Maria Eduarda Campos é nomeada na prefeitura do Recife

 

João-Campos-e-Maria-Eduarda

Embora inexperiente, João dá ao cargo conotação que não se via desde a Era Campos. Na primeira gestão Eduardo, esteve no cargo Marcos Loreto, primo da viúva Renata Campos e hoje conselheiro do TCE. Depois não foram apenas técnicos: Renato Thiebaut, hoje assessor especial de Paulo; Rubens Júnior, na gestão de João Lyra (PSB); e Ruy Bezerra, na gestão de Paulo.

O governador agora faz da sua antessala incubadora política. Passa sinal confuso: de que, a despeito do esforço da gestão, o lado da política segue igual. Para acessar diretamente o poder basta o sobrenome. Em Pernambuco, por muito tempo era só ser um Cavalcanti. Hoje, basta ser um Campos.

Nomeação-de-Maria-Eduarda-Campos

Fevereiro foi o mês de nomeação dos irmãos. Ao contrário da divulgação sobre João Campos no governo Paulo, porém, a prefeitura nomeou de forma discreta a filha de Eduardo, Maria Eduarda Campos, na gestão Geraldo Julio (PSB). No Diário Oficial do último dia 4 (imagem acima) ela foi nomeada como gerente de Zoneamento Especial do Instituto Pelópidas Silveira, com data retroativa ao dia 1º de fevereiro de 2016.

Com informações JC Online

Um Comentário

  • Sempre Atento

    18 de fevereiro de 2016 at 18:39

    Queria ver se fosse filho de João,Maria, pedro que mora lá periferia se teria este prestigio pra colocar dois filhos em altos cargo de confiança no poder público,Agora o pobre se quiser tem que estudar até ficar doido pra entrar no poder público,mas como são filhos de uma pessoa conhecida nos meios políticos a facilidade é grande,e ainda tem pessoas aplaudindo o sucesso deles,nas custas do dinheiro da nação pro resto de suas vidas,enquanto EU,VOCÊ e seus FILHOS tem que acordar de madrugada pra tirar o sustento do pão de cada dia e pagar impostos pra eles encherem seus bolsos.

    Responder

Deixe uma resposta