Vereadores aprovam Moção de Solidariedade a Gilmar Santos, mas Elias Jardim se abstém

Vereadores se solidarizaram com vereador Gilmar (Foto: Jean Brito/Ascom CMP)

Como era de se esperar, a Câmara de Vereadores de Petrolina deu destaque à ocorrência do último domingo (24), quando o edil Gilmar Santos (PT) foi algemado e levado para a delegacia. Membros da bancada da Oposição e Situação se uniram para apoiar o colega, pela forma que ele foi tratado.

Companheira de partido, Cristina Costa apresentou uma Moção de Solidariedade a Gilmar e a Companhia Biruta. Na justificativa, Costa alegou que a ação do 2º Batalhão Integrado Especializado (BIEsp) foi “desnecessária, gratuita e repugnante ação”. Maria Elena de Alencar (PRTB) lembrou que o vereador é uma autoridade que sabe dialogar com todos os poderes, mas foi vítima do abuso da Polícia Militar de Pernambuco.

LEIA TAMBÉM:

Tenente do 2º BIEsp explica ação da PM no Rio Corrente e nega abuso dos policiais

Gilmar Santos critica truculência de policiais; PM rebate e diz que agentes foram agredidos

Alvoerlande Cruz (PSL) cobrou uma investigação da PM sobre a ação dos policiais da ROCAM. Seu irmão, o líder do Governo na Câmara, Aero Cruz (PSB) foi categórico: a solidariedade a Gilmar não diz se a polícia está certa ou errado.

LEIA MAIS

Vereador Zenildo solicita rondas da Guarda Municipal em dias de feira livre

Vereador Zenildo Nunes.

O vereador Zenildo Nunes, conhecido como Zenildo do Alto do Cocar, solicitou na Câmara Municipal, nessa terça-feira (26), durante sessão ordinária, que equipes da Guarda Municipal Civil fossem enviadas para realizar rondas nos dias de feira livre.

Segundo a solicitação do parlamentar, as rondas devem acontecer nos bairros João de Deus, Areia Branca, Cohab Massangano, José e Maria, Jardim Maravilha e São Gonçalo, para que assim promova maior segurança aos moradores e a todos que frequentam o local.

A indicação foi aprovada foi aprovada com 15 votos favoráveis e nenhum contra.

Zenildo Nunes pede realização de mutirão de laqueaduras em Petrolina

Vereador quer mutirão de saúde na cidade (Foto: Jean Brito/CMP)

Depois de solicitar a realização de mutirões da saúde para crianças de Petrolina, o vereador Zenildo Nunes, o Zenildo do Alto do Cocar (PSB) quer quer o município execute atividades voltadas à saúde da mulher. Por meio da Indicação n° 1387/2019 o edil pediu a realização de mutirões de cirurgias de laqueadura.

LEIA TAMBÉM:

Vereador Zenildo Nunes confirma filiação ao MDB e conclama demais vereadores para o novo partido do prefeito Miguel Coelho

“Pedimos as cirurgias de laqueadura, várias mulheres precisam desse procedimento, muitas são de famílias pobres e carentes. Que possa ser feito esse mutirão às famílias que necessitam”, destacou Zenildo.

Ele aproveitou para reforçar uma cobrança feita na semana passada. “Na sessão passada a gente solicitou os mutirões de cirurgias ginecológicas, que ele possa interferir junto ao Hospital Universitário para fazer a cirurgia do pé torto nas crianças. Elas precisam ir para Recife e a gente pede a cirurgia em Petrolina”, disse.

Vereador Zenildo Nunes confirma filiação ao MDB e conclama demais vereadores para o novo partido do prefeito Miguel Coelho

Zenildo Nunes segue os passos do prefeito Miguel Coelho e se filiará ao MDB.

Em entrevista exclusiva ao Blog Waldiney Passos, Zenildo Nunes, um dos vereadores mais votados de Petrolina (PE), confirmou neste sábado (9), sua migração para o partido MDB. Seguindo os passos do prefeito Miguel Coelho, Zenildo deixa o PSB para ingressar no Movimento Democrático Brasileiro.

“A gente se colocou à disposição do prefeito Miguel Coelho para que a gente possa realmente seguir o partido ao qual ele vai se filiar,  a gente está à disposição. Vamos esperar ano que vem para abrir a janela e a gente evidentemente, vamos ter que ir para o PMDB”, afirmou Zenildo.

Para Zenildo Nunes, apenas sua filiação não basta. Visando os próximos pleitos, o vereador conclama os colegas parlamentares para filiação ao MDB, no intuito de somar forças para a base do prefeito Miguel Coelho.

“Espero que os demais colegas, principalmente, aqueles que recebem recursos nas suas bases, muitas ações do prefeito Miguel Coelho, espero que venham também para o MDB no sentido de reforçar e aumentar mais ainda a força política do prefeito Miguel Coelho”, ressaltou.

LEIA MAIS

“Milhares de pacientes precisam urgentemente”, afirma Zenildo ao pedir mutirão de cirurgias de redução das mamas

O vereador Zenildo Nunes (PSB) solicitou à Prefeitura de Petrolina a realização de um mutirão de cirurgias para redução das mamas. Segundo o edil, é necessária mais atenção da Secretaria de Saúde para essas pacientes que acabam sofrendo problemas de saúde em decorrência do tamanho dos seios.

“São milhares e milhares de pessoas que precisam urgentemente, muitas delas sofrem com problemas de coluna. Temos ações como palestras, mas não temos uma ação para cirurgias”, afirmou o vereador ao defender sua Indicação n° 879/2019.

Membro da Governo da Câmara, Zenildo pede sensibilidade ao seu líder político, Miguel Coelho, para atender ao pedido. “A gente pede que o prefeito realize mutirões“, concluiu.

Zenildo Nunes afirma que vai para partido que Miguel Coelho se filiar

Vereador Zenildo está no PSB atualmente, mas deve seguir para outro partido.

O vereador Zenildo Nunes (PSB) afirmou, nesta quinta-feira (01), que vai seguir o partido ao qual Miguel Coelho se filiar. O parlamentar garantiu que está aguardando a decisão do prefeito de Petrolina para seguir o gestor. “A gente sempre participou do grupo do senador Fernando Bezerra e vamos continuar sempre juntos”, disse.

Mesmo sabendo das mudanças para as eleições do próximo ano, nas quais não haverá mais legendas, o vereador convidou os colegas de bancada para se unirem ao partido que Miguel escolher.

LEIA MAIS

Valgueiro critica vereadores “lagartixas” por não identificarem erro em projeto do reajuste salarial de agentes de saúde

Erro prejudicava classe, mas foi retificado (Foto: Blog Waldiney Passos)

Apesar da aprovação unânime do reajuste salarial dos Agentes de Saúde de Petrolina na sessão de ontem (21), Oposição e Situação se estranharam mais uma vez. Ao justificar seu voto favorável ao Projeto de Lei nº 004/2019, enviado a Câmara pelo Poder Executivo, Paulo Valgueiro “cutucou” a bancada governista.

O edil apontou um erro grave na redação do projeto e solicitou a retificação. O texto ao invés de prever o pagamento retroativo dos meses de janeiro e fevereiro determinava a revogação. O fato de a falha passar despercebida, segundo Valgueiro, mostra que os membros da Situação não prestam atenção nas matérias enviadas pelo Executivo e agem como “lagartixa.”

LEIA TAMBÉM:

Por unanimidade, vereadores aprovam reajuste salarial dos agentes de saúde

“Verificamos um erro que poderia prejudicar vocês, chamei atenção de Manoel [da Acosap] para que pudesse ser feita a correção. Um erro que veio do Executivo, talvez na hora de fazer o projeto e a gente que não é vereador lagartixa tem que estar aqui para ser legislador”, afirmou.

LEIA MAIS

Oposição critica, mas Moção de Aplauso sobre Carnaval de Petrolina é aprovada em votação apertada

Bancadas se dividiram sobre tema (Foto: Blog Waldiney Passos)

Líder do governo na Câmara de Vereadores, Aero Cruz (PSB) apresentou na sessão dessa sexta-feira (8) uma Moção de Aplauso através do Requerimento nº 049/2019, para homenagear o prefeito Miguel Coelho e o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Petrolina, Emício Júnior pela organização do Carnaval 2019.

Contudo, o pedido não caiu bem para a oposição que criticou a Moção, citando a homenagem como “bajulação”. “Nós não precisamos fazer ‘puxasaquismo’ pra aprovar Moção de Aplauso pro carnaval. A gente vê a cidade cheira de buracos por causa das chuvas, os hospitais lotados, o pessoal da periferia esperar diariamente pela drenagem de uma rua e eu não entendo porquê aprovar Moção de Aplauso“, destacou Valgueiro.

Gabriel Menezes (PSL) foi mais um a criticar a Moção. “Eu acho que o líder deveria apresentar um projeto para mudar o Regimento para Moção de Bajulação. Estão trabalhando os eventos da Prefeitura, sobretudo o carnaval, com amadores. A vereadora Cristina Costa esteve lá, viu o risco à integridade das pessoas”, pontuou.

Desorganização

Em seguida, Cristina Costa (PT) disse respeitar o fato de a bancada de situação colocar a Moção, mas não concordava, porque a organização da festa pecou em vários pontos de organização. “Nesse momento não vou me colocar como oposição, vou colocar como legisladora, porque nós somos fiscalizadores da lei. Gosto do carnaval, vou pra junto da população. O Polo 21 de Setembro foi lindo, perfeito, é lindo a gente ver os familiares carregando seus filhos. O [Polo] Matingueiros também foi muito bem organizado. Carnaval é uma festa popular, é uma festa liberal, a gente não pode selecionar quem vai assistir banda e quem vai ficar de fora [se referindo ao Polo Orla]”, disse.

LEIA MAIS

Bancada de situação cobra Governo de Pernambuco sobre repasses ao Hospital Dom Tomás

Para vereadores da situação, Governo do Estado é o responsável por falta de medicamentos no HDT (Foto: Blog Waldiney Passos)

A realidade do Hospital Dom Tomás (HDT), referência no tratamento de pacientes com câncer em Petrolina e Bahia é delicada. Há exatamente um mês o Blog Waldiney Passos mostrou com exclusividade a falta de medicamentos a pacientes de quimioterapia e nada mudou até o momento.

Sem medicamentos os doentes estão com seu tratamento prejudicado e na visão dos vereadores da bancada governista de Petrolina, a culpa é do Governo do Estado. “O Hospital Dom Tomás é de referência, atende não só Petrolina, mas toda região. Da Bahia ao Piauí e chegou a hora dessa Casa chamar atenção dos deputados que estão pertinho do governador Paulo Câmara, pra que eles cobrem uma emenda do senador Fernando Bezerra Coelho que está lá no Estado. [A verba] não é do Estado, é do Governo Federal”, disse Zenildo Nunes (PSB).

LEIA TAMBÉM:

Segundo APAMI, Governo do Estado não fez repasse de recursos liberados em 2016

Secretaria Estadual de Saúde se pronuncia sobre falta de medicamentos no Hospital Dom Tomás

Pacientes denunciam falta de medicamentos no Hospital Dom Tomás

Presidente em exercício na sessão de quinta-feira (28), Ronaldo Souza (PTB) afirmou que a Comissão de Saúde da Câmara constatou o “colapso” da unidade e em seguida, Manoel da Acosap (PTB) apresentou um breve relatório da análise feita pelos colegas.

LEIA MAIS

Ampliação de serviços da saúde dominam pedidos de vereadores na Câmara de Petrolina

(Foto: Blog Waldiney Passos)

Se na terça-feira (12) os pedidos dos vereadores tiveram como fogo a infraestrutura de Petrolina, hoje (14) as reivindicações dos edis voltaram-se a área da saúde. Gilberto Melo (PR) solicitou a presença da Unidade Odontológica, para atender a Vila Chocolate.

Segundo o edil, a comunidade é carente de atendimento médico e é necessária uma maior atenção do município nesse quesito de assistência. “A gente precisa que essa unidade possa servir essa comunidade que é carente”, destacou Gilberto.

Zenildo Nunes (PSB) pediu ampliação no atendimento voltado a saúde do homem. Através da Indicação nº 072/2019, ele cobrou da secretaria de Saúde a realização de um mutirão de cirurgia de próstata. “São muitos idosos que precisam disso“, justificou o vereador.

Todas as Indicações e Requerimentos foram aprovados por 16 votos a zero. Nesse momento a sessão segue com pedido de ordem dos vereadores. Não há projetos na pauta de hoje.

Bancada da oposição cita “pegadinhas” na reforma administrativa; fala de Cristina gera incômodo em colegas da situação

(Foto: Ascom/CMP)

Todos os nove projetos de lei colocados em votação na sessão de quinta-feira (13) na Câmara de Vereadores de Petrolina foram aprovados. A maior parte do debate foi voltado às matérias do Executivo, em especial o PL nº 076/2018, cuja proposta é a reformulação da estrutura administração da Prefeitura de Petrolina.

Conforme o Blog publicou ontem, a matéria foi aprovada por 14 votos a 5 na segunda votação, tendo votos contrários da bancada da oposição na primeira discussão. As principais críticas foram de Cristina Costa (PT). Ela questionou diversos pontos do PL e foi dura com seus pares da bancada governista.

“Eu faço papel de legisladora, estou oposição. Observem como o Legislativo está comprometido. Estou chamando atenção para a autonomia do Legislativo, como pode o Legislativo [sentar] pianinho [a reforma]? Eu amo esse Poder, eu visto a camisa desse Poder, mas eu não visto a camisa da subserviência, eu não visto da camisa da imoralidade”, afirmou.

A fala de Cristina gerou uma reação em cadeia. Gaturiano Cigano (PRP) afirmou que a acusação da colega de que os edis são comprados pelo Executivo é “muito séria e que vai ter que provar que a gente recebeu dinheiro, aqui tem homem de verdade“. Zenildo Nunes (PSB) disse que não se pode “jogar essa Casa na lama”. Foi então que Cristina esclareceu sua fala. “Vossas excelências têm todo direito de tomar as medidas cabíveis que acham que tenham direito, aos que se sentiram ofendidos eu peço desculpas pela vergonha alheia”.

LEIA MAIS

“Mais Médicos”: vereadores pedem Moção de Aplauso a cubanos que atuaram na região

(Foto: Blog Waldiney Passos)

A saída dos médicos cubanos do país repercutiu na Câmara de Vereadores de Petrolina na sessão de terça-feira (20) quando alguns edis lembraram o trabalho dos profissionais e lamentaram a saída dos estrangeiros. Alguns desses médicos já deixaram o Brasil, interrompendo o atendimento nas comunidades.

“Eles prestaram um relevante serviço à nação brasileira, foi uma atitude acertada [firmar a parceria com Cuba]. Os médicos cubanos salvaram a vida de brasileiros, foi um trabalho importante. Petrolina recebeu os médicos cubanos e eles prestaram um relevante serviço. Como brasileiro presto essa homenagem”, destacou Ronaldo Cancão (PRTB).

Repúdio às vaias

Além de elogiar o trabalho dos cubanos, Cancão repudiou os médicos brasileiros que vaiaram os estrangeiros no início do programa. “Foi um trabalho bonito, o Brasil precisava desse serviço”, disse. Outro vereador a reconhecer o trabalho dos estrangeiros foi Zenildo Nunes (PSB).

“A gente parabeniza a todos os cubanos, foram profissionais que tinham compromisso com as pessoas mais simples do nosso país. Iam até o curral atender a comunidade. É lamentável [a saída]”, os cubanos nunca mediram distância para atender, destacou Zenildo.

Ontem (21) o Governo Federal abriu as inscrições para preenchimento das vagas deixadas pelos médicos. São mais de oito mil postos de trabalho espalhados em mais de 200 municípios do Brasil.

Cobranças de melhorias na infraestrutura de Petrolina são apresentadas pelos vereadores na Casa Plínio Amorim

(Foto: Blog Waldiney Passos)

Sem projetos em pauta na sessão dessa quinta-feira (18) na Câmara de Vereadores de Petrolina, os edis presentes já votaram as Indicações apresentadas por eles e agora fazem uso da Tribuna Livre, apresentando reivindicações diversas.

Apenas três vereadores justificaram as 14 Indicações. Rodrigo Araújo (PSC) foi o primeiro a usar a palavra e explicar suas cobranças ao Poder Executivo. Na Indicação nº 1130/2018, ele pediu a construção de uma Academia da Cidade no bairro Vila Mocó, próximo ao Estádio Municipal Paulo de Souza Coelho.

Rodrigo afirmou que esse pedido é uma reivindicação antiga da comunidade.“Esse pedido nunca foi atendido, passou Fernando Bezerra, não atendeu, passou Guilherme Coelho e não atendeu, passou Odacy e não atendeu, passou Júlio Lóssio e não atendeu. Peço a Miguel Coelho que nós atenda. Confio muito, faço a minha parte porque essa praça deve sair”, destacou.

LEIA MAIS

Zenildo Nunes pede recuperação do canal que liga o São Gonçalo ao bairro Rio Corrente

Zenildo Nunes (Foto: Blog Waldiney Passos)

Com Indicações e Requerimentos acumulados da sessão de quinta-feira (16), os vereadores de Petrolina aproveitaram o encontro de hoje (21) para apresentar suas reivindicações ao município. Membro da situação, Zenildo Nunes (PSB), o Zenildo do Alto do Cocar pediu à Prefeitura uma série de serviços.

Através da Indicação nº 917/2018 a recuperação do canal que liga os bairros Rio Corrente e São Gonçalo. “A gente pede essa solicitação para que o prefeito Miguel Coelho [interceda e a secretaria competente] venho recuperá-lo e fazer a cobertura do mesmo”, justificou.

Outro pedido do edil, que apresentou quatro Indicações, foi a construção de uma Escola Municipal do bairro Jardim Guararapes, através da Indicação nº 916/2018. “É um bairro muito populoso, as crianças estão se deslocando para muito distante”, denunciou o vereador.

 

Indicações de segurança são destaques na sessão de hoje (26) em Petrolina

(Foto: Blog Waldiney Passos)

A última sessão legislativa do primeiro semestre na Casa Plínio Amorim, realizada na manhã dessa terça-feira (26) destacou os pedidos de segurança pública na cidade. Edis da oposição e situação apresentaram Indicações para a Polícia Militar e à Prefeitura de Petrolina.

O vereador Ruy Wanderley (PSC) apresentou a Indicação de número 823/2018, cobrando do 5º BPM mais policiamento no Nova Petrolina, especialmente à noite. Já Zenildo Nunes reivindicou à Guarda Municipal, rondas no bairro Alto do Cocar, para coibir as ações criminosas que estão assustando os comerciantes do local.

“Hoje tenho duas Indicações, uma solicitando ao prefeito Miguel Coelho para que ele interceda junto da Guarda Municipal para dar mais segurança aos comerciantes e moradores do bairro”, afirmou Zenildo.

Outro a pedir segurança foi o vereador Rodrigo Araújo (PSC), que cobrou rondas constantes no bairro Cosme e Damião. Todas as Indicações e Requerimentos de quinta-feira (28) acabaram entrando na pauta de hoje, já que o presidente da Câmara, Osório Siqueira (PSB) anunciou que hoje é a última do primeiro semestre.

12