Após nova perícia, IML libera corpo de Adriano Nóbrega para enterro

Caso a família opte pela cremação do corpo, será necessária uma autorização judicial.(Foto: Internet)

O corpo do ex-capitão Adriano da Nóbrega foi liberado pelo IML (Instituto Médico Legal) do Rio de Janeiro para a família após ser submetido nesta quinta-feira (20) a nova perícia.

LEIA TAMBÉM

Após nova perícia, IML libera corpo de Adriano Nóbrega para enterro

Médicos legistas da família do ex-PM, da Polícia Civil do Rio de Janeiro e dos Ministérios Públicos fluminense e baiano participaram da nova análise no corpo de Adriano. Foram cerca de quatro horas e meia de trabalho.

Até as 14h desta sexta-feira (21), a família ainda não havia retirado o corpo de Adriano do IML para sepultamento. Caso opte pela cremação, será necessária uma autorização judicial.

O ex-PM foi morto há 12 dias numa operação policial na Bahia. Foragido desde janeiro de 2019, ele foi localizado em Esplanada (BA) e, segundo a Secretaria de Segurança Pública, resistiu à prisão. A família, contudo, suspeita de uma “queima de arquivo”, tese reforçada pelo presidente Jair Bolsonaro e sua família.

A nova perícia foi solicitada após a revista Veja mostrar imagens do corpo do ex-capitão e indicar indícios de que ele foi morto com tiros disparados a curta distância.

O médico legista Talvane de Moraes, que foi a convite de um perito contratado pelos parentes do ex-PM, afirmou que não viu, inicialmente, marcas de tortura. Ele disse, contudo, que não participou de toda a análise e que um resultado final depende de exames laboratoriais complementares.

Deixe uma resposta