Advogados protestam no Centro do Recife contra Reforma da Previdência

Manifesto contou com apoio da OAB. (Foto: Rafael Furtado/Folha de Pernambuco)

Um grupo de pessoas participaram de um protesto na tarde deste domingo (18), no Cais da Alfândega, Centro do Recife, contra a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 287, que trata da reforma da Previdência.

A manifestação, que aconteceu também em outras 18 cidades brasileiras, foi encabeçada pelo Instituto Brasileiro de Direito Previdencialista (IBDP) junto com o Instituto dos Advogados Previdencialistas (IAP) e contou com o apoio da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

“Nós acreditamos que o Brasil precisa fazer uma reforma na Previdência, mas essa proposta colocada aí está suprimindo direitos constitucionais e não permitirá que os trabalhadores se aposentem”, afirmou o advogado coordenador do (IBDP), Elizeu Leite, que apontou três itens da reforma como inaceitáveis: a fixação da idade mínima de 65 anos; aposentadoria integral apenas com 49 anos de contribuição; e aposentadoria rural após 65 anos.

“A gente está se organizando para apresentar uma contra-proposta com o objetivo de abrir uma discussão, porque do jeito que essa reforma está, o Brasil terá a pior Previdência do Mundo”, reclamou.

Já o advogado Almir Reis lembra que Pernambuco conta com algumas cidades em que a expectativa de vida é menor que 65 anos. “Nessas cidades, como Joaquim Nabuco, as pessoas não conseguirão se aposentar. Dificilmente o trabalhador rural de lá conseguirá trabalhar até poder tirar sua aposentadoria”, reclama.

Fonte FolhaPE

Deixe uma resposta