pelo relator, senador Benedito de Lira (PP-AL), transformando-se em um texto substitutivo, que foi apresentado aos integrantes da comissão na reunião do dia 8 deste mês. O processo de discussão e votação foi adiado para atender a um pedido de vista coletiva.

Pelo texto do relator, a regulamentação das apostas deverá contemplar jogo do bicho, bingo, videobingo e videojogo, cassinos em complexos integrados de lazer, apostas esportivas e não esportivas e cassinos on-line.

O substitutivo determina a inclusão das empresas autorizadas a explorar jogos de azar na Lei de Lavagem de Dinheiro, obrigando-as a cadastrar os clientes e a informar operações ao Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf). Torna necessária ainda a adoção de providências, pelo Banco Central (BC), a fim de proibir o uso de instrumentos de pagamento, como cartões de crédito, em jogos de azar on-line administrados por empresa não-credenciada.

O relator na CCJ está convencido de que é desejável uma regulamentação dos jogos de azar. Em seu voto, Benedito de Lira usa o termo “jogos de fortuna”.

“É necessário relembrar que os jogos sempre fizeram parte do imaginário da civilização. Encontram-se na origem da cultura. Ademais, o longo período de proibição do jogo no Brasil, cerca de 75 anos, acabou por rotular equivocadamente esta atividade como uma questão de moral, inclusive, contaminando o debate sobre a legislação dos jogos”, avaliou.

Benedito de Lira também considerou a “situação orçamentária gravíssima” enfrentada pelos entes da Federação para reforçar a defesa do PLS 186/2014.

Ao justificar a apresentação do projeto, o autor, senador Ciro Nogueira, argumentou que o jogo é legal em 75% dos 193 países membros da Organização das Nações Unidas (ONU). O Brasil faz parte, portanto, como ressaltou o parlamentar, dos 25% que não legalizaram a atividade. Caso a exploração voltasse a ser reconhecida pela lei, segundos os cálculos apresentados, o país poderia passar a arrecadar cerca de R$ 15 bilhões a mais em impostos por ano.

Humberto participa de ato em defesa da Chesf em Petrolina

O ato está marcado para às 15h. (Foto: Arquivo)

O senador Humberto Costa (PT), oposicionista ao governo federal, segue nesta sexta-feira (6) para Petrolina, no Sertão, para participar de ato cultural em defesa da Chesf e do rio São Francisco. O evento, intitulado #TodospeloVelhoChico, quer chamar a atenção da sociedade e dos dirigentes públicos para a necessidade da preservação do rio e pretende reunir artistas, organizações não governamentais, movimentos sociais e políticos dos Estados banhados pelo São Francisco.

“Não podemos deixar que esse governo ilegítimo privatize a Eletrobrás e a Chesf. A consequência disso será a privatização também do rio São Francisco, que é um patrimônio do Nordeste. Isso sem falar de muitos outros prejuízos sociais e econômicos, como o aumento da energia elétrica. É mais um retrocesso sem tamanho que Temer quer impor no Brasil”, afirmou o senador.

LEIA MAIS

Fernando Bezerra lamenta morte de Geomarco Coelho

Senador veio participar das comemorações do aniversário de Petrolina e foi surpreendido com a notícia da morte do amigo/Foto: Marco Aurélio

A morte repentina do prefeito de Dormentes Geomarco Coelho, causou comoção no meio político da região. Em meio ao desfile cívico em homenagem ao aniversário de Petrolina o senador Fernando Bezerra, que sempre contou com o apoio do gestor, faloua imprensa sobre o ocorrido.

“Falei com Corrinha, falei com outros amigos que estavam acompanhando a cirurgia dele em Recife, ele que foi para essa cirurgia tão animado e que infelizmente não resistiu, vamos cuidar agora de oferecer uma grande despedida a ele que foi um grande homem público, vereador de Petrolina, primeiro prefeito eleito de Dormentes e que recebeu sucessivos mandatos  para governar sua terra e sempre que esteve a frente da prefeitura de Dormentes realizou grandes administrações”, comentou.

Ao povo de Dormente o senado deixou a seguinte mensagem. “Fica a lição do exemplo de vida, de dedicação, de amor, de paixão, que Geomarco sempre teve pela a sua terra, por isso meu amigo vá em paz, descanse em Deus e vai ficar guardado em nossos corações os momentos alegres e as lutas bonitas que travamos juntos”.

Através de nota enviada à imprensa Fernando Bezerra já havia externado o sentimento de pesar pelo falecimento do amigo.

Eis a íntegra da nota:

Foi com enorme pesar que recebi a triste notícia do falecimento do meu amigo pessoal Geomarco Coelho, prefeito de Dormentes. Geomarco foi um homem que sempre lutou em benefício de sua cidade e sua gente. Um gestor público responsável e dinâmico, mas acima tudo um grande cidadão, pai de família e companheiro, que ao meu lado esteve em tantas caminhadas. Certamente deixa uma enorme lacuna em nossos corações. Fica para todos nós seu exemplo de vida e luta. Que os familiares e amigos possam encontrar na fé o conforto necessário para superar toda a dor deste momento.

Senador Fernando Bezerra Coelho (PMDB)

Senador Fernando Bezerra busca a ampliação de voos a Petrolina

FBC direcionou o pedido as autoridades do governo e do setor de aviação civil. (Foto: Arquivo)

Nesta terça-feira (22) o senador Fernando Bezerra Coelho (PSB) buscou durante a sessão na Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI) do Senado, o restabelecimento de voos diretos de Petrolina a Brasília e também a ampliação da oferta de trechos aéreos que liguem a cidade à São Paulo.

Na CI, FBC direcionou o pedido as autoridades do governo e do setor de aviação civil. O parlamentar também antecipou voto favorável ao Projeto de Resolução (PRS) 55/2015, que fixa a alíquota máxima do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), no percentual de 12%, incidente nas operações internas com querosene de aviação.

“Há anos, não temos qualquer possibilidade de sair de Petrolina e chegar a Brasília sem parada ou conexão em Recife (PE) ou Salvador (BA) ”, observou. “Os petrolinenses que precisam ir de avião à capital do país para trabalhar ou fazer tratamento médico, por exemplo, demoram de seis a 12 horas neste deslocamento”, completou Fernando Bezerra.

Ainda durante o debate, o senador afirmou que o alinhamento da alíquota do ICMS sobre o querosene resultará na democratização do acesso dos brasileiros ao setor aéreo pois permitirá a melhoria e o crescimento da aviação civil nacional e regional.

“Espera-se que o ICMS deixe de ser um imposto de produção para ser um imposto de consumo”. Tal mudança permitiria, segundo o senador, no desenvolvimento das regiões mais carentes e menos industrializadas do país. “Especialmente, o Norte e o Nordeste”, frisou.

“As coisas estão muito complicadas no PSB”, afirma Fernando Bezerra Coelho que pode se candidatar a Governador de Pernambuco em 2018

Fernando afirmou que algumas decisões do partido têm criado esse momento de instabilidade e que no máximo em 40 dias poderá tomar uma decisão política. (Foto: Arquivo)

Ao que tudo indica, Fernando Bezerra Coelho está realmente disposto a disputar as eleições de 2018 e concorrer ao cargo de Governador do Estado de Pernambuco. De acordo com o próprio senador, “as coisas estão muito complicadas dentro do PSB”.

“Vocês estão acompanhando nos jornais os desencontros que a gente está tendo no PSB. Não sei como essa situação vai ser resolvida. Mas eu sou um otimista. De uma forma ou de outra a política vai encontrar uma solução”, disse.

Fernando afirmou que algumas decisões do partido têm criado esse momento de instabilidade e que no máximo em 40 dias poderá tomar uma decisão política e apresentar uma “luta maior” para o estado de Pernambuco, principalmente “a região do Sertão, do Agreste, que são as mais pobres do estado”.

“A gente quer ver esse estado de Pernambuco cada vez melhor, um estado que possa prosperar. Portanto, eu vim dizer aqui aos meus amigos que me acompanham que nos próximos 30, 40 dias a gente possa ter que avançar para tomar uma decisão política e se nos tomarmos essa decisão, não é para se acomodar, para ficar acuado, é uma decisão para dizer quem tem vontade, determinação e coragem para enfrentar disputas maiores para que a gente possa ver o nosso estado de Pernambuco avançar”, afirmou o senador.

1234