Anatel quer ouvir governo e sociedade sobre franquia para internet fixa

celular aplicativo

A proibição vale por tempo indeterminado, até que a Anatel tome uma decisão sobre o assunto. Foto: arquivo

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) vai pedir contribuições a diversas entidades do governo e da sociedade civil sobre a possibilidade de as prestadoras de internet estabelecerem uma franquia de dados para o serviço de banda larga fixa. Também serão realizadas reuniões públicas com especialistas para debater o assunto.

As medidas foram aprovadas nesta quarta (8) pelo Conselho Diretor da agência, em circuito deliberativo. A proposta foi do conselheiro relator da matéria, Otavio Luiz Rodrigues Junior.

Por determinação da Anatel, as prestadoras com mais de 50 mil assinantes estão proibidas de reduzir a velocidade de transmissão de dados, suspender o serviço ou cobrar tráfego excedente após o esgotamento da franquia de banda larga fixa, ainda que essas medidas estejam previstas no contrato ou plano. A proibição vale por tempo indeterminado, até que a Anatel tome uma decisão sobre o assunto

Com informações de Jc Online

Deixe uma resposta