Apac alerta para baixa umidade do ar esta semana no Sertão

De acordo com o Apac, a umidade relativa chegou a 11% em Ouricuri neste domingo (9); também foram registrados índices inferiores a 20% em Serra Talhada (12%), Ibimirim (15%), Petrolina (17%) e Arcoverde (19%).

De acordo com o Apac, a umidade relativa chegou a 11% em Ouricuri neste domingo (9); também foram registrados índices inferiores a 20% em Serra Talhada (12%), Ibimirim (15%), Petrolina (17%) e Arcoverde (19%)./ Imagem ilustrativa 

A Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) lançou um alerta, nesta segunda-feira (10), para a baixa umidade relativa do ar em grande parte do Sertão do Estado. O alerta, válido até quarta-feira (12), aponta que a umidade deve permanecer com valores abaixo de 20% e com temperaturas acima de 37°C no período da tarde.

O alerta desta segunda-feira trata especialmente das microrregiões do Sertão do São Francisco, Sertão do Pajeú, Sertão Central, Sertão de Itaparica, Sertão do Moxotó e Sertão do Araripe, nos próximos dois dias.

De acordo com o Apac, a umidade relativa chegou a 11% em Ouricuri neste domingo (9); também foram registrados índices inferiores a 20% em Serra Talhada (12%), Ibimirim (15%), Petrolina (17%) e Arcoverde (19%).

Cuidados

Quando a umidade relativa do ar fica entre 20% e 30%, a população deve evitar exercícios físicos ao ar livre entre 11h e 15h; umidificar o ambiente; tentar permanecer em locais protegidos do sol ou com vegetação; e consumir água.

Já quando fica entre 12% e 20%, as pessoas não devem fazer exercício ao ar livre entre 10h e 16h; além de evitar aglomerações em ambientes fechados e usar soro fisiológico para olhos e narinas. Também é necessário seguir as recomendações anteriores.

Se a umidade ficar abaixo de 12%, todas as atividades ao ar livre devem ser interrompidas – como aulas de educação física, coleta de lixo e entrega de correspondências. Também devem ser suspensas atividades que envolvam aglomerações de pessoas em ambientes fechados, inclusive em salas de aula e cinema, no período das 10h às 16h. Todas as outras recomendações também são válidas.

Problemas por conta da baixa umidade

Segundo a Apac, a baixa umidade pode causar vários problemas de saúde, como complicações alérgicas e respiratórias devido ao ressecamento de mucosas e sangramento pelo nariz. Além disso, pode causar ressecamento da pele, irritação dos olhos, eletricidade estática nas pessoas e em equipamentos eletrônicos e aumento do potencial de incêndios em pastagens e florestas.

Com informações de Folha de Pernambuco

Deixe uma resposta