Associação de Mães e Amigos do Itaberaba convoca sociedade para ajudar desabrigados após chuvas em Juazeiro

itaberabadesabrigados 2

A chuva que caiu durante boa parte de sexta-feira, 22, trouxe alegria para uns e tristezas para outros, os agricultores que almejavam pela providência divina por meio de carros pipas do céu, comemoram, mas por outro lado os moradores do Bairro Itaberaba em Juazeiro (BA), tiveram que sair as pressas de suas casas para sobreviverem à enxurrada de ontem e estão tristes.

De acordo com relatos de moradores, por medo de ser levada pela forte correnteza provocada pelas águas da chuva, uma senhora subiu em uma árvore e permaneceu no local por cerca de três horas  à espera de ajuda da Defesa Civil, como também do Corpo de Bombeiros, que chegaram na Itaberaba horas depois.

Moradores afirmam que embora o bairro exista há mais de 10 anos à prefeitura não tem acompanhado e feito mudanças na infraestrutura daquela comunidade adequadamente, prova isso, é que bastou chover para 80% do bairro Itaberaba ficar completamente alagado.

De forma solidaria a Associação de Mães e Amigos do Bairro Itaberaba (AMABI), localizada na Rua Duque de Caxias está ajudando na locomoção dos desabrigados, até agora 13 famílias estão alojadas na Escola Municipal Teresinha, e mais dezenas de pessoas estão na Escola José Pereira, na Avenida São Francisco e na sede da AMABI.

Desabrigados 1 Itaberaba

A presidente da Associação de Mães, Rita Diniz, diz que a Defesa Civil bem como servidores municipais estão realizando uma ação conjunta com a AMABI para recolher donativos e alimentos para os desabrigados, “ a nossa intenção é que todas as famílias sejam abrigadas em locais seguros e para isso contamos com o apoio da sociedade civil organizada e da gestão municipal que já nos enviou algumas sextas básicas para o povo, esperamos que mais pessoas se unam a esse gesto de solidariedade e ajuda aos desabrigados de nossa comunidade”, destacou Rita.

As doações de roupas e alimentos para os desabrigados do bairro Itaberaba podem ser feitas na Escola José Pereira, na Avenida São Francisco, como também na sede da AMABI, localizada na Rua Duque de Caxias, ou ligar para (74)9 8813-3186.

Deixe uma resposta