Assassinato de Beatriz faz vereador pedir agilidade do Estado sobre o crime

Alvorlane Cruz

Vereador Alvorlane Cruz

As cobranças da sociedade petrolinense para que o morte da garota Beatriz Angélica Mota, de 7 anos, assassinada na última quinta-feira, 10, durante aula da saudade e festa de conclusão do ano letivo da Escola Nossa Senhora Auxiliadora, seja elucidada o mais rápido possível e os culpados punidos na forma da Lei, foram reforçadas pelo vereador Alvorlande Cruz (PRTB). O edil informou que vai enviar ofício ao governador Paulo Câmara (PSB), solicitando apoio urgente e reforço policial para que o crime seja esclarecido o quanto antes.

“Farei isso já na segunda-feira, dia 14. Como pai de quatro filhas, como homem público e como cidadão, irmanado com toda a nossa cidade que está chocada com tamanha brutalidade contra a menina Beatriz, vou exigir sim esse reforço do governador Paulo Câmara. Estamos extremamente tristes e preocupados. A nossa polícia precisa de reforço e urgente”, justificou Alvorlande.

O parlamentar diz ainda que vai solicitar a ampliação do sistema de monitoramento com câmeras em vias públicas da cidade, para inibir as ações de marginas no município, para ele famílias estão sofrendo barbarizadas com o ocorrido. “O Vale, Pernambuco e o Brasil estão sentindo e sofrendo, juntamente com os pais e familiares da criança. Nossa população está assustada”, enfatizou.

Petrolina registra mais de 130 homicídios em 2015, entre as vítimas, três crianças que foram assassinadas covardemente.

Deixe uma resposta