Bloco “Quem disse que a gente não vinha?” alerta para violência contra mulher em Petrolina

(Foto: Divulgação/PMP)

O Carnaval é tempo de festa, mas pode ser também, a ocasião perfeita para chamar a atenção da sociedades sobre assuntos importantes, como o combate à violência contra mulher. Há onze anos, o bloco “Quem disse que a gente não vinha?” cumpre esse papel em Petrolina. O evento ocorrerá neste sábado (22) e terá concentração na Praça da Catedral, às 17h.

O bloco será animado pela Orquestra de Frevo do Bolinha, e durante a folia, serão distribuídos materiais educativos sobre os tipos de violência contra mulher e como denunciar. “É um bloco feito por mulheres, para mulheres. Uma união que resulta em força e empoderamento. É uma preocupação da atual gestão municipal desenvolver políticas públicas de enfrentamento a esta problemática, e temos tido êxito”, constata a secretária da Juventude, Direitos Humanos, Mulher e Acessibilidade, Bruna Ruana.

Em Petrolina, os casos de violência contra a mulher podem ser denunciados através dos telefones da Delegacia da Mulher – 3866-6625; Centro de Referência de Atendimento à Mulher (CEAM) – 3867-3516; Patrulha da Mulher – 153; ou ainda pelo  0800 2818187 e também pelo número 180.

Deixe uma resposta