Barragem de Serro Azul levará o nome de Eduardo Campos

eduardo-campos1

Em fase final de construção, a Barragem de Serro Azul, em Palmares, na Mata Sul, deverá homenagear o ex-governador Eduardo Campos. Na última sessão, a Assembleia Legislativa aprovou, em Primeira Discussão, o Projeto de Lei nº 962/2016, que dá à represa o nome do político, morto em 2014.

Autor da proposição, o vice-líder do Governo, deputado Lucas Ramos (PSB), definiu a obra como “uma aliada na criação de um novo polo de desenvolvimento na região”. Ele também enalteceu o papel do ex-governador no desenvolvimento de ações voltadas à segurança hídrica no Estado.

“Os pés no presente e a visão no futuro foram as marcas da gestão de Eduardo Campos”, destacou Ramos, em seu discurso. “Ele entendeu que universalizar o acesso à água é fundamental para garantir o desenvolvimento sustentável. Sabia que o avanço social acompanharia o avanço econômico”, afirmou.

O parlamentar analisou que a conclusão de Serro Azul deve “servir de alívio” para a Barragem de Jucazinho, em Surubim, no Agreste, que abastece 11 cidades da região e secou completamente no final do mês passado.

“Tendo em vista a proximidade do término dessa obra, a maior na área de estrutura hídrica deste Governo, é mais do que merecido que a Casa de Todos os Pernambucanos preste reconhecimento a Eduardo Campos”, apontou.

Homenagens – Morto em agosto de 2014, em acidente aéreo durante a campanha para presidente da República, o ex-governador Eduardo Campos dá nome a 11 equipamentos e órgãos públicos geridos pelo Estado de Pernambuco. Desde seu falecimento, por força de leis estaduais, o político é homenageado em três trechos de rodovias, duas escolas técnicas, duas adutoras, entre outros.

 

Deixe uma resposta