Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

TSE rejeita pedido de candidatura do ex-presidente Lula

(Foto: Mauro Pimentel/AFP)

Por 6 votos a 1, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) rejeitou o registro de candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). A votação foi iniciada na tarde de sexta-feira (31) e concluída apenas na madrugada de hoje (1º).  A decisãofoi tomada a partir de 16 impugnações à candidatura apresentadas ao tribunal.

LEIA TAMBÉM:

TSE aprova candidatura de Fernando Haddad, ministros ainda analisarão caso de Lula

Com a decisão, Lula não poderá mais aparecer no programa eleitoral para presidente, que começa ser veiculado no rádio e na televisão neste sábado (1º). O ex-presidente também deverá ter o nome e foto retirados da urna eletrônica.

O partido terá 10 dias para indicar o substituto, Fernando Haddad cujo registro foi aprovado pela corte. A decisão tem validade imediata porque será publicada ao término da sessão. Os ministros optaram somente pela proibição da participação de Lula como candidato, o que permite que o candidato a vice, Haddad continue a fazer propaganda.

A votação

O ministro Luís Roberto Barroso, relator do pedido foi o primeiro a votar e se posicionou contrário ao registro. Único voto favorável a Lula veio com Edson Fachin, o segundo a voltar. Seguiram o entendimento do relator Jorge Mussi, Og Fernandes, Admar Gonzaga, Tarcísio Vieira e a presidente, Rosa Weber. A defesa de Lula pretende recorrer ao Supremo para tentar garantir a presença do ex-presidente nas eleições.

Deixe uma resposta