Univasf divulga 12ª lista de remanejamento do Sisu 2019

(Foto: Internet)

A Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) divulgou a 12ª lista de remanejamento do Sistema de Seleção Simplificada (Sisu) 2019. Os selecionados devem efetuar a matrícula presencialmente ou via procuração das 8h às 11h e das 14h às 17h.

A lista contempla os cursos de Administração, Ciências da Natureza (Senhor do Bonfim), Ciências Sociais (Licenciatura), Engenharia Elétrica, Farmácia e Medicina (Petrolina e Paulo Afonso). Para conferir o nome dos alunos selecionados, a documentação necessária e onde efetuar a matrícula basta acessar o site oficial da Univasf.

Candidatos em lista de espera do Sisu começam a ser convocados

(Foto: Ilustração)

Candidatos inscritos na lista de espera do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) começam a ser convocados a partir de hoje (19). Segundo o Ministério da Educação (MEC), a chamada é feita diretamente pelas instituições de ensino superior.

O estudante selecionado deve conferir o prazo para a matrícula e verificar na instituição de ensino em que foi aprovado os locais, horários e qual a documentação necessária. Os candidatos que não foram selecionados na chamada regular do Sisu em nenhuma das duas opções de curso cadastradas puderam manifestar interesse na lista de espera da seleção.

LEIA MAIS

Prazo de matrícula e de adesão à lista de espera do Sisu termina nesta segunda

O resultado da chamada única do Sisu foi divulgado no último dia 10 e está disponível no site do programa.

Hoje (17) é o último dia para que os estudantes selecionados na chamada regular do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) façam a matrícula nas instituições de ensino superior públicas nas quais foram aprovados.

Aqueles que não foram selecionados têm também até esta segunda-feira para aderir à lista de espera do programa. Cabe aos estudantes verificar os horários e locais de atendimento definidos por cada instituição em edital próprio.

Os estudantes selecionados podem pleitear auxílio para pagar transporte, moradia e outras despesas nas próprias instituições de ensino superior, de acordo com determinados critérios, como renda familiar. Os programas de assistência estudantil são implementados diretamente pelas instituições.

Selecionados no Sisu podem fazer matrícula a partir de hoje

O resultado da chamada única do Sisu foi divulgado segunda-feira (10) e está disponível no site do programa.

Os estudantes selecionados na chamada regular do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) podem, a partir de hoje (12), fazer matrícula nas instituições de ensino para as quais foram selecionados. O prazo vai até o dia 17. Cabe aos candidatos verificar os dias, horários e locais de atendimento definidos por cada instituição em edital próprio.

Os estudantes selecionados podem pleitear auxílio para pagar transporte, moradia e outras despesas nas próprias instituições de ensino superior, de acordo com determinados critérios, como renda familiar. Os programas de assistência estudantil são implementados diretamente pelas instituições.

Lista de espera

As vagas que não forem preenchidas serão ofertadas para os estudantes em lista de espera. Quem não foi selecionado em nenhuma das duas opções de curso feitas na hora da inscrição na chamada única e quiser integrar a lista tem até o dia 17 para fazer a adesão, no site do Sisu.

Resultado do Sisu já está disponível; confira a lista dos selecionados

(Foto: Ilustração)

Os estudantes que estão concorrendo a vagas em instituições públicas de ensino superior podem consultar o resultado do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), na página do programa. A lista dos selecionados na chamada única foi divulgada na tarde desta segunda-feira (10).

Ao todo, nesta edição, são ofertadas 59.028 vagas em 76 instituições públicas de ensino em todo o país. As matrículas devem ser realizadas de 12 a 17 de junho.

LEIA MAIS

Inscrições para Sisu do 2º semestre terminam hoje

Os alunos devem correr contra o tempo, já que essa sexta-feira (7) é o último dia para se inscrever no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) para o segundo semestre de 2019. O prazo se encerra às 23h59 e a inscrição deve ser feita exclusivamente pela internet.

De acordo com o Ministério da Educação (MEC), o resultado será divulgado na segunda-feira (10). Nesta edição, são 59 mil vagas em 1,7 mil cursos de 76 instituições de ensino, o maior número de vagas ofertado para o segundo semestre desde a criação do programa.

O aluno pode optar por dois cursos no momento da inscrição. O último balanço do MEC, realizado na tarde de ontem (6) aponta que mais de 530 mil candidatos haviam se inscrito no Sisu. Os estados com mais candidatos eram Rio de Janeiro, Minas e Bahia. (Com informações do G1).

Estudantes já podem se inscrever no Sisu

Até o fim do período de inscrição, os candidatos podem alterar as opções de curso. Será válida a última opção confirmada. (Foto: Internet)

Começaram nessa segunda-feira (3) as inscrições para a segunda edição do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) deste ano. Ao todo, serão ofertadas 59.028 vagas em 76 instituições públicas de ensino em todo o país. As inscrições podem ser feitas até sexta-feira (7), na página do programa.

Podem participar do Sisu os estudantes que fizeram prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2018 e obtiveram nota na redação acima de zero.

O resultado da chamada regular será divulgado no próximo dia 10. As matrículas devem ser realizadas de 12 a 17 de junho. Aqueles que não forem selecionados poderão participar da lista de espera de 11 a 17 de junho. A convocação desses estudantes ocorrerá após o dia 19 deste mês.

O candidato do Sisu pode solicitar até duas opções de vaga, especificando, em ordem de preferência, as suas opções em instituição de educação superior participante, com local de oferta, curso e turno, e a modalidade de concorrência.

LEIA MAIS

Sisu ofertará 59 mil vagas no segundo semestre

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) vai ofertar 59.028 vagas em 76 instituições públicas de ensino em todo o país no segundo semestre deste ano. As inscrições começam amanhã (4) e podem ser feitas até sexta-feira (7), na página do Sistema.

O número de vagas aumentou em relação ao ano passado, quando foram ofertadas, no segundo semestre, 57.271. O número de instituições participantes também cresceu, eram 68. De acordo com o Ministério da Educação, nesta edição estão disponíveis 64 cursos a mais para os candidatos. Os estados com mais vagas são Rio de Janeiro, com 12.937, Minas Gerais, com 8.479, Bahia, com 6.745, e Paraíba, com 5.990.

LEIA MAIS

Estudantes já podem consultar vagas do Sisu

(Foto: Internet)

Na página do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), os estudantes já podem consultar as vagas que serão ofertadas em instituições públicas de ensino superior no segundo semestre deste ano. A busca pode ser feita por curso, instituição de ensino e por município.

Podem participar do Sisu os estudantes que fizeram prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2018 e obtiveram nota na redação acima de zero. As inscrições do Sisu poderão ser feitas de 4 a 7 de junho. Durante esse período, uma vez por dia, o Sistema calcula a nota de corte, que é a menor nota para o candidato ficar entre os potencialmente selecionados.

LEIA MAIS

Inscrições para segunda edição do Sisu começam dia 4 de junho

O Sisu terá uma única chamada, com resultado divulgado em 10 de junho. (Foto: Internet)

As inscrições para a segunda edição de 2019 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) serão abertas no dia 4 de junho e ficam disponíveis até o dia 7. A inscrição é feita pela internet e não é preciso pagar taxa. O edital com as regras foi publicado na edição de hoje (15) do Diário Oficial da União.

Pelo Sisu, os estudantes usam a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para concorrer à vagas em instituições públicas de ensino superior. Poderá se inscrever quem fez a prova do Enem de 2018 e não zerou a nota da redação.

Durante o período de inscrição, os candidatos poderão escolher até duas opções de curso, em ordem de preferência, o local de oferta, o turno e a modalidade de concorrência. O candidato pode alterar as opções de cursos, assim como cancelar. A classificação no Sisu será feita com base na última alteração efetuada e confirmada pelo candidato no sistema.

Os candidatos terão acesso à nota de corte para cada instituição participante, local de oferta, curso, turno e modalidade de concorrência. O Sisu terá uma única chamada, com resultado divulgado em 10 de junho de 2019 no portal, e nas instituições para as quais efetuou sua inscrição.

LEIA MAIS

Inscrições do Enem terminam nessa semana

(Foto: Ilustração)

Os alunos que farão o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 têm até esta sexta-feira (17) para fazer as inscrições, exclusivamente via internet. Nesse mesmo dia termina o prazo para solicitar atendimento especializado, fazer alterações cadastrais e a opção da prova de língua estrangeira.

Nesse ano a taxa de inscrição para o Enem é de R$ 85 e a taxa deve ser paga até o dia 23 de maio. O prazo para pedidos de atendimento por nome social vai de 20 e 24 de maio. Segundo o cronograma, as provas do Enem serão aplicadas em dois domingos, 3 e 10 de novembro.

A nota do Enem pode ser utilizada no Sistema de Seleção Simplificada (Sisu), no Programa Universidade para Todos (ProUni) e Financiamento Estudantil (Fies). Os treineiros também poderão fazer a prova desse ano, porém, sem utilizar a nota, apenas como teste. (Com informações do JC Online).

Univasf divulga 1ª Convocação da Lista de Espera do Sisu 2019

(Foto: Arquivo)

A Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) divulgou hoje (11) a 1ª Convocação da Lista de Espera do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) 2019 para os cursos de graduação presenciais. São 620 vagas  remanescentes nos 30 cursos ofertados nos sete campi da instituição, com entradas nos dois semestres letivos do ano. Todos os convocados precisam realizar a Confirmação da Permanência na Lista de Espera (CPLE) da Univasf, por meio de um formulário online, que deve ser preenchido até as 23h59 do dia 19 de fevereiro.

O formulário para Confirmação da Permanência na Lista de Espera (CPLE) da Univasf estará disponível para preenchimento no Sistema de Avaliação Socioeconômica (Sase) durante o período determinado na Portaria Nº 2/2019. Consulte Nota Oficial com orientações sobre este procedimento. A instituição está chamando nesta 1ª Convocação um número dez vezes maior que a quantidade de vagas remanescentes de cada curso, por modalidade de concorrência.

Todos os candidatos que integram esta primeira convocação deverão preencher o formulário da CPLE para confirmar a permanência na lista de espera. Após preencher o questionário, os candidatos devem clicar em ‘Finalizar’, e imprimir o protocolo, conforme determina a portaria de convocação. Esta confirmação é obrigatória para que o candidato continue concorrendo às vagas remanescentes. Aqueles que não o fizerem no prazo estipulado na Portaria Nº 2/2019 estarão automaticamente excluídos do Processo Seletivo 2019 para os cursos da Univasf.

Vagas Reservadas 

Os candidatos que concorreram às vagas reservadas para pessoas com renda per capita de até 1,5 salário mínimo (Grupos L1, L2, L9 e L10), além de preencher o questionário como todos os outros convocados, devem obrigatoriamente comprovar a renda, postando no Sase os documentos exigidos no Edital N° 1/2019 do Processo Seletivo para Ingresso nos Cursos de Graduação (PS-ICG) 2019. E os candidatos classificados para as vagas reservadas às pessoas com deficiência também devem postar os documentos comprobatórios da deficiência pelo Sase e ficar atentos à convocação para perícia médica, a ser divulgada posteriormente. Em todos estes casos, o prazo para preencher o questionário e enviar os documentos é até as 23h59 do dia 19 de fevereiro.

LEIA MAIS

Sisu: convocação da lista de espera começa hoje

A partir dessa quinta-feira (7) as instituições de ensino superior estão convocando os alunos da lista de espera do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Os estudantes deverão acompanhar as convocações nas universidades onde solicitaram uma vaga e apresentar a documentação exigida para matrícula no curso.

Nesse ano a lista de espera sofreu uma mudança. O estudante aprovado na primeira chamada ficou automaticamente de fora da lista de espera, o que era permitido até o Sisu de 2018.

Nesta edição 235.461 vagas em 129 instituições públicas foram ofertadas. Pode participar do Sisu quem fez o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2018 e obtive nota acima de zero na prova de redação. Segundo o MEC, mais de 1,8 milhão de candidatos se inscreveram. Com informações da Agência Brasil.

Candidatos têm até hoje para participar da lista de espera do Sisu

(Foto: Internet)

Hoje (5) é o último dia para participar da lista de espera do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). O prazo vale para os estudantes que não foram aprovados em nenhuma das opções de curso.

A adesão deve ser feita na página do Sisu. Os candidatos podem escolher entrar na lista de espera para a primeira ou para a segunda opção de curso feita na hora da inscrição. Os alunos na lista serão convocados pelas próprias instituições de ensino a partir do dia 7 de fevereiro. Os candidatos deverão acompanhar as convocações.

Para integrar a lista, os candidatos devem acessar o sistema e, em seu boletim, clicar no botão que corresponde à confirmação de interesse em participar da lista de espera do Sisu. Ao finalizar a manifestação o sistema emitirá uma mensagem de confirmação.

LEIA MAIS

Sisu: termina hoje prazo de matrícula em instituições de ensino

O resultado do Sisu está disponível desde o dia 28, na página do programa. O período de matrícula começou no último dia 30. (Foto: Internet)

Esta segunda-feira (04) é o último dia para que os estudantes selecionados no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) façam matrícula nas instituições de ensino. Os estudantes devem verificar os horários e locais de atendimento definidos pelas instituição em edital próprio.

Quem tiver o interesse e preencher os requisitos pode pleitear assistência estudantil para cobrir custos como transporte e moradia. Segundo o Ministério da Educação (MEC), os programas de assistência estudantil são implementados diretamente pelas instituições, por isso, os candidatos devem buscar informações na própria instituição de ensino.

Lista de espera

Os estudantes que não foram aprovados em nenhuma das opções de curso podem integrar, até amanhã (5), a lista de espera do programa. A adesão pode ser feita na página do Sisu. Os candidatos podem escolher entrar na lista de espera para a primeira ou para a segunda opção de curso feita na hora da inscrição. Os alunos na lista serão convocados pelas próprias instituições de ensino a partir do dia 7 de fevereiro.

LEIA MAIS
123