Após reajuste nas refinarias, preço do gás de cozinha em Petrolina pode chegar a R$ 66

(Foto: Ilustração)

O anúncio do reajuste de 8,5% no preço do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) nas refinarias, foi feito na última segunda-feira (05), uma elevação de R$1,97 no preço do gás de cozinha, que nas refinarias passou de R$ 23,10 para R$ 25,07.

De acordo com o Sindicato das Revendedoras de Gás de Pernambuco, no estado, o preço do gás de cozinha deve ficar entre R$70 e R$75. Em Petrolina (PE), o reajuste nas revendedoras ainda é tímido. Por telefone, nossa produção fez uma breve pesquisa e constatou que algumas empresas começaram a fazer o reajuste ontem (07).

LEIA TAMBÉM:

Preço do gás de cozinha pode chegar a R$ 75 em Pernambuco

Pelo menos cinco das dez distribuidoras consultadas já reajustaram o preço do gás de cozinha, nestas o valor passou de R$ 60 para R$63. E mesmo antes do aumento nas refinarias, já tinha revendedora na cidade vendo o gás a R$ 65.

Alvino Souza, gerente de uma distribuidora em Petrolina, acredita que o preço do gás de cozinha vai variar muito, já que o reajuste fica a critério das revendedoras. “O valor do gás de cozinha está flutuando, nós ainda não fizemos o reajuste, mas acredito que o valor vai variar entre R$60 e R$66”, afirmou.

A Petrobras passou a reajustar o preço do gás trimestralmente em janeiro deste ano, esta é a segunda alta do gás de cozinha no ano.  Em janeiro e abril a estatal reduziu o preço, mas em julho e agora voltou a subir. Desta vez, a justificativa foi a desvalorização do real frente ao dólar e as elevações nas cotações internacionais do GLP, segundo comunicado da Petrobras.

Deixe uma resposta