Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

História da Bodega de Zé Moxotó vira livro

Natural da Baixa do Moxotó, no semiárido pernambucano, o empresário José Correia da Silva (Zé Moxotó), chegou a Petrolina em 1924, mesmo ano em que Petrolina recebeu em festa o primeiro bispo da cidade Dom Antônio Maria Malan. Ele veio acompanhado de sua esposa Teodora Correia (Dona Santa), que exercia atividade na área de agricultura e também cuidava da educação escolar dos filhos.

O casal veio morar em Petrolina a convite de um tio e com muito esforço conseguiu abrir um empreendimento na avenida Guararapes. Mais tarde o comércio ficou conhecido como a Bodega de Zé Moxotó onde era possível comprar de quase tudo.

Segundo informações de antigos moradores de Petrolina, o comércio de seu Zé esteve até no calendário turístico da cidade. Os visitantes eram convidados a conhecer o lugar com a frase “Na bodega de seu Zé Moxotó tem remédio para mordida de cobra até traição e mulher”

Toda essa história está sendo contada no livro “A Bodega de José Moxotó”, que será lançado às 19h30 do próximo dia 27/12, na Fundação Nilo Coelho, em Petrolina.