Acusados de matar as jovens Taiane e Bruna serão ouvidos nesta quinta

(Foto: Reprodução)

(Foto: Reprodução)

Está marcado para esta quinta-feira (08), às 08h, a Audiência de Instrução e Julgamento de Lucas Conceição Santos, 38 anos, e Lindolfo Nunes da Silva, 40 anos, ambos acusados de matar  Taiane Rocha e Bruna Torres, de 19 anos. As jovens foram encontradas nuas e amarradas as próprias roupas, em setembro deste ano, no Distrito Industrial em Petrolina (PE).

O caso será julgado pela 2ª Vara Criminal de Petrolina, onde terá como juiz o magistrado Everaldo Cícero Ferreira. A audiência não será aberta ao público, nem terá acesso da imprensa. A promotora à frente do caso será Rosane Moreira Cavalcanti. Há a possibilidade do julgamento não terminar nesta quinta.

Manifestação:

A família de Taiane e Bruna irá realizar manifestação durante o julgamento, a partir das 08h. Os familiares pedem que os réus peguem pena máxima na audiência de amanhã. 

Sobre o caso:

As duas jovens de 19 anos foram mortas no dia 05 de setembro deste ano,  no Distrito Industrial de Petrolina (PE). As jovens trabalhavam em uma empresa nas redondezas e desapareceram por volta das 06h30.

Os corpos foram encontradas pelo tio de uma das vítimas, com as mãos e os pés amarrados. Além de lesões provocadas por arma branca na altura do pescoço. Segundo a perícia, Taiane foi morta com uma perfuração e Bruna com três, todas no pescoço

Lucas Conceição Santos e Lindolfo Nunes da Silva foram presos na mesma semana do crime, no dia 08 de setembro. De acordo com Lucas, as duas amigas foram mortas porque reconheceram Lindolfo durante uma tentativa de assalto.

Deixe uma resposta